Namoro com quem eu gosto ou com quem minha mãe quer?

11

Leitora: Ex é ex né? Sempre aparece em horas inesperadas. 

Bom, minha mãe não gosta do meu ex, porque na época em que estávamos juntos, ele não ia em casa (o que eu gosto), só que o problema não era ir casualmente em casa, e sim não ter ido pedir pra gente namorar e tal (somos de família bem tradicional mesmo).

Enfim, estava voltando do trabalho e ele topou comigo de moto quase chegando em casa. Minha mãe chegou do serviço bem na hora, nos viu conversando e não gostou nadinha. Pra piorar a situação, tem um carinha que conheci nos tempos da escola que é tipo “perfeito” pra mim, segundo minha mãe e sempre rola aquela “pressãozinha” pra assumir algo com o boy lá. Porém, sinto alguma coisa pelo outro e tô limitada a conversar com ele. O que fazer numa situação assim, preciso tomar uma atitude!

Eu tenho 19 anos e ele 24 anos.

Obrigada.. espero muito que me ajudem.

Primeiramente, fale pra sua mãe que namoro não é caridade pra você fazer só para agradá-la, não! Depois diga que, ao ter se casado com seu pai, ela bem deve saber que, se não for bem escolhido, é uma encrenca para a vida toda. Nisso a gente facilmente conclui que tem que ser, no mínimo, alguém que a gente ame, né? E mesmo assim com o risco de se arrepender depois.

Já em relação às considerações que ela fez a respeito do seu ex, cá pra nós que, independente dele ir ou não para a sua casa e você gostar ou não disso, no fundo você sabe se ele realmente gosta de ti. Nenhum ser humano é bobo e quando a gente realmente quer, nosso faro já aponta direitinho para os verdadeiros sentimentos do outro.

Com isso quero dizer que, se fora você gostar, você também sentir que é muito amada pelo seu ex, por que não voltar com ele? Porém, se você souber que mesmo ambos se gostando, no fundo sua mãe está certa quando diz que ele não é uma boa pessoa, é melhor segurar essa periquita e já ir cortando os laços logo – antes que você se arrependa mais lá na frente.

Ou você acha que adiantaria de algo super amar alguém que você sabe que também seria uma pedra em seu caminho?

Ouça os conselhos da sua mãe da mesma forma que você ouvirá os nossos aqui (ou até mais, a depender do jeito/racionalidade dela para esses assuntos). Depois, peneire tudo e lembre-se que se só você sabe a vida que leva, não adianta nada tentar se enganar hoje, para pagar a dívida em triplo amanhã.

Em outras palavras: antes sofrer por alguns meses do que sofrer ao lado da pessoa errada pela vida toda.

Boa sorte!

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.

  • Omagnífico

    “Better safe than sorry”

  • Rodrigo Silva

    Você já tem idade suficiente para namorar, e provavelmente já sabe identificar se o cara que você gosta vai te trazer problemas ou não. Se os motivos da sua mãe forem muito serios, ouça e aceite que são para o seu proprio bem. Agora, se você está com um cara que vale a pena, a solução
    e mostrar para a sua mãe que ele é gente boa.

    • Vc vai querer q sua filha peça a mão pra vc, ou de boas?

  • Franciele

    Leitora, se a tua mãe é tão apegada assim ao tradicionalismo, relembre a ela quantos casos tu conhecer que o rapaz fez tudo “certinho” e na hora de conviver com a namorada /esposa mostrou não merecer a confiança com que foi acolhido, pontuando que regras muito rígidas favorecem comportamentos hipócritas.
    Quanto ao teu ex, analise racionalmente se os problemas que vocês tiveram realmente cessaram, ou apenas deu saudade, porque acreditar que o tempo, por si só resolve algo é a maior mentira que nos contam sobre relacionamentos relacionamentos.
    Com relação à pressão da tua mãe sobre esse novo carinha, além do que disse a Lu sobre teu pai e ela, diga que se tu vocês não o conhecem tanto assim para ela afirmar de modo contundente que ele é “perfeito” pra ti e que, se não houver algo nele que te desperte interesse de saber mais, não há como ela te substituir no namoro, rs, e que aquela história que o tempo faz surgir o sentimento é o cúmulo do comodismo.

  • Anônimo

    o disqus não tá pegando em todos os posts

  • Stanley Lewis

    A sua felicidade vai depender de ficar com quem você gosta, não com quem sua mãe quer.

  • Logan Chigurg

    Eu ia responder aqui numa coisa que eu acho, pois nisso num tenho muita experiência nao, e claro que ninguém liga pro que eu falo tbm na maioria kkkk, especialmente a Cobra lá, mas o que a Luiza disse creio que cabe perfeito.

  • Logan Chigurg

    “Ouça os conselhos da sua mãe da mesma forma que você ouvirá os nossos aqui (ou até mais, a depender do jeito/racionalidade dela para esses assuntos)”

    Isso é um princípio bíblico! Honra teu pai e tua mãe!
    Ame o seu pai, mesmo se ele for um porco capitalista (Choraum)

    Pefeito. Temos que ser assim com pai e mãe, mesmo.

  • Se tem uma expressão que inexiste no meu vocabulário é a expressão EX.
    Se você utiliza ou já utilizou essa expressão, existe uma boa porção de fracasso dentro te ti.
    Como assim Eros, vejo tantas pessoas vivendo entre idas e vindas.
    Eu explico. Na vida dos vencedores não há espaço para dúvidas. Se você namorou ou casou com alguém e hoje está separado, essa pessoa ( o famoso EX ) deve ter a mesma relevância de um grão de areia no deserto.
    A vida é muito passageira e temos que tomar decisões firmes.
    Leitora, o que você sente por esse seu EX você pode sentir por outros milhões de homens.
    E outra, ele não está contigo e fica na espreita próximo da sua casa para conversar contigo? Isso não é um homem de verdade, está mais para um rato medroso e deve ser isso que sua mãe percebeu nele.
    Siga o seu caminho e coloque um pedra no passado.

  • Stanley Lewis

    Se você não gosta do cara que sua mãe “escolheu” pra você, e o cara que você gosta é um medroso que não bota nem o pé dentro da sua casa, não fique com nenhum deles.

  • M Holmes

    Fique com alguém que te respeite, ame reciprocadamente e queira fazer parte da sua vida.