3 dicas para parar de “enrolar”/postergar

8

“Hoje não, deixa pra amanhã”.

“Hoje é sexta, começo na segunda”.

“Ah nem, tô com dor de cabeça, vai”!

Quem nunca postergou que atire a primeira pedra! Porém, se a tia Lu aqui acredita que pra tudo tem um jeito, bora parar de postergar – antes que seja tarde demais, tu fique com 60 anos reclamando que não fez nem metade das coisas que gostaria de ter feito na vida e, claro, diga que “deu tudo errado”.

No fundo sabemos que em grande parte será por culpa sua. Porém, pulemos essa parte e vamos para as dicas antes que a desgraça aconteça de fato.

Será fácil? 

Nops. Mas se tudo tem um preço, bora pagar que nem macho, rs. Por que, né? Nem chuva cai de graça.

Fechou!?

Fechô!

Então  bora lá:

3 dicas para parar de "enrolar"

Não basta ter uma meta: tem que usá-la como amuleto, escadinha ou como você quiser chamá-la. Inclusive (e principalmente?!) para todos os momentos de desânimo da sua life:

Não adianta ter sonhos se você só quiser correr atrás deles nos dias em que você tiver acordado linda, gostosa, maravilhosa e bem disposta.  Por que, né? Aí fica fácil não conseguir nada.

Na verdade, se a gente for pensar bem, é muito pelo contrário:

Você deve se inspirar e tirar forças do rabicó JUSTAMENTE naquele dia que você tá na merda mesmo: lembre-se que, se a vida fosse fácil, todo mundo estaria na Disney beijando a boca do Brad Pitt.

Quer arrego? Então conquiste-o!

Nesse momento tu liga o botão da automotivação e pensa:

“Putz, queria tanto esse pudim!!

MASSSSSSSSSSSSSSS….

Aí você se imagina de biquíni branco de lacinho e pensa:

“Tudo bem, comer frutas/tomar iogurte (ou qualquer outra coisa saudável que você goste) também é bom e esse “esforço” pagará em triplo o meu “sofrimento” de hoje”.

No fim, o segredo é sempre pensar no amanhã, porque se for pra pensar no seu “hoje”, tu só come, dorme e faz merda na vida.

Outro exemplo??

Tu pensa que quer parar de chorar todo dia por tal pessoa, MASSSSS, tá muito mais tentador se afogar no pote de sorvete e nas lamúrias com as amigas. Daí tu ouve a tia Lu aqui e pensa:

“Eu  vou é sair do sofá e procurar fazer as coisas que fazem o meu dia melhor, nem que eu tenha que forçar ‘saporra’!”

E em paralelo a isso você usa….

A regra do 30 segundos

Sempre que você tiver uma meta, é pra começar a fazê-la AGORA. NOW! SEM PENSAR! Tudo em no máximo 30 segundos! Do contrário, você certamente se entreterá com outra coisa, o dia acabará, e mais uma vez, você não fará o que gostaria ter feito enquanto mais uma vez dormirá sem essa. Sem contar que pensar demais também dá tempo de desistir… Já diria o sábio ditado:

Quem quer fazer tudo, acaba não fazendo m**** nenhuma!

Não adianta querer ir pra academia e ler um livro ao mesmo tempo. Chorar segurando foto de ex e querer ficar bem. Nem viajar o mundo se você gastou o dinheiro todo com os “birinights” e “casputa” da vida. Você precisa ter metas, e mais do que isso, cronograma para botar ordem na bagaça! E é aí que entra a tão sonhada agendinha, que a gente não bota fé, mas temos que botar!

Acredite: VOCÊ NÃO CONSEGUIRÁ SE LEMBRAR DE TUDO SOZINHO!

Ninguém é Deus pra querer estar em todos os lugares e saber tudo sobre todas as coisas ao mesmo tempo e sempre. Então, faça escolhas e anote tudo o que não é pra esquecer. Lembrando que antes fazer menos coisas, mas todas com início, meio, fim e bem feitas do que ficar mais confusa do que cego em tiroteio.

E engula o choro

Nada de ficar triste ou reclamar que é difícil. Fácil, pra quem quer ter felicidade na vida, é só assaltando um banco. Ou nem isso, porque provavelmente tu faria de uma maneira burra, seria pego pelos “puliça” e seria preso sem dinheiro – nem felicidade – nenhuma.

 E pra terminar a listinha, jamais se esqueça que:

 NetFlix, pokemon go, ou sei lá mais o quê, podem te esperar, a vida não! (Profundo, eu sei!)

Premie-se sempre depois de ter alcançado a meta do dia/mês/ano. JAMAIS antes! Pra qualquer batalhador, lazer é o tempo que sobra, não as horas fundamentais do dia 😉

Vamos à luta porque hoje tem labuta!

 

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Rogih

    Gostei das dicas, parabéns!
    Achei que escreveu muito claro e diretamente, continue escrevendo textos nessa linha, vai ser legal continuar lendo!

    • Pode sugerir temas sempre q tiver, nem sempre faço caso não tenha inspiração (claro kk), mas gosto mt d receber temas d vcs
      obrigada s2

  • Olho de Peixe Morto

    Olá Luíza,
    Eu tenho um problema muito sério com isso de postergar o que preciso fazer para depois. Normalmente uso de algo mais divertido ou interessante para ocupar o precioso tempo (procrastinando), e embora tente cortar essas distrações, acabo substituindo por outra, até mesmo ficar deitado ou dormir.

    Bom, desta vez eu estava enrolando (desde sexta-feira) para enviar um email, que pode resolver uma coisa importante para minha vida no momento.
    Dei uma acordada com seus incentivos do seu texto e terminei de escrever as outras 3 ou 4 linhas que estavam faltando no e-mail.

    Isso é um resumo do que costuma acontecer comigo como um ciclo. Às vezes começo a tomar as atitudes necessárias, mas depois começo a degringolar.

    Geralmente eu volto a me comportar como devo depois que o arrependimento e decepção já estão batendo e já sofri as consequências negativas dos meus erros.

    Realmente preciso definir minhas melhor as minhas metas e criar agendamentos. Costumo escorregar ladeira abaixo a partir dos pequenos desvios que então começam a se acumular.

    Abraços.

    • Olho de Peixe Morto

      Tem um vídeo interessante sobre essa loucura de deixar para depois.
      https://www.youtube.com/watch?v=arj7oStGLkU
      (Possui legendas em português)

      No final ele sugere usar um desenho como o conjunto dos dias restantes na vida da pessoa (um monte de pontinhos ou bolinhas) para tentar provocar a urgência que algumas pessoas parecem necessitar para começarem suas iniciativas.

    • Cara, o “vício” que pode ser cerebral, em jogos ou qualquer coisa, ferra muito a nossa vida
      já já vou poster um vídeo sobre pokemongo e oq fez comigo, e apesar da zoeira, é sério kkkkk
      E ainda q seja sobre um jogo, tem uma ideia muito mais profunda ai

      De qualquer forma, fiquei feliz q as dicas t animaram, e nunca se esqueça q se vc sabe q vai se arrepender caso não faça, use a regra dos 30 segundos e faça now!

  • Procrastinação… A palavra é tão difícil de dizer, que eu prefiro deixar pra falar outro dia…

    Auto… Auto sabotagem e autoestima. Enquanto uma sobe a outra desce. Adiar ao infinito, muitas vezes, é um reconhecimento subconsciente de ser incapaz. Medo de ser feliz. E os motivos podem ser ilusórios, frutos de traumas antigos, distorções na forma se auto perceber.

    Dividir uma grande tarefa em partes menores pode ser uma estratégia para diminuir a ansiedade e ajudar a ter prazer na execução dos objetivos, Você vê os resultados aparecerem e vai minando o pessimismo e o medo. Mas tem um problema, cuidado ao focarem demais em atingir metas, cumprirem prazos. Quem melhor curte a viagem, é quem aproveita até os momentos antes da partida, não quem se fixa no destino.

  • Jéssica Flores

    O post me lembra sobre os idosos no ambiente asilar. Aqueles que estão com inúmeros planos e desejos que gostariam de realizar e aqueles que estão apenas na expectativa de que algo diferente venha acontecer. O planejamento os motivam a viver, realizar, ainda mais! Já vi pessoas que tem apenas 25 anos e já se sentem “velhas” para tentar subir nos degraus da vida. A meta e a motivação devem andar de mãozinhas dadas sempre. hehe Beijo!

    • E eu que sou apaixonada por velhinhos fico bem triste quando dou ideia pra eles e eles já estão com a cabeça dura e tristes =(
      eu mesma tenho um vizinho q nem parece q mora aqui, pq não sai d casa nuncaaaa e tem depressão =(