Sou casada, mas estou apaixonada por um homem que só conheço pela internet!

50

Leitora: Sou casada há 5 anos e tenho uma filha de 2 anos. Meu marido é muito bom pra mim. Porém, eu conheci há 3 meses um homem em um chat e começamos a teclar no msn, sem perceber eu me apaixonei por ele a ponto de não conseguir esquecê-lo. Já deletei ele várias vezes do meu msn mas não consigo ficar sem teclar com ele. Estou muito apaixonada por um homem que nem conheço. Só conheço através da CAM. Me ajudem não sei o que fazer, estou sofrendo muito. Fico horas online no Msn esperando ele entrar.

Apaixonei por um homem da internet

É por isso que eu digo: É casada? Comprometida? Então corra o quanto puder desse negócio de conversinha fiada com gente do sexo oposto, porque se você não tiver uma cabeça boa e não estiver muito bem resolvida com o seu relacionamento, tende a dar m****. Sem contar que cá para nós, tirando as raríssimas exceções, se não for papo de estudos ou negócios, é muito raro um homem querer ficar conversando com uma mulher sem segundas intenções, né? A mulher acredita na amizade com o sexo oposto, o homem não! Então, teoricamente você não tinha nada que cheirar em sala de bate papo, ainda mais que sabemos que o povo dessas salas definitivamente não está procurando uma melhor amiga! kkk

Agora que já te dei uns tapas na bunda, vamos ao seu diagnóstico. Tcham, tcham, tcham, tcham…. O seu diagnóstico é: você está carente. Na verdade, você está MUITO carente! Só cuidado para não cair – se é que você já não caiu, rsrs – no papo que muito homem joga na internet, ainda mais se perceber que você está completamente na dele e carente , que é pedir umas fotinhas peladinhas suas para “diminuir o tédio” e vocês se entreterem enquanto não podem se ver no real. Não te aconselharia fazer isso nem se você fosse solteira, você sendo casada então, muito menos! Depois ele usa isso contra você e aí você já viu, nem se você omitisse o rosto você teria escapatória em caso de ele mostrar para o seu marido, que com certeza saberia conhecer muito bem a sua franguinha e os seus peitinhos,  mesmo “sem a cara”, né? Isso se esse homem virtual não for daqueles que jogam suas fotos na internet para que outras pessoas possam ver. Enfim, regra número um: muito cuidado com qualquer tipo de informação que você for dividir com esse homem, a começar por fotos e informações pessoais. Isso servirá não só para te preservar, mas também para preservar o seu marido e a sua família, visto que você é casada.

Vamos continuar com a conversa que remete ao fato de você estar carente. Amiga, cá para nós que quem está feliz no casamento não fica se aventurando assim pela internet, e ainda por cima fazendo algo muito pior do que isso: se apaixonando!! Só se apaixona fácil assim quem está muito carente, porque pensa bem: você nunca viu esse homem na vida, não sabe nem se iria gostar dele, se ele é cheiroso, arrumado, educado, etc. Você só conhece a imagem que ele te vende nesse mundinho virtual e olhe lá, porque sempre há grandes riscos de você pagar por um smartphone e receber em casa um xingling! Esse negócio de “compra” virtual não dá muito certo, ainda mais se for com pessoas que você não sabe a procedência! Tudo o que você tem é a imagem que você criou dele na sua cabeça, aliada ao produto que ele te vendeu, que sabe-se lá se é verdadeiro e se você não aumentou as qualidades por estar carente. Ainda que nem sempre façamos isso de forma consciente, a personalidade que temos na internet nem sempre condiz com a nossa personalidade real, e isso vale tanto para você, quanto para ele. Prova disso é o facebook, lugar que você vê gente falando mil maravilhas e coisas boas o dia inteiro enquanto que na vida real é uma pessoa chata para caramba e que só reclama! As pessoas virtuais podem até ser, antes de tudo, pessoas reais, porém, o que elas mostram na internet é algo sempre questionável.

De qualquer forma, essa  sua atitude acaba por revelar algo bastante útil nessa história. Você já parou para pensar que esse acontecimento pode estar servindo de alerta para algum problema maior que você está passando no seu relacionamento, e mais do que isso, na sua vida? Há quantas anda a sua autoestima? E a sua vida conjugal? Você e o seu marido conversam, transam, enfim, são cúmplices? Você gosta de voltar todos os dias para a vida que você leva e se sente feliz por isso? Dados como esses são relevantes para você pensar não só no tanto que você ama o seu marido, como também para saber se você não está com algum problema pessoal mesmo. Problemas esses que acabaram desembocando nesse sentimento por um homem virtual que provavelmente você nem ama, mas sim o usou como bode expiatório para preencher um vazio muito maior que está dentro de você.

Quando estamos carentes tendemos a ficar meio burros, e a nossa exigência, bem como nosso senso de percepção da realidade, vão lá para baixo. Nisso, nem precisa dizer que confundir carência com amor é daqui pra alí. Eu ouso a dizer que, muito provavelmente, se você não estivesse sofrendo com nenhum tipo de conflito maior,  você nem estaria dando bola para esse homem e estaria pouco se lixando se ele entra ou não no msn: afinal de contas, “ele é só um homem da internet mesmo!”. Na verdade, se você estivesse solteira você até poderia dar alguma atenção para ele, mas não ficaria apaixonada nessa rapidez, e nem nessa intensidade que você se encontra. É como se você fosse aqueles cachorrinhos carentes e com fome que é capaz de se jogar no colo da primeira pessoa que parecer um pouco mais atenciosa do que as outras só para não se sentir tão sozinha, sabe?

Cuidado com tudo isso. Se ainda que você seja carente você ama o seu marido, mais cuidado ainda. No fim, a carência só vai te prejudicar: com o seu marido, caso ele descubra que você está batendo asa para outro homem, e até mesmo com esse homem da internet, que ao sentir que você está assim, tenderá a se afastar de você. Digo isso porque (praticamente) homem nenhum valoriza mulher casada, se ainda por cima essa mulher for carente e grudar nele aí que ele vai se assustar mesmo! É triste, mas o ser humano não costuma valorizar pessoas na sua atual situação (carente E casada), sendo assim, vamos dar um trato na autoestima a fim de que você ganhe forças ou para terminar esse casamento de vez, ou para recuperá-lo de vez, porque você sabe como é, né? Quando estamos com a autoestima em dia somos capazes de conseguir qualquer coisa, basta a gente querer!

Não te recomendo encontrar com esse homem, ainda mais nessa situação frágil e vulnerável que você está e que só aumenta as suas chances de fazer alguma besteira que você possa vir a se arrepender depois, porém, se você for cabeça dura e decidir que quer porque quer encontrar esse homem, por favor, leia esse post com dicas e precauções para se encontrar com alguém da internet e fique muito esperta. Também recomendo esse post com Dicas para levantar a autoestima!

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.