Minha mulher não deixa eu pagar as coisas para ela, mesmo ela trabalhando em casa!

50

Olá Luiza, gostaria da sua opinião. Sou homem, 34 anos, casado há 10 com a mesma mulher a quem amo muito. Ela trabalhava e antes do casamento me disse: “Caso você queira ter filhos, tudo bem, mas neste caso eu não irei mais trabalhar fora”. Concordei. Desde então só eu trabalho, tivemos nosso filho e vivemos em harmonia. Sou funcionário público, temos nossa casa nova, carro novo, contas em dia, dinheiro guardado, etc. Mas ela não aceita que eu compre nada e nem dê nenhum dinheiro a ela. Ela fica usando roupas velhas, o mesmo óculos por vários anos até não enxergar direito e está se cuidando bem pouco. Tentei conversar, insisto para comprar as coisas que acredito que ela queira e lembrei-a que quando fizemos o nosso “trato” estaria subentendido que eu faria todas as despesas, inclusive tudo que ela quisesse e precisasse. O que posso fazer? Estou agindo errado com ela ? Obrigado.

Minha mulher não deixa eu pagar as coisas para ela, mesmo ela trabalhando em casa!

Primeiramente, queria te parabenizar pelo seu bom senso: hoje em dia, o que mais tem é casal onde um sempre quer tirar vantagem do outro, seja o homem que quer que a mulher pague as contas, mas não quer cuidar de casa, seja a mulher que se dispõe a apenas ser sustentada sem dar nada em troca, como se fosse uma prostituta de luxo. Acho o seu pensamento bastante coerente e espero poder te ajudar.

Desde que ela não seja uma pessoa naturalmente desleixada e desligada – antes mesmo de te conhecer – para mim está claro que ela acha que você já faz muito por ela e que ela não quer te dar mais trabalho do que pensa que já dá. Assim, ela acabou incorporando que não precisa de mais nada e que o dinheiro é seu, não dela. Logo, que não seria justo gastá-lo, entende? Acredito que ela está valorizando demais o seu trabalho e pouco o dela: explique que não é porque você ganha um dinheiro todo final de mês e ela não, que o que ela faz não tem valor. Eu no seu lugar contaria até uma piadinha que rola na internet que soma o preço de uma babá, uma dona de casa, uma enfermeira, entre outras profissionais e que diz que uma mulher presente não custa nada e vale muito mais do que isso, até porque tem amor, né? Explique que se você tivesse que pagar tudo o que ela faz para uma profissional, sairia é muito mais caro e você teria que vender os olhos da cara, rsrs. Sem contar que, como bom funcionário público, o seu emprego é estável, vocês tem uma poupancinha e não tem porque ela segurar tanto.

Sei que estou falando tudo ligado a dinheiro, mas é porque acho que o maior problema de vocês gira fundamentalmente em torno dele: ela deve achar que você rala mais do que ela e aí fica com “dó de você”, mas se você explicar que você nem trabalha em 365 dias do ano, tem férias e décimo terceiro e ela não, quem sabe ela não se anima mais um pouco ainda? kkk. Explique que você está se sentindo mal com isso, que quer ver ela bonita, bem cuidada e que isso seria inclusive um presente para você e para o casamento de vocês dois.

Ela parece ser uma pessoa que pensa muito mais na família do que nela mesma e é justamente por isso que você tem que também “jogar” com esse lado familiar e de casal, sabe? Explique que, por exemplo, ao trocar o óculos, isso não faz bem só para ela como mulher, mas também para você como homem que se sente protegendo a sua (linda e bem cuidada) esposa. Explique que do mesmo jeito que ela quer cuidar de você, você também quer cuidar dela e ela não está deixando. Explique que da mesma forma que ela se sente bem sem gastar nada, que você se sente mal em não tirar “nenhum” dinheiro do bolso. Fale que você quer negociar um meio termo e se mesmo assim ela continuar mal cuidada, pergunte se ela se sentiria melhor com vocês pagando uma profissional para fazer o que ela faz, ao mesmo tempo em que ela procuraria um emprego na rua. Sem contar que o fato dela não só já ser casada (comodismo para muitas mulheres) + o fato de só ficar em casa (“me arrumar para quê se só fico aqui e com um homem que já sei que me ama independente de qualquer coisa?”), podem estar estimulando ainda mais esse lado dela.

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.