Namoro uma garota de programa, mas agora já não aceito mais a profissão dela!

115

Leitor: Namoro uma GP há 3 meses. Conheci ela na noite, eu paguei para fazer sexo com ela, acabamos gostando um do outro e fomos saindo cada vez mais até se tornar um relacionamento sério… Não sentia ciúmes no começo, mas agora estou ficando revoltado cada vez que ela me fala que vai sair com um cliente… Mas por outro lado acho legal a sinceridade dela comigo… Não sei o que fazer, minha família não sabe… Mas já viram a foto dela no meu facebook e todo mundo está contra o meu namoro… Não sei o q fazer!!

Namoro com uma prostituta

Como assim ficaram contra o seu namoro se nem sabem que ela é GP e só viram a foto dela? Essa parte ficou mal contada, mas de qualquer forma, como você mesmo disse, não só ela foi sincera, como você conheceu ela na profissão. Sendo assim, por que você teria o direito de ficar com raiva? Querendo ou não, você sempre soube onde estava se metendo e pelo o que posso ver ela nunca te prometeu nada. Nunca te disse que “ia sair da vida”, ou que “iria ficar só com você”, então, concorda que se ela largasse a vida seria lucro, mas não pode ser algo que você pode contar? Convenhamos que, em geral, apenas dois tipos de homens costumam ter vocação para namorar uma garota de programa sem sofrer danos psicológicos como você está sofrendo: 1- os extremamente liberais e desapegados, 2- homens que têm fetiche de saber que a mulher transa com outros. Ao que tudo indica, você não se enquadra em nenhum dos dois casos.

De duas uma: ou você está se apaixonando por ela, ou bateu o seu orgulho “de macho” e por isso agora você está querendo marcar território. Em qualquer um dos casos, cá para nós que, se você já aceitou ela no “bem bom”, por que ela iria querer mudar se sabe que pode ter você + o emprego, que pelo jeito não a incomoda nem um pouco? Como disse, você não tem o direito de ficar com raiva, porém, você tem o direito de optar por ficar ou não com ela, e se for ficar: aceite como ela é.

Tudo bem que vale a tentativa – que por sinal eu aconselho – de tentar conversar com ela e quem sabe convencê-la de que seria legal ela mudar de vida: por exemplo, você pode dizer que antes não rolava tanto apego quanto hoje em dia, e que justamente por isso a profissão dela está começando a te incomodar, etc. Porém, isso é apenas uma tentativa e não é bom contar muito com isso: primeiro porque ela tem que mudar quando ela achar que faz sentido, segundo porque já ouvi muito caso de GP falando que iria largar a vida, mas na prática não largou e na melhor das hipóteses acabou voltando mais tarde. É claro que há casos de mulheres que foram garotas de programa e nunca mais voltaram, mas quando isso ocorre, geralmente é por livre espontânea vontade delas, não porque o parceiro pediu: algumas viraram religiosas, outras se apaixonaram de um jeito que se sentem traindo o marido em caso de continuar com os programas, e outras tantas alegam “ter encontrado um emprego melhor”. Porém, é como disse: você pode tentar, mas não pode esperar que a cabeça do outro haja em concordância e coerência com a sua. Converse, explique o seu lado e sinta se vale a pena ficar com ela ou se, quem sabe, vocês têm tanto a ver quanto “cadeira e abacate”. Se ela disser coisas como “não dá para largar a profissão agora” ou até mesmo que ela gosta de fazer o que faz, aí senta e chora meu amigo, porque você não tem muito mais o que fazer além de aceitar ou simplesmente largar dela. O que não dá é viver infeliz se sentindo obrigado a engolir algo que não faz parte da sua ideologia de vida. E isso vale tanto para você, quanto para ela e não adianta tentar forçar a corda para nenhum dos dois lados.

Se durante a conversa você perceber que não conseguirá o que quer, não brigue, não abaixe o nível. Simplesmente mude de vida. Ou vocês chegam a um acordo comum a fim de que ninguém saia ferido, ou abandone a batalha e cada um com as duas dores, pois antes sangrar e cicatrizar com o tempo (em caso de você ver que o problema não teria solução) do que ficar remexendo ferida que você sabe que não terá cura tão cedo.

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Zumnupy

    Só completando aquilo que a Lu disse.

    Tem um terceiro tipo de homem que topa relacionamentos com GPs: Aqueles que não pegam ninguém e que tem poucas opções para relacionamentos.

    Porque não é compreensível que havendo mais de 3 bilhões de mulheres no mundo. O cara queira justamente uma garota de programa para se relacionar.

    Nada pessoal contra mulheres que desempenham essas profissão. E nem contra a profissão em si.

    Mas manter relacionamento sério não dá.

    • Mas Zumnupy, será que não rola também um pouco de fetiche em namorar uma GP?

      • Afilhado do Temer

        tem fetiche não,
        é carência de não pegar ninguém mesmo.

    • Bianca Herr

      Voces tem que aprender a separar o fato de VENDER prazer de TRAIR. São coisas completamente diferentes.
      Uma garota de programa vende prazer. Ela não está traindo ou fazendo alguém de corno “vivendo na sacanagem” como li em muitos comentários aqui.
      Está certo que o homem se preocupa com o que vão falar sobre o relacionamento, acho que isso pesa mais do que o trabalho dela em si.
      O meu conselho é: se existe afeto por uma GP, tente separar trabalho de relação afetiva. Uma coisa não tem nada a ver com a outra.

      • Diego Dias

        Você coloca fantasia acima da sua realidade.

        Você é como alguém que diz que uma pessoa irá tomar tiros de metralhadora na cabeça, e irá criar super poderes.

        Suas afirmações só existem na sua mente. Suas afirmações são ilusões.

      • Afilhado do Temer

        LARGA DE SER MALUCA PORRA.
        KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK.
        só pode ser GP,
        ou mulher de MICHÊ.
        KKKKKKKKKKKKKKKKK

      • mariana cobra

        Trabalho? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk cof cof cof ai meu coração kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
        Não tenho mais idade pra rir demais não moça!

        • bicha má kkkkkkkkkkk

        • No_Name

          Mais digno que muitos “trabalhos” por aí.

          • Mariana Cobra

            Trabalho tão invejado que será dos seus filhos e vc vai colar na traseira do seu veículo “UFZV (Universidade Fed. da Zona Velha).

      • Belmiro Oliveira

        Eu quero uma esposa prostituta discreta, eu sou apaixonado,, sei que é a mulher completa, e eu quero amar ela. [email protected]

    • No_Name

      É o meu caso… Vim nesse site pesquisando isso, GP para namorar. E vou aceitar isso porque tô a vida inteira sozinho e acho que ninguém merece isso.

      • Mariana Cobra

        Agora entendi pq vc acha esse trabalho digno.
        Daqui uns 2 anos volte aqui e me diga oq a sociedade acha disso e oq vc vai sentir qdo ela estiver atendendo os clientes, ou qdo um amigo seu se “consultar ” com ela.

        • ROBERTO

          Acho que é uma opção que a própria mulher terá que conviver para o resto da vida , envolve muito sua própria consciência, pq a opinião alheia não vale de nada e não paga as contas de ninguém , mas terá de medir se vale pro futuro uma vez que é uma carreira que acaba cedo e envolve muita energia negativa , supondo que ela queira ter uma familia ou filhos no futuro saberá que um dia foi trocou seu corpo por dinheiro e sua honra pela facilidade mas isso é uma decisão dela !

          • Mariana Cobra

            Sim e todas decisões levamos para a vida. Contudo, viver do corpo (pra mim) só trás coisas negativas e quando vc diz “a opinião alheia não vale de nada e não paga as contas de ninguém” está esquecendo que vivemos em sociedade e esquecendo que se ela tiver filhos, estes serão marginalizados pela comunidade.

            A opinião alheia não conta até determinado ponto, senão, viveríamos isolados de tudo e todos.

          • Ana

            Prostitutas são mulheres marginalizadas e famintas onde 80% delas não se encontram em zonas de luxo cobrando 300 e sim nas ruas fazendo programas por 30 reais. Pare de culpabilizar prostitutas que são mulheres frágeis que precisam de um emprego. Você é mulher também e objetificada até de burca.

          • Mariana Cobra

            Ai meus ovulos! Acho q eu atraio comentaristas que não sabem ler!
            Vai falar esse seu discurso pra dona Maria que pega 3 conduções por dia pra trabalhar como serviços gerais, ganhar salário mínimo e ainda sustentar 3 filhos.
            Como disse em N comentários, quase tudo na vida são escolhas, tem gente que prefere viver a margem do que pegar o cabo da enxada.

  • Romulo

    nao consigo visualizar mais meu comentário, ele foi excluído ou e erro aqui mesmo luiza

    • Oi Romulo! Eu raramente apago algo kkk

      mas não sou eu que modero os comentários na maior parte do tempo. Geralmente eles são apagados só se tiver algum spam, xingamento, falta de respeito ou só propaganda. Você fez alguma dessas 4 coisas? Se não, duvido que apagariam e pode ter sido erro do Disqus mesmo!

      • Romulo

        ah sim coloquei um link de uma pagina que da dicas para homens, deve ter sido isso entao, rsrs mas tudo bem, abs 😉

  • Rodrigo

    Cara namorar GP nao rola, aproveita, se diverte e cai fora.
    Imagina a mulher da sua vida ja ter saído com seus amigos, ou você em restaurante ja casado com ela e passa um cliente dela e a ve e comenta com os amigos….

    Tem coisa que parece ser bom, parece que vai funcionar mas nao vai.

    • Change,o cãozinho do Photoshop

      Se ele gosta dela, ele passa por isso!
      “se diverte e cai fora” é o tipo de frase machista idiota! Não sei se você percebeu, mas o cara tá gostando da mina e você colocar ela como puta (não no sentido de profissional, mas no de objeto) não ajuda em nada.

      • Nessas horas eu penso que as vezes o cara não namora muito a GP mais pelos amigos do que por ele mesmo. É o que dizem: o medo maior do homem não é nem bem ser corno ou namorar rodada, mas sim todo mundo saber disso. Vai entender isso de colocar os outros acima da felicidade deles!

        • Cachaceiro

          não Lu, não é bem assim, esse tipo de frase: “o medo maior do homem não é nem bem ser corno ou namorar rodada, mas sim todo mundo saber disso”, essa frase soa muito mais como uma defensiva para o que as mulheres que levam a vida de forma moderna na sacanagem diz, como se fosse um bullying e extremamente rídiculo um homem não querer viver com alguem que ele sabe que não ter a consciência tranquila.
          o que acontece é que nós homens, suportar isso é o mesmo do que nos anularmos como homem seja moralmente na sociedade, como também sentimentalmente, como um homem pode se sentir bem, se a mulher que ele escolheu pra ter uma relação séria, gosta de viver ou viveu a vida passando de “órgão em órgão” masculino?
          Sinceramente, não dar, acho que vcs mulheres deveriam ser assim, poxa pleno século 21, as mulheres ainda querem ficar com o cara que pega todas pensando em mudá-lo, esse filme já é velho e sinceramente não vejo mais como falta de auto-estima, vejo que é realmente o que a maioria das mulheres gostam, seja ela rodadaça, seja ela uma moça exemplar de familia, é triste mas a maioria gosta disso, já nós homens não, dói no coração sentirmos que não somos único e também não somos capazes de sermos o “homem” para nossa mulher, nos sentimos inferiores senão atingirmos esse parâmetro.
          Não vou dizer que é feio um homem amar uma mulher desse tipo, mas acho que em todo amor, ou melhor, toda relação, deve haver uma condição, se é que me entende, porque esta okay, o cara dar chance pra uma mulher desse comportamento, ela tem que saber o que realmente quer pra vida, pq maioria das vezes, mesmo que seja muito bem feito, vejo puladas de cerca delas, inclusive já vivenciei isso com uma mulher assim, claro, não foi no posto de corno kkkkkkkkk, mas é como muitos falam mesmo, mulher assim gosta de emoção, e no meu caso não foi nem porque o cara que estendeu a mão a ela era ruim de cama, foi pra ela sair da rotina mesmo, a vida a dois pra ela tava tediosa.
          Eu não condeno a mulher que vive na sacanagem e nem o homem que estende a mão pra ela, mas se vier me pedir conselho logo digo “cai fora que é cilada”, pois de nada vale viver amor com tormentos na consciência.
          esse lance de homem aturar isso, ser o capitão salva puta, soa mais como submissão mesmo desses contos eróticos de corno manso que tem na internet kkkkkkkkkkkkk, é coisa pro cara que acha que não vai arrumar uma melhor que o respeite.

          • Isso quem fala não sou eu! São os próprios homens! Inclusive aqui pelo blog. Eles se preocupam muito com os outros saberem, muito mais do que com o chifre em si. Isso é um fato que eles mesmos afirmam, não uma ironia de minha parte.

          • Zumnupy

            Eu acho que nenhuma mulher iria querer apresentar um mendigo como namorado para as amigas/família, certo ?

          • Cachaceiro

            não, não é muito bem assim Lu, os homens que afirmam isso, são esses homens como mencionei acima, homens fetichistas pornográficos que gostam de ver a mulher dando pra outro, esses sim gostam disso e tem medo da família o rejeitar e da sociedade o tratar como boiola enrustido, homem mesmo não tem essa preocupação de se preocupar mais com o que os outros vão pensar dele do que o próprio chifre na cabeça, homem tem sentimento amoroso e principalmente um orgulho sentimental, como falei antes, por dentro nos sentimos inferiorizados,como falei esse negócio de se preocupar com o que os outros pensam é o que menos importa, afinal chifre todos são sujeitos levar de alguem, agora, outra coisa é bancar o submisso incapaz de se reerguer e aturar coisas que vão contra seus próprios princípios por ter medo de ser taxado como moralista preconceituoso e botar nisso tudo (ou seja, essa condição) culpa no sentimento que o povo denomina “AMOR” , com a linda frase de que o amor supera tudo, kkkkkkkkkkkkkkkk, isso é bem bonito nos filmes fantasiosos de romance e comédia romântica, na série Malhação e novela das 9 da rede Globo, na vida real temos que ver que amor é mais do que simplesmente fazer por alguém acreditando que esse alguém um dia cairá em consciência de que somos o melhor pra ela e haverá retribuíção da parte dela, Amor é momento, é instante que se evolui, é dias e mais dias e assim vai até tornar-se uma história onde o casal jamais desejará ver o final.

          • Deb

            As pessoas não podem nem devem se sentir mal por terem tido um passado, toda gente tem bagagem. Se a pessoa se sente mal pelo passado do outro, ela que tem q resolver, o problema está na cabeça dela e não no outro. Um psicologo resolve!

            Eu tenho a certeza, que se fosse o contrário (homem com + mulheres), o homem não ligaria. É mais dificil pra gente esquecer o passado do outro, do q o nosso… mas com o nosso parceiro é igual: muito provavelmente, ele já esqueceu o seu passado, e nem lembra dos ex-parceiros.

            As pessoas precisam de APRENDER a lidar com isso, com a existência de um passado do outro. Não é algo q dê pra mudar, então o incomodado que se resolva. A mulher não é propriedade do homem para ter de ser unica e exclusivamente “dele”. Mulher não tem etiqueta colada em nenhum lugar.

            Nesse caso em especifico eu diria: Ele pode falar e explicar as coisas pra ela; se ela deixar a profissão (e ele tem de a ajudar a encontrar algo) tudo bem; se não deixar, ou ele aceita ou vai embora. Pronto.

          • Cachaceiro

            ué, se vc acha isso, o que tem demais nós não concordamor com isso e a mulher seguir a vida dela em frente com quem a aceite?
            não adianta tentar argumentar e chamar o homem de preconceituoso, homem não gosta de mulher de repletas histórias sexuais, agora vou te falar, não é a sociedade que ver o homem que come muita mulher como vitorioso, são as próprias mulheres, isso foi em épocas passadas, foi em minha adolêscencia na década passada e continua ainda hoje, isso faz parte da cultura competitiva da mulher, coitado dos pobres adolescentes e até mesmo adultos que se dedicam amorosamente a uma mulher que faz joguinhos emocionais com eles pensando que isso fará ela o ver como homem merecedor de seu amor, não garota, kkkkkkkk, falo garota pq já deduzo que vc seja mulher, não é bem assim, foi desnecessário vc vim argumentar que as pessoas tem q respeitar o passado, vc disse respeitar, respeitar sim, eu respeito, mas não foi bem isso que deu a entender, o que deu a entender é que vc disse que o homem é obrigado a aceitar pq todo mundo tem um passado, sim passado todos temos, mas como todos dizem por aqui: “somos capazes de compreender, mas isso não nos obriga a conviver com o que, ou com alguém ou com algo que não nos dar tranquilidade, paz e conforto espiritual.
            Portanto, concluindo e te dando uma alerta, faz, apronta, seja pegada por geral e no final vc verá que a sociedade, ou melhor os homens pensará sobre vc para se ter um compromisso visando futuro, se vc não liga, okay, vai lá e apronta, com tanto puxa saco carente de mulher que anda havendo por aí, vc terá seu perdão kkkkkkkkkkkkkkk, lembre-se, a vida é um aprendizado, mas o excelente aluno aprende simplesmente vendo o erro dos outros, ele não precisa pagar pra ver.

        • Zumnupy

          Não tem como manter relacionamento sério com alguém que vc sinta medo ou tenha vergonha de mostrar em público para os amigos e familiares.

          O lado social também pesa para se manter uma relação ou não.

        • ROBERTO

          tens razão mas é muito ruim saber que com qualquer 200 ou 300 reais um amigo teu vai estar se divertindo com a pessoa que voce ama .Podemos considerar o fato que que amigos não fazem isso mas entraria em uma discussão maior no sentido de que ele estaria usando um serviço disponível e dentro do que o cara aceitou entraria em uma ótica de que esta tudo certo quando na verdade seu amigo desfrutou de sua amada e que teoricamente os dois podem nem falar sobre o assunto .Creio não ser questão de machismo mas sim de amor ,a fidelidade nada mais é do que doar e ser doado e acredito que o amor verdadeiro se encaixe em mesmo tendo vontade no extinto animal do ser , o amor ser mais forte a ponto de te fazer vencer a vontade e pensar no que tem de mais bonito no mundo que é o amor verdadeiro reciproco .

  • Rogério Rossi Horochovski

    Acho que o cara deveria testar antes este lance. Será que ele esta tendo uma rotina de relacionamento mesmo? Tipo, esta saindo para jantar nos mesmo lugares que sempre frequentou? Esta levando a mulher nas reuniões com amigos? Parece-me que o cara não tem uma relação embora ache que tenha. E não falo de exclusividade na cama. Ele vai bancar esta saída dela, vai ajudar a arrumar outro trampo? Vai pedir que pare e que se vire? Sei lá, bem precária essa história.

  • Maquiavelica

    Eu acho praticamente impossível para um homem suportar essa situação. Não dá mesmo, a cabeça dele deve ficar a mil. Toda vez que ela vai “trabalhar’, o cara deve ficar pensando no que tá acontecendo. Credo, que tortura. E mesmo se a GP aceitar largar a profissão, vai ficar pra sempre a sombra desse passado na vida de vocês. Esse tipo de relação exige uma maturidade absurda.

  • Boa noite Luiza

    Que preconceito bobo, hoje em dia o que mais tem é “as
    famosas modelos”que na realidade são garotas de programas de luxo.

    Uma garota de programa é uma mulher igual a qual quer
    mulher, o único diferencial é a profissão qual escolheu,se isso pode ser
    chamado de trabalho.

    Enfim se não sabe lidar com esta situação termine,pois você
    irar fazer sofrer esta moça. Agradecendo por partilhar e sempre que quiser sinta
    a vontade para enviar-me seus posts e pare de ser preconceituoso,estamos num século
    onde esta ideia estar totalmente ultrapassada.

    Abraços sempre.

    ClaraSol.

    • Samuel

      Preconceito? Porque diabos toda mulher burra, na ausência de argumentação sólida chama de preconceituoso aquilo ou aquele que não pode confrontar verbalmente?
      Vá se phoder! Que poha é esta?

      E ainda vem com o papinho da modernidade, que estamos no século 30 e blábláblá …
      Sim, uma GP é como qualquer mulher, mas com mais mais esperma escorrendo de suas partes. Pra um cara que gosta do sabor …
      Uma pergunta, já que estamos no século mais moderno do pensamento relativista: Você que é totalmente desprovida de preconceitos, assumiria um mendigo banguela e cheio de vícios e tentaria á partir da relação com ele, o mudar, lhe arrumando os dentes, lhe dando teto e roupas e um emprego? Duvido.

      • Mika

        Samuel… Com todo o respeito, você merece um puxão de orelha!
        Pode discordar à vontade, argumentar, até ironizar, mas mostre que a mamãe lhe deu um mínimo de educação… rs.
        A liberdade de expressão é um dos pilares da democracia. Ninguém é burro apenas porque pensa diferente de você. Aliás, burra é a unanimidade!
        Muita gente que participa desse blog curte e apoia as coisas que você escreve, inclusive eu (tá bom, confesso que nem tudo…rs). E tenho certeza de que a Luiza concorda comigo de que sua participação enriquece (e aquece) as discussões, mas é imprescindível a tolerância e o respeito com quem pensa diferente de nós. Esse tipo de postura agressiva inibe a manifestação de novos participantes e, consequentemente, empobrece as discussões.
        Se acha difícil fazer isso pelo bem da democracia “bloguística”, tente fazer pela amiga Luiza.
        Abraços.

        • Samuel

          Realmente Mika, acho que me excedi na resposta. Peço desculpas, Ok?
          Puxão de orelhas anotado baby.

          • Mika

            ;-*

    • Luan

      Vou ser sincero: Prostituição é prostituição. Tem muita gente que defende e tal, mas qualquer pai e mãe que tivesse uma filha que virasse puta, tentaria tirar ela dessa porcaria ( se for pais descentes).Ex puta ex aquilo ex isso existe, mas falemos a verdade: A puta não é obrigada a ser puta. Ela é porque quer e se falar que por falta de opção, merece um troféu de estupidez e hipocrisia. Se fosse a falta de opção, não teria estagiária ganhando 400 reais para fazer a carreira, ou uma atendente do McDonalds que sofre pra juntar o dinheirinho. Então sem essa de fatalidades e coitadinhas e preconceito … Puta é puta e sabe que não terá respeito durante, e possivelmente depois que ela ficar velha e feia. Daí vai ser uma puta velha. Pode casar e ter filhos, mas a marca vai ficar lá, o dinheiro vai embora e os caras que fizeram tudo naquele corpinho não vão cumprimentá-las se topar num supermercado. Agora, ficar com uma puta e tirar ela dessa vida é assumir uma pessoa com personalidade que escolhe a depreciação, a exposição do corpo e a perda da exclusividade. De fato, é mercadoria estragada que uma hora vai dar defeito de novo.

  • Mika

    Eu já sou realista…
    Ele tem cacife pra tirá-la dessa vida?… Porque dificilmente uma mulher entra nessa vida por motivos outros que não seja $$$$. E mesmo que ela tenha escolhido essa profissão por gostar muito de sexo, acaba seduzida pelo volume de dinheiro que entra, mesmo que ele saia tão rápido quanto entrou.
    Outro aspecto a se considerar é que uma relação monogâmica acaba se tornando entediante depois de alguns anos e ela pode se sentir presa. Pra qualquer ser humano o casamento se torna “chato” depois de algum tempo, e é preciso reconstruí-lo sobre novas bases. No caso dela, será preciso muita força de vontade pra não recair, e isso vai depender do quanto ela quer sair dessa vida AGORA.
    Ela precisa achar que ele vale o esforço. Se for pobre, só se for daquelas paixões arrebatadoras que nos faz levitar… rs… coisa mais rara do que gato macho de três cores.
    Ele pode até ser milionário e maravilhoso na cama, mas não a tira dessa vida se ela não quiser. Ou melhor: Ela até sai ($$$$), mas não demora muito, mete chifre… e de graça.

    • Samuel

      Se eu tenho grana, porque diabos vou comprar o pior produto pra levar pra casa, se posso levar o melhor?
      Só um cara muito, mas muito burro mesmo pra fazer um negócio tão ruim como este, se pode fazer um excelente negócio escolhendo só um pouquinho melhor.
      Agora, esta sua afirmação de que ela precisa achar que ele vale o esforço, é o mesmo que afirmar que o lixo precisa me achar interessante pra querer ir pra minha lixeira. Puta inversão total.
      Uma mulher nestas condições tem o mesmo poder de barganha com um homem que tem o mínimo de vergonha na cara que um mendigo tem poder de compra numa loja da Ferrari. Zero vírgula zero. Tem quem aceite? Sim, os desesperados e ignorantes, os depravados e desiludidos.
      No mais, concordo contigo em cada ponto. Pra qualquer mulher rodada, e não apenas GP’s, uma relação monogâmica, com pouco tempo, vira uma cadeia sem direito á banho de sol.

      • Mika

        Finalmente conseguimos concordar em alguma coisa… rs.
        Uma mulher nessas condições tem mesmo pouquíssimo poder de barganha, mas fazer o quê se é o que o sujeito quer?! E foi baseada na afirmação do leitor que dei a minha opinião.
        Além do mais, ter dinheiro pode ampliar a gama de opções, mas não é garantia de melhor escolha. Temos inúmeros exemplos de fiascos na mídia, tanto de homens, quanto de mulheres… empresários, artistas, esportistas, políticos…

        • Samuel

          Concordo contigo Mika, mas não sei por que o espanto. Acho que é porque só replico teus comentários quando não concordo, mas este achei tão bacana que não resisti. Dinheiro não é garantia de nada, que o diga Eike Batista! Mas a falta dele … hahahaa

    • Thomaz Aquino

      Hummmm , cacife $$$$$$ palavra chave pra piranha…kkkkkkkkkkkkkkk , alias naõ precisa se grana pode ser vida boa , viajens , roupas , carro , mansão, restaurantes, e também pegada , se o cara não tiver ainda vai sustentar a cabra e outros vão mamar..kkkk por isso melhor coisa com piranha é o cara esperto , como a maioria que tem grana leva pra uma viagem , curte a viagem a mina de montão ,depois byby , baby by by..rsrs , agora tem uns besta que nem tem grana direito as vezes só da vida boa ,paga pau por muito tempo…e depois de um tempo ela chuta o mané…quem mandou confiar em piranha..?como sei disso..advinha..? mas as vezes as coitadas se tornam vitimas , o cara ilude até umas horas ..usa depois fica esperando o pé na bunda..e elas pensam que vão se sair bem , e acabam sem nada…

  • Luan

    Prostitutas são mulheres carentes, com inseguranças profundas e um estilo de vida masoquista.Vivem da própria exposição para conseguir dinheiro. Na tentativa de ameniza a pressão, se envolve com drogas,cocaína,heroína, etc. Sempre presentes e de fácil acesso, seja vinda da mão de clientes ou do círculo social onde elas estão inseridas. Risco de DSTs? imagina. Se envolver com ela significa ignorar todos os avisos de perigo em uma praia infestada de tubarões e mesmo assim ir nadar. Ela dá pra viver, ela escolheu isso, o fato de ser uma garota articulada só demostra o quão ciente ela é das consequências desse caminho.
    Acorda pra vida! O relacionamento entre vocês seria no mínimo injusto. Ela, com tudo a ganhar, necessidade e carências supridas. E você, tolhido e confuso num namoro onde todo o peso fica nas suas costas. Melhor dizendo, na sua cabeça. Sendo um pouco mais específico na sua testa.
    Quer comer, vai comendo.Quer mais, procure outra. Ou se torne você também um garoto de programa. Aí vão estar em pé de igualdade.

    • Samuel

      Clap clap!

    • Maquiavélica

      “Prostitutas são mulheres carentes, com inseguranças profundas e um estilo de vida masoquista.”
      Luan, você tem razão. Uma vez por um grande acaso, conheci uma GP sabe? Conversei com ela só uma vez, mas ela tinha um semblante tão infeliz! Aquela tristeza na alma que só se a gente olhar bem no fundo dos olhos de alguém que conseguimos ver. Ela era bem linda, e ganhava muita grana mesmo por isso. Mas ela mesma se via como um objeto e não tinha forças para sair do nível de vida que estava. Inevitavelmente, sinto tanta pena dessa pessoa até hoje, apesar de nem saber como ela está.

  • Samuel

    É fácil compreender que o mundo hoje está de pernas para o ar, principalmente no que diz respeito ao desenvolvimento masculino nas áreas emocional/comportamental.
    É compreensível que um homem busque mulheres de qualquer perfil para se envolver, seja com quais interesses forem, apenas sexo á uma relação mais completa.
    O que não consigo entender é como hoje, um sujeito com acesso á tanta informação, com chaces de buscar preparo para sua vida em qualquer idioma e cultura para qualquer área da sua vida, possa se submeter á uma situação ridícula por simples despreparo.
    Se envolver com uma GP para um homem é errado? Não, claro que não. nada o impede de o fazer. E neste caso, temos um cidadão que está envolvido com uma mulher que exerce a profissão mais velha do mundo, ou pelo menos dizem ser.
    O que seria errado então neste caso? Você criar um cenário psicológico e emocional dentro de uma relação que não é a ideal, e estando despreparado completamente para arcar com o ônus desta relação.
    Que homem, em sã consciência, poderia suportar o envolvimento com uma mulher que não lhe dá exclusividade, quando está buscando isto á partir do momento que se vê envolvido? Nenhum.
    Que há homens que buscam relação mais “” séria “” com GP’s, sim, há. Muitos, mas muitos mesmo. Buscam mulheres com um perfil sexual mais depravado. Mas posso afirmar que destes homens, poucos estão despreparados para esta relação.
    O caso deste sujeito, que em 03 meses já está apaixonado e envolvido emocionalmente com esta GP, só mostra o quanto está despreparado e desesperado por uma relação, mas a relação na qual se encontra, é completamente estéril, nada de bom pode vir disto.
    Este sujeito, caso insista em continuar com esta mulher, só terá seu suplício cada vez mais intensificado e o sofrimento emocional/psicológico aumentado á níveis insuportáveis, pois seu apego só tende á crescer, conflitando com sua natural necessidade de adequar este relacionamento morto á um padrão dentro da normalidade aceitável.
    Quer saber o que fazer, meu amigo? Descubra o que realmente quer pra si, com uma mulher que lhe dê este algo.
    Qual o homem que quer uma relação onde sua mulher, cada vez que volta para seus braços, tem em sua boca, vagina e ânus resquícios de fluídos de outros homens? Só um louco!!!

    • Só de passagem

      As paixões loucas por GPs não são novidades desses tempos, assim como a hipocrisia de algumas damas da sociedade. Esse cenário foi bem descrito por Balzac em 1840 em seu livro: Esplendores e Misérias das Cortesas. Existe a sensação de estar lendo um livro moderno: garotos de programa pegando coroas casadas, homens da alta sociedade se apaixonando por GPs, casamentos de mentira. Mas acho que a principal lição do livro é que por trás de uma GP há um coração… uma projeção, qualquer homem pode cair nesses encantos. E uma GP de fato se apaixonar e batalhar por sair dessa vida… mas como aparece no livro o caminho é longo e complicado.

  • Ricardão

    Esse tipo de relacionamento nunca dá certo ; se ela gosta-se de você já teria parado de fazer programa. Mesmo ganhando para fazer um programa , não deixa de ser traição . Melhor cair fora e arrumar uma mulher decente e de boa familia ; ou ficar sozinho mesmo . As vezes melhor só do que mal acompanhado.

    • Log 12

      Defina uma mulher decente. Muitas vezes não é tão fácil assim, simplesmente largar o que se faz pra ficar com uma pessoa. Será que ela realmente gosta de vc? Está disposta a ficar ao seu lado? Ela quer ficar realmente com vc ou simplesmente só te usar? Isso não é uma coisa que se decide em 1 dia ou 1 semana. Leva tempo…

      Aí no caso da GP, ganha um X abre mão disso e vai pra um emprego “digno” pra ficar com um cara e depois descobre que ele só queria comer ela. Que ele não estava disposto a ficar realmente com ela. E aí?

      A melhor maneira de se provar isso é ficando com a pessoa do jeito que ela é, até OS DOIS terem certeza de que querem um ao outro. E, aí sim, dá pra planejar algo como ela da noite.

      • Filho Da Dilma

        TU GOSTA DE SER CORNO MESMO,
        não tem jeito não,
        seja feliz assim então

        • Wana

          Grande Verdade. FATO.

          • Filho Da Dilma

            sim, ele gosta,
            ele acha q oq ele vive é amor,
            ele está carente.

  • Souza

    Esse fato é bastante comum. E nem sempre o homem escolhe se envolver com uma GP. Simplesmente acontece. Há pessoas legais em todos os lugares, assim com há pessoas ruins, egoístas. Acreditar que uma garota, por fazer programa, não pode amar e ser amada é muito egoísmo. E as pessoas, naturalmente, mudam de opinião, postura, gostos…enfim, crescem. O que não pode rolar é falta de lealdade. No caso em questão, o cara a conheceu como garota, onde ela trabalhava. Sabia exatamente onde estava entrando. Não foi iludido. Mesmo apaixonado, poderia escolher em não fazer parte da vida dela. Se decidiu ficar com ela, tem que aceitar esse fato na vida dela. Se a quer como garota de programa, tudo bem, saia com ela como tal. Ninguém sairá machucado. Agora, se for namoro, trate-a como mulher, como pessoa, que é o que no fundo ela é. É muito egoísmo pagar de namoradinho de uma garota, ainda que de programa, só para satisfazer o ego. Devemos ter muito cuidado ao nos relacionarmos com qualquer pessoa. Involuntariamente, vez ou outra, magoamos pessoas que amamos. Não acho, mesmo, justo envolver uma pessoa que vc sabe dos defeitos para depois usar isso a seu favor ou simplesmente por diversão. Não que ache que deva aceitar tudo sem expor sua opinião. Não é um fato glamouroso. Mas ela merece seu respeito. Se você pensar e agir como todos os outros, vai ser só mais um na multidão. Todos somos iguais na multidão, até ser especial pra alguém. Em tempo, namoro uma garota que faz programa. Não amo isso, mas não a julgo. Temos um plano de futuro, e conversamos sempre sobre o momento em que escolhemos para ela mudar de profissão, tão logo ela termine sua formação. Nesse momento da nossa vida, a lealdade é o mais importante. Vivam no mundo real e sejam felizes. Se não a quer como mulher, não a iluda. Não seja egoísta, Como já disseram abaixo tá cheio de mulheres por ai.

    • Tec Marc

      É verdade, e é fato coeso com conhecimento da causa em questão.

    • Web Carros Online

      Meu caro, que belo comentário!

      Nunca planejei namorar uma GP na minha vida, mas um belo dia simplesmente fui nesses nights clubs e acabei conhecendo uma mulher incrível. Muitos julgam de primeiro instante. “Ah… mas ela é uma puta, faz isso porque só pensa no dinheiro.” Verdade, o problema sempre é a porra do dinheiro!

      Mas independente do motivo, temos ali uma mulher, um ser humano, que possui sentimentos assim como qualquer outra mulher. Saí com ela uma, duas, três vezes… nunca me senti tão bem ao lado de uma mulher como me sentia ao lado dela.

      Mesmo pagando, nunca tratei ela como tal.

      Podia ver o brilho nos olhos dela. Sinceramente, já sai com outras mulheres que não eram garotas de programa. E digo, nenhuma delas me fizeram sentir o que ela me fez sentir!

      Talvez eu esteja viajando? Talvez… mas desde a primeira vez que tive um contato com ela, notei logo de cara que ela era diferente de todas as mulheres que eu havia conhecido em minha vida.

      Às vezes encontramos coisas boas em lugares ruins. Aonde há pecado também há muito amor. Sim, me apaixonei por ela e resolvi dizer à ela o que sentia. Já que via que ela tinha sentimentos por mim também.

      Eu não aprovo e muito menos julgo o que ela faz, foda-se! Quem deveria julgar não está julgando, então quem sou para julgá-la? Apenas aceito. Afinal, foi assim que conheci ela. E a todo momento sabia em qual buraco estava entrando, mesmo quando me vi apaixonado por ela, continuei… ela tem planos de sair, me coloquei à disposição pra ajudar no que for preciso desde o começo.

      Sim, eu poderia estar neste momento saindo com qualquer outra mulher, seja ela de programa ou não. Mas foi com ela que decidi ficar, ela é única e especial.

      Se tá valendo a pena? Eu sou feliz com ela… o que sinto é verdadeiro e recíproco. Se algum dia eu tiver que pagar por isso, pagarei com muito orgulho, afinal está valendo muito a pena!

      Digam e achem o que quiser, eu faço por mim e o que está no meu coração, é a minha vida. Muito vão falar bosta e julgar, mas quem são esses? Grande maioria frustrados em seus relacionamentos e vida, posso bater no peito e dizer que temos um namoro melhor do que muitos por aí.

      Aa sociedade fala muito de valores mas não pratica nenhum deles. Façam o que vcs tiverem vontade meus amigos, sem se importar com a aprovação dos outros. Literalmente cague e ande! Foda-se!

      Afinal de que vale viver uma vida onde vc faz o que a sociedade aprova e diz que você deve fazer ao invés de fazer aquilo que você tem vontade de fazer?

      Beijos! <3

      • Muito legal o seu relato, mas tenho duas perguntas:
        1- Ela ainda faz programas
        2- Se sim, vc ainda paga por eles?

        • Log 12

          1 – Sim.
          2 – Apesar de ser o trabalho dela, não, eu não sou cliente. Nossa relação era profissional, hoje é pessoal.

          E só acrescentando…

          O fato de ela continuar fazendo programa me incomoda sim, não vou mentir… mas eu gosto dela e ela de mim, no final deste ano ela se forma, compra o seu tão sonhado carrinho e sai.

          Tudo isso pra ajudar em casa, pagar uma faculdade e comprar um carro? Sim… também acho ridículo, mas não julgo, aceito. E ela sabe minha opinião sobre isso.

          Quando a conheci ela ia somente aos finais de semana e feriados, depois que resolvemos ficar juntos ela passou a ir mais dias pra acelerar o processo. Praticamente todos os dias que ela folga ela passa comigo.

          • Entendo, acho que tem mt caso aqui que irá te ajudar, mas isso vc já está lendo. Independente das suas escolhas, desejo felicidades!!

          • Log 12

            TKS! 🙂

          • Filho Da Dilma

            ué, é verdadeiro e reciproco,

            e a mulher ainda faz programa e vc ainda acha que é amor, verdadeiro e recíproco,
            não sei como vc se sente feliz, sabendo que a mulher q vc gosta está lá abrindo as pernas pro outro.
            desculpe meu amigo, vc esta carente e tá achando isso tudo lindo.
            quando vc acordar, vc verá que apenas foi um momento bom,
            mas que não foi amor,
            palavras de quem já se enfiou nesse tipo de aventura.
            mas ela largando de fato o mundo dos programas, pode ser, que realmente ela queira uma mudança na vida dela, eu disse, pode ser, não disse que é garantido.
            boa sorte.

          • Denilson Padalecki

            Mudei pra capital há alguns anos, o que eu vou contar aqui NÃO é pra deixar o Log 12 grilado, até pq cada caso é um caso, mas vamos lá:
            Eu sempre tive muita facilidade pra fazer novas amizades, conhecer gente nova. Não é segredo pra ngm q tem muuuito GP bonito aqui em SP, se vc não descobrir, ou eles te contarem, dificilmente vc vai pensar q esse é o trabalho deles, eu conheci um cara q era “GP fora do meio” na faculdade, depois de conversarmos por meses, ele me contou o q fazia, ele não tem site, ou propaganda na web, ele só “saia” com caras com dinheiro, funcionava no estilo indicação, um cara saia com ele, e indicava pra outro amigo, com os mais íntimos e mais frequentes ele trocava telefone (não atendia os caras no mesmo lugar q ele morava), ele dizia q fazia isso pra pagar o carro, a faculdade, e q depois q se formasse, iria parar. estudei 4 anos com ele (bacharelado), e lá pros 2 anos e meio ele conheceu um cara e começou namorar, eu pensei q o namorado dele tbm fosse GP, depois descobri q o namorado dele só não era GP, como tbm nem sonhava o q o namorado fazia, o tempo passou, nos formamos, depois de um tempo eu descobri q esse cara q estudou comigo tinha arrumado um trampo legal, ganhava bem, e como ele havia dito, tinha parado com os programas.
            Ele reduziu em 80% a clientela, mas sabe aqueles clientes q pagavam mais ? Que davam presentinho pra ele ? Ele ainda faz programa com alguns deles, me disse q não conseguia dizer não à eles, pq eles o ajudaram quando ele mais precisou e bla bla bla, e podem me dizer q não, mas pra mim, esse envolvimento dele com esses clientes já passou do lado “profissional da coisa”, esses clientes já são amantes dele, isso pq ele NÃO passa necessidades, o q ele ganha é suficiente pra ele manter os luxos dele, e pq além de não contar pro namorado, ele ainda continua fazendo programas ?
            Até hoje eu tenho a impressão de q tem gente q fazia programa, e não faz mais, mas q a MAIORIA, quando precisa, recorre novamente à isso, não precisa atender 5 clientes ou fazer ponto na esquina pra prostituição de fato acontecer, pensa numa panicat, nesses ex BBB’s q nada fazem, imagina o q eles não devem ganhar por programa, e será q contam aos parceiros o q fazem ?
            Se um dia essa namorada do leitor passar por dificuldades, será q não vai querer fazer isso outra vez ?

          • Filho Da Dilma

            kkkkkkkkkkkkk, aqui no bairro onde moro, tem 3 meninas
            que vive postando fotos no face em um monte de lugar bacana aqui do Rio De janeiro, quase todos os dias postam fotos bebendo cerveja, whisky, em praias, em excelentes clubes, e algumas vezes até em lanchas, tudo isso com apenas 17, 18, 19 anos, sendo que ainda estão na fase colegial, não dar nem pra dizer que são estabilizadas na vida pra poderem fazer umas proezas dessa.

            cara, uma vez tava conversando com um amigo sobre esse fator dessas meninas, e o primo desse meu amigo, que já ficou com uma delas, falou pra gente, que a gente estava de bobeira, que elas eram acompanhantes, que elas não trabalhavam no puteiro não, e nem em nenhum clube, ele disse pra gente que tem um coroa do dinheiro que banca elas, dar dinheiro pra elas, pra poder comer elas, faz que nem o caso desse seu colega tbm, ele indica elas pros outros caras do dinheiro na Capital do Rio de Janeiro, e que por isso vemos essas fotos delas, por intermédio de uma, rola todo o processo dos programas, que chama as demais e que por isso vemos muitas ostentações delas no facebook.

          • Denilson Padalecki

            Tá foda, hoje em dia não dá nem pra saber

          • E sabe oq rola tbm?? “Vício da grana” e quem gosta de dinheiro nunca tá bom, sabe? E prostituição é um lance q o povo fala que é foda no começo, depois q vc “se mela”, um a mais ou a menos não faz mt diferença, porém, a grana q eles dão sempre tem gosto sabe?

          • Denilson Padalecki

            Então, o dele eu acho que é muito mais vício pela grana alta, do que “gratidão” pelos coroas ricos q “ajudavam” ele. Sempre pensei assim: No começo, esse pessoal até deve ficar meio assim, mas depois de um programa, eu acho q eles acabam achando q eles não tem mais tanto valor, q nem se preocupam mais em parar, tipo a surfistinha, programa por R$20,00.
            Ele me disse q não ganhava menos do que R$ 3.000,00 por programa, a faculdade que ele fazia comigo, já era a segunda dele, ou seja, acho tbm q ele investe o dinheiro em alguma coisa, só pra dar a desculpa “fiz pra pagar a faculdade/carro/apê” .. Dava de boa pra ele viver bem com o q ganharia em qualquer dos ramos q ele cursou, só q viagens teriam q ser mais programadas, juntar dinheiro por alguns meses e tal, mas eu acho q ele não vai parar, ele tbm é preparador físico/personal trainer, então sempre pinta trabalho pra ele, sempre entra grana (desconfio q até nesses trabalhos rola o tal do book azul), ele continua fazendo mesmo pq quer, é tipo traficante, os caras ganham R$1.000,00 num final de semana, cê acha q eles vão trabalhar o mês todo, aguentar desaforo de chefe (q quase sempre é fdp), pra ganhar esse valor ? (isso sem contar os descontos).

          • CLASH SACO

            Perfeita a sua colocação, já está na MERDA, cagada por dentro e por fora, já pegaram homens escrotos da pior espécie, muitas acabam se submetendo a várias humilhações, vários casos de homens forçando-as a meter sem camisinha, ameaças por parte de autoridades e por aí vai, e quanto mais tempo na MERDA, mais se atolam, e assim ficam criando a grande ILUSÃO que DINHEIRO conserta tudo, mas podem ter certeza, que não irá consertar os traumas desta vida mundana e promíscua em seu mais alto grau de degradação moral para o corpo e a alma.

          • entre ter dinheiro e ser feliz as pessoas deveriam preferir ser feliz
            mas se eu falar isso vao pensar q sou hippie e nao tem nada a ver kkkkkkkkkkkk

          • Log 12

            Pois é amigo… larguei dela. Os motivos estão em resposta ao comentário do Fernando. Se algum dia ela passasse necessidade eu não me surpreenderia, mas também não aceitaria. Afinal eu sempre tive consciência que estava namorando uma pessoa que literalmente se vendia pelo dinheiro.
            Bem… não ganho mal, mas também não ganho tão bem. Dá pra viver bem. Sem luxos, até porque é ridículo. Necessidade de dar pra outro por dinheiro ela não teria.

          • Afilhado do Temer

            cara, vc já viveu de perto como são essas mulheres,
            então não tente se enganar, saia logo fora, não fique nessa de recaída não.
            já me envolvi com essas mulheres, no fundo elas não são tão vítimas não.
            emprego não falta pra mulher do perfil bonita,
            elas ficam nessa vida de programa pq no fundo gostam da facilidade do dinheiro pra usufruir da ostentação.
            ajudei umas que me tornei além de cliente, amigo.
            eu tinha um amigo que trabalhava comigo dessas lojas famosas de eletro, móveis no país, e que depois de tempo após eu eu sair dessa loja, ele virou gerente, há 6 anos atrás eu o encontrei e eu falei que tinha umas amigas precisando de emprego e que eram bonitas, ele deu o endereço e mandou eu dar pra elas ir na loja procurar ele.

            cara, de 5 garotas de programa que eu falei sobre o emprego, só 2 foram fazer a entrevista com ele, e mesmo assim uma deu pra trás e uma foi até o final e ficou com emprego, mudou de vida batalhando como vendedora e hoje em dia é casada e como consequência de ter investido tbm nos estudos, passou num concurso e hoje já leva a vida de forma mais digna.
            as outras tão fazendo programa até hoje,
            me lembro que na época, as que não quiseram emprego, me disse que não ia ficar batalhando pra ganhar por mês o que ela poderia talvez ganhar numa semana ou numa quinzena.
            tá vendo, como no fundo gostam de ostentar, muitas mulheres de programa no fundo não querem largar isso camarada, não é só por necessidade não, perfil de aparência pra elas arrumarem emprego decente, elas têm.
            pra vc ver, a que aceitou o emprego trabalhou como vendedora, conseguia por aí, lucrar, uns R$ 2.000, às vezes até R$ 2.500 por mês, não era muito, mas era um dinheiro que ela podia deitar a cabeça no travesseiro tranquilo sem nenhuma culpa, e com esse dinheiro, ela resolveu estudar e hoje tá tranquila como funcionária pública, e as outras ?
            não quiseram porra nenhuma cara, quiseram é ganhar dinheiro apenas pra além de comprarem roupas caríssimas, gastar tbm em boates de riquinhos, se drogarem, hoje a qualidade de corpo de algumas já caiu, e com isso a qualidade de preço tbm, então hoje já trabalham em casas de programas mais TRASH como o povo fala, e assim vai cara.
            então, não fica nessa de ter pena dessas mulheres não cara, pq o tempo passa, ela some da sua vida, depois se envolve com outros e mais outros, e quando tu se der conta, o tempo tbm terá passado pra vc e vc deixará ter vivido coisas mais sadias a sua alma e a sua consciência.
            fique na fé brow, apenas reflita melhor e veja o que vc na verdade merece pra sua vida..

          • Log 12

            Ela ficou bem puta com meu término. Por coincidência, pouco depois de escrever o cometário acima, ela me mandou mensagem.

            No dia anterior eu tinha falado algumas verdades pra ela. Enfim… pude ver que é uma pessoa com mentalidade full money, diz que se orgulha muito do que conquistou.

            Pura mentira dela, posso afirmar isso porque passei um tempo perto dela e sai quais são os sofrimentos dela. Essas mulheres amam o dinheiro cara, coisa de louco, não é à toa que se vendem de corpo e alma por ele.

            E como dito no comentário do Fernando, por mais que elas digam que não, no fundo são tudo vazias. Pode ter carrinho legal, casinha bacana mas por dentro tá tudo cagado, destruído!

            Alertei ela, mas como averdade dói e ainda mais pra quem não quer aceitar ela. Não posso fazer nada a não ser esperar ela mesma se foder na própria ignorância e não tenho dúvidas que isso vai acontecer.

            Eu mandei a real, quem tem ouvidos para ouvir, ouça! Só espero que ela se toque que tudo isso não vale a pena e o preço cobrado vai ser caro!!!!

            Mas enfim… são mulheres em sua grande maioria desestruturadas desde a infância. Só tenho a certeza de uma coisa, vão se arrepender muito do que fazem um dia.

            Eu quis ajudar, mas as pessoas pagam pra ver. Ignorância wins! Só posso dizer uma coisa, me livrei de uma baita cilada. Eu ia ir pro poço junto com ela se continuasse junto. Ela me bloqueou do whats, não agüentou ouviu as verdades provavelmente. Espero que algum dia ela se dê conta que eu tenho razão e acorde antes que a merda seja mais grande ainda. Elas podem mudar, basta querer.

          • Denilson Padalecki

            Como foi dito por vc e pelo Fernando, vicio por dinheiro rápido e alto, é a mesma coisa de traficantes, tenho um primo assim, não é traficante do tipo beira mar, mas ganha em um final de semana, o q nós trabalhamos metade do mês pra ganhar, e mesmo com todo o terror psicológico, o receio de ser pego pela policia, e ter q pagar toda a droga q perdeu, se não quiser morrer, ele ainda permanece nisso, já foi preso, colocou 2 filhos no mundo, e não ajuda com nada.
            O fim dele toda família já sabe, caixão ou cadeia, fazer o q se pra algumas pessoas isso é suficiente ?
            Boa Sorte na sua jornada, e cuidado com quem vc se relaciona, quanto a sua ex, ngm pode salva-la se ela mesma não quiser ser salva né ?

          • Log 12

            Yeap!

            Pois é, quando conheci ela vi uma pessoa maravilhosa, desde o começo quis tirar ela dessa vida. Mas ao ir conhecendo ela mais a fundo, percebi que é o mesmo que ir contra a maré brava. E ainda me deixei apaixonar por ela, eu juro que queria ter uma visão diferente da prostituição. Mas o que vi foi é algo além disso, quando percebi, eu estava carregando o peso junto com ela. Foi então que sai fora!

            Concordo contigo, nem sei aonde li isso: “Você não pode ajudar alguém que não quer ser ajudada”. Talvez um dia ela volte a me procurar.

  • Fernando

    Deixa eu dar a minha opinião. Um grande amigo meu se apaixonou por uma GP. No começo, ele não se importava dela continuar trabalhando, mas depois de um mês ele começou a ficar incomodado, disse que sentia um mal estar tremendo no horário que ela estava atendendo, uma dor no peito, não conseguia se concentrar no trabalho, enfim, começou a sentir os efeitos psicológicos da situação.
    Depois de conversarmos bastante e ponderarmos as possibilidades, ele achou melhor deixá-la.
    Um dos motivos foi o fato dele achar improvável que ela largasse definitivamente o ramo em virtude do aspecto financeiro.
    Mas a principal razão foi porque ele não se sentia seguro com a situação de namorar uma GP porque a atividade dela pode formar traços de personalidade que são integrados ao patrimônio pessoal e de lá não saem nunca mais e que poderiam dificultar sobremaneira o relacionamento. Não estou dizendo que são coisas ruins em si, mas que impedem que se formem as bases de um relacionamento sólido.
    Convenhamos que por mais dinheiro que se ganhe não é algo enobrecedor do ponto de vista do desenvolvimento pessoal, intelectual, social, físico etc. e acredito que isso acaba gerando, em maior ou menor escala danos psicológicos, algum grau de frustração, talvez arrependimento, a sensação de que a aquisição de bens materiais não preenche o vazio espiritual inerente à atividade, isso sem considerar o complicado ambiente de trabalho, risco de doenças, cafetões…etc..
    Ele dizia que se relacionar com alguém com essa bagagem seria uma tarefa complicada e não acreditava possível reverter esse quadro e vislumbrou problemas incontornáveis no relacionamento em pouco tempo, ainda que afirmasse estar apaixonado naquele momento.
    Confesso que tive dificuldade em discordar.
    Por acaso alguém conhece alguma GP que se orgulha do que faz e cresce em todos os aspectos como ser humano com o passar do tempo? A atividade desenvolve atributos como altivez, auto-estima, disciplina, orgulho próprio etc? Repare que isso não é uma crítica em si, mas apenas uma constatação, a tentativa de um olhar direto e sincero para que possamos compreendê-la um pouco melhor.
    Há um provérbio chinês que diz mais ou menos assim: “O que mais importa não é o objetivo alcançado, mas o caminho percorrido para alcançá-lo”. Sim, porque passamos a maior tempo de nossas vidas construindo estradas para atingir objetivos e a sensação de bem estar e satisfação ao olharmos o caminho trilhado quando “chegamos lá” é algo extremamente prazeroso. Por outras palavras, em grande parte nossa maneira de encarar o mundo e lidar com as pessoas é fruto de nossas experiências pessoais e sacrifícios.
    Nesse contexto, a atividade de uma GP, ainda que envolva sacrifício e seja bem remunerada, possui um vazio interno inerente que não acrescenta nada de útil ao patrimônio pessoal na medida em que se trata simplesmente da prática de um ato sexual absolutamente estéril, sem sentimentos e de maneira contínua e reiterada. Imagina o dano que isso não causa com o passar dos anos. Poderia ir mais longe e dizer que estamos diante de um quase-estupro consentido? Não consigo imaginar que a violação da intimidade e da integridade física (e sexual) da mulher dessa forma reiterada não causa danos. Será que o dinheiro recebido é compensação suficiente? Gostaria de imaginar o contrário e quero ser convencido do contrário, mas simplesmente não consigo.
    Dirão algumas GPs: a atividade não causa dano nenhum porque na imensa maioria dos casos eu simplesmente não sinto nada e a gente acaba se acostumando. E eu respondo: essa condição de “não sentir nada durante o programa” requer exatamente um esforço psicológico de blindagem inconsciente com o exato objetivo de “não sentir nada”. E isso ocorre porque naturalmente, biologicamente, o ato sexual pressupõe encontro de corpos, de sentimentos, de emoções, paixões etc. Ora, ao agir contra a natureza (não sentindo nada, na maioria dos casos) de forma reiterada é razoável supor que algum efeito colateral aparecerá, não? Não sou psicólogo, mas acredito que, no mínimo, a auto-estima fica prejudicada
    Outras GPs podem dizer: Não é bem assim, pois conhecemos pessoas novas e diferentes, lugares legais, viagens, ganhamos presentes, roupas etc… Concordo, mas isso não ocorre todos os dias não sendo, pois, capaz de alterar a essência da função que continua a mesma.
    Enfim, diante dessa reflexão e diante desses argumentos acima, ele se convenceu que seria melhor se afastar porque, ainda que estivesse apaixonado, sabia que paixões possuem prazo de validade e, no final das contas, a possibilidade dos problemas que estavam por vir falou mais alto. Dito de outra forma, ele não quis assumir a responsabilidade de um relacionamento com alguém com essa bagagem descrita acima e também pelo fato de achar que ela teria dificuldades de se adaptar e poderia ter uma recaída. Para ele, era um risco muito alto.

    Por fim, quero deixar claro que o que escrevi é apenas uma tentativa de dar um enfoque diferente a questão. Essas são apenas linhas gerais sobre um assunto complexo e que não tenho o objetivo de ser o dono da verdade e se, de alguma forma, puder ajudar alguma GP a fazer uma reflexão sobre sua atividade, rever alguns conceitos e comportamentos a fim de entender melhor sua atividade, ficarei mais que satisfeito, isto porque a maioria entra nesse ramo sem questionar absolutamente nada, apenas pelo dinheiro e/ou necessidade e seduzida pelo canto de sereia de amigas, cafetões, falso glamour…..etc.
    Sei também que um amor verdadeiro é capaz de vencer todas as dificuldades e diferenças e que cabe a cada um de nós, diante de uma situação dessas, ponderar e tomar a decisão que melhor equacione a nossa eterna busca da felicidade.

    • Wana

      A resposta que melhor define e explica a questão. Super bem detalhada e explicativa.
      E totalmente verdadeira.
      Parabéns.

    • Log 12

      Fernando, recentemente terminei com uma garota de programa que ainda estava na atividade. Li seu comentário e a história de seu colega e digo que tudo isto é uma verdade. De começo comecei a namorar ela tranquilamente, pra mim estava bom, paixão a flor da pele.

      Mas com o passar do tempo, comecei a me sentir mal, começava a pensar como ela aguenta gostar de mim e ainda conseguir dar pra outros caras. É complicadissimo, comecei a me incomodar também ao ficar imaginando aquelas belas mãos dela pegando uns 3 paus diferentes todas as noites. E outros pensamentos do tipo.

      Enfim… tudo o que uma puta faz.

      Comecei a ficar meio desanimado, autoestima baixa, inseguro comigo mesmo. Então me perguntei: mas que caralhos está acontecendo comigo? Foi então que me dei conta que meu relacionamento com ela estava fazendo mal pra mim mesmo. Ela é uma mulher bem insegura, tem a autoestima baixa e é bastante carente. Motivos? Já foram ditos.

      Esses dias mesmo me peguei lendo um artigo em outro blog e dizia o seguinte: “prostitutas são mulheres carentes e com inseguranças profundas, já fez tanta merda consigo mesma que talvez nem deve mais dar conta de voltar pros eixos.” Namorei com uma e digo: a mais pura verdade!!!

      Amigos, eu caí nessa. Sinceramente, GP ou você tira ela dessa vida e a ajuda (no psicológico) ou segue tua vida com dó dela. No caso da minha, ela fazia pelo dinheiro. No seu passado, teve um relacionamento amoroso no qual acabou sofrendo bastante, o pai é ausente (nunca esteve nem aí pra ela) e ainda é filha única.

      Depois que entrou pras noites, ficou mais sozinha ainda. Afinal, deve ser muito desconfortável quando uma pessoa pergunta pra você com o que você trabalha. Dizer que é PUTA ela não vai, ficar mentindo é foda. E no caso dela, quando todos estão se divertindo ela está trabalhando!

      Amigos, vida social? Esquece…

      Se for pra ficar com um GP ou ex-GP, recomendo que fique com uma que faz porque gosta! Essa vai ter menos traumas, veja bem, MENOS. Enfim… tive uma conversa bem complicada com ela, estou disposto a ajudar ela a mudar. Ela já se tocou de algumas coisas, mas ainda resisti. Uma hora ela vai ver que tudo isso não vale e nunca vai valer a pena.

      Estou seguindo minha vida sem ela. Ela é quem tem que querer mudar, me coloquei à disposição pra ajudar ela.

      • Fernando

        Log 12,

        Concordo plenamente quando descreveu o estado de espírito que ficamos nessa situação e as saídas existentes para solucioná-la e acrescento: quando gostamos de verdade e decidimos nos afastar o sentimento é de dó misturado com luto…triste assim…

        Quando nos envolvemos parece que temos uma outra dimensão/visão da prostituição; mesmo que nos sintamos “correspondidos”, esse mal-estar citado toma conta de nós física e espiritualmente com o tempo, realmente é uma situação dificílima de lidar psicologicamente. Recomendo enfaticamente o não envolvimento..

        Partindo do pressuposto que a atividade causa algum dano psicológico, ele não é imediato e elas não percebem, não o aceitam ou simplesmente recusam-no. Fico imaginando que isso ocorra por imaturidade emocional e falta de espírito crítico resultado do generalizado baixo nível cultural (como regra).

        Perfeito seu comentário sobre a questão da vaidade. Realmente, elas se vestem muito bem e gastam muito com roupas, bolsas, salão de beleza exatamente porque a autoestima é baixíssima e, em muitos casos, entram na “profissão” para “juntar” dinheiro e, no final das contas, não sobrou nada ou pouquíssimo.

        Dando a questão um enfoque meio religioso, acredito que todos esses problemas ocorrem porque, lá no fundo, o ato sexual é um ato de amor no sentido de envolver sentimentos e ficar tentando enganar a natureza humana fingindo normalidade, neutralidade e/ou controle da situação com dezenas, centenas (talvez milhares) de parceiros destrói o espírito e chega a ser algo assustador. E se você acredita na existência de energia positiva ou negativa nas pessoas, fácil é concluir que o contato sexual íntimo naturalmente implica numa troca dessas energias….fico aqui só imaginando o grau de vulnerabilidade das prostitutas nessa situação absorvendo todo tipo de energia dia após dia….

        E para complicar de vez, elas têm muita dificuldade ou não conseguem se relacionar com ninguém (e vice-versa) porque a prostituição não combina com um sentimento verdadeiro (é o reverso da moeda, ou ama ou se prostitui, simples assim) e isso acaba resultando no distanciamento daqueles que as amam de verdade, gerando ainda mais sofrimento e, por outro lado, ainda tem que esconder e/ou mentir (na grande maioria dos casos) para os familiares e amigos próximos, uma catástrofe. Uma vida sem amor, escondida da família e com todas essas características..Não, obrigado…

        No final, fica a reflexão: Tudo isso que foi falado acima única e exclusivamente por causa do dinheiro? Será que vale a pena? Você decide, a vida é sua, só não esqueça que você só tem uma e o tempo passa rápido…

        • Log 12

          Eu gosto dela, é um amor de pessoa. Porém é daquele tipo que quando você conhece e se aproxima mais, vê que se enganou. Como se fosse uma banana que olhando a casca você pensa que está super boa, mas quando descasca ela… bom… ela ficou super chateada e brava pelo fato de eu ter falado as verdades pra ela, me xingou e tentou ofender de tudo que é modo.

          Eu tive que ser sincero e paguei o preço da verdade e perdi ela, não me orgulho de dizer isso, mas ainda bem que a perdi. Garotas de programa são frustradas, inseguras ao extremo, carentes, sem amigos, vivem numa vida dupla face e são vazias por dentro. Isso machuca e dói muito na ALMA, infelizmente elas amam e servem o dinheiro e por isso se escravizam por ele. Tolas!

          Mal sabem o preço que se paga por isso, são tão inocentes que acham que só estão vendendo o corpo. Ah como eu queria que fosse só isso, tão vendendo a alma e nem sabem.

          Ela(s) sabem porque sofrem. Mas na cabeça delas, dinheiro é tudo! (triste) No caso da minha, ela mesma diz que se orgulha do que conquistou na prostituição. Não precisa ser nenhum sábio pra saber que é mentira. As perguntas que fiz a ela foram as seguintes:

          Se se orgulha e gosta tanto do que faz, por quê não conta para todos o que faz?;
          Se se orgulha e gosta tanto do que faz, por quê você não é feliz?;
          Se se orgulha e gosta tanto do que faz, por quê sua autoestima é baixa?;
          Se se orgulha e gosta tanto do que faz, por quê dizia que se sentia mal as vezes?;

          E deixei a reflexão pra ela, será que tudo isso vale a pena?

          Após isso não obtive resposta e fui bloqueado.

          Dificilmente vão trocar essa vida por alguém. Amar alguém, Deus ou o dinheiro? Money wins!

          Tento não ter mas tenho dó dela. Só digo uma coisa: um dia o preço será cobrado e o valor vai ser alto! Só espero que acorde antes que seja tarde, porque olhar pra trás e se arrepender do que fez vai ser pesado! Acordar todos os dias de manhã com esse peso vai ser foda!

          E a pergunta que faço é: será que ela vai conseguir se manter sem sofrer? Sem estar deprimida? Enfim…

          Deus sabe o que faz!

          Dando uma ênfase ao sexo, troca de energias, concordo completamente contigo. O sexo em si é uma troca de energias, por isso essas mulheres se apaixonam facilmente por um cliente que as trate bem. Dê carinho, beijos, etc e logo estará ela “viciada” em você. Se a tua energia for positiva, ela vai sentir isso de uma forma absurda e vai querer sempre mais, afinal, o ser humano necessita disso. Ainda mais uma garota de programa que em sua grande maioria é tratada como objeto, sexo sem tesão (da parte dela na maioria das vezes), afinidades e etc. Como você mesmo disse um estupro consentido.

          Sexo pro homem é muito diferente do sexo para a mulher. Por isso acredito que deva ser mais foda ainda pra elas aguentarem tudo isso e sair sem danos psicológicos, praticamente impossível.

          Quanto a garota que me envolvi, ela gosta de mim e eu sei o inferno que ela vive. Deixei bem claro o motivo de eu ter me afastado 100% dela, o que deve ter deixado ela super mal, mas infelizmente não posso passar a mão na cabeça. A verdade dói mas é o melhor caminho, espero que ela abra o coração dela um dia, acorde e veja a realidade que está por trás disso. Terei maior prazer em ajuda-la, porém nem crio expectativas que isso vá acontecer, pelo menos não tão cedo. Se arrepender todas vão, disso tenho certeza! A verdade sempre aparece.

          Esse “trabalho” te fode literalmente em todos os aspectos. Após ver de perto o que uma GP passa, acredito que nem a que faz porque gosta consegue sair sem danos! Aliás, acho que quem entra nessa vida já sofreu sérios danos. Por isso nem as culpo ou julgo, mas falo a verdade.

          • leleo 1112

            É acho que eu estou indo na mesma situação sua LOG12 conheci recentemente uma vamos ver no que vai dar,sim estou disposto a ajudar (estender a mão) caso não queira blz,cada um pro seu lado,e levarei isso com experiencia para a vida,espero que mantenhamos contato para ver o final desta historia.

          • Afilhado do Temer

            sai fora logo cara,
            isso não vai dar certo
            e vc vai perder a razão nessa brincadeira,
            já é comprovado que esse tipo de moça é só pra subtrair o astral do homem.
            vc tá parecendo aquelas mulheres que querem mudar o cafajeste, e que sabe que no fundo isso não dar certo.

          • Log 12

            Experiência e conselho de quem já ficou alguns meses com uma: a chance de ela largar a prostituição por você é quase 0 ou 0.

            Entenda amigo, elas fazem o que fazem por dinheiro. Elas são vendidas por dinheiro e tem mais amor e apego à ele que qualquer outra coisa.

            Tome cuidado, ficar com garota de programa literalmente FODE sua autoestima. Conselho de quem foi e já voltou nesse mesmo caminho: mete o pé antes que vc se foda.

            Pode parecer até ignorancia da minha parte ou algo do tipo, mas não é, é a realidade. Essas mulheres vivem um inferno interior, se tu se juntar com ela ou tentar ajudar, tu vai ter que ir pro fundo do poço pra ajudar ela.

            Se ela quiser sair, menos mal, mas mesmo assim tu vai ir pro fundo do poço pra ajudar ela e ainda vai tomar um soco na cara. E aí meu amigo, pra sair desse fundo do poço machucado vai ser foda!

            Não seja tolo como eu fui, seja sábio! O sábio aprende com o erro do outro, não com o próprio erro. Diante de todas as experiências aqui passadas, está comprovado a merda que é se juntar com elas.

            Enfim… a escolha é sua! Pague o preço delas, mas já deixo minha mensagem diante mão. O preço vai ser caro pra vc mesmo. Mete o pé jovem, é a maior furada!!!

          • Vitor Carvalho

            mano,que foda isso… eu começei a me envolver com uma mina dessa e por isso to lendo isso tudo e nao to conseguindo acreditar, tipo eu quero muito ajuda ela, e esses posts aqui ja me ajudaram muito,agradecido de ante mao,mas enfim… eu conheçi ela e fiz isso que vcs disseram sabe? porque eu me senti mais atraido por ela e acredito que ela tambem por mim, ate porqe naquele dia tinha ido pra come uma la e foda-se e comi e quando voltei e sentei me deparei com ela e puxei conversa e fui me encantando…entao começei a trata-la como mulher, de verdade sabe? fazendo ela rir mt, dando beijos nela e acabamos ficando no primeiro dia 12 horas juntos pra mais, so conversando se beijando e criando conexões, dormimos juntos como namorado e namorada, paixao sabe… eu sei que é foda, que a mina pode fingir muito bem… mas dava pra ve sabe que fazia tempo q ela nao recebia carinho nao era tratada daquele jeito.. e eu to muito na duvida… ja tenho todas as provas aki de que isso é uma tremenda burrada…mas caralho…….. bateu tanta quimica sera que eu desisto assim sem nem tentar? sem nem lança essas ideias que ela pode mudar de vida e que isso so fode a vida dela? ela ja teve um relacionamento antes segundo ela ha uns 2 anos atraz, e ela disse que depois de 9 meses c o cara ela largo aquela vida…mas vai sabe ne depois ela volto … me ajudem ai se der tbm… ta foda n sei oq fazer

          • Afilhado do Temer

            sai fora.
            essas mulheres desse tipo de vida enjoa de ser tratada bem.

            quando aparecer um cara de uma melhor situação financeira ou um cafajeste, ela te dará um belo pé no rabo pra ficar com eles e de nada terá adiantado seu bom mimo e bom tratamento.
            mulher de programa é pra diversão.

            vc com certeza está mais carente do que ela, talvez ela te tratou como nenhuma mulher do seu convívio nunca te tratou, isso fez vc se apegar a ela, mas não se esqueça, que ela te tratou bem, porque vc pagou o programa com ela, não foi por instinto afetivo por vc, esse tratamento dela.
            e pra ficar pior, mas vou te dizer que é pra fazer vc acordar,
            toma essa no seu juizo,
            o que ela faz pra vc, ela tbm faz pro outros quando estão deitados na caminha no programa que ela está fazendo.
            portanto acorda pra vida e sai fora disso,
            tu vai se arrebentar.

          • Vitor4524

            caralho irmão, mas a mina nem me cobro nada e depois da primeira hora, e agnt acabo ficando 3 dias junto quase… bateu pesado e a mina fica postando agora varias fitas do tipo “Mas quando a gente se entrega pra vida , a vida só nos devolve coisas boas .. E ela me deu você ❤️” depois postou “O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar. Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referências. Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca.” eu to mt confuso, porque da pra sentir de certo modo que a mina n ta de ma fé,ate por isso nao quis me estorquir… disse que fazia muito tempo nao saia c alguem que ela ficasse tanto tempo, e que fazia tempo que ela n gozava varias vezes “coisa que eu vi e senti entao nao tem como ser mentira”… vc acha que de qualquer jeito mesmo, sem chacne alguma devo me envolver c ela? nem se ela tiver disposta a mudar mesmo, nem se oq agnt tiver sentidno um pelo otro for real….?

          • Afilhado do Temer

            cara, vc vai se foder achando isso,
            só pq ela tá postando coisas românticas em facebook , zap zap,
            mulher engana mais que o homem,
            tu tá com tudo pra se lascar,
            vc quer ficar com uma mulher sabendo que outros andam empurrando entre as pernas dela sem pena ?
            vc quer isso pra vc ?
            vc no fundo se deita com tranquilidade tentando esquecer desse fato que ela transa com outros ?
            pergunte isso pra vc mesma e veja do que ela é capaz pra viver esse amor por vc,
            porque para ela será fácil demais vc assumir namoro com ela enquanto ela ganha diheiro abrindo pernas pra outros,
            pense bem cara, e ainda vc corre o risco de apresentar ela pra família e de ter alguém no seu bairro ou na rua onde vc mora, de ter frequentado o lugar onde ela atende nos programas,
            acorda pra vida enquanto é tempo,
            se tu quer sexo com ela, faça muito sexo com ela, mas ter ela como uma mulher pra viver um relacionamento tradicional, isso já é bem diferente.

          • Vitor4524

            entao cara, oq eu falei no primeiro texto,… quando ela começo a namora um cara que ela namorava um tempo atras, ela paro de fazer programa entendeu? soq ela nao ve mais o cara e criou nojo dele,mas quando eles tavam junto ela nao fazia mais programa ate terminar com ele, coisa de 2 anos atras, eu conheçi ela faz 2 semanas, claro que to mt com pé atras e to indo com muuuita cautela, mas ate ja trocamos algumas ideias disso, eu laneçi pra ela na verdade, mo ideia cabeça de que isso nao levava a nada e tal, ela ficou meio assim, e disse que queria presta um curso pra ser assistente de cirurgiao, instrumentista parece que chama,enfim n posso deixar de falar que to gostando mt dela ,sabe a mina q sempre quis e eu nunca senti isso antes, e ja peguei ja namorei mina gostosa pra krl e fmz tambem… mas sei la é foda vc acha que mesmo assim eu nao deva nem da uma chancezinha pra ela? só uma existem casos e mais casos, maas ce vc pra mim agr e fala certeza absoluta nem da essa chance que tu vai toma no cu, eu paro de fala c ela agr, mas se vc ver que ela pode ser diferente e pode parar de fazer isso futuramente ainda mais quando eu assumi ela, entao me ajuda cara, serio to precisando eu tava querendo da essa chance, mas claro c muita cautela .. sabe as vezes agnt acha alguem e nao podemos culpar a situação em que conheçemos temos que entender e tentar mudar pra melhor certo?

          • Afilhado do Temer

            cara tu ta querendo cair de trouxa.
            não existe essa de que voltou a fazer programa porque terminou com o cara,
            ela faz programa pq esse é o estilo de vida que ela gosta de adotar.
            ele com certeza deve ser bonita e pra mulher bonita é muito mais fácil arrumar um emprego namoral, tem várias lojas de eletro, de roupas, contratando meninas bonitas,
            já falei uma vez pra um cara, já me envolvi com essas meninas de programa, gostei, mas nunca tive vontade de namorar sério com ela, gostava de trocar idéia, ajudar em algumas coisas que ela precisava, tinha um cara colega meu há uns 6 anos atrás que era gerente dessas lojas famosas de venda de eletro, celulares, móveis, e que ele estava com o quadro funcional aberto pra ser preenchido as vagas, eu falei a ele que conhecia umas meninas de boa aparência pra trabalhar com ele, falei pra 5 meninas de programa com as quais tinha um bom contato de estar sempre trocando papo, saindo pra beber.
            cara das 5, só duas foram na entrevista com esse camarada meu que era gerente, as outras três não quiseram, e das que forma, só uma aceitou, a outra disse que não se mataria de tentar vender pra tirar no mês o que ela poderia ganhar em uma ou duas semanas, resultado, a que aceitou ser vendedora, trabalhou 4 anos, conseguia uma boa comissão e entrou num preparatório de concurso e conseguiu passar e ta num órgão que oferece uma boa remuneração pra ela levar a vida, e hoje é de fato casada com um rapaz que apoia muito ela e ela começou a fazer faculdade de odontologia.
            pra vc ver, quando a mulher quer, ela agarra a chance que ela tá tendo pra sair dessa vida, já as outras que não aceitaram ir lá falar com esse meu colega.
            tão fazendo programa em casas menos conceituadas, pois a idade avançou a qualidade do corpo caiu e já não atende mais os requisitos de padrão das outras meninas mais jovens da casa, umas tão no vício do pó tbm,.
            é o que te falei, vc tem que pesar tudo isso que tô aqui relatando e ver se é isso que vc quer pra sua vida com esse tipo de mulher que vive em torno da safadeza e do retorno financeiro.

          • Vitor4524

            entao, sai com ela hoje acabei de voltar,,.. foi cara, nunca senti nada assim e ela tava com medo ate,porque nao tinha sentido nada assim tbm, e que ela nao passa mais de 1h com os caras e normalmente é fria e dps nem ve denovo… e meu agnt converso tal e ela tem vontade de mudar e tal, eu acho que vou da uma chance ve se ela continua legal, tenta mudar dps que agnt tive ficando mais serio,eu gostei mt de estar c ela e so quero mais e mais,é foda situação dificil a minha,mas acho que pra uma coisa tao boa assim que nao se acha todo dia vale a pena

          • Afilhado do Temer

            então vc fica com ela,
            depois vc conta aqui o desfecho dessa coisa
            kkkkkkkkkkkkk

          • tb quero saber kkkkkkkkkkkkkk

          • Vitor4524

            meu foi mt doido o role ontem, agnt fico tipo 4 horas so se beijando e conversando e tal antes de fazer amor… teve uma hora la que eu tava lançando as ideia que vi aqui tlgd? e mano ela começo a chora, e falo que ninguem nunca tinha feito isso por ela, nunca tinha dado tanto carinho e sentido isso, tava ate pensando em nao me ver mais pq ela nao ia consegui faze oq ela faz pensando em mim e tal, e eu apesar de concorda que é brisa errada mesmo isso, tive que fala que entendia ela mas q eu tbm n ficava feliz, mas ai eu fiquei na bad tbm ta ligado e começei a fala q meu melhor com ela e fazendo isso, pelo menos agnt vai se ver e tal doque sem se ver nunca mais, ai agnt fez amor maravilhosamente, tive a melhor g…. da minha vida e ela tbm falo que foi pro ceu e volto varias vezes kkkk acredito que nao foi mentira porq foi bom demais pra mim tbm e eu n so de gosta tanto assim de qualquer uma nao,ai dps disso eu perguntei tipo eai ainda vai quere para de se ver pra sempre? ai ela de jeito nenhum hahaha ai agora ta batendo uma badzinha tlgd, que eu fiquei c ela sex,sab,dom, ai ela foi pro guaru, fica c a familia dela, e dps volto e agnt se viu ela n saiu c ninguem ainda, mas cara… agr a bad ta batendo porq ela vai começa trampa e ela ta falando q precisa manda 4000 conto pro pai dela e tal… osso, mas meu é foda ao mesmo tempo que é doloroso e foda, é coompreensivel e prazeroso

          • Vitor4524

            é irmao, valeu mesmo sem maldade,olha veja bem, eu sei bem que mano so ela querendo sair dessa que ela vai sair so por conta propia, eu vou tentar fazer isso que vc disse, de quando ela mesma fizer o pedido impor condiçoes,mas meu eu nao so carente sabe, e na noite que conheçi ela tinha acabado de transa c uma loira e uma morena gostozisssimas ao mesmo tempo entao n tava nem carente nem necessitado,ate porque nem so mt ir nesses lugares, apenas fui troca uma ideia de zueira dps de come as 2 pra treina minha labia e pa e as ideias foram batendo o olhar a brisa… é assustador, tanto que meu se vc le aqui meus outros comentarios, acho que cheguei a comenta que ela queria ate nao me ver mais, de tanto medo que ela tava que n tinha sentido isso antes, que eu era jovem e tal q nao entendia ela, é foda mano, situaçao complicada pra caralho, eu so mente blindada ja faz tempo so fisiculturista entao tenq ser, mas mano, no dia que eu fui la no lugar eu perdi o celular, e agora meu amigo mando msg falando que eu entrei no tele e é tipo um cara mo ziquinha, a mina ta com umas ideia que quer dormir comigo.,. mano ta foda confia, ta foda pra krl tudo! maaano onde eu fui me meter tiu slk que b.o

          • Vitor4524

            ae lu, me manda um email, quero abri um topico sobre isso [email protected]

          • Veja a área d consultas e perguntas do site! Lá tem tudo explicadinho!

    • CLASH SACO

      Realmente, este TEXTO do FERNANDO está primoroso, escrito numa linguagem simples e direta, mas que contém, exatamente, tudo sobre o universo das GPS que vivem a vida se prostituindo, e muitas achando isso normal, vivendo duas faces, muitas criando uma certa ilusão de que será temporário, de que é apenas uma fase, até o dia em que caem pra realidade e já não estão tão atraentes como antes, que sua vida se resumiu em dar para milhares de homens, beijar vários caras de língua e dizer que não rola sentimento, fazer boquete em milhares de paus diferentes, deixar gozar na boca, dar o cú e a buceta a rodo, ter que se submeter a todo tipo de humilhação e aturar seres humanos escrotos, achar que dar um beijo de namoro é diferente de um beijo francês nos clientes, e por aí vai, vivendo de forma promíscua e achando que não terá nenhuma sequela psicológica. Isso tudo na verdade é uma maneira dela achar que ser GP é apenas mais um trabalho como outro, mas com certeza, não dignifica e nem amplia o intelecto, é apenas um trabalho que envolve o físico, nada mais que isso, nada de intelectual. Tem uma GP que conheci, e no começo da carreira como GP disse que já tava se preparando pra parar, que tava se esforçando pra juntar dinheiro, mal sabem elas que mesmo que ganhem 10.000 líquidos por mês, para comprar um apê de R$ 400.000,00 em SP, terão que trabalhar no mínimo 8 anos, descontando as despesas, ou seja, não é de uma hora pra outra que elas se tornarão independentes financeiramente, a maioria delas tem nível de formação baixo, não tem educação financeira, somente, conhecem a poupança como INVESTIMENTO e não sabem gerir seu patrimônio. E tem outra, mesmo que você abra um negócio próprio pra elas, elas não tem competência alguma pra gerir, pois já estão acostumadas com o dinheiro fácil, não iriam se esforçar a acordar cedo todos os dias pra fazer o negócio progredir, ou seja, as consequências de uma carreira baseada na prostituição acaba trazendo sequelas mentais e físicas irreversíveis, e quanto mais tempo ela fica na PUTARIA fica pior pra sair.

  • Bowy

    Aproveitando o gancho gostaria de compartilhar minha experiência recente. Conheci uma garota de programa em 2013 e saí poucas vezes com ela, no fim do ano passado (2015) a contatei por whatsapp para saber se ela estava atendendo em SP, ela disse que não, que estava indo pro interior, tinha tido problemas financeiros, inclusive ela estava bem aflita com isso, perguntei se podia a ajudar de alguma forma e ajudei, fiz um depósito bancário pra ela. Ela agradeceu e tal e depois disso não falei mais com ela, até porque troquei de aparelho e de número e só voltamos a nos falar no começo do ano. Ela ainda estava no interior, falei pra ela esquecer da ajuda, que não precisava devolver e a partir daí ela começou e me chamar direto no whatsapp, ela me contava tudo da vida dela e no começo isso me incomodou um pouco porque ela só falava de problemas mas sempre dava atenção e conselhos a ela. Daí em março ela veio pra SP, fui visitá-la (não rolou sexo) e neste dia ela me contou mais coisas como o pai que tem problemas de alcoolismo, a mãe que tem diabete, ela ser filha única…saí de lá muito triste com as coisas que ela me contou e sem contar que na ocasião ela estava com a aparência bem abatida, estava bem magra. Neste dia senti no meu coração de segurar em sua mão e ajudá-la a se reerguer e assim o fiz, quase todos os dias nos falávamos pelo whatsapp, a ajudei com muitas coisas, até o INSS dela a orientei a pagar e fazia seus carnês porque trabalho com contabilidade, fui no INSS com os pais dela pra ver se podiam se aposentar, cuidava de tudo dela, mesmo não estando perto dela porque ela voltou pro interior, me preocupava com tudo, inclusive ia pagar o curso de enfermagem que ela queria fazer, ela estava indo bem. Neste meio tempo acabamos ficando, mas nos víamos pouco, só quando ela vinha pra SP porque ela mora aqui com a mãe dela, mas todos os dias nos falávamos pelo whatsapp. Apesar nenhum de nós tendo nos falado abertamente sobre nosso relacionamento, parecia que as coisas estavam acontecendo naturalmente, uma vez ela falou até de casar comigo, tudo parecia bem. No mês passado (julho/2016) do nada ela mudou, estava ríspida, começou a me destratar sem motivo, eu tentei me entender com ela, perguntei se nosso lance a estava atrapalhando, se ela não queria me ver mais e ela era evasiva, botava culpa na TPM, mas o comportamento dela não mudava, eu engoli muito sapo, coisas do tipo “depois a gente se fala que meu celular está carregando” (e ela online o tempo todo), “amanhã a gente se fala que vou dormir” (mas ela ficava quase duas horas ainda online no whatsapp), já não me chamava mais e quando eu chamava inventava alguma coisa pra não nos falarmos, foram muitas coisas de grosseria da parte dela e eu tolerava, tentava me entender com ela, mas ela era sempre evasiva, até que dá ultima vez que ela veio pra SP (final julho/2016) perguntei se íamos nos ver, ela disse que sim, mas enrolou, enrolou, que até acabamos não nos vendo, até ai tudo bem, mas ela já ia viajar de novo e estávamos a quase um mês sem nos ver e eu perguntei se podia acompanhá-la pelo menos até a rodoviária pra se despedir dela antes de viajar, daí veio a resposta fatal: disse não e falou coisas do tipo que “eu estava a assustando querendo a ver de qualquer jeito”, sendo que só perguntei se podia acompanhá-la na rodoviária, “a gente não tem nada pra você fazer esse tipo de cobrança”, sendo que nunca forçava nossos encontros, não pedia pra ir no interior vê-la e nem pra vir pra SP pra me ver, só a via quando ela vinha mesmo, “não tenho obrigação de ficar dando satisfação da minha vida”, sendo que ela que me contava tudo, “não tenho obrigação de falar com você todo santo dia” sendo que ela que chamava a maioria das vezes e eu trabalho e estudo a noite não tenho como mandar mensagens toda hora também, enfim, rolou uma discussão e depois de tudo me destratou desse jeito, falando até que eu estava confundindo as coisas sendo que ela que começou tudo, nos nossos encontros ela que tomou a iniciativa de me beijar pela primeira vez, não tinha forçado nada, enfim teve um desentendimento, falei que se ela tinha um problema comigo erá só ter me avisado não estaríamos nem nos falando mais e que se ela queria se livrar de mim tinha conseguido. No dia seguinte ela mandou mensagens dizendo que eu ia encontrar a pessoa certa pra mim, que ela se sentia obrigada a me ver por conta que eu a ajudava sempre e isso já estava a incomodando, fiquei muito mal com isso, como a pessoa muda assim e muda o discurso também de uma hora pra outra depois de estarmos tão bem? Mas mesmo assim disse que aceitava a amizade dela e ela falou que íamos continuar nos falando normalmente, ela viajou pra Curitiba e ainda no tempo do desapego tentei continuar tendo contato com ela, mas ela novamente continuou com as grosserias, me destratando, até que não aguentei mais, acabei jogando na cara dela tudo que tinha feito por ela, falei que ela ia morrer nisso e outras coisas, errei em ter dito as coisas, mas pensa só o fato de aceitar o que ela faz, ficar longe dela e ela começa a me desprezar como se nunca tivéssemos tido nada, depois de tudo que lutei por ela, estou com dívidas por causa disso, mas estou muito arrependido, até pedi perdão a ela, chorei, me humilhei, sei que não apaga o que falei, mas agora ela cortou relação de vez. Enfim pessoal estou muito mal, depois de tudo que me dediquei a ela e terminar dessa forma…não queria que tivesse sido assim e ainda saí como vilão da história, me arrependo do que falei demais, acho que agora só o tempo amenizar isso pra mim e pra ela.

    • Eros Himeneu

      Rapaz, mas que papelão você está fazendo kkkkkkk
      Há 2 meses atrás conheci um GP e fingi que iríamos namorar. Fiz isso por curiosidade, queria ver e aprender com a malandragem das GPs. Sou um campeão de xadrez e queria me testar, mas foi muito fácil. Tudo que essa tua ai faz, essa que está aqui comigo faz também kkkkkkkkk. Elas são viciadas em R$, e se acharem um bobo de bom coração, ai elas fazem esse joguinho ai para tirar mais R$ de você. Parece até que elas fazem tipo uma “Faculdade da Malandragem”, técnicas para tirar mais R$ dos bobos.
      Vou te dar a dica:
      1 – Marque uma consulta com a Luiza aqui do site
      2 – Marque uma consulta no psiquiatra e conte esse papelão que você está fazendo
      3 – Procure uma mulher decente para você.

      • e ainda não terminamos nosso último papo
        eu deixo ser por chat kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk (seu neura quando ver como é massa por audio não vai largar mais kkkkkkkkkk)

        • Eros Himeneu

          Ah sim Luiza, por chat pra mim é tranquilo, por voz é complicado.

      • Bowy

        Hehe obrigado pelo comentário, apesar do tom de sarcasmo, mas acho que estou ficando louco mesmo, abraço!

      • Afilhado do Temer

        GP,
        é para diversão,
        não para se viver um amor.
        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
        esses caras tão no nível de carência altíssimo
        kkkkkkkkkkkkk

        • Bowy

          SEU PAI AQUELE FILHO DA PUTA!!!!

      • Bowy

        VAI TOMAR NO CÚ FILHO DA PUTA

    • Afilhado do Temer

      CARACA, ISSO TÁ muito longo de ler brow, kkkkkkkkkkkkkkk
      não digo nem longo.
      pow, vc podia ter dividido em parágrafos,
      na sétima linha já me embolei no relato
      kkkkkkkkkkkkkkkkk

      • Bowy

        Desculpe amigo é que minha cabeça no momento está que nem o texto que escrevi, cheia rsrs…mas se tiver um tempinho e disposição tente ler e deixe sua opinião, abraço!

        • Afilhado do Temer

          cara,
          não li,
          talvez eu leia em algum outro momento, pq to com pressa aqui.
          mas aconselho a vc sair fora,
          mulher de programa não é pra querer viver um relacionamento sério,
          pois essa relação será sempre instável, não será uma relação sadia.
          dê um empo a vc, tente arrumar uma mulher direita pra vc se relacionar com seu sentimento cara.

    • Denilson Padalecki

      Rapaz, já não basta fazer papel de trouxa, ainda tem que servir de tripé pra moça ficar em cima ? Já parou pra pensar que talvez todo esse romantismo tenha ocorrido só da sua parte ? Acontece as vezes, nós projetamos nos outros, aquilo que queremos, ai qualquer sorriso, conversa, demonstração de carinho e educação, acabam soando como demonstrações de amor.
      O fato de ela te falar sobre a vida dela, talvez só queira dizer que ela te dava explicações porque vc ajudava ela, e não que quisesse algo mais sério com você.
      Ela não quer nada contigo, e se continuar insistindo, na melhor das hipóteses, ela vai te dar momentos de carinho/prazer por pena, na pior delas, ela vai te levar pro fundo do poço, não só emocionalmente, como financeiramente tbm. Siga em frente, não há como obrigar as pessoas à ficarem com a gente, e mesmo q fosse possível, não seria real, boa sorte, e que te sirva de lição.

  • JB

    Conheci uma garota de 19 anos, faz 20 esse ano, num “puteiro” desses da vida. Super inteligente, educada, nada vulgar, foge do perfil de GP que muitos conhecem. Ela me contou grande parte da história de vida dela. Disse que sua mãe biológica a “deu” para uma conhecida, que era a mãe adotiva dela. Disse que tinha sido abusada dos 6 aos 17 anos, pelo que deu a entender por um conhecido da família. Também disse que sofreu muito nas mãos de um ex-namorado quando tinha 16 anos. Esse ex gravou vídeos dela escondido e quando terminaram colocou na internet. Isso a abalou muito. No começo não acreditei muito nas coisas que ela me dizia, pois sou muito desconfiado. Passei a acreditar quando ela me adicionou no Facebook e vi até seus irmãos adotivos. Infelizmente, ela passou por muita coisa na vida, mesmo sendo tão nova, mas mesmo assim terminou o ensino médio com 17 anos e começou a fazer faculdade com 18. Mas numa dessas rasteiras da vida, sua mãe faleceu, estava com câncer, mas teve um infarto. Seu pai adotivo já havia falecido e seus irmãos eram mais velhos que ela, já possuíam suas famílias. Então ela se viu sozinha no mundo, sem casa, sem mãe nem pai aos 18 anos. A sorte dela é que ela tinha um namorado, eles foram morar juntos. Mas por causa do tratamento do câncer da mãe, ela foi mandada embora do trabalho e ele sozinho sustentava a casa. Por conta das dívidas e das dificuldades ela resolveu se prostituir. A conheci assim. Uma coisa que notei e noto é que algumas mulheres, apesar de levarem essa vida difícil (não é nada fácil transar com uns 6, 7 homens por dia, num dia ruim), algumas conseguem tirar alegria de alguns poucos momentos. Ela não conseguia fazer isso. Depois que nos conhecemos, todo dia ela me pedia pra ir vê-la, nem fazia o programa, só pelas conversas e companhia. Notava que ela estava cada vez mais triste. Até que de um currículo, de vários outros que mandei, ela foi chamada pra fazer entrevista e hoje em dia está trabalhando de carteira assinada já quase um mês. Ela me disse que mudei a vida dela, porque talvez estivesse ainda trabalhando nisso (trabalhou por quase três meses), teria se drogado, como algumas meninas queriam que ela fizesse e estaria separada do “namorido” dela. Saímos até hoje, ela diz que não fica comigo porque tenho um filho e ela não gostaria de destruir minha família assim, que filho precisa muito da estrutura familiar, ainda mais pequeno. A história dela mudou minha concepção sobre GPs.

    • CLASH SACO

      Seu caso é raríssimo, porque no caso dela, ela mesmo quis se esforçar para sair disso, apesar de sua ajuda inicial, muitas iriam desistir já na primeira entrevista, e o fato dela ter ficado pouco tempo “TRABALHANDO” como prostituta, isso ajudou a ter discernimento necessário para entender e ver que se ela afundasse nessa vida, jamais iria sair sem ter alguma sequele mental ou física. Pois é uma degradação moral e física sem precedentes, algo que fere a alma, a dignidade e a honra, vender o corpo, virar um SACO DE ESPERMA, ter que chupar centenas de paus de cores e tamanhos diferentes, submeter a humilhações e outras violências físicas e psicológicas, sentir se suja e fora dos padrões morais da sociedade, achar que o dinheiro pode tapar esse “BURACO” gigantesco que se cria, sinceramente, quanto mais tempo na PUTARIA, mais as chances de ter sequelas irreversíveis.

      E o cara que namora ou casa com uma mulher assim, na verdade nunca será feliz, pois é um tipo de “MULHER” com vários traumas mentais e psicológicos, elas perdem a noção do que é moral e do que é digno, justificam-se através do dinheiro, e vivem um vazio sem fim, pois seu passado baseou-se em dar o cu e a buceta a rodo, fazer boquete em centenas ou milhares de homens, sofrer todo tipo de violência moral e física, imagine como fica a auto-estima de uma mulher assim. E outra, quem disse que ela que tá trabalhando pra ganhar um salário mínimo irá aguentar essa rotina massante e estressante, pois todos sabemos que trabalhar em sub empregos não faz ninguém evoluir financeiramente na vida.

  • CLASH SACO

    Quando a mulher torna-se prostituta e começa a dar pra vários homens de todos os tipos, ela ultrapassa a barreira da moralidade e dignidade como “MULHER”, acaba-se tornando um SACO DE ESPERMA e sua concepção de vida muda totalmente pelo DINHEIRO RÁPIDO, mas não digo fácil, pois não deve ser nada prazeroso encontrar seres escrotos de todos os tipos na sua pior formação física e psicológica. Sinceramente, até tentei namorar com GPS, mas quanto mais elas se afundam nesta vida, digo ficam mais tempo, não conseguem mais se desvincular desta vida promíscua e que dá retorno financeiro rápido, simplesmente, porque voltar a rotina massante e estressante de ganhar salário mínimo e trabalhar 8 horas por dia é mais humilhante e indigno do que dar a buceta, o cú e deixar finalizar na boca com mais de 5 homens por dia. Acaba tipo virando uma ROTINA normal de trabalho, mesmo que seja imoral e não aceito pelos bons costumes morais da sociedade. Mas e se as prostitutas não existissem??? O que seriam dos homens né !!! Então, o negócio é encarar a PUTA como um SACO DE ESPERMA, pra gozar e ponto final, sem esse negócio de querer um relacionamento e criar uma ILUSÃO de que ela irá gostar de você, não pelo seu dinheiro, e sim pela sua pessoa. No primeiro sinal de crise, ela nos seus anos de PUTARIA, tem uma lista extensa de clientes antigos na sua carteira, e daí vai procurar por eles. Então, casar com uma PUTA é assinar um atestado de CORNO ETERNO. Se casar com CIVIL já é complicado, imagine com uma PUTA. Se existir um caso que deu certo, deve entrar nos 0.01% de casos que deram certo entre PUTA E CLIENTE. Fora isso, tudo uma grande ilusão, pois você sempre irá beijar de tabela o PAU de milhares de clientes e sentir o gosto da PORRA também na boca ao beijá-la. Relacionamento com PUTA tá fadado ao fracasso total mesmo, por esses e outro motivos, que são muitos, mais do que outros pra tentar defender um relacionamento doentio em que uma mulher beija, dá o cu e buceta a rodo, ganha presentes caros de clientes e se bober rola até sexo no pelo, e você se achando o exclusivo dela. Só rir pra não chorar.

  • CLASH SACO

    Outra característica marcante de toda puta de longa carreira é o fato dela terem um poder de persuasão e dissimulação do mais alto nível, ou seja, depois de sair com milhares de homens de todos os tipos e espécies, de ter engolido porra, submetido a todo tipo de humilhação, chupado paus de todos os tamanhos e formatos e dar o cu e a buceta a rodo no ATACADO, elas aprender a mentir de uma forma que nem elas sabem quando estão falando a verdade ou a mentira. Daí a questão “X” do negócio é: COMO CONFIAR EM UMA MULHER ASSIM PRA TER UM RELACIONAMENTO SÉRIO??? Conheci uma que usava de todas as artmanhas pro namorado pra dizer que tava doente na cama, tirando fotos em macas de hospitais, fingindo estar doente, criando situações em que ela se encontrava na CAMA, mandava essas fotos, mas na verdade estava dando o cu pro seu cliente preferido ($$$$$), aquele que dá presentes caros tipo SMARTPHONES, JOIÁS E ROUPAS CARAS, etc….e depois fica te comparando com eles, e você fica depreciado senão der um presente que represente o seu verdadeiro AMOR por ela. Ou seja, quebrou-se a barreira moral e ética dela, esqueça que isso se torna irreversível, ela vai viver a vida pelo DINHEIRO e ponto final, vai viver o seu mundo ilusório e ainda acreditar que vai encontrar seu príncipe encantado..rs. A grande maioria é VAZIA mentalmente e espiritualmente, com baixa formação intelectual, por isso não se esforçam pra sair desta vida promíscua e com retorno financeiro rápido, porque vivem de ilusões. Namorar ou casar com uma GP é assinar um atestado de “CORNO ETERNO”, e ficará maior ainda o chifre se a carteira de clientes dela costumava ser grande.Sinceramente, namorar com PUTA é viver um INFERNO NA ALMA E NO ESPÍRITO SEM FIM.

  • Felipe

    Meus amigos, não dá certo! talvez 1% dos casos dá, quem tá nessa pula fora