Um dia ele me ama no outro não.

27

Leitora: Tinha um namorado que foi morar em outro estado. Lá eu descobri que ele gostava muito de sair e beber, mesmo que não fizesse nada que me desrespeitasse. Porém, isso me magoava as vezes. Eu sempre fui muito impulsiva e chegava a ser grosseira com ele muitas vezes, mesmo sendo carinhosa, dando atenção e tentando deixá-lo bem. Terminamos. Quando conversamos cara a cara ele me disse que não gostava mais tanto de mim, que o sentimento se desgastou, que não sentia vontade de me ligar nem tinha mais emoção ao me ver, disse que queria ficar sozinho, sem compromisso e sem dar satisfações da vida a ninguém. Só senti uma culpa terrível porque um dia antes de terminar ele disse que me amava, dizia que eu era a vida dele. Meu problema é que eu ainda gosto muito dele e passo muitas horas do dia me sentindo culpada pelo término da relação pois enquanto estávamos juntos eu era a pessoa mais feliz do mundo. Não quero me prender a ideia de que um dia possa dar certo, talvez daqui a anos, sei lá, mas isso tem me consumido agora e sempre me deixa pra baixo. Algum conselho?


      Como assim ele diz em um dia que te ama e no outro que não ama mais? De duas uma: ou ele é inconstante, ou falou isso só para te assustar. Seja como for, se ele que terminou dizendo já não te amar tanto, não o procure nem ligue para ele (pelo menos não por enquanto). Deixe ele pensar, sentir sua falta e ver o que ele realmente quer para a vida dele. Se ele realmente gostar de você, vai acabar percebendo a mancada que deu e vai ir atrás e, se não for, paciência.
        É importante que você não espere nada dele, muito menos que ele corra atrás de você, pelo simples fato de que, fora gerar ansiedade e expectativa, nunca se sabe quando ele te procurará, né? Já pensou ele só te procura daqui há alguns meses ou nunca te procura? ninguém merece, né? De fato vocês podem se entender no futuro… ou não! Não espere pelo futuro porque o presente é o que você tem ao seu alcance agora e não dá para ficar esperando feito boba coisas que talvez nunca acontecerão.
         Procure também não se culpar tanto por possíveis falhas suas. Com certeza você errou em algo, mas com certeza ele também errou e isso não é parâmetro para se culpar pelo simples fato de que todos nós somos humanos e, por isso, erramos. Ele já errou muitas vezes e nem por isso você terminou, então, não é por isso que ele teria que terminar com você, né? Acho mais fácil aceitar que o amor pode simplesmente acabar, ou então precisar de férias, do que pensar que a culpa foi de fulano ou de ciclano. 
      Naturalmente que você pode avaliar possíveis erros seus para não repeti-los em relacionamentos futuros (ou nesse em caso de retorno), assim como você pode analisar os erros dele e resolver aceitar (ou não) que eles se repitam em outros pretendentes, o que não dá é para ficar vivendo de passado. Bola pra frente e tenha muita paciência porque ansiedade não te trará nem esse e nem homem nenhum de volta. Só te deixará com a saúde mental e física instabilizada,  e aí ficará cada vez mais difícil se amar e encontrar alguém que te ame!

Boa sorte e sempre se lembre daquela frase que diz que temos que deixar o que amamos livre porque se for nosso de verdade voltará! e, se não for, o mundo com certeza te trará algo de seu!
Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.