Ele praticamente mora comigo, mas não divide despesas! Como dar um toque nele?

58

Leitora: Amore, bom dia! Eu namoro um cara há sete meses e ele é extremamente pegajoso. Eu moro sozinha e ele quer ir todo dia para minha casa, mesmo nos dias que tenho aula e chego tarde. A questão é que ele já havia cogitado em morar juntos, mas disse que primeiro precisa se organizar financeiramente (está começando com uma empresa e bla bla bla). Mas basicamente ele já mora comigo, porque não sai da minha casa. Só não divide despesas.

Preciso de um conselho! Devo conversar com ele mais incisivamente? Pois já havia falado pra gente se ver menos. (Luiza, Você é ótima!!!!)

Ele praticamente mora comigo, mas não divide despesas! Como dar um toque nele?

Eu sempre penso que se você não pode dizer tudo (de relevante, claro) para uma pessoa, então é porque você não nasceu pra dividir a vida com ela. E não é nem DR não: é organizar a vida mesmo kkkkkk. E olha que interessante: quanto mais você se enrolar pra falar, pior será, porque ele se acostumará com você “mais caladinha” e aí, quando você finalmente resolver abrir a boca, ele vai achar que você enlouqueceu kkkk.

Porém e de qualquer forma, eu sempre digo que antes tarde do que nunca. Então, a hora é agora! É claro que não precisa ser grossa, nem nada disso, porém, dá pra chegar ao objetivo mesmo assim. Comece pedindo para ele trazer algo para o jantar, comprar o frango do almoço e essas coisas de casa mesmo. Se ele reclamar, fale com a cara mais fofa do mundo: “amor, eu não consigo fazer tudo por nós dois o tempo inteiro. Sei que a casa é minha e tals, mas as coisas da geladeira, as coisas de limpeza e as contas continuam existindo, só que agora em dobro porque estamos praticamente juntos. E como não sou rica, infelizmente precisarei de uma forcinha” kkkk.

Se ele se estressar com isso, eu no seu lugar cogitaria duas coisas:

1- Ele é muito infantil e folgado. Ou seja, não está pronto para se casar ou morar junto com alguém que não seja a mãe dele.

2- Tá querendo “te dar o golpe”.

3- OUUUU, as duas coisas kkkk.

Por fim, se ele falar que tá sem grana, que tá precisando se reerguer, etc, fale que tá difícil pra você também. Que a crise tá aí pra todo mundo e que vocês precisam se ajudar. Nem que seja pra botá-lo pra arrumar a casa e lavar a louça, né?

A boa notícia é que seu caso é simples. Na verdade, ele é muito simples. Basta dizer a verdade e assim descobrir quem é a pessoa que está contigo. Sem contar que, se ele estiver tão na merda assim, que tenha o bom senso de ao menos tentar vender uns docinhos no trabalho/faculdade pra ganhar uma grana extra, né? O que não dá é se preocupar apenas com ele mesmo enquanto você só se ferra. E outra, pergunte se ele estivesse solteiro, iria fazer como? Morar na rua? Acostume o boy direito, antes que ele piore.

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.