De catador de lixo ao sucesso: você também pode =)

125

Recebi esse vídeo, me senti inspirada e resolvi compartilhá-lo com vocês também. Realmente, todos os problemas (e soluções!) estão apenas na nossa mente.

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Ah Luiza, meo deos, deixa de ficar se inspirando com isso kkkkkkkkk O vídeo todo só falou em ser positivo. Vou dar as dicas para quem está iniciando, presta atenção rapaziada:
    – Fuja de Banco ( Nada de cartão de crédito, empréstimo, . . .)
    – Fuja do Governo ( É você ou os outros? No inicio é assim, depois vc arruma )
    – Fuja de Sócios ( Seja você o único dono )
    – Engula o orgulho ( Comece na garagem da sua casa se preciso for )
    – 08:00 às 18:00 ( Trabalhe firme em algo que você vê que pode crescer e que não tenha um concorrente estabilizado próximo )
    – Qualidade ( Dê o foco na qualidade ao invés do lucro )
    – Preço ( O preço tem que ser baixo. Melhor ter 100 clientes que pagam 10 do que 10 que pagam 100 ).

    5 anos nessa toada ai e garanto que até vendendo esterco a pessoa enriquece.

    • mariana cobra

      To estudando abrir um negócio nos próximos 3 anos e meio que penso igual a vc.
      Dá pra tirar print dessas regras e colar na geladeira.
      Vc bem que poderia fazer um texto com dicas para quem pretende abrir um negócio próprio.

      • Você está certa, não existe funcionário rico. Todo mundo que é empregado deve procurar montar algum pequeno negócio. Dicas para quem é funcionário:
        – Das 18:00 em diante comece a estudar a abertura de um pequeno negócio, mas tudo em segredo máximo ( O seu chefe ou empresa não irá gostar de saber disso )
        – Se o negócio que for montar é parecido com a empresa que você trabalha, comece a prestar atenção em todas as rotinas da empresa e veja onde erram )
        Outras dicas gerais:

        – Fuja de política
        – Sistematize ( Nunca vi empresa ou pessoa prosperar sem utilizar um software )
        – Faça poucos parceiros, se possível, nenhum

        Se precisar de mim Mari posso tentar ajudar. Estou sempre aqui e faço o assessoramento da Luiza Costa Corporation Ltda Inc. Brazil kkkkkkkk

        Se a Luiza não ficar milionária em 2 anos, eu, Eros Himeneu irei sortear aqui no site um carro zero km.

        • Tem uma frase que diz:
          Você ganha dinheiro trabalhando?
          Não. Você começa a ganhar dinheiro quando alguém trabalha pra você.

          • Está correto, e ai segue mais uma dica du Eros:
            – Como você está começando um negócio e não tem recursos, coloque um sobrinho, irmão pequeno, alguém assim para fazer o trabalho rotineiro.
            Já falei pra Luiza colocar alguém assim para responder lá no Youtubi, por exemplo, comentários que apenas é para agradecer, etc…

          • Eu sou um ser muito sociável, quando vcs me conhecerem ao vivo, verão
            e me acharão bem doidinha tbm kkk

            esses dias conheci uma galera e eles falaram q não acreditavam q eu era doida assim ao vivo tbm kkk Dava cada risadão q acho q eles gostam em vídeo, mas ao vivo ficaram com vergonha pq as vezes o povo dos lados olhava uaiuahiuahauihiahaiuahuiah E sou bem piadista tbm kkk

            masss, foi um dia mt legal e ficamos mais unidos ainda depois desse encontro s2

          • mariana cobra

            Tem outro ditado que contradiz um tantinho esse…
            “São os olhos do dono dos porcos que engorda a porcada”.
            Colocar a mão na massa e estar presente nos primeiros 5 anos de um negócio é fator essencial para maximizar as chances de sucesso.

          • Aham, veja a dica du Eros, eu digo “sobrinho, irmão pequeno”, ou seja, pessoas da família.

          • mariana cobra

            Pena que não tenho esse tipo de parentesco, mas é uma boa mesmo.

          • Ter empregados não significa estar ausente. Estamos falando de coisas distintas.

        • Se eu ficar milionária será o dia que o mundo acabou, aí não terá carro pra sortear kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          • mariana cobra

            Não subestime seu potencial comercial Lu

          • Obrigada Mari s2 s2

            Eu sempre peço paciencia com os anunciantes pq eles mantém o site. Assim como clicar nos anúncios do Youtube e tals kkkk. mas eu tbm não anuncio qualquer coisa, já “perdi” dinheiro por isso. Mas é melhor do q perder a credibilidade d vcs, né? E quando não experimentei, aviso.

            E minhas consultorias eu cobro o mínimo possível pq a intenção é não ficar louca + ajudar + manter o site + ver quem realmente se importa com minha opinião, e como sei q nem todo mundo tem dinheiro, pego leve nisso kkk.

            E isso q vc disse é bem verdade, se vc mantém a qualidade, mesmo barato o povo gosta, volta e indica. Oq recebo d indicação vc não faz ideia. E tem gente q fala “ah fiquei meio assim d pagar no início, tinha medo d não valer a pena. E agora voltam sempre kkk E como cobro barato, ai tem gente q desconfia pq é barato tbm kkkkkkkk (como o pedra disse). Mas como vc disse, quando é bom vc já se prova por si, a pessoa só tem q se arriscar, e no meu caso, saber q cuidar do interno vale mais do que do material

            tem um q vem todo começo d mês depois q recebe o salário e isso já tem anos, desde q comecei a dar consultoria. No dia q ele me falou q sempre separa “o da Luiza” no começo do mes eu pensei “caraca, oq faço vale a pena pra ele”. E fiquei mt feliz, claro

            Ha pouco tempo comecei a dar consultoria pra quem quer escrever livros e mexer com internet tbm, e tenho seguido a mesma linha

          • Você já é milionária e não sabe Luizita. Você tem inteligência, talento, é dedicada, simpática, bonita, etc, etc,…
            O seu site é o melhor, para o R$ entrar na conta é só alguns ajustes.

          • Se isso acontecer eu que te darei um presente kkkk

          • Essa é para vc: Dica do Eros:

            – A pessoa que possui muitos talentos, deve focar em 1 talento apenas para enriquecer.

            Tem que ter foco, não ficar fazendo N coisas.

            Tenho um amigo que é ótimo designer, mas ele quer ficar tocando guitarra numa banda. Nisso ele não decola. Ele deveria aposentar a guitarra.

          • Mas eu sou consultora, como não ser boa em várias coisas? Preciso disso pra sobreviver kkkk

          • Então foque na consultoria.
            Aparecendo ofertas tentadoras, fique atenta a minha dica avançada.

            O meu amigo passa horas ensaiando, aprendendo cifras, etc, etc., etc…
            Ele deveria era focar no designer e não “gastar” essas horas mexendo na guitarra. Se um dia tiver um filho terá menos tempo ainda.

          • Mas um bom consultor precisa ser bom em várias coisas

            Eu por ex posso te ajudar em basicamente tudo q vc quiser (até em receita romântica se um dia vc quiser cozinhar kkkk), menos desenhar pq não sei nada kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

            É q no caso do seu amigo ele pode se dar ao luxo d ser bom em uma coisa só. Eu não, cada pessoa q me procura precisa d uma coisa kkk
            e isso me ajuda a escrever livros tb. Meu próximo livro vc ficará chocado q saiu d minha mão pq nunca escrevi algo assim. Até eu me choquei

            Lu escrevendo ficção? Pois bem kkkk

          • Show, estou muito curioso para ler Luiza. Sou seu fã, você sabe disso.
            Mas lembre-se que você pensa em ser mãe, e eu como já sou pai lhe digo, seu tempo será reduzido em uns 50%.

          • Tenho q ir pra SP antes, depois viro mamis kkkkkkk

            A propósito, vc torce tanto preu ser mami e me casar q queria t fazer uma pergunta

            vc seria meu padrinho? Ou sua esposa iria me dar umas bolachas falando q é outra amante q vc arrumou por aí? kkkkkkkkk

          • Sim, seria com o maior orgulho!
            Eu acho que você deveria se casar logo, firmar residência logo e arrumar um nenê em breve.
            O lado profissional tem que andar de mãos dadas com o lado pessoal. Você vai para SP e é a hora de resolver isso. Não pode ficar longe do namorado porque é prejudicial, então casa.
            Minha esposa é ciumenta, ela tá com a pulga atrás da orelha sobre quem é você kkkkkkkkkk Mas no fundo ela chora igual neném, se eu falar que seremos padrinhos ai ela fica feliz com isso, ainda mais se formos viajar pq ela gosta muito de sair daqui du interiorrrrrr

          • Pq longe do namorado é prejudicial?

            Se bobear depois sua esposa ainda vira minha amiga kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
            E pq ela tá com a pulga atras da orelha? Ela sabe q eu escolhi o presente dela?

          • Pq você tem que resolver a sua vida pessoal. É como se você estivesse sondando um apartamento bem localizado para comprar. Você já tem quase o dinheiro para comprar, sabe que será um bom negócio, conhece a vizinhança e tudo o mais. Então porque não comprar? A pessoa fica com aquela dúvida, e vai arrastando aquela dúvida. Se você já se testou tanto sobre isso, porque não resolver logo de uma vez? Compra logo o apartamento ( “Ou no seu caso, case logo com seu namorado! “).

            A minha esposa pergunta se você é bonita rsrs . . tenho certeza que ela irá gostar de vc, quem não gosta?
            Não disse ainda que você ajudou a escolher o presente. Mas ela ficou meio pensativa, tenho certeza que irá me questionar sobre isso em algum momento.
            O presente foi perfeito, ficou lindo, ela inclusive usou ontem na festa que teve aqui em casa.

          • Vou t mandar um email sobre isso pq to morta d curiosa kkkk

          • mariana cobra

            Os vídeos, postagens e fb são um bom meio de divulgação da consultoria dela…não tem como desassociar.

      • Eu sempre falo isso pra ele, q ele poderia me mandar um texto com dicas gerais. Eu reviso e posto no site
        isso iria ajudar milhares d pessoas ao mesmo tempo, pq aqui nos comentários acaba sumindo, e em off só um vê 🙁

      • Outra coisa Mari, vc já leu as apostilas do Sebrae? Eu to lendo muita coisa deles e está sendo ÓTIMO
        até pq ensina coisas básicas pra gente q as vezes quem já ta na área se esquece
        recomendo pq pra mim tá sendo show!

        • mariana cobra

          Ainda não Lú, tava super focada na aquisição da casa própria e da mudança em si, mas agora tudo está tranquilo e posso voltar o foco para os estudos…principalmente OAB.
          Meu irmão já disse isso e só tem elogios à assessoria econômica do SEBRAE. Apesar de quase ter falido com o restaurante do shopping, ele reabriu no parque do software e está indo muito bem com o restaurante dele e pretendo seguir os mesmos passos, sendo dona do meu próprio nariz.

          • PS 02: O lance do SEBRAE não é estudar demais. Eles só ensinam o básico e ajuda muitooo!

          • Manda o Eros estudar mais, ou pelo menos ele que explique o que é estudar demais.

        • Outra dica du Eros:

          – Não estude demais

          O nosso cérebro é igual a memória deu um computador, tem limite.
          Foque o estudo em algo e depois é mão na massa.

          • “Não estude demais” kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
            meu pai sempre me fala isso, ou melhor, falava

            Só sei q gostava d pesquisa, e sou curiosa e perguntadeira pra caramba. Isso me ajuda demais a ajudar pessoas sem ter vivido por isso kkkk

            Eu tb sempre ganhava bolsa de iniciação científica – e de monitoria – na UFPR pq a prof me adorava (mas peguei com outros profs tbm). Inclusive a minha favorita morreu e me lembro sempre dela pq ela foi uma pessoa q sempre acreditou no meu potencial =(

            Me lembro q ela falava q tinha desvio de atenção (tenho mesmo kkkk), mas q tinha uma inteligência acima da média. Ela elevava demais minha autoestima. Fico emocionada quando me lembro q ela não estava aqui nem pra ver meu primeiro livro, nem nada que consegui =( Ela confiou em mim antes de muita gente, até pq eu sou uma pessoa q pode causar efeito reverso: sempre fui meio doida, palhaça, etc. Como ser “isso” E ser inteligente? Já sofri preconceito por isso (não q me ache mt inteligente, mas ela achava, enfim)

            Mas tb já fui mt vagal e já até reprovei d ano. Depois q fiquei nerd kkkk

            Estudei 3 línguas estrangeiras, mas não gosto d falar certo até hj (um dia vou gravar um vídeo falando qp gosto d cantar inglês errado kkkkkkkkkk). Mas claro q quando dava aula falava tudo certinho, ainda mais em estágio d espanhol pq ainda precisava da nota kkkk

            A última q aprendi foi francês e ainda quero ir pra França. O ruim é q já estou começando a me esquecer d mt coisa pq to sem praticar =(

            A Lu queria ser diplomata antes d ser blogueira, por isso fui pras Letras e pras línguas estrangeiras

            E pq falei tudo isso mesmo? Pq acho q não perdi o hábito d estudar desde q descobri q pra ser diplomata tinha q estudar pra kct kkkkkkkkkkkkk

          • Você realmente tem muita inteligência Luiza.
            Mas vou deixar mais uma dica:

            – Dane-se as línguas estrangeiras

            Tenho certeza que muitos irão me criticar, mas eu tenho plena e absoluta certeza que se você mora no Brasil e não passa o dia atendendo estrangeiros, então você tem que ligar o foda-se para outras línguas.
            Saber outra língua ocupa sua memória cerebral e não tem muita função.

            Já fui em outros países e não precisei falar nada da língua local.

          • Mas eu queria ser diplomata e precisava exatamente das 3 línguas, tendeu?

            Viu, posso até acompanhar pessoas em viagens ao estrangeiro. Sou uma consultora “completa” kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Preço…
      faço uma ressalva. Tem produtos que se custarem pouco, o futuro consumidor pode considerar que eles têm baixa qualidade, por puro preconceito. Tem que analisar cada caso com mais profundidade.

      • Porém as dicas é para quem está começando, portanto, não possui recursos.
        O Brasil tem 5.500 cidades, e em quantas cidades você encontra uma concessionária da Porsche?

        • mariana cobra

          Se o produto é bom o consumidor descobre. O famoso boca a boca é super válido. Aqui na minha cidade tem locais onde o produto é super barato, mas a qualidade é ótima e outros que estão falindo pelos altos preços e qualidade de produto/atendimento péssimos.
          O negócio e manter a qualidade do produto, do processo e das pessoas que trabalham juntas (ando assistindo muito o Marcus Lemonis)

          • Se não viu, veja a dica logo acima:

            – Não estude demais

          • Eu tenho a plena certeza que você deve seguir para o caminho do preço mais baixo ( Não tão baixo ).
            É só fazer uma fórmula matemática que dê lucro.

          • mariana cobra

            Eros, vai depender muito do produto que é comercializado…no ramo alimentício a margem de lucro não pode ficar abaixo de 30% senão é perda na certa!

          • Daniel

            Na verdade toda área tem o “filé” e o “osso”. Isso não depende de preço, mas de cada ramo, as vezes é até sazonal, ou muda de cliente para cliente. O filé são serviços que rendem com boa lucratividade independente de preço. O osso é o serviço que você faz ou vende para atender o cliente. Exempo no ramo de equipamentos vender óleo lubrificante é filé para qualquer empresa. Mesmo item sai em grande escala para um cliente que possui grande parque de equipamentos, consome pouca nota fiscal, poucas horas do digitador, etc ( são faturas altíssimas e o mercado se mata entre eles para vender). E é caro. Agora por exemplo, você abre um motor e envia uma lista de parafusos, juntas e pequenas molas. Dá trabalho separar, orçar, organizar, preparar nota e o preço é lá em baixo, normalmente o cliente faz para lhe atender. A grande questão é que a maioria dos ramos não lhe permite entrar no mercado pelo “filé”, as brechas em um mercado aparecem inicialmente justo pelo osso, pelo trabalho duro até que apareçam os files normalmente demora um pouco. Fazer um negocio naquilo que vc tem paixão é o segredo, não apenas por ter um negocio . Espero ter ajudado, boa sorte!

          • Eu mexo com filé e osso kkk

        • Aí, aí…
          Por isso que eu digo que tu é uma farsa. Essa lógica do preço vale, inclusive para produtos baratos. Você olha, tem produtos custando R$3, R$10 e R$52. O consumidor, muitas vezes, faz o seguinte raciocínio. O mais caro é um absurdo, mas o de R$3 deve ser o pior e compra o de R$10.

          Nessa horas, é que a gente vê quem é teórico ou tá no mundo.
          Estou entrando no ramo da literatura e por mais contraditório que seja, o consumidor rejeita mais o livro de 100pg a R$20 do que o de R$50 com 300pg.

          • Eu acho que o lucro não virá do livro.
            Antigamente os cantores ganhavam dinheiro com a venda de CDs. Pirataria, internet e pum, já era. Agora eles ganham mesmo é com shows, etc..
            Quem fizer um livro deve seguir o mesmo caminho.

          • Ihhhh agora fugiu do que eu disse e mudou de assunto.

            Escritores não tem a mesma capacidade de lucrar com atividades derivadas comparadas aos músicos. No meu caso, isso se aplica, porque não tenho o interesse financeiro, mas ganhar dinheiro com literatura exige ganhar um pouco de grana na venda dos livros.

          • A lógica do preço que você citou não será aplicada, é só seguir a dica 4:

            “- 08:00 às 18:00 ( Trabalhe firme em algo que você vê que pode crescer e que não tenha um concorrente estabilizado próximo )”

            Ou seja, você deve oferecer algum produto ou serviço que não tenha concorrência.
            Sobre os escritores, podem fazer participações em eventos. Eu aposto que muita empresa gostaria de pagar para ter a Luiza em algum evento.

          • Daniel

            Em tempos de internet e redes sociais o próximo é relativo. E um negocio sem conconrrencia é sacada de empreendedores geniais, se já teve um insight desses ótimo, mas essa sacada é pouco comum e hoje em dia ocorre mais nos meios digitais.

          • Não, você está errado. Eu estou na internet desde 1995, ou seja, mais de 20 anos de internet. E nesses anos todos o povo brasileiro anda a passos de tartaruga. Se eu quiser montar um negócio vejo milhões de oportunidades justamente porque o brasileiro possui dificuldade em empreender.
            No começo desse ano um amigo meu que revende queijos me procurou porque queria vender via internet. Eu como adoro empreender logo pesquisei e vi que poucos faziam isso. Já entrei de sócio, lançamos o site e em 9 meses adivinha? Estamos revendendo queijo de tonelada. Foi fácil demais. Porra, revender queijo nem precisa de muito estudo e mesmo assim a concorrência é pequena. Tu vai compra o queijo pronto, bota uma margem de lucro e chega no consumidor final. Rapaz, estamos fazendo isso em SP, mas se fizemos isso nas outras 5.500 cidades do Brasil, não haverá muita concorrência. Olha como o brasileiro é mané, fica reclamando da politica mas não tira a bunda do sofá.
            Agora em 2017 vou começar a criar peixes, e ai você me pergunta. Eros, qual a sua formação?

          • Daniel

            Fico feliz que esteja se dando bem. Mas vou ser sincero, como sou um empreendedor no começo, tenho feito bastante amizades, tanto virtuais como presenciais, com gente bem sucedida, e até na minha família tenho um tio que tem empresas em vários ramos. E sua lógica e a facilidade com que ganha dinheiro ( incluindo os conselhos que deu a Mariana), vendendo queijo pela internet é contrária ao que essas pessoas me contam e aconselham. Tava imaginando aqui a logistica de armazazenamento e o transporte para vender queijo pela internet. Mas é isso, você é uma pessoa bem sucedida, e eu acho que estou seguindo outro rumo.

          • Vou ser sincero contigo, seu comentário é ultra abstrato. Você não dá exemplo, parece o Carlos e a maioria das pessoas. Só fica no se, ou, não, talvez, bla bla bla. Você disse que vai na contramão dos meus conselhos, então:
            – Você pega empréstimo no Banco e utiliza os % do cartão
            – Você começa o seu negócio pagando todos os impostos ( Algo em torno de 50% do pequeno lucro q vc terá )
            – Você procura sócios ( Na minha vivência, só vi sócios da mesma família seguirem firmes )
            – Você não engole o orgulho ( Ao invés de montar na garagem de casa, você gasta todo o pouco R$ que tem e abre uma bela loja no centro da cidade )

            A logística é a mais simples possível. Para fazer as entregas primeiramente fizemos parceria com uma empresa de “Moto Taxi”, mas com alguns meses já decidimos nós mesmos fazermos as entregas com um veículo a gás. Do fabricante até o nosso ponto de distribuição pagamos frete de um caminhão refrigerado. Simples demais.

          • Qual o exemplo você dá?
            Sério, que você acha que as coisas que você diz por aqui é “exemplo”.

            É só ver a comparação esdruxula que você fez entre escritores e músicos. Se alguém, mesmo não tendo nenhum contato ou afinidade com esse ramo, parar para pensar uns dez segundos, não vai ser difícil concluir que não tem como um autor de ficção, por mais famoso que seja, sair em turnê e ganhar a vida em apresentações, tal qual fazem os músicos. Esse é só um exemplo do pensamento simplista que você aplica por aqui. Mas você não é burro, um dia a gente descobri o que você realmente está tramando.

          • Eu sabia que você iria ficar doído rsrsrs, se eu fosse um sujeito maquiavélico poderia usar essa sua fraqueza a meu favor. Mas sou do bem, sou um “Anjo”, você se esqueceu rsrsrs:
            De 14/11/2016 10:00 em diante, eu, Eros Himeneu serei um escritor de ficção em busca de sucesso e R$.
            Então vamos as perguntas iniciais:
            – Qual será o valor do livro? Vamos colocar R$ 100,00
            – Qual será o público alvo? Vamos colocar 100.000 brasileiros

            Então a fórmula é simples, vamos colocar que gastaremos R$ 50,00 com o custo de produção, envio, imposto, etc…

            Então se conseguirmos vender o livro para os 100.000 brasileiros, teremos um lucro de R$ 5.000.000,00 ( cinco milhões ).
            Tá, bacana, é um lucro bom mesmo.
            – Qual será a meta mensal, anual? Vamos imaginar que chegaremos nesse número em 10 anos, então nossa meta mensal é vender 834 livros por mês.

            Por onde iremos vender o livro? Internet ou em livrarias? Ou nos 2?
            Bom, olhando por cima, eu acho mais fácil nós mesmos produzirmos o livro. Fazemos um site com a opção de compra e divulgamos via internet mesmo.
            – Quanto tenho para iniciar? Bom, não dá para começar um negócio sem R$.
            Quanto custa produzir 1 livro?
            Quanto custa fazer um site com opção de compra? Uns R$ 10.000,00

            Olha Carlos, se você quiser chegar nessa meta ai, é só chamar o Eros e me dar mais alguns dados.

          • Eu sei que você gosta de ficar analisando as pessoas e pescando.
            No início você era o infiel sincero e cínico e tirava sarro dos cornos e das amantes. Mas estes comentários foram apagados, e o que temos agora é o Eros místico, as explicações giram em torno de coisas transcendentais. Mas olha que coincidência, a dona do blog curte essas coisas. Eu, também sou discípulo do autor de o Príncipe, mas não sou mal intencionado, não quero manipular ninguém. Prefiro brigar com a pessoa à bajular e dizer o que não penso.

            Mas estou fazendo feriadão, por isso te dei conversa. Teve um cara que disse que gosta de ver nossos embates. Eu nem sabia que fazíamos isso! Então é um show. Vou cobrar o cache da Luiza, depois.

            Quanto ao resto que você escreveu, fez exatamente o que você acusa os outros. Blá-blá genérico e sem conteúdo. Não ofereça isso pra mim, tem uma legião de escritores querendo essa fórmula mágica. Nisso eu acredito, dá pra enriquecer encima dos trouxas.
            Mas nem todo o mundo é assim, até quem acredita no início, também dorme com um olho fechado e outro aberto.

          • Se o Eros quisesse me conquistar acho q ele não falaria q ama a amante ou q vai morrer casado com a esposa . Ele nunca deu em cima d mim, acredite kkkk Na verdade em off ele até escreve “atenciosamente” nos emails, nem bjo manda kkkk (Eros eu morro com esse atenciosamente kkk). Ele é mais fofo comigo na net do que em off, tu acredita nisso? Me sinto até o amigo homem dele as vezes de tanto q é respeitador kkkkk

            Mas poxa, eu gosto tanto dos dois e apesar d gostar d polemicas (elas nos fazem pensar), de brigas eu nunca gostei. Então não tem nada de cache kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

            Falando nisso, ele iria adorar o ching, eu adorei!! Por sinal, muito obrigada cara de pedra, achei aquilo massa demais!!!!! E obrigada pelo tempo dado e a preocupação comigo. Saiba q tbm gosto muito d vc

            (to emo hj kkk)

          • Eu não acho que ele quer te conquistar, no sentido romântico-sexual. Esse aí tá mais pra vigarista. O que achou da fórmula dele para lançar um livro de sucesso. Fácil né.

          • Até hj não entendi oq vcs acham q ele poderia fazer comigo kkkk

            Vigarista pq? Eu já sei quem é ele: nome, sobrenome, tudo. E em off ele é muito mais d boa do que na net, acho q aqui ele é meio fanfarrão mesmo, q nem ele disse kkkk

            O lance do livro eu não concordo nem com o seu ponto d vista, nem com o dele. Isso d ganhar dinheiro com livro é meio lenda, tem q vender MUITO livro pra ganhar, mas MUITO mesmo

            tipo lista da Veja e por um bom tempo, e isso quem consegue em 99% das vezes é quem tem Editora

            Ou seja, com Editora vc ganha menos por livro, mas vende mais. Ou seja, no fim pode ganhar mais

            Livro por conta vc ganha praticamente 100% dos lucros, mas é ilusão pq é difícil pra caramba vender livro sozinho (vai vender pros seus amigos? Nas ruas?). Não é só fazer um site: vc (=não vc o Carlos, digo o autor) teria q pagar para blogueiros e outras pessoas te divulgarem. E se o blogueiro for ético como eu, só topará se gostar do livro ou achar q tem a ver com o publico

            Ou seja, se vc lança com Editora, eles cuidam d vc e pegam a % deles (vc pagando ou nao pagando no fim a % do escritor tende a ser semelhante). Se vc lança sozinho, ai tem q se virar nos 30 pra se divulgar e gastar grana com divulgação ou ficar mendigando pro povo comprar seu livro (tipo um por um e tals, bem cansativo). Por isso q EU não pagaria pra lançar, e sozinha só lançaria se fosse ebook. MASSSS não é a toa q basicamente todo best seller tem Editora . E não é qualquer editora (geralmente elas nem aceitam q vc pague pra lançar e ai a gente já tira algumas coisas daí) E ai voltamos ao nosso papo d ontem

            Mas dica da Lu: se vc já sabe como quer lançar seu livro e se já conhece muita gente da área, é melhor q a gente não discuta mt sobre isso pq é bobagem. Mas como disse, saiba q pode contar comigo!

            E quanto ao lança d músicos q o Eros falou, eu acho q ele quis dizer para adaptar ao caso do escritor. Por ex, se vc lança ficção, vc pode dar palestras sobre coisas da área: por ex, como escrever um livro d ficção? Como entrar no mercado literário? Etc Não é todo escritor d ficção que é falido. Só que claro, ele vai pra área dele e tals

            quando vc tem sucesso em qualquer área, vc usa o livro apenas como um portfólio, não pra ganhar grana com ele em si e por si.

          • Luiza, no e-mail da empresa quem responde é o Eros empresário, por isso:

            Atenciosamente

            Eros Himeneu kkkkkkkkkkkkkk

          • então só vo t mandar email através do email do Eros. Esse seu da empresa tá muito quadrado para uma pessoa do entretenimento como eu kkkkkkkkkkkkkkkk

          • O pouco que converso contigo percebo que você possui inteligência para fazer o produto, mas não para vendê-lo. Eu ainda acho que o lucro não virá do livro, devemos buscar outro lucro, sei lá, fazer um “game” do livro, não é de ficção mesmo. Gamers adoram ficção.

          • Não confunda ficção com ficção científica ou fantasia. Ficção significa que não é real, é historia inventada. Tá brabo esse consultor!

          • Imagino que existam N normas a seguir para o livro ser autorizado a vender. Vou te dar mais uma dica, preste atenção:
            – Interprete um espião: Isso mesmo, você precisará espionar os concorrentes. Aonde estão produzindo o livro? Quanto custa?
            Que tal procurar uma produtora boa que está iniciando. Se você possui acesso aos sócios, melhor do que negociar com produtoras grandes.
            Perceba que eu falo produtora mas eu nem seu como é o negócio kkkkk, é editora? Enfim, o que me interessa é só o livro sair quentinho da produção e chegar nas mãos dos leitores.

          • Estas análises, é só o que estou fazendo no mundo real.
            A maioria das pessoas que escrevem tem pavor da parte negócio e são muito ingênuos. Ouvi muitos dizerem que se o livro é realmente bom, fará sucesso.
            Não sou um deles.

            Você devia lançar um livro de auto ajuda. Esse tipo de coisa que você diz, combina e tem público para isso. Você ganha e os outros gastam. Não é o que você quer?

          • Isso d q só livro ruim faz sucesso pra mim que é coisa d recalcado q nunca conseguiu vender mt aí fica d inveja dos outros q conseguiram. Ainda bem q vc não compactua com isso kkk

            mas clarooooooooooo q tem mt livro ruim q vende mt tb, concordo. Mas não é bom q a gente pense nisso, do contrário, vamos pensar q nosso livro é melhor do q realmente é e por isso não vendeu. Enquanto na verdade, ele só foi um livro ruim mesmo (as vezes até pior do que um best que criticamos e tals) Ironias da vida kkkk

            sem contar q isso d livro bom ou ruim é muito relativo

            O primeiro livro q vc lançou foi em conjunto, não foi? Esse segundo será como?
            Vc é um cara inteligente, vai dar tudo certo

          • O que é ruim ou bom?
            O leitor que compra é quem decide. Tem gente que não entende isso.
            De resto, a gente senta num bar e dá os pitacos.
            – Isso é uma merda, como é que vende? Mas é conversa particular, coisas da visão de cada um. Que nem eleição, tem que aceitar.

            A minha estreia foi numa antologia e vou participar de uma outra, antes do livro individual. Acho que vou lançar um livro de contos antes do romance. Os meus contos estão melhores do que imaginei que estariam nessas alturas. Talvez seja uma estratégia melhor. Lanço esse em meados de 2017, porque o outro antes de 2018 é impossível. E tenho uma proposta de uma editora para lançá-lo sem custos pra mim. Parece ser o mais adequado no momento.

            Mas devido as vibrações estranhas dos últimos dias, resolvi consultar os sábios.

            Sobre o meu anonimato por aqui.
            ” O isolamento enfraquece… o oráculo aconselha unir-se aos outros”

            Sobre minha estratégia para a carreira literária.
            ” Sacrifique o supérfluo em favor do essencial…”

            E isso me levou a um outro questionamento:
            O que fazer com a minha participação aqui no PAUM?
            “Devemos aproveitar ao máximo o momento de crescimento a fim de nos prepararmos para o futuro”

            Que tal? Não precisa desenhar. kkkkk

          • “O que é ruim ou bom?
            O leitor que compra é quem decide. Tem gente que não entende isso.”

            Faço das suas palavras as minhas, perfect! kkkkkkkkkkk

            Taí uma frase q nunca entendi

            “” Sacrifique o supérfluo em favor do essencial…””

            Nesse caso d escrita, carreira, etc, como saber oq é um e oq é o outro?kkkkkk

          • Eu estou envolvido com diversas coisas. Melhor focar no essencial.

          • Numa pequena consulta que fiz, as editoras pagam 10% para o autor.
            Então se o livro será vendido por R$ 100,00 e o autor ficará com R$ 10,00, se vendermos para os 100.000 brasileirinhos, chegamos em R$ 1.000.000,00 ( 1 milhão de reais ). Se eu não for ruim de conta R$ 9.000.000,00 ficarão pelo caminho.
            Hum, to ficando curioso, já estou pensando em montar uma editora. A Himeneu´s Book, pagando 15% para os autores.

          • Que interessante…..
            No mundo real, os escritores correm atrás das editoras, mas você imaginou uma situação em que é ao contrário. Boa essa pesquisa que tu fez…
            Mas isso era conversa da manhã. Vamos mudar o assunto.
            Quero passar as férias na Lua. No Brasil ninguém pensou nisso.pesquisa ai. De noite eu volto

          • Mas Editoras tbm correm atrás d escritores

            a propósito, sabe uma coisa q vc poderia fazer tbm? Tipo se um dia vc não conseguir investimento, coloque seus livros na Amazon: as vezes as Editoras veem coisas lá e vão atrás. Tenho uma amiga q se deu mt bem assim! Fez um ebook , vendeu bem e aí foram atrás dela oferecendo publicação!
            E claro, tbm se vc for conhecido em alguma área elas podem ir, e por aí vai!

          • É verdade. Já ouviu falar do Wattpad? Acontece algo semelhante. Os que se destacam, as editoras pescam. E tem algo curioso. Os fãs, mesmo já tendo lido online e de graça, compram os livros dos seus ídolos. Coisas como essa explicam o e-book não ter tido a aceitação que se imaginava.

          • Eu tenho curiosidade em tentar um ebook, mas não imagino q ele terá o feedback q um livro teria não. Queria tentar mais por outros motivos q ficaria mt longo explicar aqui

            E os fãs muitas vezes compram pra poder guardar, pegar autografo, tem gente q curte algo físico tb, etc. E claro, para ajudar algo q eles querem q continue
            penso assim pelo menos kkkk Eu compro coisas d pessoas q gosto pelo menos, mesmo q seja “repetido” kkk

          • Daniel

            e além disso um livro pode ser bom e vender pouco, exemplo eu comprei um livro completo que achei excelente da minha área. Interagindo com o escritor, ele disse que ficou em um primeiro momento, frustrado porque vendeu em torno de 150 unidades e ganhou 5 reais por cada uma, mas depois ele mesmo percebeu que atingiu quase que o publico todo no Brasil que se interessaria por um assuntos desses, rs. É claro que é um exemplo diferente, mas tem gente que escreve coisas boas, atinge e faz “bastante” gente gostar daquilo que escreveu, mas é insuficiente para atingir números amplos e atinge quem se interessaria por aquele assunto, escrito daquela forma. Eu tenho um contato no face que escreve super bem ao meu ver, ele é meio frustrado porque vende pouco rs, mas eu acho que é bom. Já tentei mtivar ele, mas ele no fundo quer vender e ter projeção. Eu mesmo tenho um blog, pouco gente acessa, mas uma vez na vida recebo um e-mail um comentário de alguém gostou bastante de algum texto, está bom rs.

          • Um passo por vez, do contrário, ficaremos sempre frustrados kkk

          • Na verdade eu levei muitos e muitos anos de estudo e aprendizado para conseguir começar a ter lucro na minha área: Software
            E nesse anos todos eu me inspirava em empresas do exterior, que faziam o software ser “experimentado” mundo afora. 20 anos se passaram e o Brasil anda não chegou nesse ponto.
            Todo filme que fazem nos USA eles já fazem pensando em lançar o game, vender os bonecos, etc….
            Porque os “Power Rangers” usam espada?!?!?! Peloamor eles possuem armas a laser. É para vender as espadas depois, eu mesmo tinha uma kkkkkkkkkkkkk
            Tudo que estou dizendo é apenas para tentar abrir a mente. Eu não sou dessa área, mas com um simples olhar, me parece ser uma área de díficil lucro.
            Você guarda meio que segredo sobre a lógica que está pensando, mas está certo. Vai sair falando por ai como irá faturar com o seu lançamento?

          • Daniel

            O que não se recomenda: trabalhar com apenas um produto devido ao risco, recomenda-se diversificar.
            Essa questão de trabalhar apenas com algo de preço baixo é super relativo (como disse os mercados circulam entre filés e ossos, as vezes o osso serve para atrair os filés). A parte de não pagar impostos acho que não entendi o que quis dizer. Essa questão de empréstimo, investir em local e ter ou não ter sócios depende do perfil do empreendedor, eu mesmo sou mais conservador, assim que me encaixo um pouco nessas questões. Mas por exemplo, meu amigo de faculdade que está mais rico hoje, largou engenharia no terceiro semestre e fez tudo isso que você aconselha não fazer. Fez empréstimos, investiu em estrutura e tem o mesmo sócio a dez anos, eles são bem tranquilos, quando não der mais, a gente vê. O cara é um aventureiro que saber onde pisar, para mim mesmo não dá fazer o que ele faz, é muito arrojadomas é de cada um!

          • Daniel, você conhece 1 amigo de faculdade.
            Eros Himeneu tem 20.000 empresas cadastradas no banco de dados.
            Pode até parecer que sou um fanfarrão rsrs, mas eu digo muito a verdade. Lógico que dessas 20.000 empresas, uma ou outra existe uma sociedade entre amigos, mas o que vejo aqui, somente sócios da mesma família é que conseguem manter o negócio.
            Sobre empréstimo, pessoas que utilizam empréstimo mal sabem fazer contas. Elas só sabem é “jogar pra frente” os custos/despesas.
            Sobre o imposto, quis dizer que para quem está começando bem pequeno, deixar de tirar nota fiscal é preciso. Depois que conseguir crescer e estabilizar, ai paga os impostos corretamente.

          • mariana cobra

            Essa teoria serve só pra livros de autoajuda ou coach. Agora literatura diversa é com o livro mesmo que se ganha a vida.

          • Daniel

            to resolvendo deixar de ser mudo. respondi a Mariana na intenção de ajudar. Mas no ramo de literatura não sei onde ir rs. Mas veja se o q eu escrevi para Mariana se encaixa de alguma forma na literatura.

          • Na literatura existem os autores consagrados ou as pessoas famosas. Muda a lógica da coisa. Atualmente o filão são os livros de youtubers.
            Já o resto, enfrenta o drama de conseguir ser visto. Não é difícil fazer um livro, até distribuir, mas o público saber da sua existência…

          • Pagando qualquer um pode fazzer/divulgar um livro, sem pagar que é complicado pq as Editoras não podem investir em tudo, claro
            e concordo, na hora do povo ver q é foda, até pq as grandes livrarias só aceitam os livros q querem e tem mt mais livro do Brasil do que a gente pensa

          • Agora reli e vi “que não é difícil fazer um livro”

            Nossa, pra mim é difícil pra caramba me passa o mel kkkkkkkkkkkkk

          • Pô. Recortou o que eu disse e tirou do contexto.
            Estávamos falando de vendas. Conseguir que os possíveis leitores saibam da sua existência é o grande problema. Ex. O cara é um grande poeta, escreve o seu livro, paga do seu bolso e…
            Vai ter que ralar muito neste mar de ofertas para conseguir convencer alguém a comprar a obra. Neste sentido, a produção é mais fácil do que o resto do processo.
            Não me sacaneia!!!!

          • Não recortei não, vc disse que é até fácil fazer um livro, que o difícil é vendê-lo, ou entendi errado? Ou que um é mais difícil q o outro q seja, mas pra mim é tudo difícil igual kkk

            escrever, encontrar investimento. Tudo. Não diria q tem um “mais difícil”, mas claro que é opinião pessoal e não existe regra nesse caso kkk
            Pagar do próprio bolso pra lançar livro pra mim é o maior tiro no pé q rola, mas é oq eu digo: se a pessoa tem meta d apenas ter um livro no mercado, independente d vendas, ok. Mas se ela quiser ver aquela grana d volta, claro q existem exceções, mas …..
            E nunca indico pagar pra lançar um livro (mais uma vez, opinião pessoal), pq acho que se a Editora gostou mesmo da obra, tem q lançar do jeito q as maiores fazem. Quando vc paga parece q ela não acreditou tanto assim, afinal d contas, vc pagou né? Mas é opinião pessoal novamente. Outras Editoras podem achar q to falando merda kkk

          • Estávamos falando de vendas. A conversa começou com o Eros aconselhando a ter preço baixo e você entrou quando eu respondia ao Daniel sobre se existe “filé ou osso” no mercado de literatura. O assunto nunca foi sobre a facilidade ou não de escrever um livro. Você pode fazer qualquer porcaria, um livro só com páginas em branco, pra cada um fazer o que quiser, por exemplo. Kkkkkk, mas torna-lo conhecido…

            O que tenho ouvido, até o momento, é que a menos que você seja best seller, não vai ganhar dinheiro com editora. E, no teu caso, já tendo uma enorme base de pessoas cativas para divulgação, é bastante viável custear o próprio. Óbvio que aí entra o risco, mas mesmo com a minha inexperiência nesta área, tenho certeza de alguns livros escritos por você com enorme potencial. Se eu tivesse contato mais pessoal contigo, iria te encher o saco pra levar adiante umas idéias. até financiaria e ainda ganharia uma grana nas tuas costas.
            Outra coisa. O que você acha de crowfunding?

          • Fazer um ebook talvez seja legal pra quem tem uma base legal d leitores (tanto é q estou escrevendo um em paralelo q nem disse pra vcs e tals, mas será algo mais próximo ao que faço no blog, ainda q com conteúdo inedito). Agora pagar pra lançar livro não é bom nem pra famoso, nem pra anonimo, nem pra ninguém. Mais uma vez, na minha opinião pessoal, sabe?

            A não ser q a pessoa só queira ter o livro pra dizer q tem mesmo (aquele nosso papo anterior).

            Eu ainda não preciso d crowfunding, não pra livros, mas acho uma ideia bastante legal para outras coisas, tipo tipo manter mais vídeos por semana, podcasts, essas coisas. Muitos youtubers fazem isso pq dá um trabalho da porra manter tudo kkkk

            Agora se uma pessoa nunca encontra ninguém pra investir no livro dela, talvez o Crowfunding seja legal sim.

            Eu faria assim pra livros

            1- procuraria Editora que investisse
            2- Se não desse certo, Crowfunding
            3- Em ultima hipotese, pagaria. (Mas na verdade, nunca pagaria, mas só pra vc entender)

          • Mão de vaca. kkkkkkkk

            Mas eu penso diferente.
            O meu primeiro será bancado pela editora, o segundo não sei…

          • Nada a ver com mão de vaca cara de pedra
            Recomendo q estude um pouco mais sobre essa área.
            Pq vc acha q a maiores Editoras do Brasil simplesmente não aceitam q paguem pra elas? Ou elas investem, ou elas não te lançam, simples assim.

            E outra, se uma editora fala q vai investir em vc vc vai falar “Não brigada, prefiro pagar” kkkkk
            Olha menino, sabe q t amo, mas acho q sobre isso eu entendo mais do q vc

          • Nossa que indelicadeza…
            O kkk, como as aspas, avisam que se trata de uma brincadeira.
            Sobre quem sabe mais, não estou teorizando, apenas comentando o que estou descobrindo com o meu convívio com escritores, editores e gente do ramo. E é um pessoal bem experiente. Poderia refutar o que você disse mas quando a coisa vai pro “eu sei mais”, isso encerra o assunto.

          • Pergunta pra eles pq as maiores Editoras simplesmente nem aceitam q vc pague pra lançar em hipotese alguma. Elas só trabalham com investimento. Depois me mande email ou fale por aqui oq eles falaram pq fiquei curiosa. Não tem nada a ver com ser mão d vaca, isso se chama negócio.

            Mas de qualquer forma, eu penso assim: meu jeito d pensar é pro meu caso. Eu não sei quem é vc na vida real: se tem um livro bom, porém, não tem publico. Não sei se vc é pessoa publica, mas ao q tudo indica, o seu caso é bem diferente do meu. Mas mesmo assim, não vejo como algo positivo pagar pra lançar em nenhuma hipotese. Se seu livro é bom e tem quem invista, vai pagar pra que? Pegue a grana e vá viajar, oras rs. Nem o cara mais rico/mão aberta do mundo pagaria por tudo: ele pagaria apenas pelo oq acha q vale.

            E pode refutar oq eu digo, vc sabe q não tenho mimimmi com discordarem d mim não kkkk. Não tenho esse ego em “querer estar sempre certa” pq sei q erro e essa é a primeira coisa q todo mundo q se arrisca na net deveria aprender. E quando fico chateada por terem discordado d mim, já logo detecto q devo estar com baixa autoestima ou TPM KKKK Inclusive, isso é uma das coisas q mais gosto no Eros e na Mika: já discordei deles mil vezes, e estamos vivos e nos amando até hj. Então fique susse q o nosso amor fica, pode discordar e dizer oq seus amigos pensam.
            Só quero q entenda que a Lu tbm é do meio e tbm é das Letras e conhece mt gente q tem livro lançado. Tanto famosos como não famosos. E se por ex, youtubers grandes, celebridades e afins não pagaram pra lançar livro, nem nenhum Best Seller, é pq existe uma lógica nisso, concorda? Ou seriam todos “Mão d vaca?”

            Inclusive seria engraçado perguntar pro Paulo Coelho pq ele não paga pra lançar os próprios livros. rs.

            No mais, entendo oq vc diz em relação a ganhar mais lucro vendendo por conta, porém, vc iria ficar vendendo 100% sozinho tbm e venderia pra BEM menos gente. Ou seja, o valor final provavelmente seria menor e dificilmente vc entraria em livrarias grandes (mas como vc já conhece o povo da área, já deve saber os motivos disso)

            e lembrando q quando vc paga pra lançar um livro, vc ganha tão pouco como quem não pagou. Isso se vc tiver uma Editora, visto q mesmo assim vc teria q dar % pra livraria e pra Editora e os escritores são sempre os q menos ganham em %

            e ai volta a pergunta inicial: pagar vale mesmo a pena?

          • Não sou pregador, não tenho a intenção de te convencer, nem a ninguém, de qualquer ponto de vista meu. O que você escreveu acima é uma grande distorção do que estávamos falando. Isso só cabe em bate boca.
            Lamento profundamente que você tenha reagido desta maneira, me desculpe, não foi minha intenção.

          • Mas eu não fiquei brava. Muito menos tive q impressão q vc ficou bravo,mas sim q ficou com receio d discordar d mim por medo deu ficar chateada? Talvez?
            mas saiba q jamais ficaria chateada contigo, até pq vc sempre foi educado e vc sabe oq acho d gente educada kkk

            Saiba q só quis te ajudar. E acho q vc quis me ajudar tbm, né? Então foi lindo e tá tudo certo kkkk Saiba q torço muito pelo sucesso do seu livro (do contrário, nem perderia meu tempo explicando coisas, afinal d contas, já sei mt bem como vou lançar os meus kkk) e q qualquer coisa, vc pode contar comigo. Mas isso vc já sabe, né?

            Agora mudando um pouco d assunto (ou nem tanto kkk), qd vc vai contar quem é vc pra gente pode divulgar divulgar seu livro aqui?

          • Quando vou me revelar? Acho que vou ter que perguntar para minha terapeuta.
            Mas falando sério, eu tirar a máscara por aqui, seria mais por um reconhecimento ao fato de que foi aqui com a interação com os comentaristas e com o teu apoio que surgiu essa coisa de escrever. Mais uma homenagem, do que uma divulgação. Desconfio que o possível público meu não esteja aqui. Podem gostar de algum comentário, mas comprar livro de ficção é outra coisa. Eu me apresentar como a pessoa real tem outras implicações, até evitar o tipo de conversa que acabamos de ter.
            Vou consultar os oráculos.kkkkk

          • Consulte e me conte kkkk Ainda mais q vc diz q eles costumam funfar kkk
            E ps: será uma honra !

      • mariana cobra

        Nessa crise? Questão de preço depende muito do nicho social que vc quer atingir…se seu alvo é classe média alta, aí essa teoria se aplica.

        • Não é teoria. Claro que a crise obriga as pessoas a levarem em conta o preço das coisas.
          Minha estagiária, e ela não é da classe média, tem um i-phone, já eu nunca tive e nunca terei.
          Eu, recentemente, cotei preços de um serviço de engenharia. Os orçamentos mais baratos foram descartados. Não confio em quem se vende por pouco. kkkkk
          Cuidado com coisas que parecem óbvias, mas as vezes não são bem assim. Isso vale pra profissional liberal. Não dá pra ter regras absolutas.

          A virtude esta no meio.
          Essa vc conhece bem, use-a para formar preço, também.

          • mariana cobra

            Claro, concordo no uso do bom senso em tudo na vida…mas o principal é entender o público alvo.
            Exemplo…sua estagiária vende o almoço pra pagar a parcela do Iphone…conheço várias pessoas que não tem dinheiro para colocar crédito no celular, anda de motinha veia e tem iphone 6S plus e já tá pensando no 7.
            Vai entender a lógica.

    • Claro q me inspirei com esse vídeo, não em relação a dicas práticas (essas vc podia me mandar um dia, sempre te falo kkk Eu reviso e deixo bontinho. Pode me mandar até meio “jogado” kkk)
      mas pela positividade do cara e pelo exemplo em dizer q qualquer um pode começar do zero
      tem mt gente q fica d mimimi “ah sou pobre”, ah ninguem me dá emprego, ah mimimimi

      e o cara não, o cara facilita tudo isso

      gostei da aurea energética dele tbm
      e mesmo rico, continua humilde
      Nossa eu amei tanto o vídeo q ontem fiquei assistindo outras coisas dele kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      • Eu achei ele risonho demais, na verdade não é assim tão florido rsrsrs
        Se não me engano ele falou que se você está animado a empreender em algo, deixa o almoço pra lá?!?!?!
        Esse tipo de comportamento não me agrada.

        • É, ficar sem comer tbm não me agrada em nada kkkkkkkkkkkkkkk
          Massssssssssssssssssssssssss, ele conseguiu oq queria, não conseguiu? Como não dar créditos?

          • Aqui na cidade existem N pessoas que conseguiram o que queriam, ou enriqueceram, ou venceram na política. Mas venceram da forma errada, acabando com a saúde (ficar sem almoçar, almoçar fora do horário, almoçar em qualquer lugar, almoçar com pressa, etc….) ou com o vínculo familiar ( ficaram longe de casa, ficaram longe dos filhos, etc… )

            Vença na vida mas vença bonito. Vença com saúde, almoçando em família ou em algum lugar calmamente. Fique perto da esposa(o) e dos filhos.

          • É verdade. Vc é um ótimo exemplo de pai de família.
            Essa foi maravilhosa. kkkkkk
            Foi nocaute no blog.

          • mariana cobra

            Mas até ontem ninguém da família dele sabia que ele tava comendo tranquilamente fora kkkkkkkkkkkkkkk

          • Eu já fui infiel, esse foi o meu erro. Mas porque você acha que eu sou tão desejado na cidade? Porque sou rico? Bonito? Gostoso? Nãnãnãnãnãoooo, porque sou um papai maravilhoso. As mulheres enxergam isso. Ontem mesmo teve aniversário da minha esposa aqui e elas percebem que “Eu”:
            – Ajudo a arrumar tudo
            – Recebo todos com simpatia
            – Sou carinhoso com meus filhos, com os filhos dos outros e com a esposa
            – Dou continuidade em qualquer conversa (Não falo muito e nem pouco)
            – Não tenho frescura, se cair algo no chão, eu pego e varro.

            As amigas da minha esposa reparam que a nossa casa é grande, limpa, bonita, sem nada quebrado. A festa foi ao redor da piscina, o som era agradável, cerveja gelada, etc, etc, etc…

            Se eu fosse mulher, eu dava pra mim mesmo kkkkkkkkkkkkkk

          • Mas eles vêm tudo de você? Aliás, alguém nesse mundo te vê na plenitude?
            Se você fosse mulher morreria virgem. Você não sofre de depressão? Você é o único que se conhece realmente. É deprimente não?

          • Na verdade eu nem sei como os outros me enxergam, mas sou com o senhor do vídeo, só positividade kkkkkkkkkkk

          • mariana cobra

            Concordo. Conheço mta gente (acima dos 50) que estão muito bem na vida, mas com a saúde acabada, com os filhos desandados e sem relação de carinho pelo pai/mãe ausentes.
            Tem que equilibrar as coisas.

          • Ele diz também:
            “Como é bom dar oportunidade para as pessoas.” Ele está falando dos empregos que a empresa dele oferece.
            Eu nunca enxerguei o emprego como algo mágico como ele descreve.
            Aqui o funcionário que entra sempre começa ganhando menos, ele é um refém na verdade porque precisa do R$, eu enxergo assim.

          • vcs fazem festa d Natal na empresa? Povo adora cesta kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          • Fazemos uma festa de confraternização todo fim de ano. Porém eu nunca consigo ficar muito próximo dos funcionários. É uma relação meio cega e olha que minha empresa é cheia de benefícios e cuidados. Aqui na região nenhuma empresa chega perto do trato com os funcionários que temos aqui, porém se eu sou o proprietário, eu sou o “Dono do Lucro”, é uma relação difícil e que alguns não entendem, por isso me distancio um pouco deles.

          • Isso d proximidade e distanciamento é muito complicado mesmo

            agora mesmo recebi um email de um portugues q queria conversar comigo, daí falei q era meu trabalho e ele “ah tá só por dinheiro q vc conversa então, né? (ficou parecendo q sou GP agora kkkkkkkkk morta)”. Mas eu acho q ele queria me paquerar e tava falando q “queria conhecer pessoas d outro país” kkkkk

            Eu recebo cada coisa q dava um vídeo mt engraçado kkkkk Já teve um q queria me engravidar kkk, mas esse não foi “dissimulado” como o do email, ao menos isso eu respeito kkkk

            É muito complicado

            alguns não entendem seu trabalho, outros não entendem o outro lado.E claro, outros tentam t manipular pra ver se mamam um tico kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

            Porém, acho q como no seu caso a relação é direta e ao vivo, pode ser pior ainda

            Tbm me pergunto se é natureza humana ou brasileira se folgar, mas sei q sempre me policio mt pra não fazer isso com os outros

          • mariana cobra

            Eu com fome viro o diabo kkkkkkkkkkkkkkkkk

          • duas IUHAIUHAIUAHIAUH!!

  • Dica avançada do Eros:

    Depois de 5 anos você começa a enriquecer e ai os próximos 5 anos a empresa decola.
    Com 10 anos de empresa o seu sucesso é visível e é ai que você precisa ter cuidado. Qualquer decisão errada você pode se foder e foder a empresa toda.
    Vão começar a aparecer ofertas tentadoras, políticos, etc…
    Dica essencial du Eros:
    – Nunca, nunca, nunca venda parte da empresa ou faça uma parceria que tire sua autonomia.

    Aqui numa cidade próxima um empresário que conheci vendeu 49% da empresa por R$ 100 milhões de reais. Ele ficou com 51% e é o presidente.
    Adivinha o que aconteceu?
    Agora ele não é mais dono, ele é funcionário.
    Os donos dos 49% querem resultado, querem lucro, querem isso, aquilo.
    Ele se fodeu todo porque tem gente que fica cobrando ele. Mas ele antes era o dono.
    Ai os outros 49% fizeram ele fechar a firma aqui na cidade e transferir para SP. Ele não teve escolha e demitiu todo mundo.
    Dificilmente ele mostre a cara novamente por aqui por causa de uma decisão ruim. Imagina quantas famílias ficaram putas com isso.

  • Daniel

    Muito bom! Essa de ser office boy e empreender foi show. Percebe-se nele excelente bagagem de vida.

  • Ê Luiza…Ê Luiza… Fui em Brasília só prá te ver! Mas aí lembrei que não sabia teu endereço e voltei!
    Mas falando do vídeo, cade a parte que ele é subsidiado pelo BNDES, CEF, B.Brasil, através dos deputados amigos do PT em troca de propina para campanha?? Ah! Ele não fez isso? E cadê aquela parte que ele era discriminado pelos outros empreendedores por que era negro??? Ah! Ele não tinha prá isso! E o sistema de cotas que garante o lugar dele como empreendedor só por que é da raça negra?? Não tem cotas? Não precisou nunca? E a parte da sonegação de impostos? Droga! Ele não sonega! Notas Frias?!?! Emprêsa de Fachada?!?! Que porra de empresário é esse que se fez sozinho sem mimimi???

    • Não to mais em Brasília, moro em ctba só vou la as vezes
      Pra q desmerecer o trabalho do cara? Tem gente q mesmo sendo ajudado não consegue. Parece só justificativa pra vc dizer pq ele conseguiu e vc não. Ai ai ai menino kkkk

      • Não minha querida! Eu só fiz um comentário sarcástico! Conheço a história de vida dele. Eu o admiro muito! E um verdadeiro self-made-man! Uma pessoa que simplesmente não quis saber de mimimi como muitos aí que são verdadeiros carrapatos dos bancos oficiais via favores políticos! Uma pessoa realmente admirável! Enquanto muitas pessoas inclusive da raça negra com diploma de curso superior usam várias desculpas, alegações de discriminação, origem humilde para não conseguir um bom emprego, vencer na vida…ele simplesmente ignorou tudo isso, se sofreu preconceito não deu a miníma(não tinha tempo prá isso!)trabalhou muito, com obstinação, muito fé na sua capacidade e venceu!

      • Que pena! Você mora em Curitiba agora…É…ficou dificil! Sabe sair aqui do Ceará, Flexeiras aonde resolvi morar…e ir para Curitiba…não rola não! Fui em Brasília mas voltei no mesmo dia…correndo!

        • Gravei um vídeo sobre pros e contras d morar em Curitiba, vamos ver se vai ao ar kkk

  • Gon Freecs

    E qual a graça de ser bem sucedido depois de está velho e decrépito?