Será que ele nunca largará a esposa para ficar comigo?

11

Leitora: Olá, tenho 34 anos e há pouco mais de 2 anos me divorciei, nesse meio tempo encontrei um amigo, de 38 anos, que conhecia do Facebook. Nunca havíamos conversado, mas desde o dia em que nos encontramos nos demos muito bem e nunca mais nos desgrudamos. Nesse dia conversamos tanto que 3 horas pareceram 20 minutos, e num primeiro momento ele disse que também estava separado e sabia o que eu estava sentindo. Quando nos despedimos continuamos nossas conversas pelo Whatsapp e depois de uns dias ele me chamou para acompanhá-lo num trabalho (ele é autônomo) para eu distrair a minha cabeça, porque ainda estava na bad da separação. 

Relutei, não dei certeza se iria, afinal ele era um ‘desconhecido’ pra mim. Mas fui mesmo assim e ficamos, mas estava me sentindo ‘viva’, me sentido desejada depois da rasteira que tomei do meu ex (tá eu sei que era carência…). Os dias se passaram e ele soltou a ‘bomba’: me disse estava sim separado, morando com os pais, mas a ex não aceitava de jeito algum principalmente por causa da filha de 4 anos que eles têm juntos, ele é muito apegado à menina, que estava terminando de construir uma casa para tirar elas de onde elas estão. 

Resumindo, começamos a trabalhar juntos, mas venho desanimando, estou apaixonada, já tivemos essa conversa, ele disse que entende o que sinto, que queria poder andar de mãos dadas comigo, passar fins de semana… disse que é só questão de tempo para as coisas se resolverem… mas sei lá, não sei se foi trauma da separação, mas tenho minhas dúvidas… 

Se passaram 8 meses e tenho todo um discurso pra terminar, mas sempre acontece alguma coisa, agora mesmo, eu estava procurando emprego e ele me arrumou pra trabalhar com ele, mas tanto a minha vida quanto a dele estão um caos com tantas coisas para serem resolvidas… Sei que estou sendo a outra, a amante, a destruidora de lares, nunca foi minha intenção me envolver com um homem comprometido, ele mesmo já sugeriu que quando a situação dele estivesse resolvida ele me procuraria se eu tivesse disposta a continuar de onde paramos, mas sei que ele pode nunca se separar dela ou eu perder a oportunidade de encontrar um cara bacana e SOLTEIRO. Sei que posso estar sendo enganada por ele, mas se eu romper, até o trabalho que estou gostando tanto eu vou ter que abrir mão, porque não vou conseguir trabalhar gostando tanto dele. 

Eis a questão: espero pra ver no que dá ou mando ele pastar? Porque quem quer separar separa e não arruma desculpa. Agradeço a atenção.

Moça do relato vou tratá-la com a mesma cordialidade que utilizo diariamente com as minhas amigas: MAS QUE PORRA VOCÊ ESTÁ FAZENDO DA SUA VIDA?

34 anos no lombo e ainda é uma adolescente esperançosa, romântica e burra?

Ah não fia. Para um pouco e use a massa cinzenta do seu cérebro, por que carência tem limites e você ultrapassou TODOS eles!

Vou tentar ser didática para, quem sabe, você abra a mente e os olhos para as situações que estão escancaradas na tua fuça.

1- Ele não é e nunca foi seu amigo

Amigo do facebook? O cara estava caçando uma mulher bobinha para comer e achou. Sendo assim, nunca foi e nunca será seu amigo. Amigo é aquele ser que entra na sua vida para agregar, te fazer feliz, ser honesto, leal. Amigo é aquela pessoa que lhe diz as piores verdades e lhe mostra os melhores caminhos.

O Buda Sakyamuni disse: “Um bom amigo, que nos aponta os erros e as imperfeições e reprova o mal, deve ser respeitado como se nos tivesse revelado o segredo de um oculto tesouro”.

Continuando os dizeres dele: “um amigo insincero e mau é mais temível que um animal selvagem; a fera pode ferir-lhe o corpo, mas o mau amigo pode lhe ferir a mente”.

2- Ele é a raposa do galinheiro

Esse cara assumiu uma postura acolhedora, compreensiva e mostrou-se ser um ótimo ouvinte, criando o embuste perfeito para você. Contudo, com a maturidade que você deveria ter, poderia ter visto desde o início a cilada.

Não sei quais são seus critérios para elevar uma pessoa ao cargo de “amigo”, ou você está querendo passar a imagem de ingênua, moça indefesa que foi usada, enganada e ludibriada.

Isso não cola, não comigo. Ainda mais depois da frase que me fez rir muito: “depois de uns dias ele me chamou para acompanhá-lo num trabalho (ele é autônomo) para eu distrair a minha cabeça”. Sim, distraírem a cabaçona dele kkkkkkkk.

Depois de alguns DIAS ele vem e diz que é comprometido. Conta mil mentiras absurdas, mostra o quão infeliz e azarado foi no relacionamento passado (Oi? Passado que não é tão passado assim), relata como a ex é demoníaca e você “cai”.

Ele dar suporte à filha, ser um pai presente e oferecer tudo o que ele tem para prover uma vida digna a ela é louvável, MAS não é impeditivo para nada. Afinal, ele pode ser pai e SOLTEIRO. Dizer que é obrigado a viver num relacionamento péssimo, na sofrência e na miséria afetiva é só uma desculpa para ter o melhor de dois mundos.

Ele tem a família que o acolhe, você para o escape e uma foda diferenciada na semana.

Dizer que te entende e sabe que você está sofrendo por não poder andar de mãos dadas e viver um relacionamento normal até papagaio diz, mas MOSTRAR que se importa e resolver as situações? Sempre haverá uma desculpa e sempre haverá um problema a ser resolvido que fará você protelar até onde puder essa situação. E claro, é isso que ele quer. Adiar enquanto você está dando….

3- Problemas atraem problemas

A sua vida está um caos por que você gosta de drama. Talvez seja mais uma viciada em adrenalina. Talvez o caos lhe traga silêncio para a sua mente. Quando há problemas em cima de problemas e estamos no eterno estado de resolvedores de dramas, não temos tempo para PARAR e analisar as problemáticas mais profundas.

Analisar a fundo o que te levou a isso. Ver o quão baixa está sua autoestima. Ver o quanto estar sozinha lhe incomoda e como você não consegue viver somente com a própria companhia, preferindo juntar-se a um pilantra para justificar a própria vida. Ver o quão difícil é você olhar no espelho e superar o medo de ter 34 anos e estar sem ninguém.

Assim sendo, procure com urgência tratamento terapêutico, procure ajuda. Resolva seus problemas internos para que adquira habilidades necessárias para viver bem e feliz.

Ah, mas eu não tenho dinheiro! Amiga, tem tratamento psicológico pelo SUS, universidades que tem o curso de psicologia oferecem tratamento gratuito com alunos formandos e professores e mais outras tantas possibilidades.

4- “Espero para ver no que dá ou mando ele pastar?”

Amiga, o que lhe garante que você não será a próxima corna quando subir ao posto de oficial? Amante hoje, corna amanhã!

O seu “amigo” já deu mil provas que é mentiroso e em gente assim não podemos confiar. Ninguém muda da água pro vinho se não for por interesses próprio.

Ele conseguiu mantê-la como A OUTRA por 8 meses e não vai ter interesse em oficializar, quem quer faz e não coloca prazo para ser feliz. E te arrumar emprego é só mais um meio para mantê-la por perto e não correr o risco de que você conheça um HOMEM DE VERDADE.

De qualquer maneira, se ele gostar TANTO assim de você, vai correr atrás, mas isso só vai acontecer se a água bater na bunda dele.

No mais, dizer que gosta já demonstra que não é amor/paixão. Eu gosto de arroz pra caralho, mas posso viver sem tranquilamente. Goste dele, mas ame a si mesma em primeiríssimo lugar.

Por fim, mande-o pastar tendo a absoluta certeza que ele não está te enganando, É VOCÊ QUE SE ENGANA E SE ILUDE DIARIAMENTE. Pare de arrumar desculpas, procure outro emprego e tenha dignidade, maturidade e seja feliz.

Leia: Como esquecer seu amante e se livrar do apego a ele?

Instagram
Share.

About Author

Mari Cobra

Intolerante à lactose, bem cuzona, nunca disse que sou legal, tenho um coração grande e geralmente tomo na tarraqueta, geminiana e fodidamente indecisa. Apaixonada pela vida e falo muito palavrão.