Ele disse que depois da escola “terminaremos” e não sei como lidar com isso!

21

Leitora: Olá. Prometo ser breve, mas direta ao assunto. Eu tenho 20 anos. Fui mãe aos 16 anos (antes de ser mãe, tive um namorado… meu primeiro amor). Entretanto, com o passar dos anos, depois de me separar do pai da criança, eu o reencontrei novamente. A nossa situação atual é estável, nós namoramos, (ele não aceita muito bem o meu filho, não o ignora mas também não passa cartão) a pergunta é: o que devo fazer? Eu tenho 20 anos ele tem 18, eu sou mãe e mulher, já procuro uma vida estável. Ele só pensa em festas e bebida. A verdade é que nos amamos e já falamos em um dia vivermos juntos… estamos os dois no 12º ano de escola, ele disse-me hoje:  “não esperas que fique aqui preso para sempre, vou seguir a minha vida” o que significa que quando acabar o ano de escola é como se não existisse mais para ele. Já me sinto a sofrer e ainda faltam uns valentes meses para isso acontecer…. o que faço? Afasto-me já para não sofrer tanto depois 🙁 ou continuo a amar uma pessoa que depois pensa ir embora e reagir como se eu nem existisse e fui só a gaja que “foi a primeira namorada e lhe tirei a virgindade” ajuda-me!

Ele disse que depois da escola "terminaremos" e não sei como lidar com isso!

Amiga, pelamordedeus acordaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa! O bofe fala que depois da escola ele vai seguir a vida e você ainda acredita que ele te ama? Pense se tu falaria isso pro amor da sua vida? É claro que não! Na verdade, me dá até raivinha da forma que o povo fala sobre o amor:

Gosto de você = te amo.

Gosto muito de você = te amo.

Quero ser simpático porque você é legal e acho massa falar algo intenso = te amo.

E é por essas e outras que sempre falo para reparar na ATITUDE do boy, porque de mimimi e língua grande o mundo já tá cheio.

Depois que, se o cara ainda tá cagando pro seu filho, você quer o quê com ele mesmo? Namorado dá pra trocar, filho não. Tudo bem que ele não é obrigado a ter que criar um filho que não é dele, mas você tem a obrigação de, caso queira realmente ter um relacionamento estável, exigir um cara que ao menos se esforce para ser um bom padrasto, né? Visto que pai é um só e já sabemos disso.

Por fim, ele ainda adora festa e bebidas enquanto você procura totalmente o contrário disso e ambos são ainda muito jovens. Acho que o mundo já te deu a resposta, você não acha? Tasca o pé na bunda e já vai se acostumando a ficar longe dele. Afinal de contas, ele disse um “te amo” para mil atitudes que provam justamente o contrário disso. Você é inteligente, acho que ao analisar todo esse contexto, não precisará nem cogitar investir em um cara desses. E ok, você poderá até sofrer um pouco, mas toda vez que isso acontecer, se imagine a vida inteira com uma pessoa com esse perfil que o choro já passa rapidinho, rs.

Boa sorte!

Assista: Como esquecer o ex?

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.