Dica: pense muito bem antes de se casar na Igreja

14

Subir no altar, toda de branco depois de muita dieta para desinchar, com o padre e o noivo te esperando. Qual mulher nunca sonhou com isso? Eu não, e posso explicar o porquê.

PS: Se você é religiosa e irá se casar dessa forma tradicional por conta de suas crenças, talvez esse post não seja para você. Do contrário, se você apenas gostaria de uma comemoração inesquecível, aí sim você pode continuar lendo.

Pense nos gastos por um vestido que você nunca mais irá usar, por um buffet + convites + toda uma sofisticação de uma festa para agradar pessoas que muitas vezes nem gostam de você. Quantos amigos você tem? Quantas pessoas da família você realmente gosta? E quantas pessoas precisam para se ter uma festa? Muito mais do que as pessoas que você gosta, né? Nisso, você acaba pagando um preço alto para encher o bucho de gente que provavelmente sairia do casório falando que a comida estava fria, que não tinha casadinho e que a roupa da noiva poderia estar melhor. Sem contar que você teria que ficar fazendo sala para a sua tia chata enquanto na verdade você estaria é doida para viajar logo para a lua de mel com o amado.

É claro que o gasto com tudo isso seria exorbitante: uma boa festa + igreja + viagem não sairia por menos do que alguns milhares de reais, coisa que muita gente vende as calças, e até mesmo um apartamento, para conseguir pagar tudo!! Sem contar o casal que fica quase que “passando necessidade”, vivendo apenas com o básico do básico para juntar as economias para a cerimônia, para no fim gastar até mesmo um dinheiro que não tem para ela acontecer de vez. Eu mesma, tenho uma conhecida da época de faculdade que não faz nenhuma viagem – nem mesmo para a cidade vizinha – e só compra de comida o essencial, para ver se sobra no final do mês, para quem sabe, depois de um ano de poupança, ela consiga juntar dinheiro para uma cerimônia básica.

Só espero que eles não terminem o noivado devido à monotonia causada pela $falta do que fazer a doi$ e nem façam nenhum empréstimo para ajustar “os detalhes que faltarem”. Isso que a noiva quer uma comemoração simples, imagine se ela quisesse uma festa de arromba! Tudo isso para agradar mais “aos outros” (convidados), do que aos noivos em si (claro que eles também estariam felizes pela festa, mas esta não é essencial para a felicidade de um casal). Sem contar os bons meses, e às vezes mais de ano, que os noivos – ops, a noiva – gasta na correria que exige um casamento tradicional: prova de salgados, de docinho, de bolo, de roupa. Levantamento de preço, arrumar coisa que deu errado, escolher as lembrancinhas, a decoração, ficar com os cabelos em pé de tanto estresse e ansiedade, e lá vai bolinha…

Tem certeza de que toda essa trabalheira vale a pena? Acho que não. Não vou nem dizer que a maioria dos casamentos não tem durado nem o tempo de pagar as prestações da festa e das coisas da nova casa para não avacalhar logo de cara e te deixar triste. Vou tentar manter esse post otimista de que o casamento durará para sempre, e mesmo assim, acho que a festança pode não valer a pena.

Partindo do pressuposto que o seu casamento, bem como o seu amor, nunca irão acabar, por que já não comemorar a sua felicidade pulando a parte da festa, e indo para a lua de mel (viajando) logo de cara? Sei que a princípio essa ideia parece tosca, foge da tradição do “e a festa?”, mas sabe aquela grana enorme que você gastaria se casando de véu e grinalda? Veja alguns lugares que você poderia ir na lua de mel por muito menos do que isso e ainda poderia comprar roupas e demais coisas “não descartáveis” que você usaria para a vida inteira.

Ah, mas eu quero me casar na igreja porque quero que esse dia seja inesquecível“. Sério que você acha que isso seria mais inesquecível do que viajar coladinho com o seu amor e não ter que ficar fazendo sala para um monte de convidado que só foi na sua festa para comer de graça?

Você poderia estar com 10 calos no sapato e seu pé todo amassado.Você poderia passar o ano inteiro planejando mil coisas para o seu casamento… ou você poderia conversar por alguns dias com agentes de turismo e estar aqui:

** The CraneResidential Resort, no Caribe:

Crayne Resort

Localizado na famosa praia caribenha de Crane, esse resort oferece bons restaurantes, piscinas com vista marítima, e quartos estilo século XIX, só que com as tecnologias e confortos que esperamos nesse mundo moderno, como TV à cabo, acesso à internet, etc. Nesse resort também é possível encontrar uma galeria de arte e áreas para fazer compras, bem como equipamentos de academia. E o melhor, fica próximo (de carro, claro!) do Aeroporto Internacional Grantley Adams.

Você poderia gastar uma grana lascada com comida de convidado, ou você poderia gastar parte disso e guardar todo o resto para comer aqui, em uma conta para duas pessoas: só você e o seu amor. Quer melhor?

*** Restaurante submarino Ithaa, localizado nas Ilhas Maldivas e construído no meio do Oceano Índico!!!! Isso já é a decoração por si só =)

Restaurante submarino Ithaa

Esse belíssimo restaurante faz parte do Conrad Maldives Resort & Spa, o queridinho de muitos apaixonados em lua de mel.

Você também poderia estar na Rússia, comendo nesse restaurante aqui ó:

*** Restaurante Varvary, em Moscou:

Restaurante Varvary

Eu não preciso nem falar da decoração, né?? A cara da “chiqueza” e os detalhes remetem à arte russa no período de “Pré-revolução”. Reza a lenda que um dos melhores chefs de cozinha do mundo está por lá. Mas também, né? Com essa beleza toda é previsível que eles no mínimo tenham um ótimo chef =)

Vendo esses lugares, você acha mesmo que precisa gastar tudo com uma big festa e depois só sobrar dinheiro para você viajar para o interior com o noivo(a), porque o resto iria para as prestações do evento?

Você pode fazer sala para os outros… ou você pode dormir e acordar na hora que bem entender, e ainda tomar o seu banho nesse lugar aqui:

** Resort Baros Maldives:

Resort Baros Maldives

Todo mundo sabe que as Ilhas Maldivas são um dos lugares mais maravilhosos do mundo, rodeados com muita água cristalina e belezas naturais. Esse hotel luxuoso conta com cama king size e muito conforto. Não vai nem precisar chutar o maridão da cama, cabe todo mundo!

Você poderia estar sujeita às pessoas dizerem o tanto que o seu vestido estava cafona, ou você poderia gastar a grana equivalente para abastecer metade do seu guarda roupa em free-shopsoutlets da vida. Ah, e por um preço muito mais barato que o real! E claro que você iria reutilizar muitas vezes os modelitos e não iria precisar guardar um vestido amarelo para sua filha que sabe-se lá se iria querer usar o vestido (ultrapassado?) da mãe.

** Duty Free-shop em Puerto Iguazú, na fronteira com Foz do Iguaçu. Eleito duas vezes o melhor do mundo:

Duty Free-shop

Por fim, você poderia gastar um tempão levantando os convidados + soltar uma grana para pagar o convite chiquérrimo de todo mundo, ou você poderia aproveitar a viagem para as gringas e comprar algum eletrônico tipo esse:

iphone

Nem precisaria mandar convite de papel, nem gastar com motoboy, e ainda ficaria com o equipamento para você =)

Mas e a recordação desse momento único?

Com uma viagem dos sonhos dessa e à dois, ter foto de festa se torna algo muito menor: o negócio é ter muitas fotos legais, românticas, e até mesmo engraçadas dessa viagem. Fora os lugares citados, você pode tirar foto em Paris, Londres, Japão. Ficar alugando salão de festa pra quê?

Mas minha família é muito religiosa: e agora?

Casar assim não tiraria a fé que você leva dentro do seu coração. Fé a gente mostra nas atitudes, em como tratamos as pessoas, não necessariamente em uma festa que muitas vezes você nem faz por desejo pessoal, mas sim por pura tradição.

***************************************************************************

Já assistiu as breves dicas para fazer o seu relacionamento durar?

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.