Conto ou não conto que ela é corna e a amante é a minha mulher?

23

Leitora: Olá! Tenho 30 anos e fui casada 6 anos com uma mulher de 47. Nos dávamos super bem até começarmos a ter amizade com outro casal lésbico. Essas mulheres começaram a frequentar nossa casa e chegaram a ficar 15 dias, elas são de outra cidade.

Algum tempo depois, minha ex pediu um tempo alegando estar estressada e que precisava pensar na vida, achei estranho e disse que a mesma estava apaixonada por uma dessas amigas que era minha melhor amiga. Ela negou e disse que eu estava ficando louca. Agora, descobri que as duas estão mesmo tendo um caso e esse foi o motivo da minha separação. Minha ex-amiga continua casada e frequenta com a mulher a casa da amante, postam fotos nas redes sociais e ficam posando de boas samaritanas.

Minha dúvida é: conto pra mulher dela que as duas têm um caso? A mulher da minha ex-amiga era minha amiga também!

Conto ou não conto que ela é corna e a amante é a minha mulher?

Essas amigas tuas hein, tão mais pra inimigas!

Todas as vezes que escuto alguém falar dos amigos, como são bons, como são os melhores, como se amam e tals, eu faço essa cara:

E sabe por quê?

Por que amizades verdadeiras, desinteressadas, leais e honestas são tão raras quanto encontrar cem reais perdido no bolso da calça num mês de pindura.

Por isso, fica a lição pra você e para os leitores: não abra a sua casa, a sua vida, a sua privacidade para qualquer um.

Então, aquela música que diz “entra na minha casa, entra na minha vida, mexe com a minha estruturaaaaa, salva todas as feridas” só serve pra Jesus mesmo. De resto, tenha sempre em mente que as pessoas tendem mais a subtrair do que agregar, ainda mais quando você permite que o seu lar se transforme em hospedagem!

Aí fica a dica para a perguntadora e leitores: como descobrir que a amizade é verdadeira?

1 – Obtenha sucesso profissional ou pessoal. Se a pessoa ficar do seu lado e demonstrar estar feliz porque você está feliz, agarra, porque essa amizade é das boas!

2 – Peça ajuda num momento de necessidade. Se a pessoa se prontificar a ajudar, agarra, mas não muito, pois muita gente valida a própria miséria afetiva usando a régua do infortúnio alheio.

3 – Pare de oferecer coisas ou benéfices. Se a pessoa curtir somente a sua companhia e não aquilo o que você oferecia, é um grande indício que a amizade pode ser das boas.

Nesse sentido, estou pensando aqui o quão difícil foi descobrir que abristes a tua casa pra essa larápia furazoio, com toda a hospitalidade e depois descobrir que a best friend e a Ex foram MUITO sacanas.

Por um lado foi bom, pois te mostrou a verdadeira face da falsidade e te livrou de um embuste traiçoeiro. Assim como, a sua ex não foi de um todo péssima, pois não permaneceu na trairagem e teve “coragem” de sair de cena e, desta forma, você tem a chance de encontrar alguém que lhe queira e respeite. Por outro lado, não existe uma situação na qual seja legal ser enganada, ainda mais debaixo do seu próprio teto.

Assim sendo, não darei conselhos amenos e não vou ser da turma do “deixa disso”, mas falarei o que realmente EU faria.

EU não hesitaria em dizer pra tua amiga que a mulher dela está de caso com a sua EX, mas tentaria apresentar algum tipo de prova a ela.

Acho que essa pilantragem não pode sair impune, ainda mais que a sua amiga ainda está de vítima dessas duas traidoras.

Contudo, esteja preparada para frustrações, pois pode acontecer dessa sua amiga ser convencida de que na verdade você está com dor de cotovelo e inconformada com o término.

Portanto, depois de jogar a merda no ventilador, siga com a sua vida e seja feliz, pois a felicidade é a melhor vingança que há.

Instagram
Share.

About Author

Mari Cobra

Colaboradora do Pergunte a uma Mulher. Intolerante à lactose, bem cuzona, nunca disse que sou legal, tenho um coração grande e geralmente tomo na tarraqueta, geminiana e fodidamente indecisa. Apaixonada pela vida e falo muito palavrão.