Traí meu marido, fui difamada e agora quero ele de volta!

58

Leitora: Oi. estou passando por uma fase muito complicada na minha vida, estou casada há 8 anos e traí meu marido, nunca tinha traído antes, mas quando fui trair escolhi a pessoa errada, fui difamada, perdi meu marido, minha dignidade, tudo que eu tinha.

Gostaria de ajuda pq amo muito meu ex marido e queria muito voltar pra ele não sei como , mas de uma coisa eu sei, ele ainda me ama e não voltou por conta da família dele, temos duas filhas e éramos felizes, sempre fui uma boa esposa e ele um bom marido, nã sei o que houve, não entendo tamanha burrice… beijos me ajude, dê sua opinião…

Traí meu marido e agora quero ele de volta

Você está arrependida mesmo, ou só se arrependeu porque ele descobriu? Não sou ninguém para te julgar, mas sabemos que muita gente não se arrepende da traição em si, mas sim por ter sido pego. De qualquer forma, acho importante você pensar se realmente o amava tanto assim, ou se você apenas gostava e agora está sofrendo mais pela dor da perda de uma vida confortável e cômoda do que por qualquer outra coisa. Digo isso porque, independente do amor, 8 anos de casamento que acabam bruscamente mexem com a cabeça e com a rotina de qualquer um. Justamente por isso é bom ver se não há uma confusão de sentimentos na qual não raramente confundimos a dor do ego e da solidão com a dor do amor. Saber o quanto você gosta dele servirá de termômetro para saber se você dará a cara a tapa ou não, porque convenhamos, para tê-lo de volta, você terá que passar pelo seu orgulho, pela vergonha que você está sentindo, bem como dar possíveis satisfações e até mesmo encarar a família dele (nem que seja para dar bom dia enquanto estiver com o amado rsrs). Então, para saber se o esforço da reconquista vale os obstáculos a serem ultrapassados, o termômetro será o seu sentimento por ele.

“Ah mas eu amo meu marido, não é só costume ou comodismo!!”. Ok, se você o ama de verdade e está realmente arrependida, acredito que agora vale aquela porca frase que diz “o que é um peido para quem já está cagado” rsrs? Sei que essa frase não é muito poética, mas como ainda não encontrei nenhuma que expresse melhor o que quero dizer, vai essa mesmo kkkk. Assim, se você já está em maus lençóis e ama esse homem, dizer o que sente e correr atrás para se desculpar resultará em duas hipóteses: ou te deixará na mesma, ou melhorará a sua situação. Ou seja, no caso de quem ama, é muito a ganhar e pouco a perder, né?

As pessoas costumam falar “seja homem” e eu te digo “seja mulher”!!! Agora que você vacilou e optou por tê-lo de volta, coragem minha amiga. Fale para ele que você errou sim, que você traiu sim, mas que está arrependida. Você inclusive pode perguntar se ele nunca te traiu e é claro que não sabemos se ele te responderá a verdade, porém, não custa perguntar. Como hoje em dia a fidelidade virou artigo de luxo, vai que ele também já te traiu e nisso você joga um verde, ele cai no maduro e você descobre que ele também não é perfeito no quesito fidelidade? rsrs. Seria engraçado se não fosse trágico, né? Bem, se ele já tiver te traído e apesar do vacilo duplicado, o bom disso tudo é que aí pelo menos vocês ficam quites e fica mais fácil na hora da “negociação do perdão”. Tudo bem que isso seria literalmente cutucar ferida, mas aí fica de lição para você (ou ambos, no caso de ele também ter vacilado) pensar mil vezes antes de se render aos prazeres da carne, porque como você pode ver, o preço para degustar essa carne sai mais caro do que comer hamburguer de célula tronco (alguém viu essa notícia? Fiquei horrorizada com o preço kkk). O lado ruim é que como a nossa sociedade ainda é bastante machista, para a grande maioria das pessoas é muito mais fácil perdoar traição masculina do que feminina (mas calma que do jeito que a mulherada está traindo já já traição feminina cai na normalidade também, e não estou querendo brincar com coisa séria!). Eu sei que é mais fácil querer que as pessoas nos perdoem do que a gente dar o perdão, mas aí entra uma boa questão de auto crítica que muitas vezes falta na gente.

Por fim, saiba que tomar a atitude de assumir o seu erro, bem como pedir perdão, não te garantirão ele de volta, mas servirá para aliviar a sua mente e saber que, apesar do prejuízo, você tentou correr atrás do que julga ser o certo. Pode ser que ele não te perdoe nunca mais na vida, mas pelo menos você tentou. Sei que dá vergonha mostrar a cara nessas horas e que tudo o que a gente mais quer é se esconder pela burrice (como você mesma disse kk), mas nisso te resta criar coragem ou perder esse homem, e a decisão sobre isso virá do que te doer menos. Quanto à família dele, não se preocupe, se mesmo depois da traição ele ainda te amar e ainda que não seja fácil, vocês podem resolver isso juntos, nem que vocês mudem de cidade por um tempo ou conversem com a família dele sobre isso. Só tenha em mente que um homem aceitar chifre é algo que pesa muito no ego deles. Em casos como esse em que a traição foi escancarada, para eles é como se eles tivessem vergonha de todo saber que eles são os grandes chifrudos da parada, e isso pega mais do que a traição em si (que claro que também doi). Ainda mais se ele for metido a “macho alfa”. De acordo com muitos homens, é diferente ser corno e só ele saber e ser corno e a família toda saber por motivos lógicos e porque ainda que as pessoas gostem de dizer que “não devem explicação para ninguém”, no fundo todas se importam com o que os outros pensam sobre elas. É amiga, está achando que sujar a vida é que nem usar Omo Multi Ação que lavou tá novo? Não é não, agora é assumir o erro, amadurecer e bola para frente.

Já leu o texto “Traição feminina está na moda?”

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.