Como dizer que eu sei que ela me trai, porém, que eu gosto disso?

28

Leitor: Tenho 32 anos e minha namorada 20. Namoramos faz uns seis meses: ela é um doce de pessoa, muito linda, com muitos amigos e tal. Enquanto ela é mais extrovertida, sou mais introvertido.

Descobri o fato através de conhecidos que viram ela numa festa cervejada com outro cara, de abraços e beijos. Depois, entraram no carro e saíram, segundo eles. Eu não ligo que ela vá sozinha em festas, acompanhada de amigas. Pois não curto ir em certo lugares.

Não quero magoar ela, bancando o detetive, mas fiquei com uma sensação de ciúmes por não ter visto a cena da traição. Se ela quiser me trair, precisa ser na minha frente.

Conto pra ela que descobri a traição e gostei ou conto indiretamente meu desejo de ver ela com outro? Pois esse desejo aflorou depois que descobri a traição, sendo bem sincero. Obrigado.

Como dizer que gosto que ela tenha outros homens

Gravei um vídeo sobre uma pergunta que o JP + outro leitor me fez esses dias que iria te ajudar muito a pensar nessa questão. Porém, enquanto ele ainda não vai ao ar, vamos conversar sobre esse seu caso em específico…

Olha também que engraçado, há uns dias atrás, postei um texto de uma leitora que queria experimentar outros homens e o resultado foi quase unânime: falaram que isso iria acabar com o relacionamento dela. Falaram que o homem dela iria necessariamente odiar a ideia. Falaram que ela poderia estar inclusive “trocando uma vida inteira por causa de uma noite”, enquanto na verdade, eu só pensava nos inúmeros homens como você que eu converso nos bastidores.

“Sim, eles poderiam estar certos. Mas e se o cara fosse como você”?

Pra você ver o quanto nossa cultura é poderosa: até quando a gente quer sair desse mundo quadradinho, a gente se sente mal kkkk.

Ao meu ver, não existe problema em ser como você é. Não existe problema em, tal como muitos homens, se excitar por ter “uma mulher livre” (é assim que eles geralmente a chamam pra mim). Porém, não deixe de considerar algumas hipóteses para não se dar mal nessa.

Infelizmente, muitas pessoas tendem a confundir o fetiche de ver a mulher/homem com outros, com sinônimo de você ser um burro/trouxa/que não merece respeito, ou até mesmo um promíscuo. E aí, meu amigo, a depender de como você conversar com sua mulher, ela poderá perder o respeito por ti.

Sendo assim, caso você opte por contar sobre seu fetiche, deixe bem claro que uma coisa é gostar de vê-la com outros homens. Outra coisa é ela confundir as demais áreas da vida de vocês, ao pensar que “ela é a dona da porra toda e você come um saco de merda por ela”. A não ser que você tenha fetiche nisso também kkk.

Deixe claro que, no fim, talvez você seja até mais bem resolvido do que ela. Ou que às vezes nem é questão de “bem resolvido ou não”, mas sim que você simplesmente sente prazer no fato. O que obviamente não significará “que você será submisso em tudo”.

Pode até parecer meio exagerado o que estou falando, mas é que já vi tantos casos de homens que foram vistos como “mais fracos” por agirem assim, que é realmente importante você pontuar bem as liberdades que você dará pra ela. Afinal de contas, não quero te ver triste ou frustrado depois.

Outra coisa é que, pelo o que entendi, você não só quer saber, como ver o ato. Só que assim…

Convenhamos que é bem mais fácil sua namorada aceitar apenas que você a deixe “dar umas escapulidas”, do que aceitar que você VEJA as travessuras dela. Isso se ela aceitar alguma coisa, claro. E, com todo o respeito, não for mais uma hipócrita que trai, mas se conversar sobre “relacionamento aberto”, meu Deus!!! É a maior ofensa e promiscuidade do mundo!

Não que você tenha dito isso, mas outra questão interessante de se pensar é que, não é porque sua namorada é extrovertida que ela irá topar ser “vigiada”. Ou até mesmo que queira fazer dessas puladas de cerca algo constante, “só porque você gosta delas”.

No fim, o que importa é o famoso clichê de ambos serem felizes dentro do relacionamento. Se você acha que só será realmente feliz quando finalmente compartilhar desse seu desejo com ela, compartilhe da melhor maneira possível. Como resultado, ou a cumplicidade de vocês irá a mil, ou ela irá negar, ou até mesmo te desrespeitar de vez.

Depois de ter feito a sua parte, é pagar pra ver o resto. E claro, se achar que não é tão simples quanto parece, me procure.

Boa sorte,

Lu

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.