Meu marido está de saco cheio de mim!

19

Leitora: Estou precisando de uma ajuda, meu casamento de 7 anos está bem complicado. Espero que possa me ajudar. Meu marido está bem cansado do meu jeito, ele não me aceita, tento mudar, ser mais legal, inteligente, agradável, porque ele diz que eu não sou agradável. Mas parece que nada adianta, se ele faz uma pergunta e eu estou assistindo um filme e só balanço a cabeça, já é o fim, diz que eu não mudo e que sou ruim, que eu não evoluo, não saio do lugar etc… Enfim, sinto que ele só vê defeitos em mim e sempre que brigamos ou algo assim, ele quer se separar e manda eu ir de volta para a cidade daonde eu vim. Estamos morando em ******, ele já estava aqui e agora depois de 1 ano eu vim com minha filha, mas eu larguei meu trabalho, vendi meu carro e estou sem trabalho até agora, isso ajudou ele a ficar pior, diz que eu quero que ele me sustente, etc… Não posso mudar para lá com uma mão na frente outra atrás e com nossa filha de 5 anos. O que eu faço, está bem estranha nossa relação, ele diz que me ama mas não quer viver com uma pessoa como eu e que eu tenho que mudar, e agora ele está estudando e vive pegando no meu pé, sei que está certo, mas eu não sou nenhuma analfabeta ou burra e ele sabe disso, percebo que ele não me valoriza mais, como era antes de voltarmos a morar juntos de novo.

Meu marido está de saco cheio de mim

Amiga, você não acha que está faltando ele te admirar mais não? Porque assim, eu entendi que você não é analfabeta e nem burra, e mesmo ele também sabendo disso, será que ele não quer um “tcham” a mais? Convenhamos que ter esses atributos é algo mínimo para viver na nossa sociedade. Sendo assim, acho que o que está te faltando é um diferencial, porque o básico a grande maioria da população já tem. O primeiro erro que você fez foi largar o emprego e nunca mais pegá-lo de volta, porque isso faz com que o seu marido não só te admire menos, tal como ele mesmo deu a entender ao falar que você quer que ele te sustente, como também faz com que, mesmo que inconscientemente, ele fique se achando ainda mais ao pensar que, tal como você mesma disse, você não tem para onde ir (e assim está com a vida nas mãos dele?). No fim, ele acaba pensando que você não largaria dele porque não tem condições, o que sabe-se lá se não deixa ele confiante ao ponto de te dar uma pisadinha básica. Sei que falar assim parece coisa de ser humano ruim, mas convenhamos que todos nós temos os nossos diabinhos, e aí entra aquela frase que diz “quer saber quem é uma pessoa? Dê poder a ela!!”. Pois é, você deu poder pra ele e agora ele tá se achando a última bolacha do pacote. Tudo bem que ficar desempregada é algo que eu concordo com ele que não é legal, porém, isso não significa que ele tenha que te humilhar e é justamente aí que você tem que tentar reparar nele. Digo isso porque as vezes ele fala que você não muda e não sai do lugar não para te diminuir, mas sim para ver se te dá um choque de realidade pra você acordar e se tocar que assim não dá, entende? Já que pelo visto você está bem acomodada e até mesmo com preguiça de mudar.

Você fala que não pode voltar para a sua cidade com uma mão na frente e outra atrás, mas parece que você não usa isso como pretexto para mudar para melhor, mas sim para ficar como está! Atitudes como essa acabam tendo muito mais chances de virarem um peso, e até mesmo causarem pena nele, do que aumentar amor. Você não vai querer que ele sinta pena, mas sim alegria em ter você com ele, né? Então pense nisso antes que seja tarde demais. No fim, não sei se ele te destrata por achar que você só funcionaria à base de terapia de choque (rsrs) ou por abuso de poder ao ter tudo sob o controle dele, mas acredito que nessa hora pouco importa, porque o fundamental é você começar a mudar a sua vida, e agora!

Não sei os motivos que te fez largar o emprego, não sei se foi a sua filha ou o que mais, mas você já pensou em voltar a ter pelo menos uma fonte de renda? Se você tem que cuidar da criança, você não precisa sair de casa, você pode por exemplo fazer uns doces para vender, algum trabalho manual ou algo que te dê pelo menos um dinheiro simbólico para que você não precise ficar dependendo tanto dele. Tomar essa atitude não só fará ele pegar menos no seu pé, como elevará a sua autoestima, e consequentemente aumentará as chances de ele voltar a ter uma admiração maior por você. Você já parou para pensar que na hora que ele briga contigo porque você só balançou a cabeça não foi bem por esse fato em si, mas sim por um acúmulo que está acontecendo na cabeça dele e que por já estar no limite qualquer coisa ele estoura? Não veja as reações dele apenas como atos isolados, pense que ele está chateado e querendo que você se mova, e nisso qualquer menor deslize acaba sendo um pretexto para ele dizer tudo o que está entalado na garganta. Por outro lado, se você começar a se coçar um pouco, automaticamente ele tenderá a ficar mais tranquilo, você ficará mais segura, a relação de vocês mais equilibrada, o respeito mútuo será maior e finalizará com menos brigas.

Um dos alimentos do amor é a admiração, então se ele está perdendo a admiração por você, é um sinal de alerta para dar um jeito nisso aí. Não adianta ficar só atrás dele tentando ser legal, porque pelo o que deu para entender ele quer algo a mais de você que não está em palavras, mas sim em atitudes. Fora o seu problema com emprego, ele ainda por cima voltou a estudar, ou seja, na cabeça dele ele pode estar se sentindo cada vez mais distanciado de você, do tipo “eu trabalho, estudo, e ela não evolui”, sendo compreensível pensar que quando a gente cresce, queremos que o nosso parceiro cresça também. Não se contente apenas em não ser burra, na verdade, nunca se contente. Estamos nessa vida para crescermos cada vez mais e não para estagnar. Assim, se você tem estudo, ótimo, então vá procurar por um aperfeiçoamento, se você tem ótimo, e pode ir então procurar um emprego melhor, e assim por diante. Os degraus da vida nunca terminam, só quando a gente morre, então enquanto você estiver viva, você não só pode como deve buscar ser uma pessoa melhor nas mais diversas áreas possíveis.

Quer ser feliz no casamento?? Nunca dependa totalmente do seu parceiro. No amor tudo deve parecer uma escolha e não uma necessidade, entende? Eu no seu lugar procuraria um emprego rapidinho, e não só isso, eu também daria  um trato na minha autoestima, coisa que pelo visto também está te faltando (quando der, leia nossa postagem com Dicas para elevar a autoestima), porque nisso mesmo se o seu marido não te quiser, você pelo menos terá para onde correr e estará mais segura consigo mesma ao saber que você é capaz de fazer mais da sua vida. Lembre-se que ele tem que ficar contigo por amor e admiração e não porque “você não tem para onde correr”. Se você quer tentar resgatar o amor dele, comece a cuidar um pouco mais da sua vida, a fazer coisas para você e para a casa a ponto de ele sentir que tem uma parceira com ele, e não uma pessoa que suga as energias dele. Sem contar que independência é um charme para qualquer pessoa: quem é que não quer uma mulher que faz e acontece? Esse negócio de só ser dona de casa e ainda que seja um trabalho árduo, muita gente não admira. O seu marido mesmo parece não valorizar – pelo menos não o suficiente – o que provavelmente você faz pela casa (se você não trabalha e é casada, deduzo então que você é dona de casa). Ele quer que você trabalhe: se é assim, vamos trabalhar, não só porque ele quer, mas porque isso te fará se sentir melhor e se sentir mais dona do seu próprio nariz, pois infelizmente nesse mundo capitalista só é dono da própria vida quem tem dinheiro para se sustentar.

Já pensou que delícia você ir comprar uma roupinha para a sua filha com o seu dinheiro? Ou ir fazer um lanche da tarde sem precisar ficar dando satisfação “do dinheiro dos outros?” Bom demais, né?!! Sem contar que esse tipo de independência faz muito homem ficar com medo de perder a mulher, já que agora você teria cada vez mais atributos positivos e vai que o vizinho também começa a reparar nisso? rsrs. Sabe como é ser humano: se há garantias demais, fica se achando, agora se há um “q” de dúvida onde a pessoa sabe que você está com ela por opção e não por necessidade, a tendência é ela se coçar cada vez mais para que você continue mantendo a preferência rsrs. Isso é igual empresa que até então é líder no mercado e que só começa a se coçar de verdade quando vê que uma concorrente vai começar a vender produtos melhores do que os dela rsrs.

Bora cuidar da própria vida, mostrar para esse homem que ele não é a última bolacha do pacote e que você ainda é capaz de surpreendê-lo positivamente? Depois que você chegar onde quer, será muito bom ver ele pagando as suas contas por pura gentileza e porque ele tem vontade, e não porque não tem escolha. Nisso quem sabe não rola até uns presentinhos fora de data? (adorooo!!). Se depois desse esforço nada disso der certo, pense que pelo menos você terá para onde ir e estará com a autoestima muito melhor do que está agora, pode acreditar. Imagina que delícia dar a volta por cima?!

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.