Ele largou a noiva por minha causa, mas agora só me trata mal!

85

Leitora: Boa noite, tenho 31 anos e há um ano (abril 2013) conheci um rapaz de 32 jogando ps3 online. Nos encontramos em setembro e demos o primeiro beijo em fevereiro, ele estava pra se casar com a namorada que tinha há 7 anos, mas queria me ver todos os dias, o amor foi aumentando e as promessas de ficar juntos mais ainda. No dia do casamento, ele esqueceu o celular, a noiva pegou nossas conversas e descobriu tudo, ainda sim o perdoou mas ele decidiu que não daria mais, e terminou com ela! Desde então resolvemos juntar as escovas. Faz 5 meses e ele mudou muito, anda agressivo com as palavras, se irrita com qualquer pergunta que eu faça, perde o respeito, vira as costas pra mim, mas a vida entre 4 paredes é perfeita. Gostaria de saber o que pode ter acontecido com aquele homem que me amava tanto, que era louco por mim, tão louco que terminou um casamento pra ficar comigo e agora me trata como um nada!? O que eu devo fazer!?

Ele largou a noiva por minha causa, mas agora só me trata mal!

Eu também acho que ele te amava, mas cá pra nós: a gente não sabe se ele terminou o noivado porque realmente ia terminar, ou se foi só porque como a mulher já tinha descoberto a merda mesmo, ele sabia que nunca mais ia ser a igual e como também já gostava de você, resolveu terminar, né?

Tenho duas hipóteses e espero que os comentaristas tenham outros pontos de vista, porque “o causo” é complexo, rs:

1- Ele não está(va) preparado para se casar

Cá pra nós: uma coisa é viver separado, dar uma trepadinha aqui e um beijinho acolá, outra coisa completamente diferente é juntar as escovas, dormir e acordar junto todos os dias. Na primeira opção, a pessoa tem tempo pra respirar, sentir saudades, e se ela não te ver alguns dias na semana, já é o suficiente para não ficar  naquela pressão de casal 24 horas. Enfim, esse era o antigo caso de vocês e já dava pra dar um “ufa”, sabe?

Agora, indo pra segunda opção, que é quando você se casa – que é o que vocês fizeram depois de um rompimento provavelmente doloroso, se a pessoa não tiver maturidade de saber que não, a vida não será igual a de solteiro, que terão contas, rotina, casa suja e alguns peidos e caras amassadas ao acordar, o homem se estressa mesmo. Sem querer assustar, mas não é à toa que tem um monte de casal que namora anos a fio e depois que passam a morar na mesma casa não dura um ano, né?

A gente nunca poderá confirmar se ele sentiria o mesmo caso tivesse se casado com a outra e é aí que entra a segunda hipótese:

2- Ele está arrependido da escolha que fez

Sabe a máxima que diz que “a gente só dá valor quando perde”? Pois é, existe também a chance dele estar pensando “na merda que fez” (querendo ou não, era um relacionamento de 7 anos, etc) e acabar te culpando por isso.

Ou seja, ele não quer assumir as próprias escolhas e para completar, depois de ter criado intimidade contigo, pode ter concluído que a esposa “era melhor”. E um parênteses: às vezes, a esposa nem é melhor, porém, como ele a perdeu e está contigo agora, acaba achando que a grama do vizinho é mais verde, né? Sem contar que pelo o que entendi, ele nunca morou com a ex, ou seja, passou a fase (punk) da “realidade do casamento” só contigo mesmo, o que pode acabar aumentando o contraste na visão/ilusão/decepção dele, que sabe-se lá se não esperava uma coisa do casamento (ainda que não seja no papel) e acabou acontecendo outra.

Seja na primeira ou na segunda hipótese, o fato é que ele está infeliz na atual situação e está visivelmente descontando em você. Sendo assim, considere perguntar se ele se arrepende de algo, se é problema emocional, no trabalho ou que diabos está acontecendo. Se ele disser que não é nada disso, pergunte o que é que está acontecendo e diga que apesar da DR ser chata, você merece uma satisfação. O que importa é você deixar claro que não interessa o motivo, ele tem que tomar uma decisão:

1- Ou volta a ser solteiro

2- Ou seja um marido completo

Também deixe claro que se ele ficar infeliz, você fica infeliz também e nenhum dos dois merecem isso. A não ser que você tope tudo pra não ficar sozinha…

E sem essa de viver de passado, viu amiga: ele era legal e “perfeito”? Ok, ele ERA, agora já não é mais e se não voltar a ser como antes, você não precisa ficar se iludindo com algo que já nem existe mais. Bola pra frente e bora exigir mais do boy aí! Na educação, claro, até porque não queremos um barraco, mas você entendeu.

Boa sorte e até mais!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.