Uma linda história de amor…

12

Uma mulher tenta conquistar um homem, só que esse homem não percebe ela. Apaixonada e sem saber o que fazer, ela decide cantar, até que descobre que o problema dele é algo que ela não esperava.

Um lindo vídeo. Surpreendente e eu chorei. Pensei também se não teria sido legal se ao menos uma vez na vida uma mulher que foi tão sem atitude quanto eu em relação aos homens tivesse dado o primeiro passo. Como teria sido?

Mulheres sem atitude do meu Brasil: sempre há tempo de dar o primeiro passo com alguém: se não for com um pretendente para quem é solteira, pode ser com o namorado, com o marido. Tanto faz. O que importa é dar um primeiro passo impulsionado pela coragem do amor. É libertador pensar que você sempre poderá fazer algo que você nunca fez.

Lindo, lindo, lindo!

Ah, o vídeo se chama “Cupido”. Tudo a ver…

Sei que postei dois vídeos hoje, mas achei que esse valia a pena =)

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • josé

    gostei muito bom!

  • Sebastião Júnior

    Olho molhado… Nó na garganta… Coração aquecendo… Coisas que esse vídeo provocou em mim com tamanha simplicidade de história, mas dentro de uma aura tão magnífica. Como eterno romântico que sou, acabei vendo nesse vídeo o sonho de encontrar uma mulher de atitude que consiga expressar a plenitude de seu amor, por mais tímida que ela seja.

  • Marcelo Torres

    Acredito no seguinte: Quando algo tem de acontecer o Universo inteiro conspira a favor. O contrário também funciona…

    • Mika

      É… e essa “conspiração do contrário” parece ainda mais contundente… :-/

      • Marcelo Torres

        Não, a conspiração do contrário é a que mais prestamos atenção… a conspiração positiva é sempre em maior número e em maior quantidade…

        Juro que não vou entrar na questão filosófica de que tudo conspira para o bem… rsrsrsrsrs… seria muita viagem para uma resposta de post…

        • Mika

          Na verdade, o bom e o ruim são apenas lados opostos do mesmo fenômeno. E é a nossa própria ignorância de como se desencadeiam esses eventos que nos leva a acreditar que alguns acontecimentos nos são contrários. Às vezes, quando tudo parece dar errado, pode muito bem ser o dedinho de Deus afastando uma escolha ruim que fizemos…
          Mas vou fazer uma confissão: Não acredito muito em teorias conspiratórias…rs. No que se refere ao Universo, pra mim faz muito mais sentido a Teoria do Caos…

          • Marcelo Torres

            A teoria do caos me soa meio complicada. Tudo sem controle e tudo acontecendo sem nenhuma ordem, quando as coisas são sempre bem organizadas (falando em linhas gerais dos elementos)…

            Mas a conspiração que me referi é apenas a ajuda que sempre recebemos para fazer o que temos vontade. Se eu tenho vontade de fazer alguma coisa (qualquer coisa), esta vontade é incentivada por inúmeras forças. Claro que isto só faz efeito quando a coisa a ser feita depende unicamente de nós mesmos.

            Isto eu considero conspiração (pode ser chamado também de lei de afinidade onde energias afins se atraem).

            Papo nerd! kkkkk… Eu gosto! Ainda mais quando acho alguém que me dá corda pra isso…

          • Mika

            O que move o Universo são as nossas atitudes, não nossas vontades.
            Um simples ato vale mais do que mil pensamentos. Nossos desejos não vêm do nada. São eles, também, um reflexo de ações que sofremos. Tudo bem, você pode argumentar que estou desprezando o fato de que pensamentos também são manifestações poderosas de energia, no que eu concordo, mas, ainda assim, acredito que atos são mais produtivos do que desejos. E é exatamente isso que o filme que a Luiza postou quis mostrar. Sem a ação de algumas pessoas, o final da história teria sido outro.
            A Teoria do Caos defende que esse aparente caos do Universo é resultado de combinação de Sistemas que obedecem a leis muito precisas, mas em tal quantidade e complexidade de eventos que não somos capazes de analisá-los. Todo fenômeno, por mais banal que pareça, tem seu papel na dinâmica do Universo. Exemplo clássico disso é o do “Efeito Borboleta”, descrito pelo matemático Edward Lorenz: O bater de asas de uma borboleta no seu jardim desencadeia uma série de eventos que irão culminar numa tormenta do outro lado do planeta.
            Aproveite e veja também o filme “Colisões – Reação em Cadeia” (o link está no final desse aí de cima). Tem a ver com o que estamos discutindo.

          • Marcelo Torres

            Vamos separar vontade de desejo? Vontade é o passo seguinte ao desejo. Eu desejo muita coisa, mas só realizo quando o transformo em vontade, que é a movimentação de atitudes mentais para a realização do desejo.

            Estas manifestações mentais atraem outras manifestações de mesmo teor e qualidade. Por isto a conspiração universal…

            O Caos a que me referi é a crença de que não existe nenhuma regra e que tudo anda de forma aleatória. A Teoria do Caos a que você se referiu eu acredito piamente. Existem regras precisas e definidas que regem todo o Universo. Cada elemento químico se forma mediante regras precisas. Isto se aplica super bem a tudo o que podemos conceber como físico (desde as partículas que compõem um simples átomo). O fato de não conseguirmos ver estas regras e definições não significa que as mesmas não existem, apenas escapam de nossa compreensão (neste momento). Acredito que estamos falando da mesma coisa, apenas com dialetos diferentes… rsrsrs

            O “Efeito Borboleta” (do Lorenz) é perfeito e é retratado em inúmeros filmes e contos (inclusive agradeço muito pela indicação do filme, adoro filmes assim e certamente vou gostar deste, apesar de não visto o link vou procurá-lo).

            Enfim, a conspiração a que me referi no post inicial é simplesmente a lei de atração de energias semelhantes. O Universo é regido por leis semelhantes.

  • Mika

    Lindo! Também chorei. Sou uma romântica incorrigível…

  • Emily Louise

    Chorei :´)

  • Luis

    eu nao chorei, ACHEI QUE NAO TEM NADA HAVER ISSO AI, alias eu nao choro muito srrsrsrs