SUS vai oferecer teste de HIV via oral!

2

SUS fará teste de HIV via oral!

Em 2014 o Sistema único de Saúde (SUS) passará a oferecer uma nova forma para detectar se o paciente tem ou não o vírus HIV. Já existiam testes rápidos em estabelecimentos como os CTA (centros de testagem e aconselhamento) através de coletas de sangue, porém, dessa vez o teste rápido será realizado de forma diferente: através do seu fluído oral!

O objetivo é oferecer diagnósticos para a população através das campanhas do Fique Sabendo, nos serviços de saúde que atendem às populações vulneráveis e nas farmácias da rede pública. O fluído do teste oral é extraído da gengiva e da mucosa da bochecha do paciente com o auxílio de uma haste coletora e o resultado sai muito rápido: em cerca de meia hora.

Inicialmente, o teste será usado a partir de março de 2014 por quarenta (40) organizações não governamentais (ONGs) parceiras do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, do Ministério da Saúde. Depois e ao que tudo indica será no segundo semestre, o diagnóstico rápido será oferecido na rede do SUS.

Na primeira etapa, homens que fazem sexo com homens, profissionais do sexo, travestis, transexuais, usuários de drogas, pessoas privadas de liberdade e moradores de rua terão prioridade para realizar o teste. O kit para realizá-lo está sendo produzido pelo laboratório Bio-Manguinhos/Fiocruz.

Antes de fazer o teste é pedido que o paciente tome algumas precauções:

– Evite ingerir alimento ou bebida, evite fumar ou inalar qualquer substância. Não escove os dentes e nem use antisséptico bucal nos 30 minutos anteriores.

– Retire o batom e evite atividade oral que deixe resíduo.

O Ministério da Saúde também divulgou a aprovação do novo Manual Técnico para Diagnóstico da Infecção pelo HIV em Adultos e Crianças, que complementa os procedimentos para os testes de HIV no país. Este documento traz a possibilidade, caso seja necessário, de confirmação do diagnóstico com um segundo teste, também rápido, que permite a redução do tempo de entrega do resultado ao paciente.

***************************************************************

Eu sinceramente gostaria de entender por que as pessoas têm tanto medo de realizar o teste para saber se ela tem HIV. Veja bem, se você tem, nada irá mudar isso, porém, se você souber a tempo, as chances de você controlar a doença aumentam consideravelmente. Sempre é melhor saber do que não saber, não só para você não passar para outras pessoas, como também para ter um maior sucesso no tratamento e na sua qualidade de vida. Sabe como é, quando a gente descobre tarde demais, é sempre muito pior.

Se você transou nem que seja apenas uma vez na vida sem camisinha, ou se fez sexo oral sem proteção, recomendo muito que faça o teste. Não pense que só porque a pessoa que você transou “tem cara de saudável ou teve poucos parceiros” é porque ela não tem nada. Sem contar que o exame é gratuito, então bora fazer que não temos nada a perder! Ah, aproveite e leve o seu parceiro junto!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Acompanhe dúvidas através do Youtube - Pergunte a uma Mulher - ou agende sua consultoria particular através do e-mail [email protected]