Quando a coisa ficou real, o namoro não aguentou.

13
Leitor: Eu conheci uma menina que morava nos EUA e veio visitar uma amiga dela, quando nós nos conhecemos ficamos juntos o tempo em que ela esteve aqui na minha cidade, foi algo bem legal, bem diferente. Quando ela retornou aos EUA nós continuamos conversando o sentimento entre nós foi aumentando e começamos a namorar, pela internet mesmo. Ai conversa vai conversa vem ela resolveu se mudar para o Brasil, e eu resolvi ir para a mesma cidade dela para ficarmos juntos. Passamos um bom tempo juntos, ela me apresentou a família e estava-mos numa boa, quando resolvi vir para minha cidade de volta por problemas familiares. Quando eu cheguei na minha cidade, uns 2 dias depois ela veio com uma historia que já não sabia se gostava mais de mim, que era melhor a gente terminar pra não me fazer sofrer, mas foi muito estranho pois ela não me passava esse sentimento de não estar afim mais, de não querer mais nada, tanto eu quanto meus amigos achamos estranho isso. Ela veio com o papo que queria ser minha amiga, que eu mudei a vida dela, que ela não queria me perder pois eu fui uma peça muito importante na vida dela, ajudando por exemplo ela voltar para o Brasil, só que agora ela nem fala comigo direito. Não sei o que eu faço, se eu corro atrás, se eu deixo ela no gelo, não sei qual é a melhor saída pois eu gosto dela, muito por sinal, não consigo esquece-la e essa dela me ignorar está me fazendo muito mal. Não sei se luto ou se desisto. Qual é o melhor a se fazer? Já tentei conversar com ela, mas ela vem sempre com o mesmo papo. Vinha, poque agora ela malemá fala comigo.


              Ao ler a sua pergunta, a primeira impressão que tive é que talvez ela tenha fantasiado muito a relação e, quando enfim o romance passou para o dia a dia real, ela percebeu que não era bem isso que ela queria, ou até mesmo que esperava. Namorar à distância é sempre complicado, não apenas pelos fatores lógicos que todo mundo já sabe (tal como falta de toque, de proximidade etc), como também pelo fato de que, estando à distancia, também fica muito mais fácil fantasiar a outra parte, que seria a parte romântica. Quando estamos longe da pessoa amada e, quando (quase) nunca compartilhamos um dia a dia real, não raramente acabamos por não ter muito parâmetro sobre o que pensar e, é justamente nessa hora que começamos a criar uma pessoa que nem sempre existe! Assim, é bem possível que ela tenha fantasiando características suas, bem como situações que ela acabou não  encontrando no plano real. Ela pode por exemplo ter pensado que no dia a dia o sentimento seria mais intenso, ou que você seria de um jeito que na verdade você não é (o que não significa um jeito melhor ou pior, mas sim diferente do que o que ela idealizava para ela), e por aí vai.
             Acredito que houve idealização demais de ambas as partes e, se tal como você mesmo disse, ela não demonstrou não gostar de você, te sugiro “decair na posição” para ver se com o tempo você volta a ser o personagem principal novamente. Que tal voltar a ser ficante dela? Chamá-la para sair como quem não quer nada, trocar uns beijos, ir ao cinema, não ficar naquela ligação todo dia para ela se sentir mais livre e, quem sabe sentir saudades. Ir com aquela calma dos primeiros encontros pode ser uma boa opção para quem está passando por uma situação como a sua. Seja legal, converse, não fique choramingando o passado de vocês, tente recomeçar do zero, de forma a dar uma chance para que vocês se conheçam novamente porque, ao que parece, vocês ficaram tanto com a imagem “à distância” criada na cabeça, que acabaram se estranhando no plano real. Tente mostrar como você é fora da internet, tal como homem real, que trabalha, estuda, etc, convide-a para conhecer esse novo homem porque, pelo o que você falou, ela conheceu muito mais o da internet do que o do dia a dia e, isso com certeza pode ter ajudado na “decepção”. Digo isso porque conheci muitas pessoas que fantasiaram muito com o parceiro no virtual, pensando que ele teria mil e uma qualidades que elas tanto procuravam, sendo que a grande maioria viu a pessoa pouca ou nenhuma vez na vida real – o que já é de se esperar que poderia acabar em fiasco. A imaginação não tem limites, mas a vida real tem, assim, leve em conta a primeira parte para poder reconstruir a segunda.
             No entanto, se ela se recusar inclusive a ser sua ficante, sinto muito mas tudo indicaria ela não está muito afim mesmo. Se mesmo ela recusando essa situação descompromissada é porque certamente ela acharia que nem essa perda de tempo vale a pena ter contigo: uma coisa é ela recusar um namoro sério, outra coisa é ela não querer nem ser ficante. Se a situação chegar a esse ponto, aí sim você, bem como os seus amigos terão provas o suficiente para dizer que ela não gosta tanto assim de você. Na minha concepção, quem está minimamente apaixonado e, desde que o outro não tenha feito nenhuma besteira, tal como trair, mentir e coisas afins, acaba topando no mínimo um relacionamento sem compromisso para tentar resgatar a relação
            Por fim, se ela continuar te levando nesse papo de que só quer ser sua amiga, tente levar isso um pouco ao pé da letra porque, ou isso significa literalmente o que quer dizer, ou pode significar que ela está te enrolando, te colocando no famoso banho Maria e, acredito que nenhuma dessas duas alternativas seriam rentáveis para você, certo?!

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.