Sempre quis ela com outra, mas agora que ela arrumou, tô com medo!

60

Leitor: Olá. Tenho 23 anos e tenho uma esposa de 21. Ela é a primeira e única mulher que me relacionei na vida e eu sou o terceiro que ela teve relação sexual. Eu sempre comentei que gosto de ver sexo entre mulheres e tenho vontade de ver ela com outra. Recentemente ela conheceu uma lésbica e decidiu que quer fazer sexo com ela, mas sem eu estar presente e eu, que sempre incentivei, agora dei pra trás com medo, pois a mulher viria até nossa cidade para se encontrar com ela em um motel.

Não sei o que me deu, ciúmes ou insegurança dela me trocar por que sei que ela pode gostar muito mais do sexo com a mulher do que comigo (a mulher é experiente). Elas já trocaram videos, fotos e mensagens bem picantes. Toda hora eu mudo a minha opinião. Ao mesmo tempo em que eu quero deixar ela fazer sexo com outra, eu não quero, com medo dela gostar tanto e nossa relação não ser a mesma. Será que eu devo deixar ela arriscar porque ela está com muita vontade ou devo esperar até que nós estejamos mais maduros, já que somos um casal novo e sem muita experiência? Mesmo sabendo que ela me ama eu estou muito confuso com o que fazer. Obrigado.

ela-com-outra-mulher

Sabe aquela frase que diz: “Cuidado com seus sonhos: eles podem se tornar realidade”?

Ou a que diz: “Não aguenta, bebe leite“?

Pois é! Espero que esse seu caso sirva de lição para esse monte de homem que fica pedindo pra mulher transar com outra e que depois que o roteiro que eles imaginaram desanda, começam a chorar kkkk. Primeiro porque tem muita mulher que não gosta e só faz pra agradar vocês. Depois que, cá pra nós: no fundo vocês querem é se enfiar no meio, e aí na hora que arrumam uma mais esperta, que fala que não vai te levar, vocês ficam aí, chupando dedo e receosos kkkk. Sem contar que se você encontrar uma que gosta da coisa tanto quanto você – o que ao que tudo indica você tem medo que aconteça – aí que você se mija mesmo! =(

Te falta não só a maturidade, como se garantir mais meu amigo. Se você acha que só porque “a outra” é experiente que o amor que a sua cat sente por você,  ou até mesmo a atração que ela sente por homens vai por água abaixo, aí é porque de duas uma: ou você não confia nela, ou em você mesmo! O que de qualquer forma, tá errado! Não que você tenha que confiar nas pessoas, eu até acho bom desconfiar saudavelmente (por que né? kkk), porém, fica a lição pra próxima vez que for pensar em abrir o bico.

Agora que ela já tá vidrada na mulher, não acredito que seja o caso de apenas “não falar mais nisso e esperar ambos amadurecerem”, porque agora que tu já botou fogo na periquita, não é tão fácil assim apagar! O ideal nesse momento é se abrir mesmo, falar que ainda não se sente seguro, que pensou melhor e se arrependeu, e aí ver o que ela diz. E, independentemente do que sair pela boca dela, se você sentir que pela atitude ela ainda tá afim da mulher, procurem terapia de casal para saber lidar com isso, porque depois que a gente faz merda, não rola fingir que nada aconteceu que começará a feder cada vez mais. Ou seja, a única saída será tentar limpar o(s) traseiro(s)!

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.