Ele quer namorar comigo, porém, não tem grana nem tempo e ainda tem filho com outra!

30

Leitora: minha dúvida é: tem um cara que conheci pela internet há quase 2 anos. Ele mora em outro bairro e diz querer me namorar sério, porém, atualmente encontra-se desempregado, faz faculdade e ainda tem um filho que pega aos finais de semana. Ou seja, para me ver é um perrengue, ou está ocupado com provas e trabalhos ou está com o filho. Ele alega que é falta de grana pra me levar pra sair e eu acho que quando quer, dá um jeito… mas ele só promete e, ao me ver, não se esforça o suficiente. Espero as coisas estabilizarem ou desisto e parto para outra?

homem pobre falido

Nesse seu caso em específico, pra esperar as coisas se estabilizarem, tem que estar amando muito ou ser muito trouxa mesmo. Pensa só amiga: o cara é desempregado, com filho, não se esforça pra te ver e “a melhor” coisa que ele tem é apenas a promessa em te namorar sério. Por que de atitude tá mais falido do que porta de boate na crise, né?

Nada contra o cara não ter emprego, DESDE que ele tenha outras qualidades que compensem isso: como por exemplo o esforço, coisa que ele visivelmente não tem e que concordo contigo: quem quer dá um jeito! Depois que, se a grana tá pouca, o pouco que ele tem irá pro filho. E ele está certíssimo, visto que pai tem que colocar a família em primeiro lugar mesmo. Porém, me colocando no seu lugar, você também não é obrigada a pegar um galo depenado, né?

“Ai Luiza, que fútil! Só quer saber de dinheiro!!”.

Não é isso povoréu! Como disse, o maior problema não é a falta de dinheiro: é a falta de esforço, acumulada com mais uma porrada de OUTROS problemas que o cara tem. Sem contar que assim, não acho justo, caso você tenha dinheiro pro busão e pro hotdog, ter que “sustentar” ou aguentar o constrangimento de sair com um cara que não tem dinheiro nem pra comprar o papel higiênico pra limpar a bunda. Sem contar que, posso ser maldosa, mas não sei nem se quando ele fica avisando que não tem dinheiro não é jogação de verde pra ver se tu paga algo (para enfim poder sair com ele?) kkkkk. O que não teria problema nenhum, DESDE que mais uma vez, o cara tivesse esforço, valesse a pena e não fosse folgado. Ou seja, isso não poderia se repetir sempre.

E por falar nisso: como tá esse lance do emprego dele? Ele tá procurando pelo menos? Fala pro bofe vender docinho, comida, sei lá, qualquer coisa. Aqui no prédio mesmo tem um tio que vende esfirras maravilhosas e eu mesma vivo comprando! E ele nem sabe fazer *pn! No caso, ele se juntou com a esposa que faz e ele vende. Porém, no caso do seu boy, ele poderia se juntar com a mãe, tia ou qualquer pessoa que possa dividir o trabalho que ele não sabe fazer! Ou dependendo da água batendo na bunda, aprende e se vira nos 30 sozinho mesmo, né? rs.

Fala pra ele: menos mimimi e mais mão na massa! Teve peru pra fazer filho e agora não tem nem dedo pra atualizar currículo, aprender algo ou procurar emprego?

Boa sorte, você vai precisar!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.