Gosto de ser dominatrix, mas depois que ele quis ser mulher na cama, me assustei!

47

Leitora: Oii linda tudo bom? Tenho 21 anos. Acabei de ver um vídeo seu contando de um homem que gosta de se sentir mulher para outras mulheres. E preciso da sua ajuda, namoro há 2 anos e faz mais de 1 que meu namorado me contou que gosta de ser humilhado, castigado, e também é podólotra, ou seja submisso. Até aí tudo bem, porque amo ser dominatrix e realizei tudo isso, mas há mais ou menos um mês, ele começou a fingir ser mulher na cama, e isso me assustou. Levei numa boa e fiz como se fosse normal. Mas agora estou com receio de que ele só consiga gozar loucamente dessa maneira. Ou que ele queira que eu “coma” ele. E agora? Devo ter uma conversa franca com ele? Mas tenho medo que ele fique com vergonha e esconda de mim ou até procure fora. Me ajuda! Amo seu trabalho, um beijo.

mulher dominadora

Calma amiga, se tu não acostumá-lo a ser moça, ele vai acabar deixando de insistir! Também não tem como  conseguir gozar com algo que ele mal teve, então não neure! E assim, isso de procurar fora sempre existirá a possibilidade. Mas nem pense que é porque você não comeu o brioquinho dele, ou não emprestou suas calcinhas (rs). Se todo mundo tem vontades e nenhum casal dá 100% do que o outro quer, acaba sendo mais uma questão de escolha trair ou não. E isso vale tanto para ele, que poderia procurar sim, alguém ainda mais liberal do que você já é, quanto pra você, que também poderia procurar por um homem “mais macho normal”, só pra “desanuviar”, rs. E nem por isso você faz, certo?

E mesmo se ele te traísse por conta disso, valeria a pena fazer algo que você não está nem um pouco afim só por medo de levar chifre? Seria saudável viver assim pra depois de, sei lá, de 10 anos, jogar tudo na cara dele e sambar todo o seu ódio guardado durante os anos que você fez o que não quis? Não seria mais fácil trocar de homem, caso você ache que ele é tão pouco confiável assim?

Além do mais: tudo se resume a sexo mesmo? Nada de escolhas? Sentimentos? Demais mimimis? rsrs

Desencane! Sei bem como é o seu tipo: domina tanto, que quer dominar até os pensamentos do cara. Quer tanto ser a soberana, que faz até o que não quer, só pra ele não pensar em outra. Não é castigo demais pra você, não? Muito provavelmente a sua personalidade é forte e você não sabe perder, mas na boa? Já dizia Valeska: se conforma que dói menos! Você não pode dar tudo, assim como ele não pode te dar tudo e vocês pre-ci-sam conversar sobre isso.

Fale assim:

“Meu amor, uns tapas eu te dou, mas se fosse pra ver mulher, eu não tava com um homem”. rs 

Ou melhor…

“Já que sou eu que mando nessa porra, não tô afim de fazer e cabô!” (Brinks, sei que isso de BDSM não é bem assim, só pra descontrair kkkkk)

Brinque, converse, interaja. Assim ele não terá medo de se abrir. Se for preciso, conte até umas bizarrices suas (quem nunca? rs). Só não precisa fazer o que você não quer pra ganhar o respeito e a admiração dele.

Também não ache que isso é coisa de gay, porque não é. Claro que às vezes alguns são mesmo, e só querem disfarçar. Só que, a princípio, o que mais importa no momento é que vocês entendam mutuamente as necessidades do outro, não apenas você as dele. Se no fim ele procurar na rua, so sorry pra ele que teve uma mulher que já fazia MUITO mais do que uma “mulher normal faz”, e ainda assim ele não valorizou..

Para quem quiser assistir, aqui está o vídeo que a leitora citou na pergunta, sobre o homem que curte usar calcinhas.

Também tem entrevista sobre BDSM para os leitores que ficaram curiosos!

Até mais!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.