Quero muito ver minha mulher na cama com outra, mas não sei como convencê-la

25

Leitor: Prezada Luiza, eu adoro minha mulher. Estamos juntos há dois anos e temos uma bela bebezinha. Adoro fazer sexo com ela. Mas há algo que eu sempre penso e que não me sinto satisfeito sem realizar, que é vê-la com outra mulher na cama. Tenho mais desejo em vê-la com outra do que transar com as duas. Não faço ideia de como realizar isso e nem de como conversar com ela a respeito. E o pior é que ela não demonstra nenhum desejo pelo mesmo sexo. Espero que possa me ajudar.

Quero muito ver minha mulher na cama com outra

Querer ver a mulher transando com outra: seria mesmo um “gosto quase que genético” entre os homens ou apenas um gosto cultural que enraizou tanto na mente de vocês, que parece que todos querem a mesma coisa, tipo “modinha entre os homens”? Não me batam nem me chamem de ridícula por estar perguntando isso (rsrs), mas sinceramente não sei não, às vezes me pergunto onde começa o gosto realmente pessoal e onde começa a “contaminação” com a cultura do “homem macho sim senhor”, do tipo “homem que é homem pensa que melhor do que ter uma, é ver duas se pegando”. Mas enfim, isso depois vocês me respondem nos comentários e vamos ao caso em específico =)

Meu amigo, se sua mulher não tem o mínimo talento para bissexual, senta e chora porque não tem jeito. Na verdade, fiquei até feliz por ela ter assumido isso, porque o que mais tem é mulher que “paga de bi” só para satisfazer o marido e depois morre de arrependimento. Inclusive no ano passado, quando fiz uma entrevista sobre swing aqui no blog, estava conversando exatamente sobre isso com um praticante: ele disse que no meio dele é lamentável ver o tanto de mulher que transa com outra não só para satisfazer o marido, mas também para se sentir desejada por outros homens, sabe? Do tipo “se eles gostam de ver mulher com mulher, vou pegar mulher só para me sentir mais desejada por eles e eu ficar mais atraente por isso”. Infantilidade, né? Mas acontece, e muito! Mas enfim, fico feliz por sua mulher não ser assim e, ainda que você pense que o preço da felicidade dela é a sua tristeza, reconheça que isso é o melhor que poderia acontecer nesse caso. Já pensou se sua mulher aceita e depois “fica te odiando por isso?”. Certamente você vê isso como algo simples, apenas um fetiche lindo de se ver, porém, para ela pode desencadear um trauma muito grande, algo que ela jamais se esquecerá, caso aconteça. Nisso nem precisa dizer que, se isso acontecer, as chances dela passar “a te odiar” por isso são enormes, aí já era o seu casamento.

Sei que você me procurou para te dar um “método infalível para conseguir o que você quer” e eu até poderia pensar nisso SE eu não me importasse com a sua esposa. Sei que muitas vezes não é por maldade, mas vocês homens têm uma mania terrível em querer “convencer a mulher a fazer algo sexual” que vocês querem e acham que não tem nada demais em fazer, só que se esquecem que, em geral, a lógica sexual feminina é muito mais burocrática, complexa e delicada do que a de vocês: o mundo está moderno, mas tem coisas que ainda levarão muito tempo para serem mudadas, se é que serão mudadas. Sei que sua intenção não é “forçá-la” a nada, tanto é que você procurou ajuda, porém, entende que ainda que não seja a sua intenção consciente, caso você conseguisse o que quer e levando em consideração que ela não gosta de colar velcro, na prática seria o que você faria?

Entendo que é triste morrer sem ter realizado uma fantasia, porém, pense que a partir do momento em que você resolveu dividir a vida com alguém, é mais do que óbvio que você terá que perder algumas coisas para ganhar outras: do tipo perder a sua fodinha para ganhar uma mulher em paz. E acredite: certamente ela também abdica e abdicará coisas em prol do relacionamento de vocês. Nenhum casal pode ter tudo e vocês não são diferentes disso.

A boa notícia é que, se e somente se, sua mulher tiver uma personalidade extremamente compreensiva,  também não custa você tentar conversar se ela “te liberaria” para realizar esse fetiche com outras mulheres completamente desconhecidas e que você nunca mais iria ver na vida, visto que ela não leva jeito para isso. É claro que seria um pedido um tanto quanto inusitado e que dependerá do estilo da sua esposa: se você sabe que ela faz o estilo brava ou extremamente conservadora, nem perca o seu tempo perguntando que você levará uns tapas na orelha kkkk. Porém, se ela tem um nível de tolerância maior, não custa tentar, né? Agora, se no seu fetiche é obrigatório ter a sua esposa em específico, sem poder “trocar por outra”, aí meu amigo, senta e chora de novo, porque querer isso seria o mesmo que aceitar transar com outro homem só porque é o fetiche da sua mulher. Não dá, né?

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.