Redimensione os seus problemas:

11

Daquele tipo de ser humano que eu adoraria ser amiga! Como a vida é simples e a gente complica, né? Sempre com muitos medos, muitos tabus e mais tudo aquilo que mal a alma.

PS: Meu pai me mandou, fiquei emocionada e resolvi compartilhar com vocês:

 

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Tá certo…
    Acordei bem devagar (acho que a cerveja de ontem não caiu bem ou caiu bem demais) mas esse vídeo deu uma “ligadinha”.
    É, em essência, o que dizem filosofias coma a budista: viver o tempo pressente.
    Mas a grande maioria das pessoas só alcançam este entendimento quando perde algo em definitivo. Temos a falsa sensação de que sempre haverá tempo pra tudo.
    Essa dica de se entregar àquilo que se mais gosta é bem acertada, pois uma reação, até inconsciente, é se segurar. O medo da perda faz isso.
    Um abração, Luiza, acabaste com a lerdeza que acordou comigo neste sábado.

    • Bom saber, cara de pedra, bom domingo procê !

  • Jps

    Muito bom o vídeo!

    E nossa, isso de comparar os problemas com a morte já tinha visto em outro lugar…sendo mais especificamente do Stevie Jobs, num discurso que ele deu em Harvard para os formandos, senão me engano, rs

    Deixa as coisas mais em perspectiva mesmo

    Acho que o arrependimento é um sentimento/sensação bem forte mesmo, sendo um dos piores se estivermos pensando de modo filosófico/espiritual e não material/físico. Eu digo porque, como ela mesma mencionou no vídeo, quando perdemos alguém antes de dizer alguma coisa, ou demonstrar como nos sentimento é péssimo. Podemos ficar com um “buraco” pelo resto da vida.

    Além disso, quando temos um lance bem especial com alguém, mas por causa do destino ou eventos externos nós separamos da pessoa. Isso acaba deixando uma sensação de não fechamento, e varias dúvidas do tipo……”Será que eu não batalhei o bastante na época”, ou “Será que essa pessoa que eu estou agora é certa e não aquela da minha infância?”

    Foda, rs

  • João

    Bonito exemplo assistindo o vídeo percebo só mais bicho do que gente =( tenho que melhora minhas atitudes mais e difícil lida com certos detalhes de sua própria natureza. Domingão Hora de um bom Churrasco.=P

  • Pensar nos meus 5 maiores problemas atuais e imaginar que morrerei segunda-feira que vem.
    Puxa vida mulher, depois de superar várias dificuldades hoje eu estou muito bem ( dinheiro não me preocupa, a saúde está boa, a família está em harmonia, os amigos estão sempre por perto ).
    Mas o que me preocupa é justamente imaginar algo que possa me surpreender e foi isso que você propôs.
    Agora estou preocupado, vai que eu leve um tiro durante essa semana kkkkkkk

    • Se a sua vida está ótima, é porque você está fazendo tudo que você pode. E se vc está fazendo tudo que você pode em todas as esferas da mesma e levar um tiro, não há do que se culpar e tá tudo bem. Afinal de contas, o vídeo fala sobre fazer a sua parte, não a parte que cabe ao mundo kkk

      • Engraçado que ontem recebi a revista “Super Interessante” com o título: “Como construir a sua felicidade”.
        Li e achei “interessante” alguns pontos e, mas percebi que logo depois q

        • Eu irei ao seu enterro, mas enquanto ele não acontece, não procure pelo em ovo e apenas agradeça e aproveite a vida boa. E claro, cuidado ao dirigir pq vc já disse que é vida loka kkkk

  • Mariana Cobra

    A única certeza que tenho é viver essa vida. O que vem depois é incerto, então pra quê ser infeliz?

    • Ah você deve ter outras certezas, tipo: “Não é possível respirar debaixo d´água sem aparelhamento”, “Não é fácil ganhar na Mega-Sena”, “O Eros é realmente um mestre”.

      • Mariana Cobra

        Quis dizer que não se tem ideia do que acontece após jogarem 7 palmos de terra em cima…depois que as canelas batem, sabe-se lá o que acontece!
        Vai lá respirar embaixo d’água e venha nos contar se haverá luz no fim do túnel, ou não kkkk