A família dela é do interior e quer que a gente case, mesmo sem grana nenhuma!

122

Leitor: Minha namorada me ligou hoje falando que a mãe dela quer que a gente case. Detalhe: voltamos tem uma semana e ela acabou de fazer 17 anos. E eu tenho 21. Não tenho estrutura nenhuma. Queria saber como convencer ela de que eu não quero enrolá-la e que quero que ela espere que a gente case. Quero dar um futuro digno pra ela, ela sabe disso. Mas não pode demorar, pq eu digo que quero fazer faculdade e quero que ela termine os estudos dela. Ela é do interior também…

Pq essa gente tem a cabeça fraca assim, tem esse pensamento defasado acerca das coisas? queria entender. É tão simples ela entender que vou casar depois que tiver minha casa, meu carro, meu dinheiro? Ela quer se basear na família dela que conseguiu apenas algumas coisas depois do casamento. Porém, não tem estrutura nenhuma. Eu vejo isso e tento passar pra ela, o que muitas vezes ela não percebe. Eu amo ela e queria mesmo que ela mudasse em relação a isso. Mas realmente não sei mais o que fazer. Ela prefere casar e morar de aluguel e viver uma merda de vida só porque a família quer assim do que esperar o tempo certo (de Deus) e ser feliz com um conforto. Que é o que eu quero dar pra ela.

Ela quer casar logo, só que não quer viver em pecado… Você sabe como é. Eu entendo ela nesse lado. Mas tem o da família dela que acha que eu não tenho nada. E realmente não tenho. Eu quero ter. Eu acredito naquele ditado de que quando a fome bate na porta, o amor sai pela janela.

A família dela é do interior e quer que a gente case, mesmo sem grana nenhuma!

Eu também acredito que quando a fome bate na porta, o amor sai pela janela – até porque eu vivo com fome kkkkkkkkkk. De qualquer forma, o que tá rolando aí nada mais é do que um choque de cultura e de metas. A má notícia é que você não conseguirá desfazer tudo que ela aprendeu em 17 anos de criação em apenas dois minutos – afinal de contas, família, principalmente as mães, costumam ter um peso forte na criação e ideologia dos filhos. Porém, a boa notícia é que você não será obrigado a concordar com tudo. Muito menos deverá fazer algo sobre pressão e correndo o risco de se arrepender seriamente depois.

Se os pais dela são tão certinhos assim, vá na casa deles, converse e seja certinho também, rs. Fale sobre a nova geração, que hoje em dia ninguém mais vive com um salário mínimo como antigamente (não que você ganhe isso, mas só pra você entender a lógica dos proporções e aplicá-la ao seu caso) e que você também imagina que eles também não gostariam que a filha saísse de casa para viver em uma situação pior da que vive hoje: afinal de contas, viemos ao mundo para progredirmos, não para regredirmos em relação aos nossos pais, né? E como eles mesmos disseram, você não tem nada e eles estão certos!

Jogue a responsabilidade (no bom sentido e a título de reflexão) pra eles enquanto os elogia. E tudo bem que você nem acha que eles conseguiram grandes coisas, mas como ainda é mais do que você tem para oferecer, já fica entendido. Quem sabe um anjinho não bate na porta da casa deles e os avisa que mais valerá deixá-la com mais proteção em casa, enquanto o futuro marido, no caso você, luta para conseguir dar algo semelhante para ela no futuro do que se ferrando horrores e sem dinheiro nem pra trocar a cor do esmalte, né?

Entendo que talvez dizer isso fira o seu orgulho de “homem” e que talvez a família dela seja “cega” em relação ao papo de virgindade, casamento, viver em pecado, etc. Porém, aqui entra a minha outra dica: fale também sobre a idade de vocês. Ela ter 17 anos hoje não é como ter 17  anos antigamente, onde muitas meninas do interior já eram casadas e tinham filhos (infelizmente). Hoje em dia, tem muita gente com 30 anos que ainda mora com os pais e é considerado(a) “jovem”. Diga também que você ama a filha deles e que, se vocês não tivessem saída, “ok”. Porém, se tem e ainda dá pra planejar, por que não, né?

Se no fim eles insistirem muito no lado deles, sugira um meio termo. Ou seja, peça para eles verem o seu lado também. Diga que se casar implica ceder, que você gostaria que ela cedesse um pouco à sua criação e pensamentos também, não apenas você aos dela.

Depois disso, acho difícil vocês não chegarem a nenhum acordo em comum. Sem contar que, cá pra nós: por mais que os pais sejam do interior, só de você ter ido lá peitá-los (no bom sentido) e ter se preocupado com a situação e com a filha deles, eles já saberão que você não é nenhum “Zé Mané” que só quer desrosquear a filhota, né? kkkk. A não ser que eles queiram é se livrar da coitada pra ter menos uma despesa na mesa, o que sinceramente prefiro não pensar que seja o caso. E mesmo se fosse, não seria um problema seu de qualquer forma.

Por fim, minha última dica é: caso seus pais pensem como você, leve-os também para conversar com os pais dela. Nada como uma conversa “entre cachorros grandes” para fechar o topo do bolo, né?

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Caro perguntador esta questão não é sua, mas algo privado entre a sua sogra e, talvez, sua mãe.
    Não se meta nos assuntos dos outros. Cada um tem os seus desejos, respeite-os e mantenha distância.
    Cabe lembrar o seguinte: É proibido casar antes dos trinta. Lei Carlos. Acima de tudo e de todos, não aceito contestação.

    Não quer viver no pecado? Viva longe de pessoas que vem pecado nas coisas da vida.

    • Cássio Mendes

      E o desejo deles é de que eu me case ainda esse ano (2017). Eu gosto dela, a amo. E aí? Ela também quer isso!

      • Prezado Cássio, amor não é algo eterno.
        Quando surgem diferenças tão grandes entre duas pessoas que querem estreitar o relacionamento, para casar por exemplo, não adianta a gente querer ser otimista, pois a chance de dar errado é muito grande. Você já sabe disso.
        E outra coisa, quem casa nestas condições deixa para descobrir muitos aspectos de vocês mesmo que ambos desconhecem. A vida sexual é uma delas. Talvez vocês não combinem. E aí?
        Esse tipo de ideal que a tua namorada e a família dela tem, é um anacronismo. Muitas pessoas pensam assim, mas você não, tanto é que está perguntando por aqui.
        Vocês tem muita estrada pela frente, fique firme e não se precipite.

        • Cássio Mendes

          Valei meu amigo, estarei sendo sensato com esse assunto. Obrigado por estarem aqui me ajudando!

  • Monique

    Caso parecido já teve aqui.
    Mantenha-se firme à sua intuição. Eu concordo com você. Mas além de estrutura financeira, casar requer maturidade, que hoje, eu diria que vocês não têm. Nem você e nem ela. Há uma grande probabilidade do casamento, caso aconteça, não prosperar, por motivos que poderiam ser evitados.
    Continue firme na decisão de estudar. Incentive a ela também. Mas não coloque os burros na frente da carroça, principalmente se for forçado a isso.
    Eu no seu lugar não gastaria muita energia pra tentar CONVENCER ninguém. Sei lá. Não gosto dessa palavra, nesse caso. E nem da energia que é necessária para convencer alguém a mudar de opinião, de ideias, ideais. Meu conselho é: não tente convencer ninguém. E nem queira que eles te convençam de que casar é melhor. Você vai se desgastar à toa. Tente levar com leveza rs. Converse com ela, e se julgar necessário, com os pais dela. E no máximo duas vezes rs. E dê a ela a opção de seguir ao seu lado, namorando, com projeções e planos para quando puderem, de fato, concretizá-los; e nos planos se inclui estudos, carreira, viagens, filhos; ou terminar com você e ir atrás de alguém que queira, podendo ou não, casar com ela.

    • mariana cobra

      Tbm acho que tentar convencer a família não leva a nada, somente discussões e desgaste físico e mental.
      Basta ele chegar na namorada e explicar tudo o que ele quer para ambos, se ela não pensar igual já é um grande indício que o casório não vai pra frente.

      • Monique

        E uma coisa é tentar convencer alguém de que a soma dos quadrados dos catetos é igual ao quadrado da hipotenusa rs.
        Outra coisa é convencer alguém de que suas crenças, princípios, valores não se aplicam à época atual por exemplo; ou que essas crenças não estão de acordo com o que “eu” penso sobre o assunto. E se envolve religião ainda, ixi, desgaste À TOA, na certa. Perda de tempo e energia.
        O lance não é terminar TERMINAR com ela. O lance é explicar, com carinho, respeito, paciência. E para ela, eu penso.
        E sem deixar virar um looping eterno.
        E dar à ela a opção de continuar junto, NAMORANDO, ou não.

      • É verdade Mari, se a família for muito cabeça dura, talvez não adiante mesmo
        porém
        1- Ele fez a parte dele. Como os familiares dela não mordem (acho kkk), vale a tentativa. E o desgaste só acontece se ele forçar e não respeitar a opinião alheia. Do contrário, chama debate saudável.
        2- Tenho um integrante da familia BEM cabeça dura (melhor não citar nomes kkkkkkkkkkkkk), porém, eu vejo que mesmo q ele não ceda, as vezes ele reflete depois sozinho e AOS POUCOS, aí sim cede um pouco, rs. Isso se ver sentido no argumento, claro *mas acho que o do leitor teria
        3- Se nada der certo, aí ele se vira ocm a patroa

        eu só acho meio errado a gente já achar q a conversa NUNCA levará a nada,pq isso não é verdade. Pode ser q não, mas pode ser q sim

        Imagine quantas brigas (ou afastamentos q seja) d familia já rolaram só pq pensaram “ah foda-se a opinião dos seus pais, eu namoro com vc”, ou “nem vou me dar ao trabalho d tentar convencer pq sei q eles não aceitarão”, enquanto as vezes a gente se surpreende….

        • Ana Maria

          Eu não sei, me parece que se ele tentar explicar para a família, fica meio que compromissado de antemão. Sabe? Tipo, ele vai lá e conversa com a família que precisa estudar, se formar e ter estrutura, mas nessa conversa aos invés dos pais “deixarem acontecer” pode ser que eles sintam que ele firmou um compromisso e comecem a cobrá-lo a partir disso. Ter que ser uma conversa que mostre o ponto de vista dele sobre esse assunto, mas que deixe aberto, porque ele tem planos de casar, mas pode ser que as coisas mudem até lá. Não é um plano imediato, tudo tem que ficar claro caso conversem.
          Mas é uma questão complicada, eu era desse jeito, fui criada na igreja e vivia perturbada por pensar que estava vivendo no pecado… Meu namorado era novinho e estava no segundo ano da faculdade, também pensava em casar, mas quando tivesse um emprego na área eu ficava forçando, insistindo e claro, não acabou bem.

          • Eu só acho q ele será cobrado se ele se deixar ser cobrado. É só ele falar oq vc mesma disse
            porémmmmmmmmmmmm, cá pra nos q de igreja ou não, a familia sempre cobra algo dos bofes. Disso é só morrendo q ele se livrará kkkk

          • mariana cobra

            Por isso que eu acho que ele deveria conversar com a namorada e ela se posicionar perante os pais. Pq me pareceu q ele está sozinho e q a moça não sabe se concorda com a família ou com bom senso.

          • Se meu namorado mandasse eu falar com meus pais sozinha ia achar q ele é um baita de um bunda mole q nao tem coragem d falar nada com meus pais kkkk
            lembrando q falar é diferente de brigar, e conversar é diferente de forçar
            Se ele ver q os sofros não estão cedendo, ai entra no que falei: ele fez a parte dele e não precisará mais forçar, mas ao menos fez a parte dele…

          • Cássio Mendes

            Concordo, por isso que sempre “eu” que fui e peitei a família, mesmo todos com ideais retrógrados e diferentes do que os meus!

          • e tem dado certo? kkk

          • Cássio Mendes

            Eles ficam meio acuados, mas não voltam atrás, sabendo que eu tenho 21, mas tenho carinha de 16. Infelizmente o mundo julga pela aparência!

          • Cássio Mendes

            Ela iria casar com um de 30, com casa e carro. Aí eles endoidaram querendo que ela fizesse isso. tá vendo a diferença?

          • mariana cobra

            Quis dizer que aparentemente nem a moça está concordando com ele, então aí fica muito mais difícil.

    • Cássio Mendes

      É galerinha, pra ser sincero, ela também pensa como os pais dela, como vocês disseram, isso é cultural. O meio social em que ela vive é assim, então pra ela isso é normal entendem? Ela também gosta de mim, por isso quer casar né? eu acho kkk até porque se eu ainda sou um pé rapado e ela quer isso, talvez quando eu for bem sucedido vai ser melhor do que já é.

      • Monique

        Acredito que vc goste dela, e ela de você! Isso está claro. Ela quer casar, mas como vc disse em algum comentário, ela pensa como eles. Então ok, ela gosta de vc, mas não é só por isso que ela quer casar. Quer casar logo pq, em parte, pensa como os pais. E os motivos deles não deveriam embasar a decisão de casar. É uma puta decisão! Na idade de vcs e na atual estrutura financeira de vcs, o assunto “casar” não deveria estar sendo discutido. Não agora. Minha opinião. Estudar, trabalhar, viajar, buscar a Deus, que seja. Casar não. E veja, não apenas pq são novos. Mas pq além de muito jovens, não têm estrutura financeira e ela parece ter uma visão retrógrada como os pais, e isso parece que é beem diferente de vc, hoje. Ela vai amadurecer, naturalmente, com o tempo. Pra mim, se vc a ama de verdade e quer uma relação concreta e duradoura, não deveria casar agora. Seria, nas atuais condições, quase que projetar o fim…ou infelicidade, para ambos.
        Tb li vc dizendo que sempre foi vc que foi e peitou a família. Acho bacana, de verdade. Tem firmeza, é homem. Mas cuidado para não estar permitindo, incentivando, mesmo que sem querer, que sua guria seja apática, sem opinião, dependente. Os pais são dela, é a vida dela em jogo tb. Ela não é mais criancinha. Talvez vc admire uma moça assim, mas a vida vai exigir além. E dela.

        • Cássio Mendes

          Perfeito o seu ponto de vista. Acho que vou ajuntar todos aqui do site e mandar falar com ela rsrsrs. Então, o que eu mais quero é que ela tenha opinião própria em relação a isso, ela já tem, mas não é o que eu quero que ela pense. pra ser direto. e não é porque ela tem que viver do jeito que eu quero, e sim, do jeito certo a se viver

          • Monique

            Mas veja Cássio: Não há jeito certo a se viver. Há o jeito que a gente escolhe viver e é feliz com ele. Espero de verdade que com o tempo ela perceba que há sentido nas coisas que vc diz. Mas veja, eu concordo com o seu jeito de pensar quando o assunto é casamento. Não disse que é o certo. Nem que o dela é errado. Eu realmente penso que a ficha dela vai cair, questão de tempo. Mas será necessário muita percepção e desapego da sua parte para vc perceber, caso chegue, o momento de deixar ela ir….Pode ser que o jeito certo PRA ELA, seja esse mesmo, como os pais pensam. Aí vc vai precisar ter percepção, maturidade, força, pra deixar ela ir atrás dos sonhos dela.

          • queria q vc morasse em Curitiba e fosse minha amiga íntima
            ainda bem q vc me mandou email naquele dia e teve “coragem” de virar comentarista do site s2

          • Monique

            CATAPLOFT! Desmaiada! kkkkk
            quem dera! Já pensou?! haha
            Te acho foda!
            Pois é, ainda bem…

          • tbm te acho foda, não por isso!

          • Cássio Mendes

            Verdade, e se os sonhos dela forem pequenos assim, casar e ficar pilotando fogão pro resto da vida, que seja né?

          • mariana cobra

            E não há mal nenhum nisso desde que ela seja feliz assim 🙂

          • Cássio Mendes

            É, não há nenhum mal mesmo, só que tem um porém, ela viu que não seria feliz com o ex dela que iria dar isso tudo pra ela esse ano ainda, e decidiu ficar comigo. Ele ja tinha a casa, a moto e o lugar na roça pra morar… Só que não tinha estudos e nem deixaria ela estudar… Daí ela se arrependeu,e voltamos. Sim, é conturbado, mas acho que o sentimento falou mais alto dessa vez.

      • Stan Lewis

        Depois de ler tua história, acho que os pais dela só vão aceitar a tua opinião se tu falar que teve um ‘sonho divino’ no qual a divindade era enfática em dizer que você deveria estudar primeiro, se estabilizar e depois casar. rsrs Se falar isso aí eles aceitam na hora! rsrs

        Você pode também usar exemplos de casos práticos em que outras pessoas se casaram assim precocemente, sem estabilidade nem nada, e se ferraram durante muito tempo até conseguir alguma coisa.

        • Cássio Mendes

          Minha mãe é um deles. A irmã dela também (minha namorada). Daí tipo, eles têm os exemplos na cara, e ainda não acordam. O engraçado é que a irmã dela que sofre com o marido por ter casado cedo e ja ter uma filha, vem desabafar comigo por causa disso… E apóia eu fazer a mesma merda que ela fez kkk

          • Stan Lewis

            É isso que é engraçado, familiares que querem dar conselho mas não servem de exemplo algum rsrs.

          • Cássio Mendes

            Agora eu to mais ferrado amigo, meu telefone ficou ligado e ela ouviu eu dentro do carro falando asneiras com a filha dela. Agora disse que ela tem que marcar a data do casamento.

          • Stan Lewis

            kkkkkkkkk agora complicou hein kkkkkkk

          • Cássio Mendes

            ferrou de vez. a mãe dela perdeu a confiança e me chamou de mau caráter

          • Stan Lewis

            boa sorte aí cara rsrs

  • Franciele

    Leitor, acho que tu já compreendeu que toda essa religiosidade dos teus sogros na verdade esconde um forte caráter utilitarista.
    Explico: casando a filha nessa idade, eles passam por bons pais perante a comunidade, afinal, ela não engravidou solteira como a filha da vizinha, rs, se livram de ter que sustentar a moça, é isso existe sim, ainda mais em lugares pobres, e não precisam mais se responsabilizar por ela que passa a ser “probelema” teu.
    Pois bem, a única maneira de contrapor esses argumentos, é sendo igualmente utilitarista; a comparação entre as gerações que a Luiza sugeriu é um bom começo, mas sugiro que tu fale sobre trabalho, porque antigamente um rapaz de 21 anos já tinha emprego e ficaria nesse emprego o resto da vida; também vale apena explicar que tu tem medo, ainda que não seja verdade, ok, de não poder sustentar os filhos de vocês, que acha errado casar e continuar dependendo dos pais ou dos sogros financeiramente, enfim.
    Só não reincida no erro de fazer parecer que tu quer ter a vida ganha para depois casar, porque o subtexto de “quero ter casa própria e carro antes de casar” é “não vou casar nunca”; tu precisa sim de certa estabilidade financeira, mas não crie a ilusão de que vai conseguir absolutamente todo o patrimônio antes do altar, ainda mais tendo que fazer sexo escondido, rs.
    Certamente eles precisam ceder, mas tu também, caso queira continuar nessa história, precisa aceitar que pode morar numa casa alugada por alguns anos, por exemplo, em favor de ajustar essas diferenças.

    • mariana cobra

      Fran se vc soubesse o tanto de gente jovem que se casa só pra poder transar não acreditaria!
      Nem acho que os pais da moça querem se livrar dos encargos financeiros para sustentá-la, mas que para determinadas comunidades religiosas é uma vergonha tamanha transar fora do casamento, a ponto da pessoa ser expulsa da igreja e excluída pelos membros.
      É bisonho, mas existe!

      • Franciele

        Acreditaria sim, tive duas colegas evangélicas no ensino médio que procederam assim; começaram a namorar aos 15, casaram com 16 e aos 17 estavam com um barrigão na sala, vivendo com um rapaz que só tinha um subemprego.
        Mas, como eu já disse aqui, nunca encontrei no texto original grego da bíblia, uma só palávra que dê margem a esse abssurdo, e isso aliado ao fato de ver que nem todos os que casam virgens são felizes, me fez concluir que esse dogma é meramente utilitarista.
        Claro que fazia sentido casar sem transar quando não se podia evitar filho, bem como, casar cedo quando as pessoas viviam pouco, mas em nossos dias essa já não é a realidade, e a pseudo religiosidade ocorre porque deu-se a normas civis caráter sagrado que não lhes cabia, infelizmente.

        • Monalisa

          Concordo com você. Na época que não se tinha métodos para evitar gravidez seria super normal se casar virgem. Antigamente as crianças se casavam com 14 anos. porque como disse a expectativa de vida era pequena, acho que mais ou menos 30, 40 anos. Hoje isso não faz muito sentido, pelo menos para mim que não conseguiria casar com alguém sem saber como é a quimica da coisa.

          • Franciele

            Minha contrariedade a este dogma não se funda exatamente numa questão de atração, porque isso aferimos instantaneamente, sem sequer nos darmos conta; além do mais, ajustes em âmbito sexual sempre são possíveis, afinal, quando qualquer aspecto de uma relação não está bem, essa parte perde em qualidade. o que me incomoda é justamente esse efeito de forçar um casamento fora de hora, afinal, se tanto a moça quanto o rapaz fizerem a escolha de esperar, deverão ter convicção suficiente para aguentar eventuais consequências, do mesmo modo que quem exerce a sexualidade as enfrenta.
            Mas, em casos como esse importa mais a satisfação dada aos outros do que o desejo real dos envolvidos.

      • Monalisa

        Acho mais pecado a pressa para se casar para poder transar, do que transar antes do casamento. É ridículo isso. Já vi essa parada de expulsão também, a pessoa começa a ser vista mal na igreja , a excluem e etc. Deus para mim é amor, e não um conjunto de regrinhas que esse pessoal segue achando que é “certinho”.

        • Stan Lewis

          Sim, mas lamentavelmente a maioria dá mais valor nesse conjunto de regrinhas distorcidas do que pro bem-estar social, estabilidade financeira e psicológica.

      • Cássio Mendes

        Isso aconteceu, eu vou voltar esse mês, fui excluído. Galera, não é fácil não.

      • Cássio Mendes

        Mas como vc mesma disse, eu não quero casar pra “transar”, seria muito mesquinho da minha parte. Por isso quero que o tempo me mostre o que realmente vai ser daqui pra frente, porque nem tudo é um mar de flores

        • mariana cobra

          Não digo que seja vc a pessoa que não queira viver em pecado, mas os pais dela que estão se posicionando como guardiões dos bons costumes e da castidade da filha.
          Pense muito bem a respeito Cássio, pq compartilhar um teto é 100% diferente de namorar.

          • Cássio Mendes

            Eu sei como é, tenho exemplos da minha família. E não é nada fácil!

      • Stan Lewis

        É evidente que a família da moça age dessa forma por puras questões que envolvem religião.

    • “mas não crie a ilusão de que vai conseguir absolutamente todo o patrimônio antes do altar, ainda mais tendo que fazer sexo escondido, rs. ”
      mt bem colocado Fran!

  • mariana cobra

    Provavelmente a sua namorada é de uma família ortodoxa e religiosa, portanto, dificilmente vc irá convencê-los sobre seus princípios. Quanto a moça, é mais fácil fazê-la ver o que vc almeja para ambos e que não é enrolação da sua parte, mas como família tem muita influência vc meio que tá lascado.
    E desculpa Luíza “fale sobre a nova geração”? kkkkkk é pedir pro moço ser enxotado da residência! Conheço homens (HOMENS e não mulheres) na faixa de 19 a 23 anos que terminaram relacionamentos pq a moça queria algo a mais, se é que me entendes.
    Tem muita gente ainda que tem mais medo de encontrar o capeta que ser feliz, então veja que esse tipo de ideologia não se quebra com diálogo. O negócio é casar para “não viver no pecado”.
    Então perguntador, não se case. Simples assim, afinal, casar pra transar é fim dos tempos.

    • Franciele

      Concordo contigo relativamente a nova geração; soará comodista da parte dele. Mas, acho que se fosse só terminar, ele já o teria feito, sem precisar perguntar aqui.
      Talvez ele se veja em meio a um conflito, isto é, a moça até concorda com ele, mas tem medo de desobedecer a família e não conseguir casar caso fique mais velha, porque provavelmente todas as amigas já estejam até com filho, e o leitor fica sem saber como agir, uma vez que, não pretende tirar a moça da casa dos pais nesse momento, e também não quer se submeter a essas regras utilitaristas.

    • Cássio Mendes

      Eu concordo com você, e não é isso que quero. Quero casar pra ser feliz! Simplesmente isso

      • mariana cobra

        Cássio, concordo contigo e a minha objeção ao casamento é tão somente devido a idade de ambos. São jovens demais e sem nenhum preparo financeiro.
        Ela só tem 17 anos, não tem o ensino médio completo e, provavelmente, não é financeiramente independente. Não digo que vcs precisam ter carro, casa e profissão bem estabelecida, mas ter os estudos e a cabeça no lugar já são um bom começo.

        • Cássio Mendes

          ótimo Mariana! não é só financeiro, é mental também!

  • Monalisa

    Cara, você vai ter que ter a paciência de Jó se quiser ter um futuro com essa menina.Pessoas muito religiosas e ignorantes são muito imediatistas.
    Eu acho uma hipocrisia querer casar rápido para “não viver em pecado”. Ou seja, a maior motivação para casar é porque quer transar sem peso na consciÊNcia de estar pecando? casar é muito mais isso, é para vida toda.
    Só que esse pessoal não pensa assim. Os religiosos que eu conheço casam os filhos super rápido. já presenciei casamento de adolescentes de 17,16 e até 15 anos autorizado pelos pais! Os filhos não tem nada na cabeça, nem sabem direito o que querem da vida, e já casam por pressão social da igreja e dos pais. E depois disso vem o que? pressão para ter filhos! isso mesmo! sem nenhuma estrutura os pais e a igreja exigem que você tenha filhos o famoso “multiplicai vós”. E não estão nem ai se você tem condição ou não, “Deus vai prover”. Dai que começam muitos problemas sociais.
    Essa pessoas mais caxias também tem a ideia de que minha filha casou, ta feita na vida, não preciso mais me preocupar. Coisa do século passado, mas muitos ainda tem esse pensamento. E acho que os pais dessa moça também pensam assim.
    Eu sugiro que seja firme, porque depois do casamento vem a cobrança por filhos, como eu falei acima. Explique uma vez para os pais da menina, explique ela, explique que é melhor você se virando sozinho do que ainda se preocupar em estudar e arranjar emprego tendo que sustentar alguém, que no caso seria sua esposa. Se eles não entenderem paciência, eu pulava fora com o coração sangrando, mas melhor isso do que se arrepender de ter casado. Ainda mais que para mim casamento é para vida toda.

    • Franciele

      Bem lembrado; um casamento não poderá ser para vida toda se não tiver um bom alicerce desde o início, e estabilidade financeira é um dos aspectos a considerar.
      Igualmente interessante que a maioria dessas pessoas se diz cristã e desconsidera aquela frase bem correta, “ajuda-te e o céu te ajudará”, que chama a todos nós para a prudência nas ações e escolhas.

      • Cássio Mendes

        Verdade

    • Cássio Mendes

      Cara, perfeito a sua explicação!

    • Stan Lewis

      Sim, é uma mistura de baixa escolaridade + ignorância + fanatismo religioso que acabam resultando nesse tipo de pressão por parte da familia, e isso tudo acaba servindo mais como um “desserviço” para os coitados que estão sendo pressionados. É uma pena a familia preferir priorizar regras de cunho religioso, do que a felicidade e estabilidade da própria filha.

  • Tom

    Casar e so a primeira exigencias deles , se voce aceitar haverao muito mais , dar as coisas para filha por exemplo ..
    Responda assim se voces as sustentarem derem tudo que ela precisar e quizer eu caso..
    Banquem tudo durante 10 anos ate eu me formar que eu caso.
    Mas quero contrato ok ..
    Depois que falar isso vamos ver quem vai querer assumir …
    Estao querendo jogar responsabilidades nas suas costas… nao entre nessa …
    Nao se iluda com bla bla religioso , ja cai nessa uma vez , e me lasquei , familia de algumas mulheres e ate elas mesmas vem com essa .
    Enfim querem jogar nas suas costas a responsa , tipo nao vai ficar comendo de graca nao .
    Como se fosse so Homem que tem prazer no sexo , e tem que pagar o preco …
    Sao ideias rudiculas do passado.
    A Palavra e igualdade …
    Lembre se hoje as Mulheres sao iguais aos Homens…
    Em direitos deveres , nao ha previlegios mais ,voce nao tem que casar se nao quizer ou nao puder , alias o certo casar depois de uns 10 de convivência pra saber se. dura mesmo …
    Voce nao conheci ela , nao com 17 anos ela
    mudara muito acredita , mudara inclusive de ideias sobre muita coisa talvez ate sobre voce e estar casado nao impedira essa mudanca …
    Como carlos disse so case com mulher depois dos 30 , so entao elas ja sabem o que querem ..,

    • eu não me acho igual aos homens
      Pronto, polemizei kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      na verdade, ninguém é igual, daria uma filosofia d uns 20 minutos kkk

  • Eu sou do interior e estou do lado dos pais da moça. Eu tenho uma filha de apenas 2 anos e quando ela crescer não gostaria de ver algum marmanjo namorando, namorando, namorando e nada além disso. Se quiser ficar com a minha filha terá que demonstrar comprometimento em casar. Os “moleques” de hoje em dia não gostam de responsabilidade, só querem uma moça para descontar a carência sexual. Essa regra serve como um “filtro” de vagabundos.
    Minha princesinha é meu tesouro e eu como pai serei seu eterno guardião.

    • mariana cobra

      Até ela conhecer um Eros na vida, aí vc tá muito fodido kkkkkkkkkkkkkkkk
      O carma é foda!

      • Mas o Eros não aproveitava de mocinhas puras, então desse carma estou livre uhuuuuuu kkkkkkkkkk

        • Cássio Mendes

          Também não me aproveito, vivo com o peso de que sou o 7º cara dela, isso não ajuda em nada cara, vai por mim!

    • Mas demonstrar comprometimento em se casar significa se casar de qualquer jeito e na hora?
      Vc é um cara tão sensível, não saberia dizer se o pretendente gosta ou não da sua filha, independente do casamento?
      vc não acha que apesar d não poder se casar agora, o leitor mostra interesse em se casar?
      quanta gente se casa sem amor, ou sem amor suficiente, só pq engravidou ou coisas do tipo e aí vc continuaria acreditando q casamento prova algo?

      só sei que duvido q vc deixaria sua filha sair d casa d qualquer jeito, aí se ela arrumasse um pobretão, tu ia deixar como prova d amor da parte do cara? Sei não, te conheço kkkkkkkkkkkkkkk

      • Luiza, my love rsrs, o sujeito pode casar de 2 maneiras:
        1 – Estudando, sem casa e carro. ( Atualidade )
        2 – Formado, com casa e carro ( Previsão de futuro )

        Eu lhe digo por experiência própria que a 2ª opção é a pior, é algo que imaginamos e não é o que trás felicidade.

        Sobre o pretendente da minha filha, esse será testado de todas as formas por mim. Mas se ele pensa que poderá viajar com ela sem antes casar, pode esquecer kkkkkkkkk
        Se o sujeito for um pobretão, mas que eu sinta que ele tem bom coração e vontade de vencer, eu dou minha benção.

        • Não vou nem dizer oq eu acho sobre essa sua bitolação com casamentos …. kkkkk

          mas numa coisa concordo: seu coração é gigante e vc aceitaria o pobrinho, mas daria um bom emprego pro cara, ou mandaria mesada, coisa que os pais dos sogros do leitor não teriam para oferecer….

          Eu prefiro minha filha na minha casa, do que na casa de homem passando fome só pra dizer que se casou, vc é muito antigo. Como pode ser moderno e antigo assim? kkkkkkkkkkkk

          Vc mesmo não se casou com a que mais amou na vida, pq sua filha seria feliz fazendo o mesmo? Casamento não garante felicidade, sabemos disso.

          talvez, garanta conforto
          ops, pera pq no caso aqui nem conforto garantiria kkk

      • Cássio Mendes

        Ela iria se casar esse ano com o ex dela, só porque ele tem casa, e sabe de uma coisa? ela não gostava dele, não o amava. e faria isso só por causa de pressão familiar. bastou um pouco de tempo pra ela refletir e ver que aquilo iria afetar ela pro resto da vida. Acontece que ela se arrependeu, chutou o balde, e hoje estamos juntos novamente. Agora, estou aqui, porque, se realmente ela me “ama” ou sente algo forte por mim, ela irá entender!

    • Monique

      rsrsrs parece que vc só queria causar um desconforto no pessoal que lê as coisas que vc escreve sobre sua “vida pessoal”….não sei se ficou claro o que escrevi…rsrs
      Tipo assim, parece que vc só queria provocar comentários tipo o da Mariana Cobra.
      Quando Lu posta um novo relato eu sempre leio os comentários e espero sempre ver uma galera aqui…seja pra rir seja pra aprender, pensar…vc é um deles rs!. Mas dessa vez vc parece que nem leu o relato do moço poxa rs, só leu o título rs. Não me leve a mal.

      • Olá Monique, eu só comento o que penso e nesse caso penso exatamente assim. Falando da minha vida pessoal, eu me casei com a minha namorada com 19 anos e sabe quais eram os meus bens? 1 bicicleta usada rsrs. Eu estava no 1º ano da faculdade e minha namorada ainda estava grávida.
        Agora o sujeito diz que precisa de casa, carro e dinheiro para ser feliz e casar ele está muito enganado. Hoje eu sou milionário mas as melhores recordações que tenho é da época que éramos pobrezinhos. Lembro do nosso primeiro sofazinho (que foi ganhado rsrs), do nosso primeiro R$ que sobrou no final do mês, da primeira vez que fomos a um restaurante caro esbanjar rsrsrs.
        Se o sujeito ama mesmo a moça, ele faz o possível e o impossível por ela, porque falar até papagaio fala.

        • Cássio Mendes

          Então Sujeito, é isso que venho fazendo. Você não conhece metade das coisas que já passei por ela, voltamos recentemente, se isso ajuda você a refletir um pouco, e não, não é dinheiro que vai trazer a felicidade, já que você pensa assim, mas a vida sorriu pra você, amiguinho, você deu sorte. E não tem só isso não. Uma hora vai se tornar rotineiro, sem graça, sem novidades. E aí? vamos fazer o que?
          Se eu não quisesse compromisso, não teria voltado com ela depois que ela me largou pra ficar com o ex. mas é como dizem, ninguém manda no coração né?

          • Estou casado há 15 anos e desconheço a palavra rotina. Se você quer compromisso, case com a moça e logo que conseguir uma estabilidade financeira, faça um filho.

          • Cássio Mendes

            Você está me zoando, só pode kkk

        • Monique

          Mas pelo que sei, casou pq ela engravidou. Casou jovem. Ela também. E casou porque uma criança estava a caminho. Ao longo do casamento cometeu incontáveis traições. Já te li dizendo que ama outra. Acredito que o moço não queria isso pra vida dele, nem pra moça.
          Fazer o possível e impossível por ela vc não sabe se ele faz. E pra mim, querer estudar, trabalhar, por ELES, é uma bela demonstração de comprometimento.

          • Cássio Mendes

            OLHA SÓ RAPAZ, EU NEM SABIA DISSO. tá vendo como são as coisas? vc acha que eu quero que ela me traia? como um cara que diz amar outra mulher, vem com a única opinião conturbada acerca desse assunto? Deve que eu não estou tão errado assim. Quero um casamento feliz. Sem mentiras nem traições. Pra alguns isso é normal. pra mim não. já fui traído, sei como dói. Nunca traí e não tenho coragem para tal. Agora não quero criar uma possibilidade para que ela venha a cometer tal ato. E sim, como realidade, o futuro somos nós que criamos. Será que eu só não estou querendo me ferir novamente? Isso não vai somente por causa de casar e tal, vai além disso, quero ser feliz, eu posso ter esse direito. Quero não trair e nem ser traído. Isso não é normal pra mim.

          • Tudo que você disse é verdade, mas a vida é assim mesmo poxa rsrsrs.
            As traições eu venci. O amor pela ex-amante ainda não, mas um dia eu venço. A palavra “casamento” eu irei tatuar no meu peito kkkkkk
            Esse moço para mim não demonstra força. Se fosse um pretendente da minha filha, estaria reprovado.

            Preste atenção no que irei dizer:

            Eu até aceito meu genro trair minha filha, mas não aceito meu genro ser um fraco e fugir das responsabilidades. Ass: Eros Himeneu, o guardião dos casamentos.

          • Monique

            Desde o começo eu sabia kkkkkkkk vc queria era atenção! Conseguiu!! kkkkkkkkk

          • Ah todos nós queremos atenção Moniquinha meu amor rsrsrsrs, mas tudo o que disse não foi apenas para chamar a atenção, é realmente o que penso. Eu vou “contra o sistema” em alguns pontos e minha forma de pensar parece peculiar para a maioria aqui do site. Seria eu então um bobo ou um prodígio?
            Até hoje aqui no site ninguém conseguiu chegar perto do meu raciocino. Se não me engano foi só um tal de Vitor Leone que chegou, mas esse sumiu do site.

          • Monique

            Verdade! haha Todos queremos! Cada um busca atenção do jeito que lhe convém. Há desde os que conseguem ganhando um Nobel aos que conseguem colocando uma melancia na cabeça!
            Se seu raciocínio faz sentido pra vc, show! A vida é massa e a gente é único e peculiar. A magia do ser humano é essa. “Iguais e tão desiguais…uns mais iguais que os outros”.

          • Para mim quem coloca uma melancia na cabeça e quem ganha um Nobel se equivalem, não vejo nada demais. Me chamaria a atenção um jogador de futebol ser campeão de vôlei ou um lixeiro ser o descobridor da vacina da AIDS. Mas é sempre mais do mesmo, o sujeito passa 50 anos estudando e trabalhando com física e adivinha o que ele ganha? Um nobel de física.
            Enfim, você argumenta desde o início que estou comentando aqui apenas para chamar a atenção, mas será mesmo isso? Você possui filhos? É casada? O que você já viveu para contra argumentar o sábio Eros rsrs

          • Monique

            Não Eros, não me leve a mal, sério mesmo!
            Não estou argumentando nem contra-argumentando, não com esse peso da palavra…só brinquei com seu primeiro comentário, pq de fato pareceu que vc não leu o relato DESSA VEZ, NESTE CASO. E eu de fato gosto de ler algumas pessoas aqui…
            Já vivi e vivo muita coisa! rsrsrs… Mas mesmo que não o tivesse, isso não me impediria intelectualmente de trocar essa ideia que trocamos aqui. Não essa.
            Relaxa! 😉

          • vc aceita q seu genro traia a sua filha pq vc acredita q todo homem trai….
            vc ve o seu reflexo nos outros

          • Não Luizita, pq vejo outros defeitos que são piores do que dar uma puladinha de cerca:

            – Ser mão de vaca, mesquinho
            – Ser controlador, possessivo
            – Ser preguiçoso
            – Ser contra a família / parentes
            – Ser fofoqueiro
            – Ser maldoso
            – Ser desagradável

          • mas se fosse sua esposa, vc acharia q todos esses defeitos seriam piores do q ela ser infiel?

            no mais, odeio homens com todos esses defeitos, principalmente os 3 primeiros, porém, se for fiel eu caso rs

          • No meu pensamento a esposa tem a obrigatoriedade de ser fiel. Sim, eu sou machista rsrs. Minha esposa é meio preguiçosa mas é fiel. As mulheres no geral são “mão de vaca”.

          • oq seria esse “ser preguiçosa”?

            Então, muito homem fala q mulheres são mãos de vacas mesmo, mas acho que isso pode ser meio cultural, da mulher não ter mt o habito d pagar por certas coisas, etc. Acho q mt coisa é mais habito do que ser mão d vaca

            Feministas irão me xingar, mas né? A cultura ainda tem mt peso na vida d mt gente

            O Thiago fala q em relação a dinheiro nunca viu alguém como eu.
            Eu sou mais de CUIDAR do dinheiro de todo mundo, não só do meu e eu gosto muito do lance do ser comerciante. Sabia q na Turquia se vc não negocia eles acham até q vc é meio sem graça? kkkkkkkkkkkk Eu curto demais a arte d fazer cálculos, etc, mas mesquinharia é terrível, até pq concordo com vc q gente mesquinha nunca vai pra frente.

            Como tinha t dito numa outra vez, se eu achar q não vale, não pago. Já vc paga qualquer coisa e não tá nem ai e aí talvez vc pense q isso é “não ser mesquinho” kkkkkkkkkkkkkkkkkkk, só q vc já pensou q vc pode estar estimulando um comércio “pior” pq vc aceita tudo? E quem não paga vc acha q é mão d vaca, será q sua mulher não é meio como eu e vc pensa q é ser mão d vaca? Talvez seja apenas uma outra forma d olhar o dinheiro

            q nem o lance do Pagseguro q c me chamou d mão d vaca, mas pensa comigo:
            fora tirar um tantão ainda demoram quase um mês pra me liberar o dinheiro, como vou achar que vale a pena dar tudo aquilo pra eles? Agora se eles me dessem no mesmo dia, ai quem sabe não choraria pela taxa, e por aí vai.

          • Luiza, você aos poucos está me conhecendo e talvez até perceba que sobre R$ eu talvez entenda alguma coisa rsrs
            Hoje eu pago 100 mil aqui, 200, 300 mil reais ali, mas há 10 anos atrás no meu software financeiro eu anotava os centavos.
            Mas eu volto a frisar o que o meu professor da faculdade dizia: “Você deve enxergar a floresta por entre as árvores”.
            O mundo é cheio de distrações (desconto, milhas, promoções, tarifas, etc…) e o teu cérebro e a sua energia é limitada. Você talvez ainda não tenha percebido o limite porque ainda não é mãe e acabou de chegar aos 30 anos, mas logo você chegará para mim e dirá: “Nossa Eros, realmente não consigo fazer tudo como antes, minha filha e os negócios me ocupam 200%”.
            Então é nesse ponto que você precisará de reprogramação cerebral para que possa filtrar “coisas pequenas” e ficar focada no “grande”.
            Quando eu negocio taxas, não é negociação pequena. Eu estive no Banco Santander ontem e me reuni com o gerente geral da agência. Falei para ele: Estou emitindo 10.000 boletos pelo Bradesco, a taxa é X e eles não quiseram negociar. O que vocês podem fazer para mim? Perceba que eu negocio valores sim, mas não desconto de R$ 50,00 reais na passagem aérea rsrsrs
            Enfim, espero que você me entenda e que confie em mim quanto a isso. E lógico que fico atento a tudo que você contradiz, afinal, podemos sempre aprender.

          • Claro que não só entendo, como concordo pq no seu lugar eu faria o mesmo
            Mas no meu eu faço proporcionalmente a mesma coisa q vc, tendeu? Eu ainda não negocio com o dono do banco, mas sim faço algo proporcional a isso, tendeu?

            Como vc mesmo disse “quando mais novo negociava os centavos” . Bem, não sou tão lascada quanto vc era kkk, mas sigo a proporção
            No fim, estamos falando sobre a mesma coisa, só q vc na sua realidade e eu na minha tendeu? Só q como vc está na sua realidade faz mt tempo, vc se esquece q o trezentão q vc chama d mão d vaca, faz diferença na vida d outra pessoa, assim como fazia diferença na sua vida. E por aí vai
            É literalmente se colocar no lugar do outro

          • No mais
            gosto tanto d vc
            e oq mais gosto é q vc nunca me leva a mal, nem quando te dou umas peitadas
            e olha q os peitos são grandes kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
            Em SP vai ser noix tirando com a cara do outro e dando risadas, mas sem nunca deixar d dizer a verdade

          • Uai Luiza eu ainda acho que você pega leve comigo rsrs. Pode meter peitada, eu não sou um frouxo que fica de mimimi, pode me criticar, xingar. Eu acho até bom, me ajuda a crescer.
            Em SP vamos num restaurante top tirar onda viu rsrsrs

          • SSó conheço o Fasano de chique pq pobre sempre ve o Fasano na TV AIUHAIUHAIUHAIUAH

          • Liz

            Engraçado que eu vejo isso tudo que você citou na traição.
            Ser mesquinho – você gasta seu carinho, tempo e atenção com outras. Enquanto está com outras, por óbvio, não está com sua esposa.
            Ser controlador – quem trai nunca permite ser traído, né?
            Ser preguiçoso – escolhe trair a fazer do seu relacionamento algo melhor
            Ser contra a família – existe detonador maior que a infidelidade?
            Ser fofoqueiro – não sei se você o faz, mas é muito comum relatos de maridos traidores que falam mal de suas esposas para as amantes – seja por desabafo, seja para justificar a traição
            Ser maldoso – você rompe os votos que fez a alguém, trai a confiança da pessoa, impede que essa pessoa esteja comprometida com outro que lhe seja igualmente exclusivo. Para mim, mais maldade, deveria ser crime hediondo
            Ser desagradável – pergunte a uma mulher traída se isso é agradável

          • Cássio Mendes

            “Eu até aceito meu genro trair minha filha”, cara, pra mim você já não tem credibilidade nenhuma!

          • E você tem muita credibilidade para criticar os pais da moça?
            Eles possuem pensamento defasado? São retrógrados?
            Você tem 21 anos, não tem faculdade, não tem dinheiro e ainda não respeita os mais velhos.
            Você não tem moral nenhuma para chegar nessa família e critica-los.
            Eu com 21 anos já estava no 3º ano da faculdade, pagava aluguel e sustentava minha esposa e meu filho. Você já pagou uma conta de luz na vida? Já fez compras de supermercado, farmácia, açougue e feira?
            Você já fez uma planilha no computador de orçamento familiar?

          • Cássio Mendes

            Cara, por que você não fica na sua? sério, nem sei o porquê de eu ainda estar te dando conversa. Sim, eu já fiz isso tudo que você disse, e isso não me torna melhor ou pior de que ninguém, agora, eu não vou entrar em uma fria porque um homem que trai disse que eu não tenho moral pra continuar na vida que estou. sim, respeito os mais velhos e por isso estou tentando uma forma melhor de lidar com essa situação, que por sua vez, não tem controle nenhum sobre a mesma. Você acha que esse seu “mundinho” de que tudo vai se resolver depois do casamento, tá certo, mas não está. E isso não vai mudar meu ideal acerca disso. Um cara que trai a esposa não tem credibilidade nenhuma pra me falar isso.

        • mariana cobra

          Mas veja só vc tentando ser modelo de algo para alguém.
          Não né Erozito, vc tá longe de ser modelo de casamento bem sucedido e nem sabemos se vc é rico mesmo!

          • Marizita rsrs, eu não sou rico, rico é quem ganha, 40, 50 mil por mês. Médicos são ricos. Aqui na minha cidade eu sou quem irá reformar o hospital, deu para entender rsrsrs ?

          • mariana cobra

            Se vc falou, ta falado!

      • O Eros é o único caso de unanimidade dentre os comentaristas.
        Ninguém leva ele a sério. Um caso muito curioso.

    • Cássio Mendes

      Concordo contigo, mas não tem alguém mais preocupado do que eu em querer o melhor pra ela. Pra você ter ideia, ela parou de estudar, e os pais? não disseram nada, não obrigaram ela a estudar, o que é viável. E eu sempre pegando no pé dela. Quando ela vai lá em casa, a gente poderia ficar só na besteira, mas o cara aqui pega e vai estudar junto com ela, vai tentar ensinar algo, vai querer que ela progrida. Você não iria querer um cara assim? Ela pode só me atrasar, mas eu to querendo mostrar o lado bom da vida dela, quero compromisso, se eu não quisesse, não estaria aqui “passando vergonha” por não saber mais o que fazer. Cara, eu só quero uma luz no fim do túnel. E como a mãe dela mesmo disse, eu sou como um filho pra ela e toda sogra iria querer um cara como eu. Por que não aceitar a ideia de que sim, eu quero me casar e ser feliz com ela. Mas primeiro meu jovem, preciso ter estabilidade, financeira e mental. Por isso estou aqui!

      • “E como a mãe dela mesmo disse, eu sou como um filho pra ela e toda sogra iria querer um cara como eu.”

        se a sogrona gosta d vc, mas um motivo para conversar com ela, conforme disse no texto

        • Cássio Mendes

          Então, é o que ela fala. Eu acho que levar no “banho maria” seja a melhor forma. Acontece que eu terminei os estudos e ainda não iniciei a faculdade por não ter condições financeiras. Consegui bolsas de estudos em escolas técnicas e o fiz! Agora, foco na minha faculdade. Quero mostrar isso pra ela. E quero que a filha dela volte a estudar e tenha o mesmo foco que eu!

      • Se você se casar com ela terá o dobro de vontade para buscar a estabilidade financeira. Quando você está casado e pensa em levar a sua esposinha para jantar num restaurante bom, você procura ser o melhor da faculdade, você procura trabalhar em dobro. Esse é um dos motivos que me fez ficar milionário.

        • Cássio Mendes

          Ah, ela pensa assim também. Diz que se baseia no Barack Obama, mas jovem, esse assunto vai muito além dos dogmas referidos aqui. Eu penso que não vai ser fácil se a família dela ver que nos casamos e estamos passando dificuldades. E outra, pode aparecer outros “claro que irão” que tenham mais condições do que eu e possam dar uma vida melhor pra ela… eu não quero sofrer mais não. Já fui trocado uma vez por uma ex namorada, e ela engravidou do cara, e não quero que as adversidades da vida me levem ao sofrimento por decisões mal tomadas

          • Exclua do seu vocabulário: Sofrer, trocado, dificuldades.
            Você precisa pensar grande e mostrar força. Se você é pobre, trabalhe em dobro. Se você é feio, seja duplamente bom de cama.
            Se a sua amada não ti querer, toque o terror na balada, pra cima das amigas.

        • Isso é verdade, MASS, nem todos nascem com a sua garra
          do contrário, todos os pobres teriam ficado ricos no Brasil kkk

  • Jps

    Sei la, ninguém se incomodou com o fato de que o cara tem 21 e a mina 17 (feito a pouco tempo), ou seja, ele tava namorando com alguém de 16 e quando tinha 20 uma menina de 15. Se eles se conhecem depois dos 18 anos da moça é uma situação, mas antes, cada ano faz muito diferença na cabeça do jovem (minha opinião pessoal).Quando é para namorar alguém tão nova tudo bem ter essa cultura “do interior”, mas quando é para assumir responsabilidade depois ta errado?

    Apesar disso, concordo com os comentários. Ele precisa conversar primeiro com a moça para ver o que ela quer de verdade. Se ela tiver a mesma opinião dos pais, acho que cada um deveria seguir seu caminho para evitar discussões futuras e infelicidade. Se ela tiver a mesma opinião que ele, ai sim falar com os pais dela e resolver as coisas, porque por mais poder que esses pais tenham, não podem “ativamente” controlar a vida dele e dela.

    • Cássio Mendes

      Perfeito!

    • mas eu falei sobre a idade kkkk
      a proposito, vc é moço ou moça? kk

      • Jps

        Eu não acredito em gêneros…..
        hahahah, brincadeira, sou moço
        É que eu uso esse perfil para comentar em mais de um site.

        E malz, não tinha reparado que você falou da idade, devo ter focado mais nos comentários quando fiz o meu. É que sei la, acho não legal a pessoa se envolver com outra quando mistura muita diferença de idade e um deles ser menor de idade. Depois dos 18 é outros quinhentos, mas antes acho que a pessoa ainda se formando (opinião, jeito, gostos) e não acho “justo” alguém mais velho querer “se aproveitar” disso.

        • e qual é sua idade?

          • Jps

            Apesar da imagem ser de um Anime, eu tenho 23 anos rs

            Moço, 23 anos, hétero, 1,80 m……. hahahah

            Pode me chamar de João, que por acaso é meu nome, rs

          • vc me segue no Twitter ou to confundindo? kkk

          • Jps

            Ta confundindo..
            Não tenho Twitter e nem sei usar, rsrs

          • disfarça kkk

  • Cássio Mendes

    Valeu galera, a pergunta foi minha, agradeço a todos os comentários que li aqui. E acho que estou fazendo a coisa certa. Muito obrigado a todos do site.

  • Stan Lewis

    Sobre essas familias muito religiosas e humildes há um fato curioso: pra eles o casamento é TUDO e ao mesmo tempo não é NADA! Digo isso pois eles só querem que os filhos casem o mais rápido possivel, então o casamento passa a valer mais do que a opinião dos próprios filhos sobre casamento. E por tentarem forçar esse casamento rápido, essa união acaba parecendo não ter valor algum, já que não ligam se os filhos estudaram, se formaram, conseguiram um bom emprego ou estabilidade financeira suficiente para iniciar uma vida de casado.

    • Cássio Mendes

      Isssoooooooo meu jovem, cara, tão legal saber que eu não estou seguindo um pensamento errado, é isso mesmo que se passa na mente deles. E que mente… queria entender…

      • na verdade vc entende a mente deles, só não concorda

  • V.

    Complicado, parece minha história, só que no caso eu sou a menina ou não, minha família é igual a da menina. Comecei a namorar cedo tbm, com 15 anos e ele tinha 22, foi difícil dms devido a minha imaturidade, e como disseram aq, CADA ANO CONTA DEMAIS NESSA FASE. E ele queria casar diferentemente de você, e minha família tbm ficava me pressionando, só qe eu era muito nova, vivia em constantes duvidas, apesar de que tbm sempre tive o sonho de casar CEDO por influencias. A minha sorte foi que eu ‘acordei’ cedo, ia casar por pressão de ambos os lados, e seria uma merda, pois além de não termos condições financeira, eu posso te garantir que UMA MENINA DE 17 ANOS, não tem MATURIDADE pra casar, minha mente é totalmente diferente e eu ainda acho que não estou pronta. Pra casar defendo muito que precisamos de estabilidade emocional e financeira, e são poucos que alcançam isso cedo, sem contar nas diferenças de pensamentos igual vcs tem, ele nao queria estudar assim como sua namorada, não queria progredir e eu ja estava prestes a entrar na faculdade, é mt difícil. Você está super certo de esperar, mas sua situação só irá resolver se ELA mudar de ideia, igual eu fiz, pq se não, ela não vai desistir. No mais, boa sorte =)

    • V.

      obs. no caso ele tinha estabilidade financeira, MAS EU NÃO kkk e eu definitivamente não nasci pra depender de marido, então enquanto eu não tiver minha estabilidade financeira eu não caso!

  • Iagdum

    Como os pais dela se casaram? Alguns defensores do casamento durante a juventude se baseiam no fato que, homens como você, que almejam sucesso, teriam uma super ultra motivação com alguém pra sustentar, que o seu instinto protetor masculino faria você superar isso. Não creio que “peitá-los” diretamente seja muito eficaz, já que para eles um “digno varão” peitaria um desafio maior que é o casamento; mas procurasse negociar, onde você teria que acabar cedendo algumas coisas.

    • Cássio Mendes

      Entendo amigo… porém é a falta de verba mesmo. não quero enrolar ninguém, saiba disso