Ele está apressadinho demais, será que só quer sexo comigo?

28

Leitora: Oi pessoal, tenho 17 anos e estou ficando com um boy de 20 anos que está mais rápido que The Flash. Nós só saímos duas vezes e ele sabia que eu era bv. Até aí tudo bem, nós nos beijamos e foi ótimo. Ele já queria sair no dia seguinte, então fomos, mas já no segundo encontro, ele começou a falar de sexo e insinuou coisas do tipo “senta no meu colo” etc. Ele disse que se isso (beijar) é novo pra mim ele n vê a hora de me ensinar outras coisas… Será que ele quer só sexo? Estou com medo de me apegar e ele me iludir, ME AJUDA.

tirou meu bv e está apressadinho

Lindona, vou generalizar e falar mais a respeito dos homens, porém, quero muito que as leitoras também falem o que acontece com elas.

Ainda que o que irei dizer pareça polêmico, em toda a minha experiência no site – e pessoal também – em geral e a princípio, os homens só querem sexo mesmo kkk. Ou seja, não vai pensando que com dois encontros o cara já está super apaixonado querendo se casar, porque provavelmente não está. Sem contar que, como você é virgem e não sabemos o nível de babaquice dele, também não sabemos se ele faz o tipo “leva virgindade como troféu” e demais pensamentos não muito admiráveis. Então, fique de olho.

Mesmo com 30 anos de idade e supondo que ainda fosse solteira, eu seguiria o mesmo protocolo que seguia na adolescência (depois da fase que parei de ser trouxa, claro, rs.). E claro, compartilharei contigo para ver se ajudo em algo =)

1- Você não pode prever o futuro das pessoas. Ou seja, por mais que ele queira só sexo, depois ele pode se apaixonar – OU NÃO! E é justamente aí que entra o clichê dos clichês, mas que deveria ser um mantra para todos nós: não faça nada que você não queira. Se você não pode controlar o futuro, que ao menos seja fiel às suas vontades.

2- Isso significa que, se ele tem as regras dele, você também terá as suas. Se você for muito exigente como eu era, pode ser que ele se afaste ao pensar que está gastando muito tempo. Nesse caso, siga com suas convicções e nada de soltar a periquita só porque o bofe tá te pressionando – mesmo que indiretamente e apenas em atitudes, ok? Se no fim ele sumir, pense que ao menos menos você não se iludiu e não fez nada apenas por ele.

3- Por sua vez, se você tiver muito afim, mas muito afim de sexo mesmo, faça. Tá tudo bem, não precisa se fazer de difícil quando se quer tanto. Porém, não pense que isso segurará o cara, ou fará ele ficar apaixonado. Pense que da mesma forma que um cara não nos conquista só porque nos levou pra cama, ele também não ficará apaixonado só porque rolou sexo, né?

4- Leia também as dicas que dei nesse post sobre homens só saberem conversar sobre sexo. E aí, se o assunto começar a te chatear demais porque ele não sabe falar sobre outra coisa, aplique-as. E claro, se a pressão permanecer, quem irá dar um Adeus pra ele será você kkkkkkkkk.

Trate também sua carência e autoestima, porque isso te ajudará – e muito – a ter consciência de que sim, apesar de viver ser sempre perigoso, quando você souber o seu valor, não chorará tanto CASO um cara vá embora e as coisas não saiam como o esperado.

Beijos da Lu

Assista: Ele só quer te comer, rs.

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Virgindade é um problema quando vira troféu para ambos os lados. O lado que acha que conquistou algo de suma importância e o outro que acha que está entregando um tesouro que merece em troca oitenta anos de fidelidade. Ilusões…

    Não seria mais simples decidir antes o que realmente se quer fazer?
    Garantias? Só tem uma. Um dia você morre, só não me pergunte quando.

    • Wana

      “Garantias? Só tem uma. Um dia você morre, só não me pergunte quando.”
      A única verdade da vida.

  • Denilson

    Primeira coisa que vc precisa saber leitora, pra maioria de nós homens, não há essa idealização sobre como ou com quem perderemos a virgindade (desde que seja com o sexo ao qual somos atraídos), mas sabendo que vc é virgem, ele poderia ir conversando com vc, te deixando mais confortável e confiante, pra que o sexo seja bom para ambos, mas mesmo assim, não podemos afirmar qual a intenção dele.

    Eu não sou de idealizar essa coisa de virgindade não, acho que sendo bom e com alguém que vc não se arrependa, já vale, mas eu sou homem, com muitas mulheres funciona de forma diferente.

    Eu sou à favor tbm da mulher se conhecer, saber quais partes do corpo lhe trazem mais prazer, tocar o próprio corpo, quem sabe até dar algumas dicas para o cara que estiver com ela ?

    Para além da sua preocupação com a primeira vez, e tudo o que pode vir com ela, sua carência pode ser algo que lhe traga um grande problema nos relacionamentos. Eu tinha uma mente quando era adolescente, e mesmo tendo muita vontade de namorar, me envolver com alguém, preferi esperar, amadurecer e mudar algumas coisas dentro de mim que precisavam ser mudadas, não estou imune ao sofrimento, mas muito melhor do que eu era aos 16 anos.

    Sexo, filho e nem amor são garantias de nada nessa vida, saiba que o cara que gostar de vc de verdade, vai gostar se vc transar no 1º ou no 20º encontro, e em ambos os casos, não há problema algum, desde que vc só faça o que tem vontade.

    ***Faça sexo de forma segura, gozar é bom, mas deitar a cabeça no travesseiro, sem se preocupar com nada, é muito melhor, boa sorte;

  • Hadassa

    Bom dia! Olá leitora que bom vc mandou a sua pergunta para o site da Lú guria para começar tenha certeza cara que Deus ama muito você e anjo que acompanha a ti e fortíssimo que apressou que a sua dúvida/problema aqui no site chega-se na frente. Guria acorda não seja ingênua e bobinha pelo amor de Deus praticamente está escrito nas atitudes e atos desse rapaz contigo que ele só quer levar você para cama e USAR pelo comportamento do mesmo se nota no meu vê tá claro que ele é um cafajeste/mulherengo deve ser o costume ou melhor “esporte” dele favorito seduzir para desgraçar(palavra forte mais é a pura realidade/verdade) com uma moça virgem e marcá-la para sempre negativamente não se engane com os conselhos do mundo e muito menos não se iluda com o movimento feminista e conselho de “coleguinhas/amiguinhas” não virgens que são sexualmente ativas que deve ficar te cutucando concerteza e enchendo a sua cabeça com papos bem assim:
    Nossa para se boba, para de ser trouxa e vai viver a sua vida pra que guardar a sua virgindade e abraçar a castidade isso bobagem só fazer sexo para depois do casamento com aquele que será o seu único marido aí que sem graça e blá,blá,blá, pura conversa fiada vou repetir não se engane elas estão doidas que vc cai na ilusão e seje enganada e que se lasque como elas foram um dia por um cafajeste. Amiga a gente conhece a intenção de um rapaz/homem pela conversa/papo dele mostra quem ele? Que tá querendo contigo?
    Pode ter absoluta certeza como 2 mais 2 é 4 esse moço aí não te ama e tão pouco gosta de você ele tá de má intenção contigo cara acorda esse rapaz só quer sexo com vc ele te vê como objeto não vê vc como uma pessoa que merece consideração ser amada e respeitada. Amar não usar a outra pessoa por egoísmo e benefício próprio ao seu bel prazer amor verdadeiro requer renuncia/sacrifício amar e muito mais que palavras de eu te amo, vc linda, vc especial aquela conversa mole se você me ama prova seu amor NÃO. Se a pessoa seja homem ou uma mulher precisa levar você para cama para te amar esta pessoa não te ama sentimento dela/dele é falso repito não se engane.
    Uma moça não precisa provar nada a um rapaz quem tem que provar e mostrar que ama é ELE porque um homem de verdade traduzindo que tem boas intenções com uma moça que tá gostando dela de verdade ele jamais vai querer levá-la para cama e sim para altar da igreja e para cartório casar no civil. “Nunca esqueça disso amar é muito mais que palavras tem que vê as atitudes e atos nobres da outra pessoa” by hadassa
    Eu digo pra vc amiga vale a pena esperar e guardar a sua virgindade e abraçar a castidade(DECISÃO) e namorar um rapaz que tem mesmo pensamento que o seu melhor ainda é um presente do céu que vc ganha só pode agradecer e vê desde começo na conversa e nas atitudes/atos desse rapaz/homem que ele te ama mesmo jamais quer te usar, violar, magoar, ferir a intenção dele conhecer a sua alma e que olha para ti como uma “pessoa” não como um objeto/troféu só porque você é bonita, charmosa, graciosa, gostosa não existe um ser humano vc não é só um corpo que ali tem seus segredos, mistérios, dores, sonhos, alegrias, objetivos, projetos e poder trocar e compartilhar a sua alma com a outra pessoa repito não tem tesouro nessa terra que pague isso garota esse meu testemunho pessoal.
    Tipo na boa guria um cara desse não merece nem sua amizade fará ser um candidato a namorado seu é muita cara de pau, sem vergonhice e muita cafajestagem para mais de metro tá tão na cara e exposto aff tipo na boa analisa e reflita, leia e releia novamente o seu depoimento como você descreveu as atitudes/comportamento desse rapaz:

    “mas já no segundo encontro, ele começou a falar de sexo e insinuou coisas do tipo “senta no meu colo” etc. Ele disse que se isso (beijar) é novo pra mim ele n vê a hora de me ensinar outras coisas… Será que ele quer só sexo? Estou com medo de me apegar e ele me iludir, ME AJUDA.” by leitora. Garota você é inteligente o seu anjo da guarda e sua intuição que todos nós temos está te alertando ou melhor gritando:
    “CAI FORA” perigo à vista este rapaz não presta não vale nada só está de má intenção contigo não seje boba menina tá escrito na testa dele com letras florescentes só quero de você é sexo nada mais que isso quando quiser o meu objetivo vai que cola né? Eu enganar essa virgem bobinha, tontinha, trouxinha e depois conseguir by pra ela mais uma virgem que eu desgracei e marquei para sempre. bjs Boa sorte!!!!!

  • mariana cobra

    Conheça a ti mesmo.
    Este mantra deveria ser entoado e buscado por cada ser humano, pois assim, evitaríamos diversos desgastes físicos e emocionais.
    Primeira e única pergunta que vc deve fazer a si é O QUE EU QUERO?
    Simples, se vc tbm quiser transar, o faça, mas não espere aliança, festa e casório.
    E não deixe a vida ou qualquer pessoa “te levar” pq as vezes os destinos são indesejáveis, porém, previsíveis…basta abrir os olhos para ver as águas turvas da indecisão e da vontade de agradar terceiros.

  • Jps

    Uma coisa é certa, ele está muito apressado realmente. Não que esteja errado transar no primeiro, ou segundo encontro, mas no seu caso especificamente, você começou agora a se relacionar com as pessoas de forma amorosa/sexual, então não é preciso ter pressa.

    Acho que independente de você estar afim ou não de transar com ele, o ideal seria esperar mais um pouco. Pelo menos um mês, para você ir entendendo mais o seu corpo e essas novas sensações. Se ele desistir por causa disso, quer dizer que nem para ser uma transa casual ele servia.

    Mesmo ele tendo 20 anos, e ser um pouco mais velho que você, não quer dizer que seja mais maduro, então acho ideal você tentar avaliar ele de forma mais racional. Por exemplo, ele é carinhoso?

    Ele parece ser alguém que vai se importar com o seu prazer e não só o dele?

    Já teve vários casos, inclusive postados nesse site, de meninas mais novas ficando com um cara que diz “ensinar as coisas” e se lascaram. Por isso é bom prestar atenção nas atitudes que ele tem com você.

    Pelo seu breve texto, uma coisa da para notar, o desespero dele. Ele querer sair contigo no dia seguinte do primeiro encontro, mostra que ele não é tão experiente como ele se faz passar e da uma tendência muito forte que ele só quer “finalizar o serviço” e partir para a outra.

    Se eu fosse você, tentaria conhecer ele melhor, sairia mais algumas vezes sem promessa nenhuma de sexo e veria como estava me sentindo a respeito. Só temos uma primeira vez, então para não se arrepender, não custa nada fazer as coisas mais devagar.

    Obs: como já foi falado pela Luiza e nos comentários, não adianta pensar que depois que ele transar com você, ele sera seu eternamente, então pensar nisso só te trara dor de cabeça. O ideal é nunca fazer as coisas forçadamente, porque assim no final das contas você se arrependera menos se algo der errado.

  • Franciele

    Sabe leitora, a pergunta do teu título deveria ser “Ele é apressado demais ou eu que sou provinciana em excesso?”, isto posto, vou reescrever teu relato, mas sem panos quentes:

    Tenho 17 anos, estava me sentindo velha demais por nunca ter sequer beijado, enquanto todas as meninas que conheço já fizeram inclusive sexo, embora eu saiba que algumas podem estar mentindo só para aparecer; tive a sorte de conhecer um homem de 20 anos, e perguntei se ele poderia resolver esse meu problema, o que ele aceitou na mesma hora.
    Meu primeiro beijo foi ótimo, bem, eu acho né, mas estou incomodada pelo fato dele já querer sexo, sendo que eu ainda nem me sinto avontade para beijar direito; acontece que eu sempre aprendi que homem é assim mesmo e, como revelei minha situação sem rodeios, acho chato ficar me fazendo de difícil agora que ele já sabe.
    Se dependesse só de mim, esperaria eu me sentir avontade com meu corpo e com ele, afinal, foi a primeira vez que tive uma experiência de desejo com um rapaz, mas tenho medo que ele me deixe e ainda saia dizendo por aí que eu sou fresca, o que dificultaria encontrar o próximo parceiro”.

    Pois bem, aos 19 eu também era bv; conheci um rapaz numa viagem para um congresso na faculdade; mau sabíamos o nome um do outro e ele já queria andar abraçado; eu, que não estava avontade, o coloquei na posição do cavalheiro e iniciei uma conversa. Resultado, ele sumiu durante o dia todo, só voltando a aparecer quando eu voltava para o ônibus, para ficar olhando minha bunda sem muito talento para disfarçar.
    Fui largamente criticada por aquela primeira atitude, inclusive no seio da família, mas ao perceber o asco que me gera pensar que ele não demonstrou o menor interesse em me conhecer, hoje, aos 27 anos, eu não me arrependo de ter optado por ficar confortável comigo mesma, e espero que tu passe a fazer o mesmo, sempre.

    • mariana cobra

      Até imagino os tipos de crítica…”vc tem que curtir a vida”, “vc vai se arrepender”, “deixa de ser velha”, “vc é muito certinha” e por aí vai.
      Mas ninguém coloca na balança o que vc realmente quer o e quanto vc respeita a si mesma!
      Pra mim quem diz “não me arrependo do que fiz, mas do que deixei de fazer” são tipicamente arrependidos pelas merdas, mas turrões demais para admitir as próprias cagadas que poderiam ser evitadas com um simples exercício do bom senso.

      • Franciele

        Faltaram as clássicas “ninguém vai se interessar por ti desse jeito” e, “ele poderia ser um cara legal que tu deixou de conhecer”.
        Lembro que pautei meu comportamento no meu conforto, como já escrevi, mas também levei em conta as várias histórias de gurias que conheceram rapazes ótimos em circunstâncias parecidas e, quando regressaram para casa, descobriram que eles tinham namorada.
        As pessoas assistem filmes românticos em demasia, ficam esperando aquele esbarrão fortúito, deixam de avaliar racionalmente as situações, quebram a cara e ainda dizem que quem não age assim é o errado da história.
        Quanto ao que tu escreveste sobre arrependimento, até entendo que seja complicado para o égo orgulhoso admitir que errou por imprudência, mas nunca vou entender querer que as pessoas portem-se da mesma forma, em favor de uma suposta “experiência de vida”.

        • Jps

          O problema é que as pessoas começam a se relacionar com alguém (independente de como começou) e mesmo que acontecem alguns problemas, elas se esforçam para manter porque o “amor” tem sacrificio mesmo.

          O que elas esquecem é que primeiro o “sacrificio” precisa ser mutuo, e segundo que tem coisas que não podem ser perdoadas. Por exemplo, quando rola traição no começo da relação onde deveria ser a parte “facil”, ou crises de ciume muito forte e agressão (fisica ou verbal).

          • Franciele

            Sim, essa é a outra parte da idealização, que comporta transferência de responsabilidade, ou seja, o amor será suficiente para fazer dar certo, enquanto as pessoas simplismente se acomodam com o que vier.

        • Stanley Lewis

          “ele poderia ser um cara legal que tu deixou de conhecer” , se o “cara legal” tava interessado só na bunda , imagina um cara que não é legal então kkkkk

          • Franciele

            Taxá-lo de “cara legal” reflete a mentalidade servil da pessoa que me disse isso; afinal, eu deveria ter me sentido “honrada” em ter despertado interesse, naturalmente retribuindo o favor. Como reagi com despeito, a culpa foi minha por ele ter sumido.
            é essa mentalidade que sempre deu aso a todas as formas de abuso.

      • Jps

        Pensando na maioria dos casos, hoje em dia, acho que você está certa, porque existe sim uma cultura de “aproveitar tudo agora” e esquecem que existem consequências.

        Mas pensando na exceção, existe muitas pessoas timidas, ou com cabeça fechada por causa de criação, religião e etc, que deixa de aproveitar muitas coisas da vida, por causa de outros também. Por exemplo, não fazer uma viagem legal com os amigos, ou ficar em casa todos os dias ao invés de sair para um barzinho, fazer amizades e etc.

        Onde eu quero chegar é que deve existir um balanceamento, porque as vezes a melhor coisa para a gente é algo que não esperamos.

        E outra coisa, acho que esse ditado do “não me arrependo do que eu fiz….” é o contrário. São pessoas que decidiram não se arriscar em fazer algo novo e agora que passou a oportunidade, se arrependem. Mas essa é minha opinião.

        • mariana cobra

          Por isso que ressaltei sobre o “uso do bom senso”. Usando-o vc encaixaria todos, sem minorias (tímidos ou religiosos).
          Quanto a passar oportunidades e se arrepender pelo não vivido, depende muito né, vai da cabeça de cada um e do conceito individual do que vem a ser “curtir a vida”.
          Um exemplo disso é que muitas pessoas preferem gastar em bar e outras em livros.
          Uns em mulheres e outros em viagens….não podemos generalizar oq é bom ou definir oq é curtição pq isso vai do gosto de cada pessoa, oq acho problemático é sofrer pelo oq os outros pensam e se deixar levar ad eterno, tornar-se espectador da própria vida pq as decisões sempre serão baseadas no gosto do coletivo e não na sua particularidade.
          A moça do relato parece ser assim, não quer, mas vai deixar-se levar pelas circunstâncias pra depois arrepender-se…e qtos não vivem assim?

          • Jps

            Sim sim, por isso usei como exemplo viagens e sair apenas, não especifiquei só pegar geral e coisas mais sexuais. Cada um tem seus gostos próprios, mas é bom as vezes ir pela coletividade. Que nem eu disse, se a gente só faz o que gosta, nunca vai conhecer coisas novas que talvez a gente acabe gostando também.

            E uma pessoa que gosta de livros, pode uma vez ir no bar da mesma forma que uma pessoa que só gasta em bar, pode as vezes deixar de ir para ler um livro. Acho que o ideal é tentarmos ser mais “completos” se você entende o que quero dizer.

            Mas concordo plenamente nisso que você disse, sobre deixar os outros viverem nossa vida. Isso realmente não pode acontecer. A gente pode até ir um pouco na vibe das pessoas, mas sempre no final decidir se quer ou não fazer algo. Porque no final da vida não tem como reclamar e dizer, a mas eu nunca fiz tal coisa, ou só me tornei “tal profissão” porque meus pais queriam.

    • Gaia

      Comigo aconteceu parecido, pois tb fui bv até os 17. Conheci um rapaz num evento de animes e acabamos saindo juntos, mas só beijamos depois de começarmos a namorar, quase dois meses depois. Muita gente ri de mim quando sabe disse, mas a verdade é que mesmo tendo vontade, na época eu era muito imatura sexualmente e não me sentia a vontade. Ele gostava de mim e respeitou isso.
      Ficar com alguém por pressão de outro (seja do cara, da família ou dos amigos) é um desrespeito à si mesma

      • Franciele

        De fato as circunstâncias do encontro foram parecidas, mas no teu caso a atração serviu de impulso para o cara querer te conhecer, enquanto no meu caso ela era um fim em si mesma, fazendo concluir que, se não fosse eu, seria qualquer uma que ele achasse gostosa.
        Com relação ao respeito da parte do cara, era e ainda sou bem radical; se eu tiver que dizer que ainda não me sinto avontade para beijar, ou mesmo transar, caio fora na hora, porque afinal, impulsos sexuais todos nós temos, o que fazemos com eles é que determina nossa real motivação para nos aproximar de alguém, e nesse caso imediatismo não combina com seriedade nem com perspectiva de fidelidade.

        • Gaia

          Sim, neste meu primeiro caso a atração serviu de impulso para um relacionamento, mas tb já conheci caras que deixavam bem claro que se não fosse eu, seria qualquer outra. E muitas amigas tb já passaram por isso. E mesmo que eu não tenho nada contra ficar só por ficar, acho que quando isso acontece ambos têm que estar de acordo e deixarem bem claro que não passará disso.
          Nunca tinha pensado assim sobre impulsos e respeito… interessante!

  • Gaia

    Vc sempre correrá o risco de se apegar/apaixonar por alguém e quebrar a cara depois.
    E isso pode acontecer saindo com um cara que só quer sexo ou com um apaixonado por vc (afinal, amores podem acabar). Então siga sempre a primeira regra da Lu e nunca faça nada que vc não queira, seja pela expectativa de conquistar ou pelo medo de sofrer. O futuro é imprevisível e não dá para saber o que vai acontecer, então cuide para que vc não se arrependa, seja por ter transado com alguém que não ame ou por esperar. O mais importante é que quando vc transar ou se envolver emocionalmente com alguém esteja certa que se aquilo não der em nada no futuro o importante é que valeu a pena.
    E se ele falar tanto em sexo te incomoda, diga isso a ele e deixe bem claro que não é que vc não pensa nisso, mas que vc não vai fazer até que vc queira e se sinta a vontade e que isso pode demorar ou nunca acontecer com ele.e

  • Mika

    Meu caro, você conseguiu sintetizar meu pensamento em duas frases:

    “Se ela já tá com o pressentimento que vai se ferrar no final, o melhor
    que ela pode fazer é cair fora disso. Pois depois que se apegar já era.”

    Com o tanto de pilantra que há hoje em dia, seria muita sorte ela cruzar com um “bonzinho” logo de cara. Como bem lembrou a Hadassa, o anjo da guarda está gritando no ouvido dela. Não é nem uma “questão de escolha em dar ou não pro sujeito”, porque a coisa já não começou bem (e só tende a piorar). Os sinais estão evidentes, mas ela ainda não consegue entendê-los porque é inexperiente na questão. Esse caso tem todos os ingredientes pra terminar em merda. Sinceramente, estou com dó da garota!

    Os homens deveriam ser mais respeitosos com mocinhas assim… :-/

    • Rodrigo Silva

      Pois é. O problema é que o ser humano é muito egoísta. Sempre pensando no prazer de si próprio.

    • Franciele

      “Os homens deveriam ser mais respeitosos com mocinhas assim… :-/”
      Acho difícil isso acontecer, existem caras que só se “relacionam” se perceberem que a guria ainda acha que precisa agradar, e olha que nem precisa ser virgem para sofrer desse mal.

  • Monalisa

    A claro que ele quer “te comer” e cair fora. Um homem que quer ter um relacionamento serio com uma mulher geralmente respeita o tempo dela, e a ve como uma joia a ser cuidada. Se ele quisesse coisa séria não ficaria com esse papo. Eu perdi a virgindade com meu namorado mesmo, ainda estamos juntos. E ele não ficou com essas sacanagens para meu lado, nem tocava no assunto. E ele esperou bastante tempo.. rsrs.
    Você não precisa ter medo de ter relações mais tarde, não se apresse. Mas também não pense que ser virgem é um prêmio, é só uma simples membrana que é rompida. O negócio é, como ela vai ser rompida? você quer que seja com amor? ou em uma ficada qualquer? você deve se sentir preparada, nada de ir na conversa e pressão dos outros. Deve saber das consequencias do que vai fazer e ter bem claro na sua cabeça que nem sempre o cara da primeira vez vai ser seu unico homem, mas que pelo menos esse momento não seja traumatico, e que seja feito no minimo com alguém que te respeita.

    • Franciele

      Eu penso inclusive o seguinte, se ela tiver que dizer a ele que não se sente avontade, ou pedir que ele a respeite, já é motivo suficiente para terminar; a leitora só não fez isso porque está com medo de parecer certinha demais.

  • Faah Dias

    Bom, não vou discordar que ele realmente esteja apressado, sim ele está. Mas você está com a faca e o queijo na mão, então só você pode decidir se quer ir até o ‘fim’ ou não.
    Como já foi dito, não faça nada que você não queira (ou não esteja pronta pra fazer) e o mais importante, não faça nada que não queira pra não te acharem certinha demais ou pra agradá-lo. Não tenha medo de terminar com ele por conta disso, afinal cada mulher tem seu próprio tempo e se o cara não te respeita, é certo que ele também não te mereça.
    Não estou dizendo pra passar o resto da vida esperando o príncipe encantado, o cara perfeito ou fazer apenas depois do casamento… Você é nova ainda, com certeza vão passar outros caras (legais, que te respeite) pela sua vida, pode ser que um deles venha a ser seu namorado etc.
    A primeira vez, feita com quem você confia, com quem você goste, com alguém que você não se arrependa pode marcar, então não tenha pressa. Enquanto isso, se conheça, conheça seu corpo, do que você pode gostar, pesquise sobre métodos contraceptivos, procure um ginecologista e tire suas dúvidas, são coisas tão importantes quanto o sexo.

  • Stanley Lewis

    Leitora, no seu caso ele só quer sexo mesmo.

  • Paulo

    As pessoas desde jovens deveriam ser ensinadas a se precaver de problemas. Ainda que não se possa saber o futuro, é inteligente se preservar. Conhecer um homem/mulher, investir em amizade, em muita conversa, em passatempos saudáveis como ver um filme no cinema. E só depois de uns 10 meses, pensar em sexo.
    Não tem motivo pra precipitação. Vc pode estar morrendo de vontade, mas fazer com quem vc não sabe exatamente quem é, nem se o namoro é firme, pode te causar mais adiante uma frustração muito maior. Isso do ponto de vista de quem faz com intenções amorosas, claro. Porque isso é algo íntimo, ficar nu/nua, se entregar a uma pessoa causará um impacto emocional em vc.

    Se vc se respeitar, sendo uma pessoa mais difícil, vc tem muito a ganhar. Caso seu parceiro te pressione muito ou te abandone, é porque não havia amor.

    Amor não condiz com obrigação. Tudo tem que acontecer de forma natural.