Como convencê-la de que terminar o casamento é a pior escolha?

23

Leitor: Tenho 29 anos e minha esposa 23, temos um relacionamento de quase 5 anos (3 anos casados). Minha esposa disse para mim que nunca conseguiu me amar, por conta de uma desilusão amorosa do passado, ela disse que tentou de todas as formas mais não sente nada por mim. Estou confuso, nosso relacionamento sempre foi intenso, temos uma família linda e não posso acreditar que ela vai jogar tudo fora por conta do passado. Ela afirmou que não irá atrás de outro homem e que ela mesma não entende e gostaria que a situação fosse diferente, mesmo assim ela não muda de decisão. Tenho certeza que ela está confusa e vai cometer o maior erro da vida dela, como faço para reverter ou ajudar ela? Como podemos continuar nossa família?

Como evitar que ela me deixe?

Relacionamento intenso para você, né? Porque para ela, ela já falou com todas as letras que está mais frio do que picolé na Antártida! Ela já falou que nunca te amou, o que mais você quer?! Eu sei que é duro ouvir isso de quem a gente ama, e que por amor, muitas vezes a gente passa por cima do próprio orgulho só para não perdermos o ser amado e por pensarmos que a dor da perda seria pior do que esse tipo de humilhação, porém, cuidado para não virar mosca de tanto que você se rebaixa, sabe?

Como assim você acha que ela vai cometer o maior erro da vida dela se ela te largar? Com base no quê você pode afirmar isso de uma pessoa que já te disse a pior coisa que você poderia ouvir e que já deixou claro que a situação está perdida? Meu amigo, ela já está contigo há 5 anos e nunca te amou! Se ela largar esse casamento, vai ser um favor que ela fará a ela mesma e a você também. Tudo bem que vocês têm uma família linda (suponho então que tenham filhos), mas vamos ser sinceros, sem amor, isso vale de algo? Posso estar sendo romântica ao dizer que o amor é fundamental, mas sim, ele é fundamental! Quando a gente tem filhos, às vezes a gente tem medo de se separar e eles sofrerem, mas nisso eu também penso se eles não sofreriam mais ainda caso vissem os pais brigando, ou com um olhar frio um para o outro, com aquela cara de quem não está feliz. As crianças são mais espertas do que a gente imagina e elas também percebem muitas coisas! Não é só ter um pai e uma mãe, é ter interação e amor entre eles! Sem contar que, se cada um tem a sua cruz, talvez a de vocês seja essa: viver bem e feliz em uma família fragmentada. Sei que o ideal é uma família estilo comercial de margarina, mas infelizmente essa sorte não é para todos, porém, ser feliz é uma opção sempre!! Não importa o lugar e como está a sua vida: você sempre tem o direito de buscar a sua felicidade, e isso não pode depender 100%  de outras pessoas, até porque, como você já deve ter percebido, elas nos surpreendem e não dá para contar com garantias de algo que nem elas podem nos dar! Vide a sua esposa que, ainda que queira, simplesmente nao consegue gostar de verdade de você.

De qualquer forma, se você realmente acredita que ela irá se arrepender se terminar com tudo, então por que você está com tanto medo de deixar ela te largar? Teoricamente, se ela se arrepender ela vai acabar te procurando e nisso só vai depender de você aceitá-la ou não!! Sabe aquela frase que diz que o que a gente ama a gente tem que deixar livre, que se voltar é porque realmente era nosso, e se não voltar é porque nunca tivemos? Pois é, deixe ela livre! Por agora ela está precisando respirar novos ares, ver o que a vida tem a oferecer a ela, para aí sim ver se o que ela tem em casa é realmente melhor ou não! No momento esse pensamento de liberdade está tão forte na cabeça dela que a única solução parece ser deixá-la viver essa experiência, e acredite: se você ficar estorvando, aí sim que ela não vai voltar nunca! Ninguém gosta de gente que se faz de coitado, ou que força. Você acha a família linda e acha que vocês têm que ficar juntos, mas ela não acha, e aí?! Se você forçar uma situação que ela não quer, você só vai conseguir pena, jamais amor.

Você deve ser um cara legal, um bom marido, um bom pai, enfim, uma pessoa tudo de bom que ela adoraria amar, mas ela não ama! E amor é algo que não tem como a gente forçar porque senão dá besteira, entende? Não acredito que ela não te ame só por causa de um trauma passado, isso é só uma desculpa. Quando a gente ama, a gente ama e não tem como controlar e pensar racionalmente sobre isso. Se a gente não consegue mais se entregar para esse sentimento, não é bem porque o trauma passado foi grande, mas sim porque a pessoa atual não deu aquele clique suficiente ao ponto de a gente ver estrelinhas novamente, entende? Isso quer dizer que você é pouca coisa? É claro que não! Mas quer dizer que você e ela não estão se batendo no momento, o que nada impede de você encontrar alguém lá na frente muito melhor do que ela. Tá, para quem ama é difícil acreditar nessa última parte, mas acredite!

Vou te contar uma coisa: há muitos anos atrás eu tive uma decepção amorosa com um cara que agiu como se eu fosse pouco para ele e como se nunca tivesse gostado de mim. Inclusive, do jeito que ele falou, parecia que ele ficava comigo por caridade, sabe? Quando eu fiquei sabendo disso doeu muito, nossa, como doeu! Eu me senti um lixo, a pessoa menos atraente do mundo, a prêmio encalhada do ano! Pois bem, o tempo se passou, eu amadureci e sabe o que aconteceu? Eu acabei conhecendo pessoas muito melhores do que ele, mil a zero mesmo, e que, ao contrário dele, me achavam a última bolacha do pacote!!! Na hora da perda às vezes a gente se sente a pior pessoa do mundo, mas nada como o tempo para nos mostrar que se não fosse um acontecimento trágico passado, a gente não seria o que somos hoje, entende?

É triste, mas às vezes a gente precisa admitir que perdeu para vencer lá na frente!

Aconselho a leitura do post com Dicas para reconquistar

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.