Já fui garoto de programa e gosto de ser submisso, mas ela gosta de ser dominada também!

34

Leitor: Olá, namoro há 3 anos e 10 meses e amo muito minha namorada, até já compramos nosso imóvel e tudo e planejamos morar juntos e ficar juntos. Nos damos super bem (porque quando brigamos sei que é por pirraça minha) só que antes de eu namorá-la eu era da noite e vivia com mulheres que gostavam de pagar os garotões (saiam nas danceterias da cidades e pagavam pra você sair com elas como garoto de programa) pra “pegar” elas, ou deixá-las fazer o que quiserem… Sempre fui gamado por mulheres que dominam na hora do sexo, que me batiam, me amarravam, batia na cara e enfim… e hoje não sou satisfeito com minha namorada, já conversei com ela, mas ela é igual a mim.. prefere ser dominada (claro, faço tudo que é possível para ela sentir prazer, que às vezes arranha minhas costas de sair sangue, faço realmente ela apagar na cama, realizei todos os desejos e vontades dela, e ainda fui eu que tirei sua virgindade e tals) não sei o que eu faço, cheguei próximo a trair, mas na hora eu abortei a chance e não fui, não tive coragem… O que eu faço pra acender de volta o meu T por ela?

Já fui garoto de programa e gosto de ser submisso, mas ela gosta de ser dominada também!

Menino do céu, sempre quis saber se é verdade a lenda que diz que garoto de programa tem muito mais cliente homem do que mulher e que dá mais o rabicoió do que come uma pepeka, mas deixe esse babado para responder se é mito ou verdade nos comentários kkkk. Enquanto isso, vamos ao seu caso:

Sabe o clássico dar murro em ponta de faca? Tentar cagar, mas não querer que saia bosta? É o que você está fazendo. Existem coisas que é do caráter e da vivência de cada pessoa e seria muita pretensão sua querer mudar isso. Por exemplo, você é submisso e está insatisfeito porque sua mulher também é. Logo, ela também pode sentir o mesmo, certo? Como se não bastasse, você sabe que para você não é fácil mudar, tanto é que você não conseguiu. Por que seria para ela?

Não adianta se iludir, pensar que seu tesão vai brotar do além, pensar que o amor supera tudo ou até mesmo trair usando a desculpa do “ela não me completa, por isso procurei na rua”. Se for assim, ela pode te trair pelo mesmo motivo, ou até mesmo por desconfiar do seu passado de putão. No entanto, ela está com você porque te aceita e acha que você vale a pena.

Sei que você também não a traiu, mas bem que está se segurando, né sapeca? kkkk. Com isso não quero dizer que você é obrigado a sentir o mesmo ou aceitar, porque é claro que não é, mas sim que você seja inteligente o bastante para saber onde está se metendo. Se você optar por continuar namorando, não tem nada de “e se, e se, e se”. Se for para alguém mudar, esse alguém terá que ser você, que é visivelmente o mais interessado. No entanto, implicitamente você quer que ela mude, visto que ela estando como está, o seu tesão fica quase zero, certo?

Não Luiza, eu não disse isso. Eu também topo mudar caso seja para o meu tesão voltar!

Bem, se você topa mudar, você teria que ser mais ativo, só que você não quer. Você quer ser mais submisso, ou seja, tem duas águas se batendo onde teria que ter uma pedra e uma água, entende? Também não acho que você a ame tanto assim, porque o amor nada mais é do que ver que, apesar de todos os defeitos do parceiro, mesmo assim a gente ainda se sente completo e sem vontade de procurar na rua. Se ao contrário disso, você está sentindo vontade de dar os seus pulos, é porque as qualidades dela não estão te fazendo se esquecer dos defeitos. Sendo assim, fica o clássico: que porra é essa que você está fazendo da sua vida? Tá se iludindo por quê?

Quando você conhece uma pessoa, você tem que aceitar no mínimo a “essência base dela”, justamente por ser algo extremamente difícil de mudar e é melhor que já venha “pronta”. Pode acontecer dela mudar? Sim, e se acontecer, ótimo e parabéns pra você. Só que você não pode criar essa expectativa. Do contrário, se nada acontecer, você acaba frustrado, tal como está agora. E se você se arriscar, depois não a culpe chamando-a de “sonsa” ou “monótona na cama” caso dê tudo “errado”, porque isso é apenas o perfil base dela que você aceitou ao continuar com a mesma. O risco é seu, a dor é sua e só você sabe o quanto cada coisa vale. Só acho que você não merece sofrer vivendo pela metade, nem ela ser traída por não ser quem você gostaria que ela fosse.

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Edson

    ué, não dá pra vocês entrarem num acordo de revezar? Relacionamento é troca, se só existe egoísmo, não funciona.

    • Stan Lewis

      Concordo! Revezamento é a solução ideal para eles!

  • sol

    mulheres (e homens) que gostam de ser dominadas(os). me respondam qual o sentimento de vcs com isso? como dividem isso? do seu amor num momento estar te mimando e no outro dando tapas e te xingando. e se não se sentem mal consigo mesmo de se humilhar pra pessoa ali. é uma coisa que eu queria entender

    • Monalisa

      Não sou uma sadomasoquista mas acredito que entenda um pouco. Levar uns tapas na hora do ato sexual é totalmente diferente do que levar tapas em uma briga por exemplo. Porque o ato é diferente? porque é consentido, e a pessoa sente prazer com isso. Acho que tapas, arranhões dentre outras coisas mais pesadas, não acredito que seja humilhação se é consentido, e se fora do ato sexual ambos se tratem com respeito e se amem. Sim, tem pessoas que sabem separar isso perfeitamente, chamar a mulher de puta na cama, e depois daquilo trata-la super bem e chamar de amorzinho.. rsrs

    • Depende da brincadeira de dominação…
      Eu nunca curti chicotes… nem essas roupas de BDSM… nem bater em mulher…(porque tem retardado que esmurra.. e eu já acho isso meio patológico.. sei lá…)
      Mas agora um tapinha na bunda… chamar de safada… ou ela te chamar de safado… ou agarrar ela forte… prensar contra a parede… entrar com força quando a coisa esquenta… é gostoso ^_^

      Ela morder e arranhar quando o corpo esquenta e tudo fica mais hardcore… e depois quando os corpos se esgotam… fica aquele quarto escuro… troca de beijos de carinho e conversa em tom de sussurro…
      Mas creio que tudo isso é uma foma de se perceber e perceber o outro nessa hora e dar movimento a uma melodia que tem dinâmicas que variam do suave ao mais extremo^^

    • Eu penso como a Mona

      um fetiche é algo bemmm diferente de falta de respeito e tbm não tem a ver com falta de amor

    • Sub Love 8

      Bom, sou submissa, me realizo ajoelhando é uma entrega.
      Sou livre entregando minha liberdade a Meu Dono, que cuida de mim, me AMA sim !
      Apenas respondendo sua dúvida, nao aberta a ofensas e falta de respeito a minha opção, obrigada.

      • Eu

        A sorte que não tenho a mulher perfeita para mim

  • Natália

    Caro leitor, aí depende. Depende apenas do valor que você dá ao sexo. Só assim será possível descobrir se sua insatisfação é suportável ou não. Em minha opinião, você não aguentará essa pressão. O seu histórico de gp diz muito sobre você e a importância do sexo em sua vida. Aprenda com ele e não finja que está plenamente feliz. A tendência é que as relações se tornem mais escassas na medida em que sua instisfação aumentar. Por isso, interrompa o ciclo antes que alguém saia magoado, pois é exatamente nessa brecha que a tentação entra. Resumindo, acho que você tem duas saídas: 1. Aceita que não se pode ter tudo, redimensionando a figura do “sexo” em sua vida. 2. Caia fora. Boa sorte.

    • Frederico

      Gostei da sua colocação Natália, acredito que sexo é troca,os dois devem procurar sair satisfeitos, para isso tem que ter conversa e as vezes abrir mão de algumas coisas,faz parte de qualquer relacionamento !

      • Natália

        Exatamente! Ser flexível faz parte (ou pelo menos deveria) de qualquer relacionamento, desde que não atinja a base essencial de cada um. E isso é só com ele… Mas sabe o que eu acho? Em nome dessa “completude amorosa” é que tem havido os relacionamentos abertos. Daí, o que eu não acho em um namorado, eu acho no outro… Geração meio mimada… P.S.: Muito legal essa imagem no seu perfil!

        • Frederico

          Não sendo moralista,mas acho difícil alguém que tenha essa bagagem sexual toda ficar satisfeito com uma pessoa só, até porque é muito mais fácil se satisfazer tendo vários parceiros ,onde você encontra um pouco de cada coisa que gosta individualmente !

          • Monalisa

            É mesmo. Talvez ele queira alguma segurança em um relacionamento, por isso prefere ficar com uma só. Mas com a experiencia que ele tem se quiser ter uma relação fechada, terá que ceder muita coisa.

          • É que quantidade sexual… não é necessariamente qualidade… ou qualidade emocional tbm… humanos são complexos… e acho que o mundo é meio “bugado” às vezes

          • Frederico

            As pessoas são mesmo complexas,ainda mais quando se fala em sexo,dou minha opinião, nem tenho tanta bagagem pra discutir,tive poucas parceiras acredito,comparado a muitos,mas na fase que estou ,também prefiro qualidade !
            Sexo serve pra unir mais o casal,compartilhar prazer,desde que se entendam !

        • Monalisa

          De fato, muito sábio seu comentário! Relacionamento aberto faz sucesso porque o que tu não encontra em um, encontra em outro, até porque ninguém é perfeito.Mas com isso cria-se pessoas que nunca estão satisfeitas com nada e não cedem aos defeitos e preferências do outro.

  • Cara acho que a maioria das pessoas que possuem gostos muito
    alternativos:

    a)
    deveriam procurar sites de relacionamento com a
    temática que procuram…

    b)
    deveriam procurar sites de namoro especificando
    suas preferências

    c)
    ou antes de promover ficantes a uma relação séria… explicar essas exigências
    alternativas….

    Não me entenda mal… não estou promulgando aqueles
    discursos em proteção a família ou algo do tipo…Mas acho que vocês sofrem
    demais tentando relacionamento com pessoas que buscam coisas convencionais…

    Conheço pessoas que se soubessem seu histórico sairiam
    correndo, como já ouvi falar de pessoas que casariam com você e te amariam pra
    todo sempre na sua linha de pensamento

    Acho que só falta buscar mais oportunidade dos compatíveis se encontrarem…

  • Gaia

    Perfeito, Luiza!

  • Faça uma proposta a ela: Criem um jogo de dominação e submissão, onde os dois serão submissos e serão dominadores, logicamente cada hora uma coisa. Crie desejos nela, desperte a vontade dela de dominar você.

    Provoque-a !

    Quase toda mulher tem votade de morder e dar uns bons tapas na cara de seu marido/namorado. Use a imaginação e com auxílio da internet, você conseguirá despertar um lado mais selvagem e dominadora dela. E pode apostar que isso vai amadurecer e crescer em você também.

    Não pense como revesamento, e sim como um jogo de conquistas, de disputas, de perdas, de penalidades etc. Seja criativo !

    • GAROTO ESPERTO!!

      Adorei as dicas Gabri, vou fazer tbm

      brinks, eu só bato kkkkkkkkkkk

      • Ahh ta !!! Raras as que não gostam de uns tapinhas.

        Bater e apanhar unidos pela arte de gozar !

    • Alessandra Santos

      Gabriel vc devia ganhar um beijo na testa!! vou ter que seguir suas dicas menino to precisando de criatividade kkkkkk

    • _NarDell

      Boa ideia Gabriel, e entre 4 paredes, TODA mulher se solta !

  • Alessandra Santos

    vem ni mim que eu te domina garoto kkkkkkk vou dar uma de Christian Gray com vc kkkk zoeria minha.

    • Ôoooooooooo DANADA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

    • _NarDell

      HAHA ! Não consigo trair, desculpe ! =* Obrigado por participar.

  • _NarDell

    Pois sé Luiza, você me fez pensar com a cabeça de cima agora vamos dizer… irei rever minhas atitudes e mudar… e em questão de das aguas antigas ela já sabe de tudo, e sim tinha muitas clientas e cliente, kkkkkkk’ mas eu ser passivo não, só ativo ! kkkkkkkkkkkkk’

    • Mas você se considera bissexual? (tá, já sei que essa minha pergunta vai gerar polêmica kkk)

      • _NarDell

        kkkkkkkkk’ Poxa Luiza ai me quebra as pernas, não digo que sou bissexual, porque foi só naquela fase de minha vida… e hoje nada mais ! Já com mulher na parte hétero ai ta ativo ! e afinal das contas chega uma hora que você cria nojo de você mesmo por ter relação com tantas mulheres e ver que você era apenas um brinquedo sexual delas ! realmente você precisa da grana ou você enjoa, cria nojo e cai fora.

        • 3 perguntas, pode responder só uma ou duas se quiser kkkkkkk

          1- Quanto vc cobrava?
          2- É verdade que GP homem tem mais cliente homem do que mulher?
          3- vc foi GP por quanto tempo?

          • _NarDell

            1- Mulheres em torno de R$150,00 a noite e homens R$240,00
            2- “Amigos” meus GP tbm tinha 6 mulheres a cada 9 programa, como eu cobrava mais a média era de 4 “homens” a cada 12 mulheres…
            3- FUI GP por 4 anos.

    • acid boy

      sem maldade, vc não sente falta de ficar com os caras ? pq ninguém entra pra essa vida se não gostar do que faz

      • _NarDell

        Não acid, existe regras e limites a ser usado e ai você vai até onde seu limite alcança… e todos “homens” que sai eram passivos e queriam as vezes companhia e a transa só no final de noite.