Ela já teve vários parceiros sexuais e alega não me amar na mesma intensidade!

91

Leitor: Tenho uma namorada que tem 27 anos e eu tenho 31 anos. Eu já fui casado, conheci minha ex muito cedo, de forma que tive realmente pouquíssimas parceiras sexuais. Sou do tipo romântico, fiel, do tipo que se entrega, que cuida muito para que ela seja feliz ao meu lado.

Já ela, após os 18 anos, teve literalmente DEZENAS de parceiros sexuais. Ela foi daquele tipo que marcava, conhecia, iam direto para motéis e tudo mais e às vezes na próxima semana outro, depois outro, sempre assim.

Ela me parece muito sincera e direta, (o que precisa ser, para contar esse tipo de coisa), assim como já disse que, se não estivesse comigo, estaria ainda no sexo totalmente casual. Isso foi até nos conhecermos. Devo dizer que isso me incomoda muito obviamente, assim como o fato de que mesmo me incomodando, eu realmente gosto muito dela. Ela diz gostar de mim, embora não na mesma intensidade, mas que espera me amar um dia. Também sei que, mesmo assim, não há muita “entrega” da parte dela, nem muito esforço, assim como já precisei “contornar” situações onde numa discussão, mesmo errada, ela terminaria comigo se eu deixasse.

Mesmo assim eu realmente gostaria de ter um futuro com ela. Gostaria de poder confiar que passado é passado e que podemos mesmo ter algo maior. E acredito nela quando ela diz que também gostaria.

Minha duvida é, será que não estou me entregando a uma relação “furada”, algo que já pode estar fadado ao fracasso e que sou eu quem está teimando em continuar?

Ela já teve vários parceiros sexuais e alega não me amar na mesma intensidade!

“Ela diz gostar de mim, embora não na mesma intensidade, mas que espera me amar um dia. Também sei que mesmo assim, não há muita “entrega” da parte dela, nem muito esforço, assim como já precisei “contornar” situações onde numa discussão, mesmo errada, ela terminaria comigo se eu deixasse.”

Amigo, qual parte você não entendeu a respeito de que você é o cara que ela gostaria de amar, mas não ama?

Por isso que fico brava com vocês homens (rs). Note que você é um sério candidato a ser mais um desses revoltados, que mais cedo ou mais tarde, sofrerá e virá aqui no site – ou no seu círculo social – e falará que nenhuma mulher presta, que mulher só gosta de quem não dá valor a ele e que “bonzinhos só se fodem e mimimi”.

Nisso, me responda com sinceridade:

Não seria uma coisa trouxa você se entregar demais a uma mulher que, fora não ter nada a ver com o seu perfil, ainda deixa claro que TALVEZ um dia goste mais de você? E que obviamente não pode te garantir nada e que talvez (provavelmente) nunca aconteça?

Perceba que nesse caso em específico, o maior problema não é nem se ela já deu para um ou pra mil, mas sim que ela simplesmente não te ama, não se entrega e só te acha um cara gente boa? No caso, a pepeka assada foi só um detalhe extra ao bolo das suas – NÃO – exigências pessoais que ela cumpre perfeitamente. Sem contar que, se você é romântico, tá nessa por que mesmo? Não que os opostos não se atraiam, mas no caso, acho que já tá acima do limite do oposto, rs. E aí deixa de ser complementar e vira atrito, concorda comigo?

Pare de acumular problemas e pense:

1- Independentemente do que eu ou os leitores pensamos sobre mulheres que já deram pra geral, VOCÊ se incomoda com isso, e aí, você teria que procurar uma terapia para superar, não apenas UMA postagem em um site. Veja as regras para consultas e perguntas, ou se achar que é preciso, procure um psicólogo mesmo. Só entenda que, ao que tudo indica, você não tirará o passado dela da cabeça sozinho. E se fosse capaz, já teria tirado, concorda?

2- Ela é sincera? É! Mas e daí? Mais uma vez: ela não gosta de você o bastante! Ou agora sinceridade é pré-requisito pra ficar com alguém que você gosta só porque a pessoa foi sincera ao falar que nem gosta tanto assim de você? Sem contar que sabe-se lá se ela não é tãooooo sincera assim justamente por ainda não estar devidamente apegada à você, e por isso “não tem nada a perder ao falar umas na sua cara” (ainda mais sabendo que você é de boas com tudo e aceita). Porém e de qualquer forma, entenda que abacates podem dar certo com bananas, desde que AMBOS estejam dispostos a isso, mas né? Não precisa repetir.

3- Se você faz tudo, não tem por que a outra pessoa mudar em algo. Quem tá xonado é você, quem aceita tudo é você, ou seja, quem se f*** é você. Pra ela tá bem de boas só esperar o tempo passar, enquanto você se enforca tentando ser o cara perfeito…

E note que ela tá certa ao fazer e dizer o que sente. Sem contar que o corpo é dela, ela é livre e mais tudo aquilo que você já sabe, e que você aceita se quiser. Daí a gente conclui que talvez, e apenas talvez, o errado seja você, que espera por um milagre de quem não tá muito afim de ser sua santa. Pense no óbvio de que é mais fácil mudar você, do que as outras pessoas. Então, bora se tocar e procurar por alguém que nos ame ao menos parecido com o que a gente ama? Bora ser feliz? E se não der pra ser feliz, procure outra que você não precise fazer um investimento tão alto e tão a longo prazo assim!

Boa sorte!

Assista ao vídeo que fiz falando sobre Bonzinhos X Cafajestes

Veja também uma dica rápida para esquecer alguém. Acho que vai precisar, rs.

Instagram
Share.

About Author

Luiza Costa

Brasiliense morando em Curitiba. Escritora, blogueira, youtuber. Espero te encontrar todos os dias nas redes sociais pra que possamos debater os mais variados temas e crescermos juntos.