Tenho o pênis pequeno e acho que nenhuma mulher irá me querer por conta disso!

228

Leitor: Tenho 19 anos e sou virgem, mas ser virgem não é o motivo do email e sim o porquê de continuar virgem. Já tive chances de transar, mas sempre fujo por ter vergonha do tamanho do meu pênis, tenho medo da menina sair espalhando que é muito pequeno para as amigas dela e se meus amigos ficam sabendo então, eu morro. Não é paranoia, visito a casa de amigos e até irmãos deles de 14, 15 anos já têm o pênis maior que o meu. Só por isso já seria ruim, mas poderia resolver com prostitutas, mas fico pensando em casamento, é como se eu nunca pudesse ter uma esposa, não me sinto “homem” de verdade. Sem falar que esse pênis tão pequeno iria gerar ciúmes em mim por achar que ela iria querer um homem com pênis normal, fora a vergonha claro.
Quero transar e isso resolveria com uma prostituta que está fora do meu ciclo de amizades, mas quanto à família, quero casar, ter filhos, mas como fazer isso, se tenho vergonha de algo que é essencial pra relação já que tenho vergonha de transar com uma mulher que faça parte do meu meio social? Como superar isso pra conviver com minha “maldição” da melhor maneira possível?

Tenho o pênis pequeno e acho que nenhuma mulher irá me querer por conta disso!

Eu arrisco a dizer que 98% dos homens gostariam de ter o pênis maior, nem que fosse 2 cm, rs. Então, não se sinta tão fora da média. Porém, supondo que o seu pênis realmente seja muito, mas muitoooo pequeno, pense no óbvio: se não tem remédio, remediado está. Essa é a sua cruz, você não tem escolha e não adianta se lamentar por isso. Quer dizer, escolhas você até tem:

1- Morrer virgem e com vergonha de si mesmo

2- Superar isso

Eu voto na 2 e sei que no fundo esse é o seu voto também, tanto é que você me procurou. Não vou mentir em dizer “ah ninguém liga pra pau pequeno. Isso é bobagem!“. Se eu dissesse isso, estaria mentindo. Porém, também estaria mentindo se falasse que TODO MUNDO liga para SÓ isso e que ninguém namoraria contigo SÓ porque você tem o pênis pequeno, entende? Entendo que o seu problema é justamente o símbolo de masculinidade para a maioria dos homens e “não tê-lo” dói, porém, é o que vovó sempre dizia: ninguém carrega uma cruz maior do que pode suportar e todo mundo tem uma sombra para descansar. Você só não está conseguindo encontrar a sua porque está muito preocupado com a parte vazia do copo.

Pelo o que eu sei – mas os leitores e comentaristas podem me atualizar – é que não existe um método realmente eficaz para resolver esse problema. Já ouvi falar de uma cirurgia, mas que contém riscos. De qualquer forma, eu consultaria um médico só para confirmar se é isso mesmo e não teria mínima vergonha dele. Levaria uma listinha de perguntas, faria todas, e se sentisse vergonha, iria pensar “foda-se, não vou vê- lo nunca mais se eu não quiser“. Sem contar que se ele é médico, certamente já está careca de ouvir casos iguais e piores do que o seu. Procure um urologista.

Depois, eu te aconselho a procurar consultoria, livros e tudo mais que você puder fazer no que diz respeito a dicas de sexo, conquista e, fundamentalmente de autoestima. O cego não aprimora os outros sentidos? Pois é, você vai aprimorar a língua, o tato, etc rsrs. Ou seja, você irá aprender a fazer o melhor sexo oral possível, bem como usar os dedos e demais coisitas. Também pode caprichar no perfume, que só acrescenta! As mulheres que conheço que já transaram com homem de peru pequeno (pois é, eles tem pau pequeno e transam, sabia? rs. Só falta você!) (quase) sempre elogiam – e muito – as outras capacidades deles: são bons de sexo oral, massagem, dedos, etc. Sexo não é só pinto, é muito mais do que isso. É toque, cheiro, química, segurança, e um bom papo maroto no pé do ouvido também, rs. E se você continuar a pensar que tudo se resume a pinto, aí meu filho, você vai acabar morrendo virgem mesmo.

Outra coisa que posso te afirmar com toda a certeza do mundo, é que não adianta ter peru grande se o cara não sabe usar. Não é só tamanho, é saber mexê-lo lá dentro, é saber conduzir, tocar na mulher, entende? Sexo é um todo muito maior do que só o roça-roça que o povo fala. Todo mundo tem alguma deficiência: alguns tem na cabeça, outros no físico, e mesmo assim vivem! Tem gente sem sensibilidade na parte inferior do corpo, gente sem sensibilidade na parte exterior, e por aí vai. E nem por isso ficam trancados em casa. E você, que nem broxa é, fica aí querendo não usar o presente que Deus te deu? Tá, pode ser um presentinho, mas ele funciona, poxa!! Entendo perfeitamente que você gostaria que ele fosse maior, mas se não tem como, se vire nos 30. Sem chorar, porque aí sim você só terá mais um problema! E um só já está de bom tamanho, certo?

Se você se sentir mais à vontade, uma outra ideia é procurar conhecer as meninas mais a fundo ANTES de levá-las para a cama. Assim, quando você se sentir à vontade com alguma, você pode falar ANTES de ter a tão esperada relação sexual sobre seu problema com o pênis. Parece uma coisa meio besta eu falando assim, mas pode te aliviar na hora H, visto que se ela já souber, isso aliviaria um pouco a sua pressão interna. E a partir daí, se ela chegar até os finalmentes, é porque viu o todo em você e é isso que queremos, certo?

Quanto a ter medo dela sentir falta de um homem com peru maior, isso é bobagem. Ninguém pode ter tudo e se você arrumar uma mulher minimamente madura e inteligente, ela também saberá disso! Sem contar que ela também não terá tudo que você espera de uma mulher, pode acreditar.

Assista, “Pênis pequeno e vagina larga?”

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.