Tenho Hepatite C, vivo insegura e levando chifre!

43

Leitora: Tenho 25 anos, sou casada, tenho uma filha e não ando bem no meu casamento. Sou insegura demais, tenho Hepatite C e sofro muito preconceito quando falo sobre isso com as pessoas… Meu marido já me traiu 3 vezes, eu perdoei e ele faz de novo sempre… quero dar um basta nisso mas tenho medo de ficar sozinha… na maioria das vezes ele é carinhoso comigo, faz as coisas que eu quero, me trata bem, mas vire e mexe descubro traição da parte dele. Nunca peguei ao vivo mais sim pelo whats, SMS e ligação.. Ele sabe q tenho Hepatite C,o que vocês fariam???

Tenho Hepatite C, vivo insegura e levando chifre!

Amiga, eu e os comentaristas vamos te ajudar, mas de todo coração: depois de terminar de ler o que a gente disse, procure um psicólogo! Ou se não quiser um psicólogo, me procure a partir das regras de consultas e perguntas. Mas no seu caso, acredito que será um psicólogo mesmo, ok?

O que que tem você ter Hepatite C? Se ele tiver algum preconceito ou problema com isso, que se separe, oras! Onde já se viu, legitimar traição por causa de uma doença da parceira? Se todo mundo pensasse assim, o mundo estaria perdido minha amiga. Depois que no fundo você sabe que seu marido está sendo mau caráter e egoísta, porém, você gosta tanto dele e tão pouco de você, que prefere colocar a culpa em si mesma. E outra, às vezes você nem o ama tanto quanto pensa, mas tem tanto medo de ficar sozinha, que acaba depositando todas as suas forças em quem você acha que “seria o único a te aturar” e chama isso de amor.

Sabe aquele clichê que diz que enquanto você não souber viver bem em sua companhia, nunca será feliz? Pois é, você está sendo a prova disso!!!!! Seu marido te trai não é porque você tem Hepatite, mas sim porque você não se respeita, o que faz com que ele te respeite menos ainda. Sem contar a propensão natural de traidor que ele tem aliada ao fato de, muito provavelmente, ele já ter sacado que você não pretende largá-lo. E é aí que ele fica se achando o pica dura, né?

Minha dica?

1- Procure um grupo de portadores de Hepatite C na sua cidade ou até mesmo no facebook e demais redes sociais (se for pela internet, analise bem antes de se abrir com as pessoas – mas se você conhecer alguém confiável, será show de bola!). Deve ter, basta dar uma “googlada” e procurar. A partir disso, tenho certeza que você conhecerá muitas mulheres que são extremamente amadas pelo marido, independente da doença. E aí você se tocará do óbvio de que nada justifica uma traição, até porque ele é livre para te largar caso queira (assim como você também é, então, fica a dica!).

2- Hepatite C é uma polêmica eterna em relação a ser ou não uma DST. Alguns médicos dizem que não, outros dizem que pode ser transmitida sexualmente sim, ainda mais se você transar menstruada ou com cortes. Mas na real? Isso não faria diferença nenhuma no quesito fidelidade dele, mas sim se vocês usariam camisinha ou não, etc. Ou seja, mais uma vez não justifica a atitude que ele sabe que te machuca.

3- Leia as dicas para elevar a autoestima, porque se você procurar o psicólogo que te sugeri e também seguir as dicas para se amar mais, será consequência natural você não só ficar com vergonha do tanto que aturou o ex (se ele não mudar, vai virar ex, não vai? rs), como se sentirá boa o bastante para encontrar um melhor. E se não encontrar, se sentirá boa o bastante pra ficar bem consigo mesma, que é melhor do que ficar levando chifre e chorando largada, né não?

Tanta gente aí com problema, com doença, com deficiência e mesmo assim amando e sendo feliz. Seu caso só será diferente se você quiser.

Até mais!
 
 
Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Monalisa

    Moça, se ele está com você e escolheu isso, ele tem que te aceitar com doença e tudo! E cumprir com as obrigações dele de homem e não trair! Sinceramente ele não tem nenhum respeito não acredito que essa relação vá para frente.
    Como a Luiza disse, procure pessoas com a mesma doença que você, e compartilhe experiências.
    De um ponto final nisso. Procure pessoas de que você gosta, peça apoio. Separe, e vá morar com seus pais, parentes, amigos e etc. Se não tiver emprego , arrume, leve seu filho, exija pensão e vá viver sua vida. Ninguém merece passar por isso. Sua hepatite nunca foi motivo para traição.

  • mariana cobra

    A primeira coisa que veio a minha mente foi “qual a ligação da doença dela com a falta de caráter de seu companheiro?”.
    Menina, vc consegue ouvir o que diz?
    Dessa vez não me sinto apta a dizer o que vc deveria fazer pq isso é muito óbvio (largá-lo) e concordo com a Luiza que vc deveria procurar uma ajuda psicológica e se vc não tiver meios ($$$) o SUS provém, assim como faculdades de psicologia tbm fazem esse tipo de atendimento.
    Erga a sua cabeça e veja que há mais no mundo do que a merda que vc recebe e que pensa que é amor!

  • Carlos

    Acho que a primeira pergunta que todo mundo se fez: O que tem a Hepatite com o resto?
    Pensando um pouco, acho que essa é a forma como você se “carimba”.
    Tem um problema grave e sem solução, você seria alguém “menor” e então dá pra começar a entender. É o que repetidamente constatamos por aqui e na vida cotidiana.
    Quem se acha menos, não luta para ter mais.

    Cara perguntadora, reforçando a dica da Luiza, procure ajuda externa, de preferência terapêutica. Você não ocorre o risco da solidão, já está, de certa maneira, nessa condição. O fato do seu marido não cumprir o pacto de fidelidade constantemente é uma prova disso. O que muitas mulheres não suspeitam, é que muitos homens são mais dependentes de um porto seguro para onde voltar, do que elas próprias. Você parece estar atrelada a uma relação de conveniência e medo.
    A reconstrução não é tarefa fácil, nem imediata, mas é necessária. A sua situação, pelo exposto no texto, não parece ter perspectiva de melhora, sem que você tome uma atitude drástica.

    • acho q como ela tem mt baixa autoestima, quis justificar o erro dele, e aí como certamente ter hepatite é “o maior trauma dela”, ela joga tudo nisso.

  • Rogih

    Ser portadora de qualquer doença não da direitos para ninguém te tratar mal, te sujeitar a situações degradantes, fazer chantagens ou te trair ok?

    É bom fazer terapia e procurar grupos de pessoas que tenham essa doença para conversar e aprender a lidar melhor.

    O relacionamento abusivo tem que acabar, se separa,pois o fato de você ter hepatite c, não te castra como mulher e não é só esse homem que vai te satisfazer e fazer feliz.

    Você da uma certa segurança para ele, te trair e voltar, ele deveria ser solteiro para fazer o que quisesse.

    Se põem em primeiro lugar, ninguém quer ficar com mentiroso e traidor, você não é tapete para ele pisar em você assim. Você só tem que falar que tem hepatite c, para seus futuros parceiros sexuais por respeito e para usar preservativo, fora isso não interessa e não se importa com o que os outros pensam, ninguém esta na sua pele além de você mesma.

    • pois é, só espero q ela nunca tenha falado pra ele q entende ele trai-la, pq só falta

      infelizmente =(

      • Rogih

        Eu não duvido viu! Porque quando estamos com autoestima baixa, pondo a outra pessoa em um pedestal e ficando de joelhos para nos diminuir e a outra pessoa parecer superior, somos capazes de fazer e falar muita coisa errada, e nesses casos a primeira coisa que fazemos é sambar em cima da nossa própria autoestima, servir de tapete para os outros pisarem, para talvez o outro não nos deixar ou parar de amar, ou seja apego e ilusão 🙁

        Estou lendo seu blog de trás para frente, estou no começo de 2015, indo para 2014, tipo na pagina 11 e tem quase 100, está sendo muito interessante e instrutivo, o problema é que eu tenho perdido um pouco de tempo lendo os comentários, tava lendo hoje umas brigas, tinha um cara que se achava muito feio, outro que era o pequenino, hahahaha cada figura, mas ficou melhor daquela época pra ca não ficou?

  • N.S.

    Cara leitora, senti no seu comentário uma forte tendência a atenuar problemas. “Sou insegura demais, tenho Hepatite C e sofro muito preconceito quando falo sobre isso com as pessoas” Uma coisa é se abrir para uma pessoa, outra coisa é se expor. Não digo que você deva esconder, mas qual o motivo que te leva a contar algo tão pessoal? Para que os outros tenham piedade de você? Te vejam como uma vítima de injustiça? Justificar o erro do seu parceiro? Justificar o porquê de permanecer nessa situação?

    “quero dar um basta nisso mas tenho medo de ficar sozinha”. Acredito que você deve reformular o conceito de se estar só. O que é estar acompanhada pra você? Ver um programa de tv com um ser masculino ao lado? Dividir a cama com alguém que convenientemente não te aceita? É ser traída e sempre justificar o injustificável?

    E, para mim, a parte que mais me chamou a atenção: “Nunca peguei ao vivo mais sim pelo whats, SMS e ligação” E o que isso muda? Você esclarecer que nunca pegou ao vivo nada mais que é sua negação. Sabe, leitora. Eu sei, você reconheceu os erros dele. Mas a verdade é que não acredito que você tenha sentido, no campo emocional, a dimensão dos erros. Você tenta se proteger, mas de uma maneira pouco saudável.

    O primeiro passo é reconhecer seu próprio valor. Enquanto se fizer de vítima, o universo trará situações que confirmem isso. Me parece que você crê que se seu marido te valorizar, quem sabe você se valoriza também, né?! E se os outros aceitarem sua doença, quem sabe você aceita também. Veja bem, leitora. Sua ordem está invertida: o primeiro passo é seu. Somente seu. Só você pode se valorizar e se aceitar. Quando o fizer, as coisas começarão a se encaixar. Boa sorte e boa jornada! Namastê! =)

    • Amanda

      Você arrasou!!!!! Muito boa resposta, realmente tomara que ela consiga enxergar o que de bom há nela, pois com uma sociedade desta forma (julgadora, ignorante e preconceituosa) ela não terá retorno, e entender que esta doença não a desqualifica como pessoa, porém sua postura diante aos seus desafios e problemas pode sim fazê-lo, enquanto ela ter esta postura será sempre a vítima da sociedade…. torço para que ela possa recobrar toda sua importância, beleza e valor a tempo!!!!

    • Paulo

      “Me parece que você crê que se seu marido te valorizar, quem sabe você se
      valoriza também, né?! E se os outros aceitarem sua doença, quem sabe
      você aceita também. Veja bem, leitora. Sua ordem está invertida: o
      primeiro passo é seu. Somente seu. Só você pode se valorizar e se
      aceitar.”
      Considero essa uma daquelas situações que seria o certo, mas é uma pena que não funciona muito bem, na sociedade a opinião que realmente conta é a de quem esta na posição de julgamento, logo essa opinião é tida como verdade.
      vejamos Van Gogh, e mais de uma ocasião tentou trocar seus quadros por um prato de comida e não conseguiu, pois a “verdade” do avaliador considerava seus quadros ruins, acredito que o próprio van os considerava muito bons, mas que diferença isso fazia! Hoje os mesmos quadros valem milhões, logo são muito bons e a única diferença entre agora e antes é a posição do avaliador

      • N.S.

        “na sociedade a opinião que realmente conta é a de quem esta na posição de julgamento, logo essa opinião é tida como verdade.”. Mas isso não ocorre de forma obrigatória e é alterável. O indivíduo pode escolher quem mais valorizar: a própria opinião ou a da tal “sociedade”, que sequer sabe quem é você ou do que é capaz.

        Por exemplo, eu. Antes, eu não dava credibilidade a mim, mas à sociedade, porque eu achava que tinha problemas psicológicos e era duramente criticada por pensar diferente. Com autoconhecimento e autoaceitação, percebi que não era bem assim. Ou seja, a opinião da sociedade a meu respeito não mudou, mas a minha opinião sim. E essa é a minha verdade, que pode ser diferente da sua. Por isso, eu constantemente digo que não há verdade; há apenas versões.

  • Faah Dias

    Amiga, uma coisa não tem nada a ver com outra. Você estar doente não justifica, e mesmo que não estivesse doente também não justifica o fato de ele te trair. Ele faz isso pq não tem caráter, não tem respeito algum por ti e nem pela filha que vocês tem.
    Faça algo pra melhorar, mas por você e não por essa relação tóxica que só serve pra te machucar. Procure ajuda, pessoas ou relatos, pq você não precisa deixar de viver por conta disso e é uma doença que tem cura. Tome os remédios direitinho, faça tudo conforme o médico te orientar, trabalhe, cuide de si e da sua filha, se arrume, aproveite sua vida e saia desse relacionamento que só te faz mal.
    Com certeza, assim que você se afastar de tudo o que te faz mal, se curar, você vai encontrar alguém que te ame, que te respeite e que cuide de você de verdade. Achei esse site e acho que vale a pena dar uma lida, principalmente nos relatos de quem já passou por isso. http://hepatite.org.br/

  • Eros Himeneu

    Moça do relato, não sei se é o caso, mas seu marido pode ter uma doença ou dificuldade também. Mas como assim doença? Bem, eu também sou casado e amo minha esposa e filhos, mas sempre dava umas puladas de cerca. Descobri há cerca de 1 mês que o meu problema era tipo uma depressão, algum tipo de ansiedade sexual. Comecei a fazer tratamento com antidepressivo e não penso mais em trair a minha esposa desde que comecei a tomar meus remédios. Enfim, vejo muitas mulheres nesse site falarem de caráter, mas não concordo plenamente, existem casos e casos, por exemplo, você diz que o seu marido lhe trata bem, faz tudo certinho, e se você já o perdoou então significa que ele é bom para você, se ele é bom então não acredito que seja algum desvio de caráter. Quando o homem é mau ele é mau, mas se ele é bonzinho, tem bons valores, etc.. mas pula a cerca às vezes, você deve considerar o que eu lhe digo, pois pode existir um final feliz para vocês. Vocês tem um filho juntos, vejo mulheres na minha cidade se separando e ficando pior do que antes, portanto procure sempre manter a família unida, sou muito grato pela minha esposa que está comigo até hoje, foi ela inclusive que marcou a consulta no psiquiatra para mim.

    • Marcel

      Depressão dá vontade de trair? kkk, novidade para mim. Acho que sua mulher mandou para o psiquiatra esperando que ele desse alguma coisa para diminuir sua libido.

      • tb acho kkkk

      • Monalisa

        Para mim também é novidade!

      • Eros Himeneu

        Lembro da minha esposa me dizer: Eros, você parece que nunca se sente realizado sexualmente. Eu não percebia o que estava acontecendo comigo, se eu tivesse uma noite de amor maravilhosa com a minha esposa, em 2 dias eu já estava faminto novamente, nervoso. Era uma ansiedade imperceptível para mim, eu achava normal e achava que precisava de mais sexo, ficava com raiva da minha esposa mesmo ela fazendo o possível. Quando comecei a tomar os remédios a libido foi a 0 nos primeiros dias e me senti aliviado, o médico até cogitou trocar o medicamento, mas eu falei pra continuar. Faz 1 mês agora que estou tomando os remédios e a libido está normal, estou vivendo uma felicidade interior, me sinto livre de uma maldição.

    • ou ele é bom pra ela, ou ela ruim demais pra ela mesma a ponto d aceitar qualquer coisa? =(

      acho q vc foi diagnosticado como uma especie de ninfo, sera q nao? Ninfomania mts vezes tem a ver com uma especie d ansiedade, de descontar nas coisas sabe? Mesmo q mt gente nem pense por esse lado

      uam pergunta: sua esposa descobriu a traição?

      • Monalisa

        Essa foi a desculpa mais esfarrapada que eu já li Luiza!!!! Ri litros aqui em casa! Imagina o meu namorado e o seu namorado dando uma desculpa dessas? IMagine se fosse o contrário? Mulher dando essa desculpa? iam chamar de todos os nomes feios possíveis! Porque tem se a ilusão de que mulher não gosta de sexo, e que não se incomoda. Nos incomodamos sim! mas nem por isso é motivo para trair.

        Então quer dizer se o cara for carinhoso e pagar as contas, for um bom pai , é pretexto para trair? Tudo acima é mais do que obrigação! E não trair é mais que obrigação também, é o minimo! Porque se não consegue controlar a libido que fique solteiro oras. Se os papeis se invertessem a mulher ia levar pedradas na rua! duvido que teria essa compreensão toda do sexo oposto.

        • é que o povo confunde papo de poligamia com papo d traição, sendo q uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisakkk

        • Eros Himeneu

          Monalisa, pelo contexto não acho que eu esteja dando desculpa, eu estou anônimo aqui, para quem eu estaria me desculpando? O meu relato pode servir para você e para a Luiza, caso vocês um dia se casem e tenham filhos, e na correria do dia a dia, no stress dia após dia, se vocês notarem seus maridos mudando de comportamento, não custa dar uma corridinha com eles no medico de cabeça rsrs.

      • Arianny

        Tem pessoa que sofre de transtorno bipolar que podem ter comportamento sexual alterado com o aumento do libido e ter mais necessidade de sexo na fase de mania.Por isso fiquei curiosa e fiz a pergunta pra.

        Mas a maioria da população sofre de transtorno de safadeza msm.

      • Eros Himeneu

        Oi Luiza, é algo no sistema nervoso relacionado com ansiedade sim, e minha esposa não chegou a me pegar e nem a ver mensagem, mas ficou sabendo sim e tivemos discussões e ela me pediu de joelhos para mudar.

        • e como ela ficou sabendo ?

          • Eros Himeneu

            Cidade pequena, aqui fofoca é o “esporte” mais praticado rsrs

    • Arianny

      Eros fiquei curiosa agora tem como explicar melhor esse diagnóstico?Pra homem tem outro nome não e ninfo, mas não seria esse seu caso?

      • Eros Himeneu

        Arianny, ainda estou no começo do tratamento e o psiquiatra disse ser depressão e me passou o antidepressivo Venlafaxina. Engraçado que há 5 anos atrás eu comecei a urinar muitas vezes ao dia, urinava a todo momento, inclusive de madrugada. Fui em vários médicos e todos desconfiavam ser diabetes, mas os exames estavam pefeitos. Na época fui num especialista no Hospital Albert Einstein e ele me me examinou e disse que eu não tinha problema físico, mas me receitou calmante, disse que poderia ser o sistema nervoso. Eu não levei a sério e passados 5 anos, comecei a tomar o antidepressivo e o problema da urina se foi junto com o problema da libido exagerada. E tudo isso acontece de forma imperceptível, Imagino quantas pessoas podem estar sofrendo com algum tipo de transtorno no sistema nervoso como eu.

    • Monalisa

      Novidade para mim 2.. kk

    • anderson

      cuidado com esses papos galera!!!….. tem gente que trai por que é safado e tem gente que trai porque tem probleminha de cabeça mesmo!!!! isso vale tanto pra homem quanto pra mulher!!! eu acredito no Eros,e não é porque eu sou homem,é porque eu conheço de vista um manolo que era um lixo com as mulheres,até o dia que o cara passou a tomar gardenal,aí aquetou e até se casou…..

      • Monalisa

        Muito difícil de acreditar nessa patologia que leva homens a trair =/. Antes era ” o homem tem necessidade de pular a cerca para se autopromover como macho, é a natureza masculina”. Homem sempre usou essa justificativa para trair, Agora, não cola mais, virou doença? com certeza ela foi inventada então por um psicologo homem que traia a mulher! kkk

      • Eros Himeneu

        Anderson, realmente tem casos e casos, mas referente ao probleminha de cabeça, esse pode acometer qualquer pessoa, com a vida corrida de hoje em dia, excesso de compromissos, filhos, etc… todos podem sofrer um dia, alguns podem sofrer com a libido, outros podem sofrer com o peso, ansiedade pode levar a obesidade por exemplo.

  • anderson

    posso dar minha opinião???

    O QUE TEM HAVER O CÚ COM AS CALÇAS???

    a moça tem hepatite??? grandes bostas….isso não é desculpa

    tem amiga minha que tem AIDS e tá noiva,vai casar!!!!e eu fui convidado pro casorio!!!tá marcado pra junho agora!!!! eba!!! vou comer cajuzinho dinovo!!!!!! XD

    a única desculpa minimamente aceitavel é se o cara sofre de algum disturbio pisicologico,mas pessoa com problema de cabeça geralmente sofre e chora com a situação,e procura ajuda,o que não me parece ser o caso…

    desconfio seriamente de uma crise de falta de vergonha na cara cronica,e o principal sintoma é ter as traições descorbertas e não ficar constrangido,pelo contrario,ele vai lá e faz dinovo….

    • Ô saudade de ir num casamento com rango bom kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      teve um aqui em ctba q fui e era café com leite e pão,tipo colonial, só q pobre =(

      quero a felicidade do casal, quero, mas tbm quero comer, sou gorda mesmo e foda-se kkkkkkkkk

      • anderson

        serio mesmo?? café com leite pros convidados?? daqui eu senti a sua dor 🙁
        sinta-se abraçada XD

        • tinha pão tbm, mas cara, nada q não tivesse no meu café da manha

          mas eu tenho histórias mais polemicas d casamento pra ocntar

          podia fazer um video kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          • anderson

            faz aí um video,eu também já fui em festa que eu voltei com mais fome do que eu fui…..XD…. 🙁

      • Stan Lewis

        café com leite? acho que tu entrou num ‘chá da tarde’ sem querer rsrs

        • nessas horas eu vejo q tem mt gente mais pobre q eu kkkkkkkk

          • Stan Lewis

            kkkkkkkkkkk concordo!

  • Tiago

    Procure um grupo para portadores de epatite c, arrume um cara lá e seja feliz.

  • Thomaz Aquino

    Minha cara ..pessoas traem sem a outra ter ipatite, sem motivo , se ele te trata bem , etc..melhor conversar claramente..Sobre Whats , Etc..hoje em dia e um tal de converssinhas pelo Whats..depois da internete virou ou inferno , não que não traiam antes , só que a internete deixa pistas…..
    Epatite tipo C , não e pior que câncer ,e não te faz inferior a ninguém… Muito menos a se submeter a traições… Eu não.sei ate onde chega a sua dependência dele..mas se for muita , procure ajuda , como a Lu disse , grupos , psicólogo ..
    Olha Amiga , com ou sem epatite vamos morrer um dia , e e muito triste ver um.defunto saudável… Tem gente por aí que está esbanchando saúde..e daqui 6 meses estará morto , eu conheci , muita gente saudável que já morreu , acidente de carro , leptospirose , dengue Hemorrágica., câncer, essas coisas surgem do nada… Estamos todos a mercê , ninguem esta imune a nada nessa vida…não e porque hoje seu marido está bem..que estará daqui um.ano.., portanto se está num.relacionamento com você , deve te respeitar…
    Não valorize esse doença e sim a você.. Imponha se..chega e fale..diga o que pensa a ele francamente..se não resolver , procure um jeito de se separar….
    Está cheio de Homem a procura de mulher decente …
    Procure estar perto de pessoas que te entendam , que gostem de você.. Não deixe ninguém te humilhar…

  • Stan Lewis

    Você acha que ele está te traindo porque você tem hepatite C? Se o cara não pára de te trair, por quê ainda está com ele?

  • Nicolau Nicolas

    O E-book [Método Dukan – Emagreça Sem Sofrimento] é um guia completo para quem busca emagrecer de forma fácil, rápida e saudável.

    Este conteúdo é indicado para as pessoas que já tentaram de diversas formas emagrecer e não conseguiram.

    É indicado também para quem já emagreceu e voltou a ganhar peso, pois emagreceu da maneira errada.

    Forneceremos todo o conteúdo necessário para um emagrecimento rápido e por incrível que pareça, sem sofrer ou passar fome.

    Com este método, você vai aprender a se alimentar da forma correta, saberá quais são os melhores alimentos para incluir em sua dieta, terá um cardápio semanal, que vai lhe orientar como deve comer e as quantidades. Porém forneceremos também de BÔNUS um livro de receitas Dukan, com mais de 100 receitas fáceis, rápidas e praticas que podem ser adicionadas a dieta.

    Nós vamos ajudar quem realmente procura emagrecer!

    Garanta já o seu E-book “Método Dukan – Emagreça Sem Sofrimento” no link: http://hotmart.net.br/show.html?a=C4028461H e emagreça com saúde e sem sofrimento!