Estou super afim do ex da minha amiga, mas ela não sabe disso e me sinto desrespeitando ela!

235

Leitora: Oi, venho pedir um conselho de amiga. Namorei dois anos e terminei meu namoro há 10 meses e, mesmo com o término do meu namoro, continuei “ficando” com meu ex e fizemos um trato de nos respeitar. Estava tudo ótimo até o ex da minha amiga começar a pedir pra ficarmos e começar a me provocar. Enfim, eu lutei o máximo para resistir mas não deu muito certo. Acabamos ficando e estamos ficando até hoje em segredo e toda vez que penso o que estou fazendo, eu sofro por ter traído minha amiga, mas agora estou muito envolvida com ele. O que eu faço?

Estou super afim do ex da minha amiga, mas ela não sabe disso e me sinto desrespeitando ela!

Gente, mas ex é ex!! Tudo bem que vocês são amigas e sabe-se lá se ela é possessiva ou não: sabe como é, tem menina que termina com o namorado, sabe que não dá mais certo, que não tem mais nada a ver, que não rola mais a mínima atração, quer vomitar na cara dele e quer que ele morra, mas mesmo assim não quer largar o osso. Mulheres: tudo doida! Mas o mais louco de tudo é querer insistir em uma ideia de “propriedade”, que sequer nunca existiu na raça humana, ainda mais com ex, né?! Mas continuemos.

Tudo bem que existe a questão do respeito, etc, mas aí entra a dúvida: até onde é respeito? E até onde é puro egoísmo e questão de ego? Para saber a resposta, bora colocar em prática algumas dicas desse post =)

Primeiramente, faça a pergunta mais super, plus, mega importante de todas: ela ainda gosta dele? Se ela disser que não, aí é só mimizinho de mulher com brinquedo velho que não quer mais brincar, mas também não quer que a outra brinque. Claro que isso não significa entrar em uma guerra ou desrespeitar o “mimimi” da amiga. Afinal de contas, amiga que é amiga conversa, certo? Porém, nesse caso não custa nada tentar clarear o lado racional da “brother”, alegando que não tem nada a ver ficar requentando marmita azeda. Se ela for amiga mesmo e, acima de tudo, se tiver certa maturidade, acredito que mais cedo ou mais tarde se tocará que o que não faz a mínima diferença para ela, será justamente o que fará toda a diferença para você.

Agora vamos para uma possível bomba: o negócio começará a feder e ficar mais complexo se ela revelar que ainda gosta dele. “Aí quem vence”? Se acontecer isso, o papo terá que ser reto e ambas terão que chegar a uma conclusão juntas.  Eu sentaria e falaria com minhas próprias palavras algo na ideia do “gostaria de deixar claro que nossa amizade tem que vir acima de qualquer homem, afinal de contas, amigos são para sempre, homens nem sempre. Porém, como também precisamos de amor para viver (que fofa, óun!!!), vamos tentar chegar em um consenso a respeito do que conversaremos aqui”. Nisso eu já contaria logo de cara que estou afim dele: sabe como é, quanto mais você enrolar, mais difícil ficará a longo prazo. Até que, papo vai vai, papo vem e as duas acabariam levantando os prós e contras que caberiam na realidade de cada uma, até que, quem sabe, algo comece a fazer sentido para vocês. Por exemplo, se ela ainda gosta dele, mas ele gosta de você, já seria um pró pra sua amiga liberar o bofe para você, certo? Do contrário, se eles terminaram por motivos que não tem nada a ver com falta de sentimento, aí sim ficaria um assunto mais delicado. E ele? Será que gosta de verdade de alguma das duas? Ou será que ele é afim das duas? (danadinho kkk). Sei que o sentimento não é algo assim tão racional a ponto de poder “advogar”, porém, concorda que conversando e dizendo logo a real você entenderia muita coisa, emagreceria 30 quilos na consciência e não ficaria de falsa?

Lembre-se sempre que ter ficado afim do ex da amiga foi só uma fatalidade: não escolhemos de quem gostar e, querendo ou não, ele é ex, né? Porém, deixar de ser sincera consigo mesma e com sua amiga é outra coisa completamente diferente que só atrapalhará a chegar a uma decisão final. Outra coisa que você tem que tentar consertar antes que seja tarde demais é essa de ficar com dois caras ao mesmo tempo, sendo que você “prometeu” respeito a um deles. Tudo bem que eu nunca entendi essa de ficar e querer cobrar fidelidade ao invés de namorar logo de uma vez e desafogar a boiada, mas se vocês combinaram, é isso e vamos cumprir ou sair logo da moita, né?

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.