Um vídeo que te prova que a felicidade mora em qualquer casa:

4

Olhem como está tudo interligado:

Esses dias um leitor queria porque queria me convencer sobre o quanto ele não tem nada para agradecer. Respondi que ele jamais me convenceria disso, pois eu acredito que até mesmo um morador de rua pode ter o que agradecer: basta que procure nos detalhes, no “invisível” – caso isso seja necessário.

Ok, vida que segue, até que conversando com uma amiga, ela disse que se sente muito bem quando assiste a esse vídeo. Pedi para que me mandasse, pois se gostasse, compartilharia com vocês também e eis que ele aqui chega.

Já aviso que não tem nada demais, mas tem tudo demais kkk. Adoraria ter uma aluna como essa! Apesar de que já tive alunos bem batalhadores também, quem sabe um dia compartilhe um vídeo meu sobre isso também.

Aviso: Talvez (ou seja, não é certeza), eu faça uma live nesse feriado. Assine o canal e ative as notificações (= o sininho), para caso ela aconteça, já chegue o aviso para vocês.

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Rodrigo Silva

    O segredo é fazer a felicidade virar uma rotina. Ótimo vídeo, Lu!

  • Vitor

    Felicidade é algo individual, cada um tem que descobrir a sua.
    É possível encontrar contentamento em coisas simples. Aliás se contentar com o pouco e banal é muito importante.
    Para a grande maioria das pessoas o muito e “extraordinário” é exceção, portanto o mais “normal” em suas vidas é o banal, portanto é fundamental conviver bem com isso.

    Não poderia terminar meu comentário sem fazer um elogio a Luiza:
    Que pernas bonitas você tem. Desculpe a objetividade mas suas pernas são lindas.

    • Desculpe a objetividade kkkkkkkkkkkkkk
      Eu tenho aprendido a viver melhor com o simples, é a melhor coisa. Sem contar q isso nos prepara para o grande tb

  • Puxou Cortou Raspou

    Didático.