Ele ama orgia, me domina, paquera outras mulheres e mesmo assim gosto dele!

157

Leitora: Olá Luiza, estou apaixonada por um homem que é viciado em sexo. Ele tem 41 anos, é divorciado e eu tenho 23 anos. Ele ama orgia e me domina na cama. O único problema é que nos conhecemos no Tinder e ele vive em outros aplicativos atrás de mulher. Desde que nos conhecemos ele dizia que queria ser meu dono e me deixar como escravinha dele, mas parece que não quer nada sério. Tento evitar, mas ele tem uma lábia muito grande e eu o amo de verdade. Essa compulsão sexual dele pode ser carência? Como conquistar alguém desse tipo? Estamos ficando há um mês.

Ele ama orgia, me domina, paquera outras mulheres e mesmo assim gosto dele!

Ô talento que mulher tem pra gostar de um cafa!! Nesses dias minha cabeleireira estava falando bem isso: o que tem de mulher que entra lá no salão e que gosta de homem que não quer nada com nada não está no gibi. Muitas inclusive assumem que gostam mesmo é de homem que não presta, que isso de ser bonzinho não tá com nada e é broxante kkkk, dizem que bom mesmo é aquele cafa que come gostoso e que escorrega que nem quiabo. Mas já que você já tá nessa, vamos refletir um pouco e ver o que dá para fazer.

Não sei se a compulsão sexual dele é carência, doença (ninfomania) ou safadeza mesmo. Agora, a sua atitude em aceitar tudo isso é carência com certeza! Sem contar que ele ter 41 anos e não ter tomado vergonha na cara até hoje é osso! E ainda pensa que é o tio Sukita dando em cima de geral no Tinder. Já é difícil mudar cabeça de homem – ops, ser humano – jovem, quem dirá de homem mais velho que geralmente pensa que sabe de tudo e mais um pouco. Inclusive seria bom você sondar, como quem não quer nada, se alguma vez na vida ele já foi fiel e já levou alguma mulher a sério. Se você descobrir que no auge dos 41 aninhos ele nunca foi uma pessoa “certa das ideias”, eu não bancaria a madre Tereza no seu lugar…

Primeiro de tudo: se você gosta de ser dominada e ele já percebeu isso, provavelmente ele não irá mudar tão cedo. Mudar por quê se ele vê que você fica toda molhadinha e ainda pede mais? Mudar por quê se no fundo ele sabe – e provavelmente você também já saiba – que se ele virar “moço mais comportado” nem você mesma irá gostar tanto assim dele? Muitas vezes a gente gosta muito mais da possibilidade da conquista do que da pessoa em si. E muitas vezes a gente gosta muito mais do mistério e da expectativa do que da realidade. Do tipo “vou domar esse cafa, você vai ver só. Ele vai ser só meu!!”. Então pense até que ponto o seu caso é romance sincero, ou só fogo no rabo mesmo.

De qualquer forma, o lado dele já está ganho e é isso que importa pra ele. Se você quiser só putaria é só continuar como está, mas se você quiser mudar algo na cabeça dele, antes terá que mudar a sua atitude para ver se assim QUEM SABE ele muda a dele. Em outras palavras: ele não vai mudar se você não mudar, pelo simples fato de que ele não tem por que mexer em time que está ganhando. No caso o dele! Não que o amor seja um jogo, mas você entendeu o que eu quis dizer.

Você já começou “errado”, ou seja, submissa e aceitando que ele paquere outras no Tinder, etc, e mesmo assim continuou dando pra ele. “Ah Luiza, mas eu nunca aceitei isso”. Ué, mas continuou dando! O que na prática dá na mesma para ele, visto que ao menos por enquanto ele não parece querer algo sério.

Você acha que ele não pensa que por mais que você lata você continua na dele? E aí você vai querer conquistar ele como, agindo desse jeito, que é só ele te jogar um papinho que você já cai toda arreganhada (no bom e no mau sentido, rs)? Não tô querendo ser conservadora, mas esse aí faz o tipo que se você não se der ao respeito, ele também não te dará. Ele sabe que, apesar dos pesares, você está sempre lá, e é aí que ele deita e rola em cima de você!

Não tem essa de “a lábia dele é ótima“. Ok, pode até ser, mas isso não muda o fato de que se você continuar fazendo as mesmas coisas, continuará obtendo os mesmos resultados.

“Ok Luiza, mas como mudo esse meu jeito de ser?” Primeiro aquietando essa periquita. Nisso você irá saber – ops, testar – se ele realmente só te quer pra trepar ou não! Se toda vez que ele te ligar for só pra isso e se você falar que “não quer dar naquele dia, que só quer conversar, ficar tranquilinha” e ele sumir, aí você já terá a sua resposta. Não adianta, mesmo que o mundo esteja bastante mudado, é raro o homem que assume mulher que gosta – ou aceita – a vida bandida, porque fora ser algo garantido e cômodo para eles, o que consequentemente não os incentiva a ser melhores tampouco a assumir um relacionamento, faz eles se sentirem machos, “os pega-geral”. Sem contar que não precisam mostrar pra mãe e ainda tiram onda com os amigos, rs. Claro que não são todos que fazem isso, mas que esse já mostrou talento pra coisa isso é fato!

O lado bom é que, como vocês estão ficando há apenas um mês, as chances de reverter aumentam um pouco mais, porque se você tivesse há anos nessa, aí minha filha, você já estaria acomodada e ele também e o buraco ia ser bem mais embaixo. Aproveite enquanto você ainda não se apegou tanto (não vá me dizer que já tá amando loucamente com só um mês de pegação que te dou uns tapas, rs) e tá só com fogo no rabo que ainda dá tempo de melhorar isso. E se ele vazar porque você não queria ser só almoço grátis, pense que é melhor do que ficar se sentindo usada que nem você estava antes, né? E também se conforme que você estava mais afim dele do que ele de você. Se você não tiver um fetiche muito forte com isso, é melhor ficar sem do que como segunda opção. Concorda?

Já ouviu nosso Podcast sobre Cafajestes?

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.