Sou tímido e gostaria de superar isso

21

Leitor: sou tímido e me incomodo com isso porque isso me atrapalha a me relacionar com as mulheres. Existe um jeito de parar de ser assim?

timidez1 (1)

Eu acredito que cada um nasce com uma “linha de caráter” por assim dizer e, essa linha pode até ser mudada, mas nunca totalmente. A mudança dependerá de pequenas (e grandes práticas) que dependerão única e exclusivamente de você. Sugiro que você leia o que tenho a dizer a respeito e pense se realmente vale a pena mudar.

Certamente você tem um motivo para ser como é e, esse motivo provavelmente é a insegurança. Tenho reparado que, na maioria das vezes, os tímidos temem algo do tipo falar besteira, falar “o certo na hora errada”, ou até mesmo não ser tão agradável o quanto gostariam. O que acontece é que ninguém é totalmente agradável e, quanto mais você se importa em ser o “super legal”, mais chato você tende a ficar, já que isso teria tudo pra soar forçado e, consequentemente, você teria grandes chances de perder parte do seu charme. Assim, as coisas ficariam muito premeditadas e tudo poderia ir por água abaixo – até porque a sensação de desconforto costuma ser contagiosa e pode passar de você para a parceira, coisa que não seria nada legal. Sem contar que, provavelmente, você se sentiria um boneco automatizado que dificilmente seria capaz de falar meia dúzia de palavras sem antes pensar mil vezes em cada uma delas – e aí haja forçação de barra, né?

É nesse pensar demais que tudo pode se esfarelar e você pode acabar perdendo o seu diferencial, o seu “eu particular”. Timidez tira e não tira o charme de ninguém. Tudo vai depender da mulher que você buscar: há mulheres que não gostam de homens tímidos, falam que eles nunca tem o que dizer e que parecem viver com medo, porém, há tantas outras que acham que esse é o melhor tipo de homem pra se envolver porque tendem a ser mais na deles e isso soa a mais fidelidade e a menos assanhamento (sem contar a cumplicidade que eles tendem a passar, etc). Com isso quero dizer que você pode se animar e pensar que, se você não é o tipo certo de uma mulher, certamente será o tipo certo da outra.

Eu poderia até falar pra você beber um pouco e relaxar, mas ai pensei: você pode até fazer isso para salvar um primeiro momento e te fazer criar mais intimidade com ela, porém, é sempre bom lembrar que você não ficará bêbado ou “alto” pra sempre e que essa tática serviria apenas para desenrolar o começo da história (já que não dá para beber sempre que for encontrá-la, certo?!). Sem contar que é sempre bom tomar cuidado para não fingir demais: já pensou você fazer um esforço danado a ponto de parecer outra pessoa e descobrir que ela não gostou de você justamente porque acreditou que você era bem o que tanto fingiu ser (tal como um falador, por exemplo)? ia ser irônico – para não dizer terrível – né? Não que seria bom perder alguém que não tenha gostado do que você é de fato, porém, certamente doeria menos perder por ter sido quem você é do que por ter sido outra pessoa. Maneire na mudança! Sem contar o esforço danado que pode ser desnecessário…

Seguir julgamentos pré-estabelecidos muitas vezes por nós mesmos pode até ser algo muito comum, mas que nem por isso deixa de ser perigoso. Pensar coisas do tipo “vou tentar ser mais saidinho porque a mulherada gosta de homem assim” ou então “vou ser mais cavalheiro porque assim conquistaria mais mulheres” pode ser um tiro no próprio pé. Primeiro porque não é toda mulher que gosta de homem “saidinho”, que quer ser o simpaticão do grupo, e depois que não é toda mulher que gosta de fato dos cavalheiros (ainda que dificilmente admitam, muitas falam que gostam mas é só pra fazer de bobo mesmo), e por aí vai.

Assim, você sempre pode ter vantagens e/ou desvantagens a respeito da sua timidez e, a sua sorte ou azar estaria mais nas “mãos da mulher da vez” do que na sua (o que você acha que ela gosta não necessariamente é o que ela gosta de fato!). Então, você pode até mudar a sua timidez por ela TE incomodar, mas não pense que se livrar dela te garantiria muito mais do que uma satisfação pessoal. O amor da sua vida pode gostar de você justamente por você ser como é e, se você mudasse esse seu jeitinho poderia muito bem correr o risco de não ser mais tão atraente pra ela. Lembre-se também que hoje em dia a mulherada chega mesmo. Se não é descaradamente, elas constantemente dão um jeitinho de chegar mais perto de você – seja com um sorriso, alguns olhares, etc. Então, não se responsabilize tanto.

Já ouviu nosso podcast especial timidez ? Lá tem eu mais alguns convidados debatendo sobre o tema!

E o post com dicas para superar a timidez? Recomendo ambos!

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.