Namorar uma garota de programa?

79

Leitor: Namorei uma menina por 2 anos, e ela sempre se fez passar por uma pessoa e na verdade é outra, desde então passados os tempos ela ainda me procura para voltar com ela, mais acredito que ela não largou aquela vida de Programa, gosto dela mais tenho medo dela fazer tudo de novo, ultimamente não tenho desejado outras mulheres tbm até broxo na hora de fazer com outras mulheres eae o que vc me fala?

Situação complicada essa sua, heim?! Tudo bem que, mesmo que a pessoa se faça de certinha, todo mundo já mentiu pelo menos uma vez na vida. Se todo mundo já mentiu e infelizmente não temos como escapar desse defeito o humano, o problema acaba sendo quando a mentira é rotineira ou quando o grau dela começa a ser tão elevado que não dá mais para perdoar. Na minha opinião, uma coisa é mentir que não comeu o chocolate da dispensa e outra é mentir por dois anos que não é garota de programa (ou omitir, que para mim dá na mesma em casos como esse). Nada contra as garotas de programa, mas acho importante uma pessoa dizer que trabalha nisso, até porque cá pra nós, não é uma profissão que qualquer um aceitaria e quem trabalha no meio sabe disso.

Acredito que você tem que pensar muito bem o quanto gosta dela, se o seu caso é amor mesmo ou puro tesão. Se você realmente a ama dá para pensar em dar uma segunda chance, até porque vai que você conclui que pior do que ser enganado é ficar sem ela? Porém, te aconselho não dar essa chance acreditando cegamente que ela mudará 100%, ou seja,você até pode dar a chance, mas não se assuste caso ela não mude: em casos assim, esteja sempre preparado para descobrir o que você não gostaria de ter descoberto, e isso se aplica inclusive às mulheres “comuns”. Naturalmente que você não entraria novamente em uma relação para ficar encucado e neurótico, certo? Assim, te aconselho a no caso de perdoar viver a vida “numa boa”, sem esperar nenhum milagre. Se não der certo, parta para outra e não insista mais no mesmo erro. Lembre-se que  errar uma vez é humano, duas é burrice!

Mesmo que atualmente você chegue a broxar com outras, não quer dizer que isso acontecerá sempre. Às vezes você só não está preparado para um novo relacionamento, o que também não quer dizer que você tenha que voltar com a ex por conta disso. Experimente ficar um pouco sozinho, refletir bem o quanto você a ama/deseja e o quanto está disposto a passar por cima dos preconceitos (porque infelizmente isso será algo que você sabe que terá que passar). Também vale a pena pensar se para você é tranquilo dividir a sua mulher com outros, ou se é pelo menos suportável pensar que ela vive/viveu essa vida não tão bem aceita socialmente.

Por fim, uma outra sugestão que te dou é, caso perceba que não dá para ficar sem ela e caso ao mesmo tempo você  também não saiba se vale a pena namorá-la, quem sabe não valha a pena “ficar” com ela?! Sim, ainda que pareça coisa de adolescente, essa não deixa de ser uma saída bastante útil para casos como esse. Você pode inclusive ficar com ela um tempo às escondidas, sem que o seu grupo social que a discrimina saiba. Assim, você terá um pouco de sossego para refletir, ao mesmo tempo em que terá a chance de tentar perceber se ela realmente merece uma segunda chance.

Boa sorte!!

Ps: Você que nos lê já namorou com uma GP e gostaria de dar uma entrevista para o blog, mesmo que anonimamente? Mande email para [email protected]    

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.