Agora que consegui sair de um relacionamento abusivo, ele fica querendo voltar!

29

Leitora: Bom dia. Sempre leio a sua página e adoro!! Estou em uma situação complicada, fui casada durante 7 anos com um cara, meu relacionamento sempre foi abusivo. Ele sempre me humilhou.. Me xingava de monte de merda, me prendia em uma relação onde eu não podia sair pra lugar nenhum. Sempre me chamando de puta, de biscate, entre outras coisas.

Faz 3 semanas que estamos separados e ele não para de querer voltar comigo. Amanhã é aniversário dele de 27 anos, a mesma idade minha. E ele não quer passar longe de mim.. Estou ficando maluca e não sei o que fazer mais.

Amiga, o ponto mais difícil você já fez: se livrou desse traste!!! Imagino o quanto foi difícil terminar um relacionamento de 7 anos que, mesmo sendo abusivo, você devia vivê-lo ”por acreditar que não era tão ruim assim”, por estar acomodada/acostumada demais ou qualquer outro motivo que, claro, sempre será cômodo para quem está de fora julgar. Porém, agora que você já conseguiu fazer a parte mais difícil, NÃO VOLTE NUNCA MAIS, porque esse cara não irá mudar. No máximoooo ficará um doce mimoso, até você aceitá-lo de volta e claro, ele perceber que você ficou novamente dependente pra ele poder voltar a cagar gostoso na sua cara.

Pra te chamar de puta sem motivo, imagino que o biscateiro deveria ser ele. Devia comer mulheres a rodo, te trair ou qualquer outra coisa não muito honrável. Afinal de contas, você não acharia estranho um príncipe fiel, super educado monitorar tanto e ser tão desconfiado quanto ele era? Se a gente presta, tendemos a acreditar ao menos um pouquinho mais nas pessoas, né?

Enfim, tirando a possibilidade dele ter passado por um grande trauma, sempre desconfio que quem acha que  ninguém presta é porque boa coisa não deve ser. E outra, mesmo SE fosse um trauma, você não merece passar por aquele monte de humilhação só porque ele não se tratou.

Lembre-se sempre que a situação ficou insustentável e não volte atrás. Deixe ele passar o aniversario sozinho, mas bem sozinho mesmo, que é pra aprender a parar de ser otário (com todo o respeito, mas é isso que ele foi). Deixe que ele entenda a importância de uma boa mulher na vida dele, ainda que claro, essa mulher não será mais você, mas sim outra que, se Deus quiser, você terá feito a caridade ao tê-lo deixado ”um pouco menos pior” e menos indecente pra ela. Por que, né? Ele precisa saber que haverá punição.

Presente e coisas boas são coisas que apenas quem merece recebe. Se ele não mereceu, tá de castigo eterno kkkk.

Por fim, vá a uma igreja, parque ou qualquer coisa que você acredite ao invés de ficar falando que tá ficando maluca. SIMPLESMENTE AGRADEÇA por ter tido a força que muitas mulheres não tiveram, mas que felizmente, você teve.

Assista a esse vídeo sobre relacionamentos abusivos e a essa série sobre esse mesmo tema. Ah, outros vídeos bacanas são o como esquecer o ex e o vídeo de mesmo tema com a Mandy.

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Rodrigo Silva

    Se liga! Presta a atenção, mulher! Brincado com o perigo.

    • Hadassa

      Foi sucinto mais falou a real situação dela.

      • Rodrigo Silva

        Ela só pode gostar de emoções fortes. Ela estaria mais segura escalando o monte Everest.

  • Mika

    Leitora, três semanas é muito pouco tempo e as chances de recaída são muito grandes. Redobre a vigilância em datas comemorativas. Pratique o exercício de “neutralização”. Todas as vezes em que se lembrar de algo bom que ele tenha feito, desvie para algo de muito ruim. Lembre-se de todas as agressões, todos os momentos de humilhação e vergonha que ele lhe fez passar. No início vai ser difícil e trará sofrimento, mas passa. A força pra superar essa fase está dentro de você.
    Se achar que vai ceder, reaja de imediato. Corte a comunicação na hora (fone ou whats). Não vacile em pedir ajuda a alguém de sua confiança ou mesmo um psicólogo.
    Felicidades!

  • Gaia

    Moça, fique o mais longe possível dele! De preferência, nem ligue no aniversário. E não volte de jeito nenhum pq eles nunca mudam! E tb não te ama pq quem ama não trata o outro assim!
    Ele dizer que mudou, que não fará mais isso ou que não vive longe de vc é apenas mais um ciclo dos relacionamentos abusivos, aí vc volta e em pouco tempo ele estará te maltratando e xingando. E sabe pq homens abusivos te chamam de puta? Para vc achar que ele é um santo em te querer, para acreditar que ninguém além dele vai ficar com vc. E o excesso de ciúmes? É pq ele te ve como uma posse, um objeto que pertence só a ele. E vai que vc fala com outras pessoas e elas conseguem te fazer ver o quanto o cara não presta e vc deixa ele! E depois de fazer tudo isso, ainda dizem que a culpa é sua por ele agir assim!
    Acredite moça, vc sabe o quanto foi difícil sair dessa, não dê oportunidade de cair novamente nesse ciclo. Vc está muito melhor sem ele!

  • Marcel

    Que dó… aposto que esses características dele foram justamente o que te atraiu nele, agora a narrativa da atualidade é mulheres se descobrirem que estão em relacionamentos abusivos, justamente elas que adoram cafajestes.

    • Franciele

      Francamente, eu não te entendo, tu escreve recorrentemente por aqui que se beneficia a mancheias da liberdade sexual feminina, mas sempre que aparece alguma situação concreta, teu comentário é uma variante dessa mesma frase.
      Ademais, nunca ouvi falar de cafajeste que agisse como o marido da leitora, porque, além de perder a mulher que tem, ainda ficariam mal vistos pelas outras e, como dependem da imagem de cara minimamente agradável para conseguir sexo, seria um péssimo marketing.

      • Marcel

        Tá me confundindo com outro, nunca escrevi que esse comportamento me beneficia, a bem da verdade, não me prejudica também, só é ruim de assistir. Um cafajeste age exatamente como marido da leitora, e a bem da verdade muitas mulheres adoram a grosseria, e não significa que fora de casa ao primeiro encontro ele é assim, claro que não, e convenhamos, 7 anos pra se separar? Só é compreensível se ele estivesse mantendo ela presa, acorrentada.

        • Franciele

          Quanto ao comentário que fiz a teu respeito, embora não o tenhas feito textualmente dessa forma, é o que ressalta de tudo o que já li da tua parte; sobre o agir dos cafajestes, conheci alguns, já os vi suscitarem competição, ao dizerem a uma moça que outra era louca, estérica ou desrespeitosa, já encontrei quem se vitimizasse ao “contar” sobre relacionamentos anteriores, para parecer confiável, mas nunca vi cafajeste se empenhar em minar a autoestima de ninguém, até porque isso exige certa dedicação e o que esse tipo de cara menos quer é ter trabalho.
          Com relação ao caso da leitora, de fato existem duas correntes “virtuais”, muito mais poderosas que as reais; uma delas ressalta da idade do casamento, que ou se deu por motivos religiosos, como forma de provar valor pessoal, ou foi feito para facilitar a saída da casa dos pais, e em qualquer desses contextos admitir que errou implica enfrentar o próprio orgúlho; a outra corrente vem justamente do fato dele tê-la feito acreditar que ninguém mais a quereria e que estava fazendo um favor ao se casar com ela, fator que associado ao fato das mulheres serem ensinadas que tudo pode ser ajustado depois do casamento, fez esse abuso durar tanto.

          • Marcel

            “para parecer confiável, mas nunca vi cafajeste se empenhar em minar a autoestima de ninguém, até porque isso exige certa dedicação e o que esse tipo de cara menos quer é ter trabalho.”

            Procure sobre NEG, é uma forma branda de fazer isso, lógico que não chega ao extremo desse cara relatado aí, mas a mulher tem um lado obscuro de gostar do mal.

            Quanta aos motivos que a fizeram casar com o cara, pode ser algumas dessas opções mesmo, o que não justifica ter ficado 7 anos casada…

      • Marcelo

        É aí que você se engana. Se as coisas fossem como você diz, o maníaco do parque não receberia dezenas de cartas de mulheres apaixonadas por ele. Ou, para falar de um caso muito mais suave, uma das minhas irmãs não teria se envolvido com o pai dos filhos dela.

        O fato é que eles são sim alvo de disputa por parte de mulheres (via de regra egocêntricas) que pensam que podem domá-los.

        Mas não temos informações que nos permitam afirmar que o marido da perguntadora se trata de um cafajeste.

      • Marcelo

        Eis a minha definição do que é um cafajeste:

        ” Ao contrário do que reza a lenda, o seu vício não é em mulher, ele é um
        obcecado por adrenalina e, como bem sabemos, as mulheres são ótimas para ativara produção deste hormônio em nós, homens . Eis aí a razão primeira do seu interesse pelo sexo feminino. O mero desejo sexual é secundário para o cafajeste.

        Portanto, é bastante comum que eles
        troquem de meio para a satisfação de sua necessidade constante de adrenalina,até porque eles se entediam de tudo com enorme facilidade, passando da obsessão por mulher para o vício em drogas e/ou jogo.

        Eles são, é claro, dotados de livre arbítrio como todos nós e o seu grau de
        canalhice/decência e de inteligência/burrice varia muito de um cafajeste padrão
        para o outro, assim como é conosco. É o vício em adrenalina que, no fim das contas, define quem ele realmente é.

        O cafajeste padrão é um trágico. Ele é destrutivo e autodestrutivo. Muito dificilmente ele será bem sucedido seja lá no que for, por mais talentos e oportunidades que tenha. O cafajeste padrão fracassa como filho e como pai e também como irmão e como marido.

        E o que esta patética criatura tem que o tornou um modelo a ser seguido?

        Tais seres têm o dom inato (porém não infalível) de detectar mulheres
        que sofrem de autoestima baixa e daí seduzi-las, usá-las e descartá-las, assim
        como têm a capacidade de atrair egomaníacas que acham que vão domá-los e
        exibi-los como troféus. E, como os dois tipos de mulheres citados são
        comuníssimos hoje em dia, eles têm feito a festa.

        É isto.”

        Trecho de um texto meu sobre este tema.

        • Franciele

          Não entendo como essa dedução do último comentário, com a qual concordo, retirando, no entanto, a idéia do fracasso generalizado, visto que, a maioria dos cafajestes que conheço usam ou usavam o fato de serem bem-sucedidos como mais um atrativo, poderia combinar com a indução recentida do primeiro comentário.
          Não conheço o marido da tua irmã, e inclusive acho que falar mal de cunhado é clichê demais para esta discussão, kkkk; quanto ao maníaco do parque, acredito que a atratividade dele se deva ao fato das mulheres acreditarem que podem mudá-lo, entretanto, não atribuo isto ao egocentrismo, mas ao machismo que ensinava as mulheres a aceitarem o que aparecesse e, como meio de sanar as previsíveis reclamações femininas sobre a forma como eram tratadas após o casamento, criou o clichês que o tempo e o amor poderiam transformar os trastes em maridos decentes.
          Essas premissas estão presentes no inconsciente coletivo e na educação das meninas, e embora não existam mais fatos análogos aos que citei, a forma de agir feminina ainda é muito condicionada por aqueles preceitos; podes observar quantas leitoras aqui do blog vem relatar que passaram anos ao lado de caras nada a ver com elas esperando que mudassem ou se ajustassem.

          • Marcelo

            Se eu falo mal de alguém, no caso do relacionamento fracassado da minha irmã, é dela e jamais do meu ex cunhado. A minha irmã sabia muito bem com quem lidava, mas como ela se julgava a própria Afrodite, achou que poderia consertar quem nasceu torto.

            Quanto ao fato de o cafajeste ser fadado a fracassar, afirmo isto com base nos muitos exemplos disto que presenciei ao longo da minha vida.

          • Marcel

            “acreditarem que podem mudá-lo, entretanto, não atribuo isto ao egocentrismo, mas ao machismo que ensinava as mulheres a aceitarem o que aparecesse e,”

            Oh Lord, tá facil hj em dia pra mulher né, mulher corre atrás de um serial killer e é culpa do machismo, as mulheres que correm atrás dele tem opção(aliás todo mundo tem, alguns mais restritos outros maiores), foram atrás dele, nem se pode dizer que ele apareceu e elas aceitaram.

          • Franciele

            Poucas ações são tão poderosas para desnaturar um texto quanto a cópia de trecho incompleto.

          • Marcel

            Se eu não quero contestar linha por linha vou pegar o trecho que quero contestar, onde que o trecho foi desnaturado? Vc não falou que mulheres que se interessam por um serial killer são vítimas de machismo que a fizeram acreditar que elas não tem escolha?

          • Franciele

            Tu desnaturou meu texto quando retirou de duas idéias encadeadas apenas uma que, sozinha, gera outra interpretação; após o trecho citado eu nunca escrevi que as mulheres não tiveram escolhas, mas que o machismo, além de as fazer aceitar o que aparece, ainda as convence que, mesmo que percebam que o cara não presta, podem mudá-lo com o tempo e pelo amor, e ainda aduzi que provavelmente esse é o fator de atratividade do maníaco do parque.
            Tudo bem tu não querer contestar linha por linha, mas precisa respeitar a linearidade das idéias, para não por palávras nos meus comentários que vão de encontro ao que de fato escrevi.

  • josè

    Se vc gosta de sofre volta com ele !
    Até hj nunca vi um cara com essas características mudar !
    Ele pode estar assim agora depois ele esquece e começa tudo de novo !
    Quem gosta de humilhar não perde esse defeito e pensa é dono de tudo e não reconhece que está errado .

  • Hadassa

    Olá amiga leitora a Lu e até agora todos os comentaristas estão certos e te aconselhar não voltar para esse seu ex marido ele é um abusador não te ama o sentimento que tem por você de posse te vê como um objeto e não como uma pessoa para amar e respeitar.
    Normal você está assim insegura porque romper um relacionamento abusivo para a vítima terrível emocionalmente destruída mais aconselho sumir do mapa não atente de telefona e se vc tiver redes sociais aconselho que sai porque não vai desistir fácil porque esse tipo de cara tem característica de manipulador.
    Aconselho assistir esse vídeo esse casal casados Angela e Nelson(Casal escolhi esperar tem canal no youtube) eles tem alguns anos de matrimônio e ajuda e aconselha tantas pessoas na área sentimental. Ano passado fizeram a série no canal deles amor inteligente só entrar lá playlist deles da série excelência emocional gravaram + 20 vídeos sobre tema ajudar desenvolver uma vida emocional mais saudável. bjs Boa sorte!!!!!

    Fez esse vídeo com esse tema aqui recomendo a todos assistir: “Romances Abusivos – Série Excelência Emocional – Eu Escolhi Esperar”

    https://www.youtube.com/watch?list=PLHzV-gXNk06wybDMGM0k1WpRIcJV67hMz&v=FIw69OL80Wo

    • Fica fazendo propaganda de outros blogs no site da Luiza, quanta deselegância.

      • Hadassa

        Para sua informação eu indiquei para Luiza esse vídeo ela mesma disse que uma leitora dela sou eu tinha indicado.

        • Franciele

          Hadassa, querida, na maioria das vezes que o Eros responde teus comentários, é com certo tom de ironia; se houvessem emoticons por aqui ficaria mais claro.
          Cada vez que tu indica algo e ele escreve assim, seja criticando ou parecendo aprovar, o que ele está tentando dizer é que pra ele essas indicações repetitivas já encheram o saco, rs, então não briga que tu acaba sendo motivo pra ele rir de ti.

          • Hadassa

            Vc acha que eu não percebo a ironia dele? Eu tbm sou irônica e sei dá minha picada e me defender quando vejo uma pessoa do tipo dele não estou nem aí se ele ri ou term raiva de mim. Tô nem aí para ele nossa nem durmo com essas alfinetadas dele aff. Obrigada pela sua preocupação Fran!!!!!

        • Papai do céu não gosta de malandragem, senhorita Hadassa.

  • Franciele

    Leitora, para não ser repetitiva, acrescento aos conselhos de não voltar com ele e cortar qualquer tipo de comunicação, reconduzir o foto da tua vida pra ti.
    Procure lembrar do que tu gosta de comer, de fazer, de ler; lembre quais sonhos tu pretende realizar e divida a meta em etapas menores e mais fáceis de serem concluidas; redescubra tuas crenças, religiosas ou não, inclusive no que respeita às próprias qualidades; enfim, reconstrua a si mesma independente dele, ou de qualquer situação exterior, porque isso te tornará mais forte para não voltar a passar por isso.

  • Stanley Lewis

    Faço minhas as palavras da Lu: “NÃO VOLTE NUNCA MAIS”

  • Tom

    ja vi casos , que nao consigo entender como pessoas podem ser vitimas de si mesmas , sim ! si mesmas , quando a pessoa nao te coloca um revolver , voce escolheu ficar ou voltar com alguem que te fez mau .
    Maltratando , xingando , cobrando , humilhando etc .
    Nao so mulheres , Homens tambem sofrem , acompanhei um amigo que a mulger alem de viver negando sexo , traiu e pediu separacao 1 vez , separarm depois o cara voltou , passou mais um ano denovo , da ultima vez chegou levar o cara na casa dos dois e ainda apresentou , depois ficaram um tempo nessa , na mesma casa , cara chegou ficar doente , ate que voltaram ..
    Eu ficaria. doente se tivesse que viver com quem ja me fez tao mau .. mas ele ta la ate hoje , o cara e em forma nao e feio , ela e feia gorda baixinha , uma rolha de poco ….
    Agora vai entender …
    Muitos de nos ja passamos pe na bunda , ja demos pe na bunda , ja tivemmos relacionamento pessimos .
    O que faz a difrenca e quem tem fibra , opiniao , orgulho e nao admite sofrer , e as que se acostumam a sofrer …nao importa se outro e rico rica lindo , linda ,gostoso ou gostosa .
    Ou se acha que nao achara ninguem ou sei la o que ..
    Nunca deve voltar , e ter seu orgulho e alto estima sempre …
    Nao aceitar menos do que alguem que te faca bem ., por horas dias meses ou anos , ou ate nao se enrolar , mas ter Paz ,
    Quando se tem Paz , pessoas se aproximam , pra ter Paz tem que ficar longe de quem tira a Paz .

    • nesse ano quero ver vc e o Samuel heim
      fala pra ele levar a esposa kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk (ainda acho q ele casou e por isso sumiu kk)