Uma reflexão que talvez você não esperasse ler para o Natal

25

Em certas partes esse texto parece duro, mas juro que é com intenção de refletir e quem sabe seu coração ficar mole <3

Uma reflexão que talvez você não esperasse ler para o Natal

Natal,  família reunida, muita gente pensando na comida e se vai ganhar um presente mais caro do que deu. Jesus Cristo a gente deixa pra outra hora. Para alguma de desespero, talvez.

No facebook? Algumas mensagens de emoção e sobre o quanto você ama a sua família. Pai e mãe até que é verdade, tios e primos, talvez.

E o resto? 

Tirando as exceções, as pessoas gostam de dizer que “são família” e que amam todo mundo, mesmo quando isso não seja lá uma grande verdade. Afinal de contas, se essa é uma característica admirada pela sociedade, todo mundo quer ter. É como aquele familiar que repete inúmeras vezes que a família é o que mais importa na vida, mesmo quando não dedica muito tempo à ela , ou o famoso “apareça lá em casa” do tio que torce pra que você não apareça.

Talvez isso não seja totalmente culpa de alguém, ao menos não em isolado, mas talvez seja o preço que pagamos por viver em famílias cada vez menores e mais “distantes”. Ficamos tão acostumados a viver sozinhos, que fica cada vez mais difícil conviver de verdade com alguém. Daí entram aqueles famosos estudos que dizem que vivemos em uma sociedade cada vez mais depressiva e muita gente diz não saber o porquê…

Será que não sabemos mesmo?

Tem coisa que a gente pensa que não faz falta, mas faz. Basta ver as reações do seu corpo. A boa notícia é que, como tudo tem o lado bom, sempre dá pra mudar de verdade: sem precisar mascarar ou deixar pra pensar nisso apenas no Natal; nem esperar 2020 pra dizer que tem coisa que prometeu em 2017 e que ainda não fez.

Pouca gente se toca disso, mas a verdade é que qualquer boa confraternização – não só a natalina – nada mais é do que o diploma que a gente ganha após ter feito todo um bom trabalho ao longo do ano. Representa o anel de noivado. O bolo já pronto. O presente de formatura. O prêmio maior! Tudo por merecimento, claro. E como (quase) toda boa relação humana, é conquistado com certo trabalho: afinal de contas, não é fácil conviver com alguém que é tão igual, mas tão diferente da gente, né? Somos humanos e isso envolve uma pá de coisas. Mais ainda quando envolve família, que a gente sabe que não dá pra trocar…

Uma dúvida:

Você estava junto quando sua tia entrou em depressão e não tinha com quem conversar? Ou quando a prima foi traída? Ou estava muito ocupado(a) demais trabalhando? E quem sabe por conveniência pensou “que talvez a pessoa preferisse ficar sozinha”?

Por mais que você queira – e todo mundo queira – que todo mundo dê certo, você tem que merecer dividir o chester com as pessoas. Afinal de contas, a gente tá aqui pra servir ao exército, não só pra pegar a medalha, certo? E sem querer ser a bruxa velha, mas a depender do seu comportamento, talvez nesse ano você mereça mesmo é ficar sozinho, que nem você fez o ano inteiro.

Mas calma, isso será apenas por alguns minutos antes da festa, depois você pula na confraternização! É só pra pensar nos pontos que precisam ser mudados em 2016, com o objetivo puro e simples de te fazer ser uma pessoa melhor. E o mais importante de tudo: prometer a você mesmo que, quando estiver todo feliz curtindo o rango e as piadas da “familiagem”, se lembrará do quão gostoso foi isso. Daí quem sabe você não se anima a repetir a dose por mais alguns, sei lá, 365 dias do ano?

Ok, também não precisa ter overdose de tudo isso. Mas nada que, com um pouco de organização na sua agenda, você não consiga fazer ao menos um pouco: visitar a tia que você nunca visita uma vez por mês ou fazer uma ligação de meia hora para a prima já parecem ser um bom começo pra quem não fazia nada. E cá pra nós: não é nada que, depois de perseverar, seu cérebro não incorpore à rotina e agradeça por isso depois.

Se ao chegar aqui, bem ao final desse texto, você tiver concluído que fez pouco pela sua família, não fica triste não. Pelo menos você tem autocrítica e sabe que ainda dá tempo de mudar. Talvez pras comemorações do ano que vem, mas dá! Temos que começar de algum lugar, não é mesmo? E ó: tamo junto nessa!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Victor Holtz

    “Você tem que merecer dividir o chester com as pessoas.”
    Melhor frase de Natal.
    Texto foda! Parabéns e obrigado.

    • Obrigada!! Deu um trabalhão e quase não postava kkkkkkkk mas foi!!

      Pouco antes do Natal, mas foi!!

  • Nat

    Lu,
    Já deixo aqui o meu Feliz Natal pra ti e todos de sua família!!!
    Beijos Queridona!!!

    • Obrigadaaa, pra vocês também!!! Espero encontrar geral bem, saudável e feliz por muitos Natais por aí s2 s2 s2

      • Nat

        Vamos marcar um encontro em 2016….

        • To pensando nisso, o ruim é q cada um mora em uma cidade =(

          • Nat

            Semana que vem eu vou pra SP com um pessoal que conheci no Papo de Homem. Faz um mapeamento dos seus leitores….rs

          • A maioria é de SP disparado Nat!! Provavelmente terá algo lá, Brasília ou Curitiba pra começar =))

            depois vo subindo ou descendo kkkkkk

          • esse blog é foda *_*

          • Nat

            É sim Son…pessoal é bem foda tb.

  • S2SunsetS2

    Lindo texto Luiza. Gostaria de aproveitar esse post e desejar desde já à você um Feliz Natal e um Ano Novo com muita saúde, paz, alegrias e realizações. Parabéns pelo site, acho que já faz uns dois anos que conheço e no começo eu somente lia os textos, suas dicas e dos comentaristas e depois de um tempo comecei a comentar também. Eu conheci seu site por acaso e quando conheci estava passando por um momento muito difícil em minha vida, mas só de ver algumas perguntas ou até leitores comentando suas lutas também, acredito que eu consegui enxergar minha situação de uma forma diferente e isso me ajudou muito na época também. Bom, só tenho a agradecer e desejar à você e à todos que acompanham o site muitas felicidades e sucesso! Abraços.

    • Eu que agradeço por deixar a gente te conhecer, nos distrair e aprender batendo um papo por aqui!!!
      s2 s2 s2 Feliz Natal e bora sambar no ano q vem kkk

  • Carlos

    É verdade Luiza…
    De que adianta tanta “fachada”, felicidades virtuais, alegria marcada no calendário, se o que conta mesmo é olho no olho, a voz, o gesto real, por menor que seja. O futuro não divulga Spoiler, não pede licença para mudar, acabar… A chance é hoje, e pode ser a última, aproveite.
    Inté a nova temporada.
    Em breve a nova temporada – PAUM 2016. Quem fica, quem some, quem cresce, quem surpreenderá? Acompanhe e descubra…

    Um desejo de bom descanso e alegrias para todos!
    Carlos

    • Pra vc tbm meu querido cara de pedra

      “Em breve a nova temporada – PAUM 2016. Quem fica, quem some, quem cresce, quem surpreenderá? Acompanhe e descubra…”

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Bem dessa!!!! Mas espero q todos fiquem s2

  • Ótimo texto, muito a sua cara Luiza. E também a minha, pois penso da mesma maneira: muitos vem com esse papo de “espírito natalino”, de promessa de Fim de Ano… Mas basta passar alguns dias e tudo volta como era antes… até quem sabe no próximo final de ano e começar tudo de novo. Temos que está nesse clima todos os 365 dias (ou 366, pois 2016 é ano bissexto) e não apenas agora. É que já fiz nesses últimos anos e pretendo no próximo e nos que vierem depois.

    PS: Eu sei que estou meio sumido daqui, mas é porque a minha Internet está a base de sinal de fumaça. Quando a ela voltar a normalidade, vou tirar o atraso com o monte de comentários, ha, ha, ha… Um beijo, Luiza, minha amigazuda da Internet.

    Feliz Natal e Próspero Ano Novo para Todos!!

    • Pra vc tbm Luuu!! É noix em 2016,

      e 2017
      e 2018

      e 2023 se Deus quiser

  • É complicada essa história de fim de ano… pra mim realmente o natal é mais troca de presentes e comer muita coisa boa…E gosto de pensar que consanguinidade faz parentes, mas só a lealdade faz com que você chame determinada pessoa de família…
    Algumas pessoas vão usar o décimo terceiro pra competir quem tem o melhor padrão de consumo… alguns parentes vão te classificar pelos espólios que você acumula… No final o mundo adulto acaba envolvendo uma briga de crianças egocêntricas e mimadas.
    Outros que te caluniaram o ano todo estarão te abraçando com um brilho de uma auréola bem
    falsificada sobre a cabeça…
    Eu não tenho nenhuma figura santa, nem algum tipo de deus nascido na terra pra significar meu Natal… Mas é muito bonito uma época em que você presenteia quem você ama, pra compartilhar momentos de prosperidade, põe fartura na mesa, enfeita a casa de um jeito que
    encanta as crianças…
    E tem um raciocínio muito legal no final do texto…. que realmente o apoio aos entes queridos e o espírito de solidariedade precisam durar o ano todo… e não virar santinho na época do natal…

    • Na sua família o povo briga mt no Natal?

      eu tava com essa questão na cabeça, tipo ”será q a galera briga mt no Natal?’ kkk

      • Não briga… mas é aquela coisa, quando morre alguém, quando acontece alguma crise, você descobre quem é quem… Tem gente que oferece uma companhia maravilhosa até se fosse pro inferno com você e tem gente que é o completo oposto….
        Tem gente que é impossível não amar.. .e tem gente que é impossível você não querer que morra…

  • Monalisa

    Odeio a hipocrisia do natal. Passa o ano todo fazendo merda e no natal quer ser bonzinho,agradar família e etc. Não trata nem a mãe e o pai, mente, furta, da o jeitinho, mas no natal e ano novo muda uma semana diz que vai ser diferente no outro ano e o ciclo se reinicia.
    Pelo menos para mim que sou cristã, o natal é o nascimento de Jesus e ponto. Nunca nem eu e nem meus irmãos fomos enganados com essa bobagem de papai noel. Pelo contrário , meu pai sempre disse que nada cai do céu e temos que fazer esforço para te-los.

    O natal da minha casa graças DEUS não é aquele natal que aquela tia chata, primo, parente no geral, que vemos pouco, aparece e temos que ficar fazendo sala.
    O natal da minha casa só tem quem realmente importa. Não tem presentes, apensa uma ceia farta e oração. Por que para mim é isso que conta.

    Luiza, conheci seu site no final do ano passado, e foi amor a primeira vista!! Te desejo boas festas, feliz natal e ano novo. =D bEIJOCAS!!!

    • Genteeee que Natal maravilhoso que deve ser na sua casa!! Queria um assim kkk
      O meu será eu o Thi e o gatinho!! Mas em Janeiro vou pra Bsb!
      E eu te desejo tudo de bom, ainda não desisti de um dia te conhecer ao vivo viu? Para de fugir de mim pq gosto d vc kkkkkkkkkkkkkkk

      beijão!!

      • Monalisa

        Luiza, também gosto de ti! Mas meu anonimato é para poder ser totalmente sincera nas minhas colocações. Diferente desses fakes que fazem barraco, eu uso minha identidade secreta para falar numa boa.. rsrs. beijÃO.. =D

        • mas seria só pra mim, não pro blog inteiro kkkkkkkkkkkk. Massss é só pq c mora em Bsb que te pentelho mais kkkkk

          mas já to conformada que 2016 vai ser um ano q vo conhecer geral do Youtube e quase ninguém aqui do blog =(((, massss tudo bem, a gente se amando mesmo assim tá lindo! Ou seja, a gente não se conhece mas se conhece kkk

          Nem me fale em fake do barraco que esse ano foi tenso deles kkk

          mas fakes do bem nem considero fakes, tipo vc e o Carlos e cia pra mim são reais mesmo, a diferença é que não dá pra tomar suco kkkkkk beijoooo noix e ainda vou ter um Natal como o seu kkkk

  • Kid

    Um ótimo Natal pra você, Luiza bonitona. E pra todo mundo aqui. 😉