Me apaixonei pelo meu Sugar Daddy

3

Vale a pena investir em um relacionamento com ele?

Leitora: “Oi Luiza, sou uma mulher de 19 anos de idade, estudante de nutrição, moro com minha mãe e estou vivendo um relacionamento “sugar” com um homem de 43 anos.

Nosso relacionamento é de forma que nos encontramos dentro da disponibilidade dele para romance, passeios, viagens, mas sem um compromisso de fidelidade entre nós. Além disso, ele me paga uma mesada que me permite pagar a faculdade e despesas como aluguel, roupas, alimentação, etc.

É importante mencionar que mamãe sabe desse relacionamento, concorda e apoia.

No começo desse relacionamento eu tive outros namorados, ficantes, sexo casual com outros homens, mas aos poucos fui gostando dele, passei a amá-lo e acabei me apaixonando fortemente.

Hoje em dia ele é o único homem de minha vida, para o qual dedico toda a minha atenção.

Eu sinto que ele também gosta de mim, mas creio que, devido à essa mesada que ele me dá e ao fato dele saber que tive outros homens no começo do nosso relacionamento enquanto também ficava com ele, faz com que ele fique sem jeito de assumir um compromisso mais sério comigo.

O problema é que tenho medo que ele se assuste, que pense que sou interesseira e desfaça nosso relacionamento.

Mamãe me diz para eu perder a esperança, que ele só quer a situação presente de pagar mesada para ter uma mulher jovem sempre à disposição dele, mas ele é tão romântico e tão atencioso comigo que tenho certeza que ele também está apaixonado.

Então Luiza, você acha que eu deveria abrir o jogo com ele e dizer que estou apaixonada para que iniciemos um relacionamento sólido?

Obrigada.”

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.