Youtubers ricos às custas de pessoas burras?

40

“E aí, eis que surge o Youtube: veículo visto como promovedor de “influenciadores retardados” e telespectadores sendo “emburrecidos” por eles. “

Desde que o mundo é mundo, sempre houve a necessidade de diferenciar “Cults X Alienados”, “Inteligentes X Burros”, como se fosse algo super lógico e simples intitular, por exemplo, uma pessoa que conta piadas como burra, ou alguém que comenta notícias e/ou gosta de ler muitos livros como inteligente.

Será que a classificação é simples e fácil assim? Será que somos mesmo 100% do que consumimos, ou até mesmo produzimos? E será que vale mesmo a pena tentar “classificar” quem é mais burro ou mais inteligente, usando como base apenas uma pequena parte contaminada com nossos preconceitos?

Já assistiu? Dei 5 minutos.

Vídeo novo no Pergunte toda segunda (e às vezes alguns vídeos surpresas! ).

Assine o Canal e não perca nenhuma atualização.

 Fanpage, InstagramTwitter

Snapchat (pergunteamulher)

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Carlos

    Acho que eu sou um comentarista bem apropriado para este assunto…

    Em que lado deste cabo de guerra (débis x cabeções) vocês acham que eu estou?
    Pois é… Só que tem o seguinte: Eu larguei em nome de coisas que eu gosto mais, mas assistia muito novela, acompanhei atentamente, sem perder um dia, uns quatro anos de Big Brother, assisto futebol com direito a gritos e fortes emoções pelo meu time, e sentado a mesa de um bar, eu concorro ao prêmio de papo mais besteirol da noite.

    O pessoal faz uma grande confusão ao atribuir valor ao objeto e não ao observador. Por exemplo, assistir Big Brother te qualifica como burro ou inteligente? Nenhuma coisa nem outra

    É a compreensão da coisa que te diferencia… Não adianta ver filme europeu antigo e ser medíocre.

    Mas existem preconceitos de ambos os lados. Já ouvi muito o seguinte: Pô Carlos tem que parar de pensar tanto e ver algumas besteiras e se divertir! Taí um grande equívoco… De onde tiram que você só se diverti se consumir um certo produto, aquele tido como “divertido”?
    Eu assisti o seriado dinamarquês Borgen (todo centrado nos bastidores da política local) com os olhos vidrados e atento como quem vê um suspense policial, mas a enxurrada de vídeos “engraçados” que colegas e amigos vivem me mostrando diariamente me dão sono…

    Tem algo interessante nisso tudo. A democratização da produção de música, literatura, vídeos fez com que virtualmente todo mundo possa deixar de ser consumidor passivo e passar a ser protagonista. É bom de uma maneira geral para as pessoas, mas estressante por outro lado, porque inevitavelmente somos inundados por muita coisa indesejada.

    • E vc é super inteligente, mas nossa, assiste BBB?
      Zua kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Me lembrou um caso de um amigo (que era leitor, mas virou amigo) e que tava esses dias no shopping com ele

      Ele diz assistir todos os vídeos, daí comentou sobre isso com uma amiga dele, que por sua vez, segue meu instagram

      dai ela falou que acha q faço piadinha demais em vídeo e me acha muito inteligente pra isso, aí parou de assistir pq falou q tava muito “Sabrina Sato” (não sei se onde ela tirou a comparação, mas ok kkkkkk)

      nem discuti q achei melhor, e vai que pensam que não quero deixar a menina dar a opinião, melhor ficar calada. Mas tudo isso pra dizer q gostei d saber q vc assiste BBB, não pq assisto ou não (depende da temporada), mas pq te acho mt inteligente kkk

      • Carlos

        Assistia… Enjoei da coisa. Agora sou “cult” vou ser escritor… kkkkkkkkkk

        • kkkkkkkkkk

        • Todo mundo tem um gosto por alguma coisa tosca… todo mundo mesmo… desde algo besteirol… ou algo que em sua mais séria intenção é algo extremamente tosco…
          Sim… estou incluso nesta regra, ninguém se salva.

      • Rogih

        Talvez você em algum vídeo passar ter cumulado alguma ferida emocional da moça.

        Eu não entendo essas pessoas que definem outras como inteligentes, põem elas em um pedestal e se elas pisam fora dessa linha imaginária de perfeição já criticam.

        Eu acho seus vídeos ótimos não porque você é inteligente, porque canta dança, mas simplesmente porque dentro da sua autenticidade e sinceridade, você é você mesma e isso é maravilhoso, você do seu jeito consegue passar sua mensagem.

        Quanta minhoca já não ajudou o pessoal a tirar da cabeça falando de assuntos que outros tratam de forma dura e seria de forma descontraída e bem humorada.

        Nesse youtube de meu Deus do céu eu quero mais é autenticidade não fuleragem!

        • Brigadaa s2 s2 Fico muito feliz em saber disso!

          Mas sabe oq acho q rola? Passei muito tempo escrevendo, aí quem me conhecia ao vivo sabia como era, quem não conhecia, só tinha o texto, aí a pessoa “cria um lance d personalidade”, na maioria das vezes mais séria pq dou conselho etc

          ai me ve contando piada em vídeo e fica “what”? Como se precisasse ser sempre séria pra ser inteligente (Não q seja, mas só pra entender oq quero dizer kkk)

          • O gostoso dos seus vídeos é essa palhinha de ver como seria você pessoalmente… porque realmente bate essa curiosidade…
            Ainda prefiro os textos por serem mais centrados, pra esse tipo de assunto parece que algumas coisas desse formato texto com aqueles efeitos audiovisuais deixam a coisa meio dispersa. Mas to baseando esse juízo de gosto pela minha forma de buscar soluções, onde geralmente eu me afasto, realizo uma penosa caminhada para um lugar distante… ou procuro um bom livro, ou converso de canto com uma pessoa querida.
            O bom é que com os vídeos você não parou de escrever… nunca abandone um formato por outro, assim você oferece alegria para todos os gostos ^_^

          • isssoo!!

            é exatamente isso: tem gente q prefere vídeos, outros textos, e outros nem leram o blog mas amam o livro. E claro, gente q gosta de todos! Vai muito de gosto e cada um tem seu charme, né? kkkkkk

            e agora com snap e insta tbm tem coisas tbm diferentes: snap as vezes posto coisas bem dia a dia q não entram em nenhuma rede, insta mais fotos, e por ai vai! E da-lhe variedade de formatos! kkkkkk

      • Paulo

        Luiza o problema nisso tudo é que as pessoas em geral não sabem o que é inteligência!
        tecnicamente inteligência tem muito mais a ver com velocidade do que com acumulo de informação, pessoas realmente inteligentes são em geral pensadores velocistas, logo não mantém o interesse em algo banal e repetitivo, e coisas como BBB são exatamente isso
        quanto a vídeos de internet no geral são curtos, logo não deveriam ser usados como medidor de inteligência, se for ver bem nada deveria
        Assisti acho que umas 2 temporadas de BBB quando era novidade hoje em dia somente colocando uns 3 ursos pardo imediatamente após hibernaçao na casa pra eu voltar a ver assistir aquilo!

    • Marcel

      Criticar BBB é a coisa mais clichê que existe,eu assisto, mas eu por exemplo nem lembro a última novela que vi, deve fazer uns 15 anos,e nem sou idoso, rsrs, só assisto séries americanas, ora, mas entretenimento pode ser só um passatempo ou algo que vc busque como uma elevação intelectual, quando for de um tema que vc goste vc pode conseguir as dua coisas de forma bem natural, eu por exemplo, acompanho muito política, não só do Brasil, mas não porque eu ache necessário estar bem informado, mas porque eu sou bem viciado nisso, é um negócio que eu gosto.

    • Rogih

      Eu tive uma professora que ficou 15 minutos criticando bbb uma vez ela parou a aula para falar isso, acho que ela até assistia para dizer que não assistia dizer o que o programa era.

      Nesse dia ela expandiu o assunto, ela parecia aquele documentárista o Michael Moore que vê conspiração em tudo.

      Gente assim é complicada acha que uma coisa é verdade absoluta e não se aquieta enquanto não “evangelizar” os outros de acordo com essas coisas que pensam.

      É muita falta de tolerância 🙁

      Eu já assisti cada dos artistas e uns dois bbb, assim como já assisti outras coisas sei lá temos aí, procurando ver coisas melhores

      • Olha cara… é legal a gente criar um senso crítico pra avaliar aquilo que a gente tá vendo…. o que estou querendo dizer é que TUDO que você assiste te apresenta uma forma de comportamento a ser idealizado… todo conteúdo que você vê passa uma interpretação de mundo… Aí cabe a você compreender se aquilo te serve ou não…Cabe a você levar aquilo a sério a ponto de se devotar como religioso fanático, ou digerir de forma mais leve e descompromissada
        Não to querendo dizer aqui que ” você assiste roda viva = è um gênio”, “você assiste brasileirinhas = vai ser um maníaco do parque”, “Você assiste novela das oito = é um acerebrado”
        Mas sim que algumas pessoas são sugestionadas de uma forma bizarra por aquilo que assistem…Outras vão se apropriar do conteúdo que consomem da forma que lhes for mais conveniente…

  • Rogih

    É não tá mole eu antes via alguns canais de youtube meio que cegamente, mas algo sempre me incomodava eu não conseguia definir em palavras até que um dia eu consegui. Era só conteúdo vazio para gerar visualizações.

    Sabe aqueles vídeos da primeira página do YouTube então eu não assisto nenhum, aquele canal que está explodindo de visualizações eu não assisto, aquele canal de comédia eu também não assisto.

    O que eu tenho assistido são vídeos sobre como fazer coisas, ontem eu estava vendo sobre cortes de cabelo para ver se consigo melhorar minha técnica (eu mesmo corto meu cabelo).

    Eu aprendi a pular corda vendo vídeos no youtube.

    Minha meta é tentar ver coisas mais benéficas para mim, estou tentando ver menos sites de bobagens já que eu perco muito tempo lendo sites de notícias e as notícias sei lá parecem ser tão tendenciosas.

    Para mim o besteirol é como um vício e percebi que existe um jeito de usar a Internet de forma mais saudável.

    O que eu não gosto é de pessoas que dão voltas e mais voltas para contar algo, são elitistas de mais.

    Se eu sei um pouco sobre um assunto que bom para mim! Mas isso não me dá o direito de eu fazer chacota com os outros ou manipular essa informação aproveitando de quem não sabe

    • mariana cobra

      Mas se vc tivesse nos seus 12 anos estaria se matando de rir dos vídeos sem conteúdo…tudo o que vc disse vem com a maturidade intelectual.

      • Rogih

        Isso é verdade! Maturidade dos anos e maturidade intelectual são coisas bem diferentes, tem pessoas com 60 com a cabeça de 15 e pessoas de 20 e poucos com uma cabeça mais madura.

    • “O que eu não gosto é de pessoas que dão voltas e mais voltas para contar algo”

      nossa, falou algo q me irrita PROFUNDAMENTE! KKKKKKKKKK
      Tem gente q tem muita gente acompanhando e cara,a pessoa enrola HORRORES e sempre penso “meu como o povo consegue”? Será q sou mt ansiosa pq já fecho logo se tiver enrolando demais pra chegar ao ponto =(

      • Rogih

        Um dia precisava arrumar uma coisa em casa que eu não sabia, fui pro youtube e vi um vídeo 23minutos perdidos da minha vida, o cara só enrolou isso porque era especialista e profissional da área. Então em um vídeo de 4 minutos eu aprendi o que precisava bem objetivamente.

        Me pergunto o que é pior:

        Saber algo e não ensinar?
        Ensinar errado ou pela metade?
        Cobrar muito para ensinar pouco?
        Enrolar para ensinar?

        Ser objetivo é uma arte, eu mesmo queria dominar mais ela, para meus comentários ficarem mais curtos, mas acho que é meu momento de viver um pouco assim.

        • mas as vezes a pessoa fala/escreve mt e não enrolou, aí acho valido pq fica mais claro

          outras a pessoa fica so dando rodeiro achando q vai t manter lá e é bem ai q tu foge kkkkkkkkk

  • Laura Silva

    Tem muito youtuber ganhando muito dim dim mesmo, eu acompanho muitos e sempre acabo encontrando vc, Luiza, nos comentários de algum canal, o último foi no the noite rsrs. Gosto de acompanhar brasileiros que moram fora do país pq me interesso por outras culturas e de saber como eles vivem, sigo canais de maquiadoras pra tentar conseguir fazer aquelas maquiagens lindas, mas só sei fazer o básico mesmo (não sei nem colocar cílios postiços). Adoro canais de receitas, tô muito prendada já rsrs. Sem falar dos canais das bandas de rock e de resenhas de livros e estudos que eu sigo. Não entendo porque adolescentes idolatram aquela Kéfera. Li em uma matéria que ela fatura mais de 300 mil reais por mês com o canal, mas não vejo em quê ela acrescenta. Minha youtuber favorita é a Flávia Calina, gosto de ver como ela cria a filha dela.

    • Marcel

      Esses youtubers famosos eu só fui saber da existência deles recentemente, nunca vi um vídeo, só ouço falar do que eles falam e me parece que é só bobeira, e as crianças /adolescentes que trocaram tv por isso trocaram seis por meia dúzia, ou até pior porque no Chaves vc podia aprender algum valor para a vida.(as pessoas boas devem amar seus inimigos, kkkk) No youtube não perco muito meu tempo(seguindo canais), vejo umas coisas de pegadinha, recomendo o John Leitão, o melhor, engraçado sem ofender ninguém, e fico vendo clipes musicais.

      • Laura Silva

        É….. com Chaves dava pra aprender alguma coisa mesmo.

      • Filho Da Dilma

        Chaves e Chapolin, realmente sempre ensinaram alguma coisa.
        vide Roberto Gomez Bolaños.

    • “Não entendo porque adolescentes idolatram aquela Kéfera.” … Porque eles começaram a viver agora algumas coisas do mundo, ou a maioria deles ainda nem viu 1% do mundo… Como você espera que essa galerinha nova tenha uma visão mais crítica se eles ainda não somaram muitas situações na vida ou nem apreciaram uma mínima fração de conteúdos melhores?
      Eu olho pro meu passado de infância, pré-adolescência, adolescência e sempre existia alguma coisa tosca que era a coisa mais maneira do mundo. E eu duvido que qualquer pessoa na face da terra tenha algum gosto passado do qual hoje em dia não se envergonha.

      • Laura Silva

        São tempos muito diferentes. Hoje em dia as crianças brincam com tablets. Se vc viveu sua infância nos anos 80 e adolescência nos anos 90, provavelmente brincava ao ar livre, com coisas que hj beiram a quase extinção e teve que fazer muita lição de casa, consultando livros e não o google. Sem falar que deveria curtir muitas bandas que fizeram sucesso na época, e talvez até gostasse do Jaspion. Não existia pessoas expondo suas vidas na internet e nem disseminando suas opiniões por aí, que querendo ou não influenciam quem ainda está em formação. Por isso acho pertinente filtrar o que assistem. Existem as exceções, muitos acessam conteúdos melhores. São bem orientados pelos pais ou pelo bom discernimento. Entendo que haja a inexperiência da vida e interesses próprios que vão de acordo com a idade, mas que rumo esse mundo vai tomar com uma geração dessas? Instantâneos feito miojo. Duas épocas distintas, com seus prós e contras.
        Eu não me envergonho de nada que eu tenha gostado. Sério.

        • é eu nasci em 90… sim sou fã do jaspion e do Kamen rider até hoje (que são coisas toscas se pararmos pra ver)… Mas é em parte da sua resposta que está o que eu quis dizer… Uma pivetada de 12 ou 13 anos, sem ninguém como referência pra conversar acaba tomando essas coisas grotescas como exemplo…
          Alguns podem depois se questionar quando perceberem o quão esses maus conselhos afundaram suas vidas mais ainda… outros seguirão assim mesmo…
          E mesmo assim até em antecedentes existem exemplos toscos de mulher que fala que ” homem não presta”, cara que fala que “mulher gosta de dinheiro e quem curte peru é bicha”… e várias outras bizarrices mais….
          De conselho bizarro o mundo tá cheio, não aumentou agora.. só o acesso que é mais rápido. Porém o acesso aos bons tbm está instantâneo…

      • mariana cobra

        Seu passado te condena…olha quanta gente ridícula habitava os anos 80/90:
        Xuxa; Eliana; Mara Maravilha; desenhos japoneses com monstros gigantes; Didi e uma infinidade de citações de gente que não agregava conteúdo…então se a galerinha de hoje curte Kéfera, Paulo Gustavo e CIA vamos respeitar, é a vez deles de passarem por momentos de vergonha alheia.
        No mais não tenho vergonha de nada que gostava…assumo que amava as Spice Girls e será que isso me faz menos ou mais inteligente?

    • adorooooooooooooooooooooooooooooo o The noite!! Nunca assisto na TV, mas no youtube quase sempre!

      Na verdade, todo vídeo q assisto eu comento algo, isso é bom pro Youtuber, aí se gosto dele, eu comento. Ou seja, vc me verá muito ainda kkkkk

      Ou as vezes não conheço mt o canal, mas curti o vídeo e comento pra dar aquele “up” e a pessoa não se sentir falando sozinha (sei lá, me solidarizo com a raça pq sei mais ou menos oq eles passam kkkkk)

      Quanto ao salario da Kefera deve ser bastante, só não sei se chega a 300 mil não! Se chegar CARAIII OLOKO MEU! KKKKK

  • Rodrigo Silva

    Eu não faço nada com nada e não tenho ambições… AH NÃO! EU SOU BURRO!

  • Sinceramente, desisti da maioria dos canais de youtubers….realmente nesse ponto o youtube perdeu a graça.. Todo mundo é dono da verdade, todo mundo oferece as melhores dicas de sexo, todo mundo tem o papo mais legal do mundo pra te apresentar… e muitas vezes da boca de gente que ficou a vida inteira no orkut, depois no facebook e mal saiu pro mundo…
    Mas é simples… você digita outro assunto do seu interesse… e assiste outra coisa, ou desliga o pc e vai ver um DVD ou ler um livro…

    • Nossa,eu assisto muito canal legal no Youtube, tanto para rir, quanto para aprender coisas. O youtube tem muito mais opções do que um canal de TV. Muito mais mesmo kkk

      tem por ex o “você sabia”? e uns canais de humor q rio horrores mas prefiro não falar aqui kkkkkkkkkkkkkk

      e quanto “as melhores dicas”, ninguém tem as melhores dicas do mundo em nenhum assunto (sempre batemos nessa mesma tecla), por isso q a gente se junta e compartilha ideias. Nem medico tem as melhores dicas “um só”. Eu ao menos pego dicas com uns 2 e ainda pesquiso na Internet pra chegar a uma “quase perfeita” q mesmo assim ta longe de ser perfeita

      • Bom por isso que eu disse maioria ahuahuahauhua
        dá um desânimo de vez em quando que na home brota uns canal tosco que você nem é inscrito… principalmente em dia que você tá meio sem idéia do que ver… é raro acontecer isso comigo, mas essa semana foi enfadonha nesse nível…

  • mariana cobra

    Pra mim a imbecilidade reside em julgar seus vídeos, BBB, Kéfera, novelas, telejornais ou qualquer tipo de entretenimento como ruim ou bom.
    Isso é ridículo pq parto do pressuposto de que meu tempo livre é MEU e passo ele como quiser, isso jamais irá definir se sou culta ou acéfala.
    E os “adultos” de plantão deveriam colocar a mão na consciência e relembrar as coisas ridículas que venerávamos na infância/adolescência.
    Por fim, as vezes prefiro conversar com uma pessoa polida/educada que com uma pessoa culta/dona das verdades intelectuais…isso é cansativo!

    • Eu tento fazer 90% do canal com algum conteúdo, MASSSS nos outros 10% se a pessoa der risada ou se distrair parece muito bom tbm

      o cérebro precisa de descanso, de coisas mais leves, não dá pra ficar ligado 24 horas por dia querendo ler/ver culticidade o tempo inteiro kkkk

  • Minionpornor

    Ai, Luiza, minha paixão. Você atraiu com esse vídeo, só gente intelectual que gosta de escrever textão… Que preguiça de ler esses comentários.
    Só sei que se existe uma vantagem nessa tal de internet, é a possibilidade de escolher o que você quer ver. Então, se tem gente alienada, é quem ainda assiste televisão. Mas o que eu sei??? Cheguei bêbado às 03:00 da manhã em casa e ainda comento num blog. Pode ser que eu seja um retardado…

    • Mas então todos os blogs e todos os programas de TV só passam coisas retardadas?
      E oq seria uma coisa retardada?
      E será q a gente viveria só de coisa “cult”? E o retardamento não seria bom pra dar uma aliviada e depois até “raciocinar melhor”? Como se fosse uma espécie de recreação?

      • Minionpornor

        Não morrr… Eu quis dizer que o que é retardado pra vc, pode não ser pra mim. Temos o poder da escolha. Ver o que queremos, quando queremos e formar nossa própria opinião à respeito.
        Já na TV (me refiro à aberta) vc ainda fica preso à grade de programação, horários e àquilo tudo.
        Tipo, imagine que vc gosta muito de TV e acha Zorra Total ou Praça é Nossa, programas retardados. Vc não tem grana pra sair ou pra alugar um filme, o que vc faz no sábado à noite??
        Sei lá se me fiz entender…

        • ou seja, vc disse basicamente o mesmo q disse no video

          achei q c tava falando outra coisa ei fiquei meio boiando tentando entender a logica kkkkkkk

  • Pain28248 .

    Eu curto, mas sei lá! Só acho esses temas que vcs tratam meio que desnecessários! Digamos, vcs só retratam o que todo mundo já sabe sendo que dando a opinião de vcs. Eu gosto de rir e vejo vídeos engraçados de vez em quando, mas quando quero rir, não vou ver vídeos do pergunte a uma mulher pra isso, eu vou assistir chaves, Todo mundo odeia o Chris, vídeo cacetadas. Bem, já existem vídeos sobre esse segmento.