Eu o agrido quando ele não faz sexo – ou faz mal feito – comigo!

41

Leitora: Oi Luiza, eu tenho um padrão de comportamento que me incomoda muito. Sempre sinto que sou negligenciada em meus relacionamentos (principalmente sexualmente) e quando cobro, os homens falam que reclamo de barriga cheia. Acontece que, quando não tenho que quero, fico muito agressiva e acabo agredindo fisicamente. Tenho 32 anos e meu namorado 38, namoramos há um ano e já bati nele por ele não querer fazer sexo comigo, por que ele sempre parece que está sem vontade ou faz mal feito. A última vez bati nele, quebrei o computador dele e joguei a chave do carro dele no telhado do vizinho, porque ele não quer conversar comigo sobre minhas necessidades.

Não sei o que fazer para ser ouvida. Sou uma namorada dedicada e uma mulher respeitável, por que não consigo o respeito do homem que namoro? Terminamos e mesmo sabendo que é negligente comigo ele não faz nada pra mudar. Ah, ele é do tipo machão/valente não é frouxo não!!

Eu o agrido quando ele não faz sexo - ou faz mal feito - comigo!

“Não sei o que fazer para ser ouvida. Sou uma namorada dedicada e uma mulher respeitável, por que não consigo o respeito do homem que namoro?”

Amiga, é por essas e outras que tem gente que pensa que eu invento as perguntas desse site. Você só pode estar de “brinqueixon with nossa face”! 🙁 kkkk.

Como assim você agride, briga, xinga e ainda se pergunta por que não consegue o respeito dele? Ou pior, se acha uma mulher respeitável? Se você fosse como pensa que é, sabe o que você faria? Conversaria ou simplesmente abandonaria o cara e arrumaria outro!

Isso que você faz é tortura psicológica e isso promove – mesmo que inconscientemente – que ele faça cada vez mais mal feito contigo.

Não estou defendendo o seu boy, mas se coloque no lugar dele. Vamos supor que você é uma cozinheira, ok? Aí toda vez que você faz uma comida “não tão maravilhosa assim”, ao invés de conversar, ele te humilha e joga tudo no chão. Imaginou? Ok. Agora me responda:

1- O que você pensaria sobre ele?

2- E o que você acharia sobre o (des)prazer que é cozinhar para ele, visto que a qualquer momento ele poderia te humilhar?

Respeito não é algo que você impõe aos berros, mas sim algo que você conquista. Bem na classe e fazendo a fina, não sendo a barraqueira do quarteirão que jura que é uma mulher super elegante e justa, entende?

Não tá bom pra você? Afaste-se.

Não sei como foi seu passado, se seus pais te criaram em um padrão “militar”, mas pode ter certeza que, agindo assim, você não conseguirá nada dele que não seja ter medo de você + um relacionamento tóxico para os dois lados.

Nisso eu te pergunto: você quer que ele tenha medo de ti ou te ame? Se você quer a segunda opção, entenda que, primeiro, você não é obrigada a ficar com ele. Depois que você pode ajudá-lo a ter um noite de amor (ui que romântica! kkk) sendo muito mais delicada do que você está sendo. Na verdade, eu no seu lugar agradeceria por ele não broxar com uma mulher assim, porque sério, só de ler o jeito que você o trata, eu já broxei por ele kkkkk.

Considere também procurar ajuda psicológica. Você me pareceu orgulhosa demais para assumir que precisa muito disso, mas vai por mim, precisa. E ah, não se esqueça que você também não é perfeita em muitos aspectos e nem por isso as pessoas te agridem.

Leia sobre relacionamentos abusivos e não se espante se você ver muito de você nesses textos.

Beijos,

Lu

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.